Artigo - estudo sobre a adesão, frequência e vantagens dos moocs

2.293 visualizações

Publicada em

Temática I da UC: Modelos de Educação a Distância do Mestrado em Pedagogia do eLearning

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.293
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
159
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
92
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Artigo - estudo sobre a adesão, frequência e vantagens dos moocs

  1. 1. ESTUDO SOBRE A ADESÃO, FREQUÊNCIA E VANTAGENS DOS MOOCS Adelaide Dias ResumoOs Massive Open Online Course surgiram em 2008 e são cursos gratuitos, ministrados namodalidade online e acedidos por um grande número de participantes. Como principaisvantagens de um Massive Open Online Course, pode-se apontar o facto da responsabilidadepelo ensino ser distribuída por todos e não somente pelo professor. O aluno pode escolher, oque quer e quando aprender e quais as atividades e ferramentas que quer participar. Estes,também possibilitam uma educação online interativa e colaborativa. Os Massive Open OnlineCourse, são frequentados maioritariamente por estudantes universitários mas qualquerpessoa se pode inscrever e frequentá-los. O estudo realizado mostra que os Massive OpenOnline Course ainda se estão a implementar no ensino a distância, mas quem já frequentoualgum pretende voltar a participar e quem ainda não teve a oportunidade de participar emnenhum mostrou-se entusiasmado em fazê-lo.Palavras-chave: cMOOCs, xMOOCs, Web 2.0, online, aprendizagem AbstractThe Massive Open Online Course emerged in 2008 and are free courses, offered in the formonline and accessed by a large number of participants. As main advantages of a Massive OpenOnline Course can point out the fact that the responsibility for education to be distributed byeveryone and not just the teacher. The student can choose what they want and when theylearn and what activities you want to participate and tools. These also enable an interactiveand collaborative online education. The Massive Open Online Course, are frequented mostlyby college students but anyone can register and attend them. The study shows that theMassive Open Online Course still are implementing in distance learning, but anyone who hasattended wants to return to participate and who have not had the opportunity to participatein any showed up excited to do it.Keywords: cMOOCs, xMOOCs, Web 2.0, online learning
  2. 2. MOOC - ORIGEM, CARACTERÍSTICAS E VANTAGENSO artigo descreve a, ainda, curta história dos MOOCs (Massive Open Online Course),define-os no contexto mais amplo da evolução da tecnologia educacional e deaprendizagem a distância e aponta a suas principais vantagens. Este artigo mostra umavisão a favor dos MOOCs e, apresenta conclusões chegadas através de um pequeno erelâmpago estudo sobre as vantagens dos Massive Open Online Course e saber quemsão as pessoas que mais aderem a esta modalidade de ensino. Responderam a estequestionário, que esteve online apenas um dia, 21 pessoas com idade compreendidasentre os 21 e mais de 60.Origem dos MOOCsOs MOOC tiveram origem em 2008 por Dave Cormier e Bryan Alexander, mas foi nofinal de 2008, que George Siemens e Stephen Downes ofereceram o que ficoudesignado como o primeiro MOOC chamado, Connectivism and Connective Knowledgeque contou com 2.300 participantes. Este MOOC abordou a Aplicação doConectivismo. Foram feitos vários estudos sobre a realização do MOOC, o que correubem, o que poderia ser melhorado, onde analisaram a experiência do ponto de vistados participantes e por fim recomendou que se escolha com cuidado as interfaces demodo a serem funcionais e com usabilidade, descrevam os objetivos pedagógicos decada ferramenta oferecida e esclareçam que os alunos podem escolher as ferramentasque preferem utilizar. Depois destes estudos, vários formam os MOOCs ministradoscom datas de 2010, 2011 e 2012, sendo os mais falados, Digital Storylling em 2011 com1200 participantes e baseado em atividades/tarefas e Introduction to Al, também em2011 com 160.000 participantes, destacando a abordagem pedagógica Behaviourista/Cognitivista. Atualmente os MOOCs são distinguidos por dois tipos, os cMOOC e oxMOOC, sendo o primeiro mais direcionado ao conectivismo e o segundo vai deencontro às aulas presenciais.
