Deriva Genetica

6.451 visualizações

Publicada em

Fatores que a alteram a frequência genética ao longo das gerações em uma população.

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.451
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
85
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Deriva Genetica

  1. 1. Universidade Estadual do Maranhão Centro de Estudos Superiores de Caxias Departamento de Química e Biologia Disciplina: Biologia Evolutiva Caxias/Ma 2014 Alessandra Vidigal Hilda Raianne Anderson Felipe Maiara Sousa Jessica Vale Laiane Jancielly Cândida Jaine Thiara Lopes
  2. 2. Fatores que influenciam a frequência alélica População Agrupamento de individuos Mesma área geográfica
  3. 3. • As populações são caracterizadas sobre dois pontos de vista: Ecológico Genética Interações entre indivíduos Estratégias adaptativas • Cada população apresenta determinado conjunto gênico que pode ser alterado de acordo fatores evolutivos.
  4. 4. • Fatores evolutivos podem ser reunidos em duas categorias: Fatores que tendem a aumentar a variabilidade genética da população Fatores que atuam sobre a variabilidade já estabelecida Mutação /Permutação Migração /Deriva genética e Seleção Natural • Esses fatores são os que alteram o conhecido principio de Hardy-Weinberg;
  5. 5. A Deriva Genética • Considerado por muitos pesquisadores um dos mecanismos mais importantes da evolução; • É um mecanismo micro-evolutivo que modifica aleatoriamente as frequências alélicas ao longo tempo; Extinção Fixação
  6. 6. • Ex. população com 10 indivíduos com os genótipos: 3 AA 10 indivíduos com alelo A 4 Aa 10 indivíduos com alelo a 3 aa A= O,5 a= O,5 A= 0,8 A= 0,2 • É um efeito ocasionado pelo puro acaso, uma flutuação estatística na frequência de genes de uma população;
  7. 7. • A deriva termina quando um alelo eventualmente fique fixado; • A deriva tem um efeito maior quanto menor for o tamanho da população; Frequências alélicas N= 10 N= 100 Frequências alélicas Gerações Gerações
  8. 8.  Efeito de Gargalo • Variação genética reduzida da população original. • Uma amostra não aleatória dos genes na população original.
  9. 9. Efeito de Gargalo
  10. 10. População de Elefantes marinhos 20 indivíduos Efeito Gargalo = 30.000 indivíduos
  11. 11.  Endogamia Cruzamento entre parentes, endocruzamento, consanguinidade. • Extremo => Auto-fecundação (em várias espécies de plantas) • Número de heterozigotos diminui e de homozigotos aumenta. Isto é observado por uma homozigose maior do que esperada de acordo com a EHW.
  12. 12. • De grande importância para a evolução das populações, podendo levar: redução no sucesso reprodutivo sobrevivência da prole (Depressão endogâmica) • A depressão endogâmica se dá pela expressão de alelos deletérios recessivos cujos fenótipos aparecem com a homozigose.
  13. 13.  Efeito Fundador • Ocorre quando um alelo se fixa , por efeito desta oscilação genética aleatória, numa pequena população. • Isto deve-se à presença, na população isolada, de indivíduos portadores de uma fracção da diversidade genética da população original.
  14. 14. Representação gráfica do Efeito Fundador
  15. 15. Efeito Fundador, Gargalo de Garrafa e Tamanho Efetivo da População Representação gráfica do Efeito Fundador e do efeito Gargalo de Garrafa: 1. O efeito fundador está relacionado com o processo de colonização; 2. O gargalo de garrafa está relacionado com a redução de tamanho de uma única população que anteriormente era grande.
  16. 16. Uma consequência da deriva: A coalescência • Neste caso, a genealogia dos genes que se encontram na população atual coalesce de volta a um único ancestral. “Eva mitocondrial” Vírus da AIDS
  17. 17. Obrigado!!!

×