O mundo e algumas definições 
filosóficas
Cosmos 
 Trata-se da ideia de existir “universos 
ordenados”, ou seja cada objeto possui 
seu centro e seu próprio univer...
Mecanismo 
 Issac Newton foi o pioneiro desse 
movimento. Ele usava da matemática 
para comprovar como as coisas eram, 
u...
Monismo, Dualismo e 
Pluralismo 
 Monista: acredita que tudo pode ser 
simplificado (reduzido), e também que todas 
as es...
Materialismo e Idealismo 
 Essas são duas ideias que se contrapõem, 
enquanto o materialismo procura explicar 
todos os f...
Realismo 
 Procura se explicar o que acontece e 
existe através daquilo que é real e 
comprovado. 
 “Tudo que é real é r...
Componentes: 
Ana Vitória Vicineski 
Lelícia M. T. Troian 
Oelinton de Araujo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O mundo e algumas definições filosóficas

305 visualizações

Publicada em

Trabalho sobre concepções de mundo e cosmologia de Lelícia, Ana Vitória e Oelinton da turma 16TP

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
305
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
169
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O mundo e algumas definições filosóficas

  1. 1. O mundo e algumas definições filosóficas
  2. 2. Cosmos  Trata-se da ideia de existir “universos ordenados”, ou seja cada objeto possui seu centro e seu próprio universo. Aterra é um exemplo. Filósofos gregos como Aristóteles explicavam que a terra tinha determinada esfera, enquanto as estrelas, habitadas pelos deuses, possuíam uma esfera maior. Observe que desse modo o universo dos humanos e dos deuses não entram em conflito. Esse é um dos motivos pelos quais a Igreja Católica adotou a mesma teoria posteriormente.
  3. 3. Mecanismo  Issac Newton foi o pioneiro desse movimento. Ele usava da matemática para comprovar como as coisas eram, utilizando também da experimentação. Desse modo o mundo virou uma grande maquina, trabalhando com a observação e a elaboração de hipóteses e experiências para confirmá-las.
  4. 4. Monismo, Dualismo e Pluralismo  Monista: acredita que tudo pode ser simplificado (reduzido), e também que todas as esferas estão interligadas por um mesmo principio.  Dualista: existem dois princípios, mas um não deve se contra por ao outro. (yin e yang)  Pluralista: as várias maneiras de entender o que acontece no universo.  Os primeiros pensadores acreditavam no monismo, pois tinham um principio único pra o universo.  Platão foi o primeiro a acreditam no dualismo, ele acreditava no mundo sensível (real) e inteligível (imaginário).
  5. 5. Materialismo e Idealismo  Essas são duas ideias que se contrapõem, enquanto o materialismo procura explicar todos os fenômenos através do que pode ser visto, ou sentido, como o vento. Em suma, tudo o que é matéria, que tem átomos. Não se acredita em nada abstrato, como espíritos.  Já o idealismo acredita que nada ocorre em vão e tudo tem como origem uma coisa maior, assim como tudo ocorre para que essa coisa maior prevaleça. Também é chamado de espiritualismo. Um exemplo é a ideia de carma.
  6. 6. Realismo  Procura se explicar o que acontece e existe através daquilo que é real e comprovado.  “Tudo que é real é racional, tudo que é racional é real” Friedrich Hegel.
  7. 7. Componentes: Ana Vitória Vicineski Lelícia M. T. Troian Oelinton de Araujo

×