Os produtos do Algarve Laranja Alfarroba Amêndoa Cortiça
Laranja
<ul><li>A  laranja  pode ser encontrada em grandes quantidades no Algarve. </li></ul><ul><li>O  sabor  da laranja varia do...
Alfarroba
<ul><li>A alfarroba é o fruto da alfarrobeira. Esta planta foi levada pelos árabes para o Norte de África, Espanha e Portu...
Amêndoa
<ul><li>A amêndoa, que vemos como um tipo de fruto seco, é tecnicamente a semente do fruto da amendoeira, uma árvore glori...
Cortiça
<ul><li>Cortiça é um material de origem vegetal da casca dos sobreiros, com grande poder isolante. </li></ul><ul><li>A pri...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Os Produtos do Algarve

626 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
626
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os Produtos do Algarve

  1. 1. Os produtos do Algarve Laranja Alfarroba Amêndoa Cortiça
  2. 2. Laranja
  3. 3. <ul><li>A laranja pode ser encontrada em grandes quantidades no Algarve. </li></ul><ul><li>O sabor da laranja varia do doce ao levemente ácido. Podemos ou comer a fruta descascada ou espremida em sumo. </li></ul><ul><li>A laranja é particularmente rica em vitamina C e em pectina , que é importante na regulação dos valores de colesterol. A vitamina C é uma das principais &quot;armas&quot; anti-oxidantes. </li></ul><ul><li>A quantidade de 100ml de sumo fresco de laranja fornece, em média, a dose recomendada de vitamina C para os adolescentes. </li></ul><ul><li>A laranja algarvia aufere ainda de notáveis propriedades, decorrentes do facto de ser sempre consumida como produto fresco e da época, e de ser proveniente duma região bastante exposta ao Sol, o que lhe confere uma maior riqueza em vitamina C. </li></ul>
  4. 4. Alfarroba
  5. 5. <ul><li>A alfarroba é o fruto da alfarrobeira. Esta planta foi levada pelos árabes para o Norte de África, Espanha e Portugal. Trata-se, pois, de mais um elemento do património legado pelos árabes. Do fruto da alfarrobeira tudo pode ser aproveitado, embora a sua excelência esteja ainda ligada à semente, donde é extraída a goma, que tem uma elevada qualidade como espessante, estabilizante, emulsionante e múltiplas utilizações na indústria alimentar, farmacêutica, têxtil e cosmética. A farinha de alfarroba é a fracção obtida pela trituração e posterior torrefacção da polpa da vagem. </li></ul>
  6. 6. Amêndoa
  7. 7. <ul><li>A amêndoa, que vemos como um tipo de fruto seco, é tecnicamente a semente do fruto da amendoeira, uma árvore gloriosa de tamanho médio com pequenas flores rosa e brancas. A semente do fruto da amendoeira é aquilo a que nos referimos como amêndoa. As amêndoas são de cor creme, cobertas por uma pele fina e envolvidas numa casca dura. </li></ul><ul><li>As amêndoas são classificadas em duas categorias: doces e amargas. As amêndoas doces são a variedade comestível. </li></ul><ul><li>As amêndoas amargas são usadas para fazer óleo de amêndoa que é utilizado como agente de condimento para alimentos e licores. Não são comestíveis pois contêm naturalmente substâncias tóxicas como o ácido hidrociânico. Estes componentes são removidos quando se fabrica o óleo de amêndoas. </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  8. 8. Cortiça
  9. 9. <ul><li>Cortiça é um material de origem vegetal da casca dos sobreiros, com grande poder isolante. </li></ul><ul><li>A primeira extracção da cortiça ocorre, normalmente, quando a árvore atinge entre 25 a 30 anos, sendo que a extracção ocorre nos meses de Junho a Agosto. Essa cortiça, por vezes com espessura considerável, recebe o nome de virgem e distingue-se substancialmente da cortiça de reprodução extraída nos períodos seguintes: é designada por secundeira na segunda tiragem e por amadia nas tiragens ou extracções subsequentes. A cortiça amadia é a de maior qualidade, sendo por isso a mais valorizada, e a única que pode ser utilizada para o fabrico de rolhas. A partir desta fase, a cortiça é extraída a cada nove anos. </li></ul><ul><li>Actualmente, a cortiça é uma matéria-prima nobre cuja utilização se estende a variadas utilizações como sejam os revestimentos de solos, os isolamentos (térmicos e acústicos), os componentes para calçado e para a indústria automóvel. </li></ul><ul><li>Portugal, com uma área de 730 mil hectares de montado de sobro, é responsável por mais de 50% da produção mundial de cortiça. </li></ul>

×