Pena de morte

2.603 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.603
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
73
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pena de morte

  1. 1. Pena de Morte<br />Recusá-las aos criminosos é faltar com a caridade e desconhecer a misericórdia de Deus; julgá-las inúteis, quando um homem haja praticado tal ou tal erro, fora prejulgar a justiça do Altíssimo. (O Evangelho Segundo o Espiritismo,Cap. XI, n° 14.)<br />
  2. 2. Prece<br /> <br />Senhor, Deus de misericórdia, não repilas esse criminoso que acaba de deixar a Terra. A justiça dos homens o castigou, mas não o isentou da tua, se o remorso não lhe penetrou o coração.<br /> <br />Tira-lhe dos olhos a venda que lhe oculta a gravidade de suas faltas. Possa o seu arrependimento merecer de ti acolhimento benévolo e abrandar os sofrimentos de sua alma! Possam também as nossas preces e a intercessão dos bons Espíritos levar-lhe esperança e consolação; inspirar-lhe o desejo de reparar suas ações más numa nova existência e dar-lhe forças para não sucumbir nas novas lutas em que se empenhar!<br /> <br />Senhor, tem piedade dele!<br /> <br /> <br /> <br />Prece contida na obra “O Evangelho Segundo o Espiritismo”<br />
  3. 3. Punição – Conceito e objetivos:<br />É claro que a pena é adequada a época e a evolução de cada povo.<br />E hoje, está intimamente ligada a ideia de se fazer justiça. Separando os maus dos bons.<br />Sem perceber,que a mera separação não possibilita a reeducação para a futura reinserção na sociedade.<br />
  4. 4. A pena de morte no mundo<br />
  5. 5. A visão Cristã da pena de morte:<br />Jesus quando esteve entre nós foi chamado a dar sua opinião sobre o tema:<br />“Aquele que estiver livre de pecados que atire a primeira pedra...”<br />
  6. 6. Visão espírita<br />“O Livro dos Espíritos“ na questão 760, Kardec pergunta se um dia desaparecerá da legislação humana a Pena de Morte, e os espíritos respondem que: "Incontestavelmente ela desaparecerá, e isso assinalará o progresso da humanidade, e isso se dará numa época ainda muito distante de nós, quando os homens não precisarem mais serem julgados pelos próprios homens".<br />Na questão 761, ele pergunta se a Lei de Conservação, dando ao homem o direito de preservar a própria vida, "também não dá ao homem o direito de eliminar um elemento perigoso da sociedade?" E os espíritos respondem: Que há outros meios de ele se preservar do perigo, que não matando e que é preciso abrir, e não fechar ao criminoso, a porta ao arrependimento.<br />Pergunta 764: (... )"Jesus também não nos disse: 'Perdoai os vossos inimigos' e não nos ensinou a pedir perdão a Deus por nossas ofensas como houvermos perdoado a do nosso próximo?" <br />O item termina com a pergunta sobre a pena de morte imposta em nome de Deus, e os espíritos nos respondem que: "É tomar o homem o lugar de Deus na distribuição da justiça", e finaliza dizendo: "A pena de morte é um crime quando aplicada em nome de Deus, e os que a impõem, se sobrecarregam de outros tantos assassínios. <br />
  7. 7. Pensando sobre a pena de morte...<br />O que na realidade podemos tirar de lição com a proibição, por Deus, da pena de morte?<br />Qual seria o comportamento desejado diante de uma falta alheia, ou própria?<br />
  8. 8. Perdão<br />Mas, muito mais do que isso, é acreditar na mudança, no crescimento, na evolução...<br />
  9. 9. É a habilidade de sermos misericordiosos e concedermos uma segunda chance!<br />
  10. 10. Segunda chance!!!!!!!!<br />E, quem nunca precisou ou precisará de uma segunda chance?<br />
  11. 11. Todos precisamos de alguém que acredite em nós! Que podemos mudar e sermos melhores!<br />

×