O HipopóTamo e a Tartaruga , HistóRia Real.

3.994 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.994
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O HipopóTamo e a Tartaruga , HistóRia Real.

  1. 1.    Esta é uma história real que nos mostra … que não importam muito as diferenças quando necessitamos do apoio do outro.
  2. 2. NAIROBI (AFP) - Um hipopótamo bebê que sobreviveu às ondas do Tsunami, na costa do Kenya, criou um vínculo afetivo com uma tartaruga gigante e centenária, em um lugar para animais do porto da cidade de Mombassa. O hipopótamo, chamado Owen que pesa cerca de 300 Kg, foi  arrastado do Rio Sabaki até o Oceano Índico, sendo jogado na praia onde as ondas do Tsunami golpearam a costa do Kenya em 26 de dezembro, antes que a equipe de salvamento de animais silvestres conseguissem lhe resgatar.
  3. 3. O Hipopótamo, com menos de um ano de idade, adotou a tartaruga com aproximadamente 100 anos de idade. A tartaruga parece estar muito feliz no papel de “mãe”, disse à AFP a ecologista Paula Kahumbu, responsável pelo Parque Lafarge.
  4. 4. Nadam, comem e dormem juntos" acrescentou a ecologista. “O Hipopótamo segue a tartaruga exatamente da forma que faria com sua mãe. Se alguém se aproxima da tartaruga, o hipopótamo se mostra agressivo, como se estivesse protegendo sua mãe biológica" acrescentou Kahumbu.
  5. 12. “ A vida não é medida pelo número de respirações que damos, mas sim pelos momentos que nos fazem prender a respiração"
  6. 13. “ Enxergar além das diferenças do outro e encontrar a maneira de trilharem juntos o caminho“. Todos podemos aprender uma lição com estas duas criaturas de Deus:
  7. 14. Salve a Terra. É o único planeta com Chocolate!
  8. 15. “ Muitas coisas na vida não podem ser explicadas, somente presenciadas.”                                        Doutora Rachel Naomi Remen
  9. 16. FIM

×