Apresentação1

3.357 visualizações

Publicada em

Apresentação da minha monografia.

Publicada em: Educação
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.357
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação1

  1. 1. UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA-UNEB<br />DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO-CAMPUS VII<br />SENHOR DO BONFIM-BA<br />PEDAGOGIA 2006.1<br />OS CONTOS DE FADAS NA FORMAÇÃO DO LEITOR NA EDUCAÇÃO INFANTIL DA ESCOLA CENTRO DE EDUCAÇÃO SEMENTINHA DO FUTURO<br />Por: Amanda Feitosa de Freitas<br />Senhor do Bonfim – BA<br />2011<br />
  2. 2. INTRODUÇÃO<br />[...] A sala de aula precisa ser um ambiente de interação, capaz de promover de forma mais eficiente possível a aprendizagem da leitura.<br />
  3. 3. CAPÍTULO I<br />Em muitos lugares por onde passamos no decorrer da nossa vida acadêmica vimos que essas histórias tornam-se apenas um instrumento para cobrir horas vagas, sem caráter pedagógico nenhum. Isso nos fez questionar sobre a forma como o professor traz as histórias e contos para o cotidiano da sala de aula e como elas podem ser um instrumento de aprendizagem da leitura.<br />
  4. 4. Os professores de Educação Infantil da Escola Centro de Educação Sementinha do Futuro têm os Contos de Fadas como instrumento pedagógico no processo de formação do leitor? <br />
  5. 5. Tendo como principal objetivo identificar se os professores da referida escola fazem uso do Conto de fadas como instrumento capaz de incentivar os alunos no processo de formação do leitor. <br />
  6. 6. CAPÍTULO II<br />Palavras-chave:<br />Contos de Fadas: BETTELHEIM (1980), Abramovich (1995),AMARILHA (1997) <br />Leitura: Silva (1985), Garcia (1992), Zilberman (1993), COELHO (2000)<br />Educação Infantil: AGUIAR (2001), KRAMER (1992), TUNES (2006) <br />Prática Docente: Ostetto (2001), Basso (1998), Zabala (1998) <br />
  7. 7. CAPÍTULO III<br />PROCEDIMENTOS METODOLOGICOS<br />A pesquisa qualitativa permite o contato direto entre o pesquisador, o ambiente e situação investigada, através do trabalho de campo, proporcionando um relacionamento mais longo e flexível entre o pesquisador e o objeto pesquisado<br />
  8. 8. Instrumentos de Coleta de Dados<br />Observação Participante<br />Questionário Fechado<br />Questionário Aberto<br />
  9. 9. CAPÍTULO IV<br />ANÁLISE E INTERPRETAÇÃO DOS DADOS<br />Perfil dos sujeitos<br />?<br />?<br />?<br />?<br />?<br />?<br />
  10. 10. Que tipo de literatura você utiliza com maior freqüência na sala de aula?<br />“Conto de Fadas” (P1)<br />“Contos Clássicos, modernos e fábulas” (P3)<br />“Os Contos de Fadas” (P5)<br />
  11. 11. Você costuma trabalhar com Contos de Fadas? Porque?<br />“Sim, porque são histórias que elas mais gostam.” (P2)<br />“Também. Por que meus alunos gostam e eu também além de despertar a fantasia e imaginação.” (P3)<br />
  12. 12. Você acredita que os Contos de Fadas podem ajudar no processo de formação do leitor na Educação Infantil? Por que?<br />“Sim, por que através das histórias a criança vai sendo despertada para o gosto pela leitura e pela curiosidade de ler outras histórias.” (P3)<br />“Sim, por que o conto é a primeira forma de literatura que as crianças tem contato e por ser prazerosa faz com que a criança tenha vontade de aprender a ler.” (P4)<br />
  13. 13. Você utiliza algum recurso para contar as histórias? Qual?<br />“Fantoche, avental, dramatização. Rodinha.” (P3)<br />“Sim. Utilizo objetos, fantoches, fantoches confeccionados, brinquedos...” (P4)<br />
  14. 14. Você utiliza alguma metodologia ou projeto que venha a utilizar os Contos com o intuito de formar leitores? Explique.<br />“Não fiz projeto de leitura com eles, pois são muito pequeninos.” (P4)<br />“Não apenas conto as histórias.” (P5)<br />
  15. 15. CONSIDERAÇÕES FINAIS<br />Diante de todas as questões que foram levantadas às professoras, percebemos que apesar de não serem leitores em sua essência, em sala de aula elas admitem que a leitura e contação dos Contos de Fadas são importantes sim, e que fazem o uso deles em sala de aula.<br />
  16. 16. CONSIDERAÇÕES FINAIS<br />Os resultados apontam que a forma com que elas trazem os Contos para a sala de aula, com estratégias diferentes para atrair a atenção do aluno nos faz acreditar que mesmo inconsciente, elas vem incentivando e atraindo os alunos às histórias e não só ao imaginário e maravilhoso, mas também vem despertando os alunos a gostarem do que está no livro.<br />
  17. 17. CONSIDERAÇÕES FINAIS<br />Assim, todas as discussões acerca dessas ações docentes envolvem profissionais e vimos que a maioria deles já estão buscando formação no curso de Pedagogia, isso mostra que esses profissionais vêm buscando capacitação e isso nos faz acreditar que no futuro teremos mais leitores “felizes para sempre”.<br />

×