Desenvolvimento psicossocial na infância

23.174 visualizações

Publicada em

Trabalho realizado no âmbito da unidade curricular Psicossociologia

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
23.174
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
171
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
292
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Desenvolvimento psicossocial na infância

  1. 1. O Mundo não vive sem eles!<br />
  2. 2. Campus Universitário de Viseu<br />Escola Superior de Educação Jean Piaget<br />Desenvolvimento <br />Psicossocial<br />na Infância<br />Unidade Curricular: Psicossociologia do desenvolvimento e aprendizagem: epigénese e ciclos de vida <br />Orientador: Dr. Jacinto Jardim<br />2007/2008 <br />
  3. 3. Desenvolvimento<br />Na 1ª Infância<br /> Na 2ª Infância<br /> No período pré-escolar<br /> No período escolar<br />
  4. 4. Desenvolvimento na 1ª infância<br />IDADE (meses) CARACTERÍSTICAS<br />0 – 3 Os bebés estão abertos à estimulação. Começam a revelar interesse e curiosidade e sorriem facilmente às pessoas.<br />3 – 6 Os bebés são capazes de antecipar o que vai acontecer. Eles sorriem, vocalizam e riem com frequência. É um período de despertar social e de trocas recíprocas . <br />6 – 9 Os bebés envolvem-se em “jogos sociais” e tentam obter respostas das outras pessoas. Exprimem emoções diferenciadas, revelando alegria, medo, raiva e surpresa.<br />9 – 12 Comunicam mais claramente as suas emoções, revelando estados de humor, ambivalência e gradações de emoções. <br />
  5. 5. Desenvolvimento na 2ª infância<br />IDADE (meses) CARACTERÍSTICAS<br />12 – 18 As crianças exploram o seu ambiente, utilizando as pessoas as quais estão vinculadas como base segura. À medida que dominam o ambiente, tornam-se mais confiantes e mais ambiciosas de se afirmarem.<br />18 – 36 Algumas vezes as crianças ficam ansiosas porque compreendem agora quando têm de se separar da mãe. Elas tomam consciência das suas limitações. <br />
  6. 6. Desenvolvimento na 2ª infância<br />DESENVOLVIMENTO DO SELF<br />Auto-reconhecimento físico e auto-consciência.<br />Auto-descrição e auto-avaliação.<br />Resposta emocional ao comportamento errado.<br />
  7. 7. Desenvolvimento na 2ª infância<br />EM CONTACTO…<br />Os irmãos influenciam-se uns aos outros quer positivamente quer negativamente logo desde muito cedo.<br />As acções e as atitudes dos pais afectam as relações entre irmãos.<br />A aproximação com outras crianças afecta o desenvolvimento cognitivo e psicossocial. <br />
  8. 8. Desenvolvimento no período pré-escolar<br />DESENVOLVIMENTO DO SELF<br />O auto-conceito está para além da interiorização feita pela criança das suas características físicas.<br />Na auto-definição a criança tende a mencionar comportamentos concretos e observáveis e a descrever-se de acordo com os seus interesse e dos familiares. <br />Apresenta espírito critico em relação a si própria e por isso os pais têm um papel importante na auto-estima.<br />
  9. 9. Desenvolvimento no período pré-escolar<br />RELAÇÕES COM OS OUTROS<br />Os irmãos tendem a resolver as “guerrinhas” na base dos princípios morais embora não sejam os mesmos que os dos pais.<br />As diferenças do género emergem precocemente.<br />O tipo de relação que tem com os irmãos influencia a relação com os amigos e vice-versa<br />
  10. 10. Desenvolvimento no período escolar<br />DESENVOLVIMENTO DO SELF<br />O desenvolvimento cognitivo neste período permite uma evolução do auto-conceito, pois as crianças já possuem sistemas representacionais.<br />A auto-estima faz com que a criança seja mais realista, mais equilibrada, mais compreensiva.<br />Adaptam-se facilmente à mudança, toleram a frustração, lutam pelos seusobjectivos e conseguem lidar com as criticas. <br />
  11. 11. Desenvolvimento no período escolar<br />GRUPOS DE PARES<br />Ajuda as crianças a desenvolver competências sociais, permitindo-lhes testar a adoptar valores independentes dos pais.<br />No entanto podem levar à conformidade e ao preconceito<br />A popularidade influencia a o estado emocional e comportamental das crianças, sendo por isso necessário que elas se integrem nos grupos. <br />
  12. 12. Ana Isabel Estima Costa<br />

×