  3. 3. Características dos MOOCsO MOOC é um curso online gratuito, onde qualquer pessoa pode participar, é deacesso aberto, uma vez que podem participar de um MOOC mesmo que não estejammatriculados em nenhuma escola, são gratuitos e sem pré-requisitos paraparticipação, não existe número mínimo nem máximo de participantes e sãoministrados através das diversas plataformas da Web 2.0 e das redes sociais. Oobjetivo dos Massive Open Online Course é o espírito de colaboração pois nestescursos são partilhados alguns conteúdos já disponíveis gratuitamente na web, mas amaioria são produzidos, alterados e partilhados pelos próprios participantes durante ocurso, com recurso a blogues, fóruns de discussão, materiais audiovisuais, entre outrosformatos. Nos Massive Open Online Course existe uma grande interação por parte dosalunos pois são os próprios que escolhem o que pretendem aprender, comunicam comparticipantes que tenham interesses comuns e organizam a sua própria aprendizagem.Os Massive Open Online Course possibilitam uma aprendizagem online interativa,colaborativa, gratuita e universal. Os cMOOCs e os xMOOCs têm característicasdestintas, pois em cada um deles o método de trabalho/ ensino é diferente. O quandoseguinte mostra as características de cada um. Tabela 1 – cMOOC e xMOOC cMOOC xMOOC Fragmentação Interação/ cooperação Participação periférica Sociabilidade Motivação Pouca transparência/ abertura Competência técnica Os conteúdos e a avaliação estão centrado no professor Tabela 2 – Diferenças entre os cMOOC e xMOOC cMOOC xMOOC O Participante Procura informação e partilha-a Os participantes pode contribuir com com os restantes participantes materiais e trocam ideias entre eles. Os materiais do São partilhados entre os É fornecido pelo professor curso participantes O Professor Direciona, auxilia e orienta a Fornece os materiais de apoio e aprendizagem dos participantes direciona as discussões
  4. 4. Vantagens dos MOOCsSão várias as vantagens encontradas sobre os MOOCs e a participação deles. Das quaisdestaco o facto da responsabilidade pelo ensino ser distribuída por todos, nãosomente pelo professor, boa organização na estrutura e objetivo da aprendizagem, oaluno pode escolher, o quê e quando quer aprender e em que atividades eferramentas quer participar, possibilita uma educação online interativa e colaborativa.Segundo o Professor António Dias de Figueiredo (2012), existem diversas vantagensnos cMOOC, de inspiração conectivista, e são elas:“ São exploratórios. O desenvolvimento dos cMOOCs segue um percurso exploratório,de ciclos de tentativa-erro-reflexão, mais próximo das práticas do design do que dasdas ciências tradicionais. Em ambientes sociais complexos, imprevisíveis e orgânicoscomo os que caracterizam os nossos dias, esse tipo de abordagem ofereceoportunidades de emergência e criatividade colectiva que seriam impossíveis deconseguir com abordagens hierárquicas tradicionais.São disruptivos. A exploração dos cMOOCs na periferia dos sistemas conservadoresvigentes, e o impacto mediático que têm vindo a atrair, conferem-lhes elevadopotencial disruptivo. Uma inovação é disruptiva quando nasce à margem dosmercados ou sistemas sociais tradicionais e se afirma pela conquista gradual declientes ou de utentes que toleram as suas imperfeições iniciais e contribuem para asua superação. É exemplo de inovações disruptiva o computador pessoal, que nasceucomo brinquedo para crianças e famílias e que, em cerca de vinte anos, evoluiu aoponto de eliminar dos mercados os computadores profissionais. Outro exemplo é aInternet, que nasceu como mera rede para cientistas, com falhas e anomaliasfrequentes, e se transformou em poucos anos na mais poderosa rede (de redes) domundo.São desconstrutivos. A desconstrução, um conceito da análise literária, é hoje tambémentendida, em sentido mais genérico, como prática intelectual. Desconstruir é pôr emcausa as ideias instaladas e assim concluir sobre se ainda são válidas ou se devem serrenovadas. A desconstrução contém o embrião do futuro, na medida em que, naausência de reflexão crítica sobre as ideias dominantes, o futuro será igual ao passado.
  5. 5. Num meio como a educação, onde quase não existe o hábito de questionar as grandesideias instaladas, os cMOOCs têm o mérito de o fazerem.São incubadores. Os cMOOCs são espaços experimentais vivos, onde podem ser postasà prova as mais variadas ideias sobre práticas pedagógicas, métodos de avaliação daaprendizagem e, mesmo, abordagens para a exploração do potencial da inteligênciacolectiva na educação. Permitem, assim, incubar novas práticas, fazê-las evoluir econsolidá-las, até que possam ser transpostas para os contextos tradicionais.São contextuais. Os próprios cMOOCs são contextos de aprendizagem, co-construídos eadaptados por quem está a aprender. Ajustam-se, assim, às visões que há muitodefendo da primazia dos contextos sobre os conteúdos nos processos de aprendizagem.O mesmo não acontece com os xMOOCs, que são predominantemente centrados sobreos conteúdos.”Estudo sobre os MOOCsFoi elaborado um pequeno estudo, com auxílio a um questionário online, ondequalquer pessoa podia responder. O objetivo deste questionário é saber quem são aspessoas que já frequentaram ou pretendem frequentar MOOCs e o que apontam, deuma lista de critérios, como vantagens dos MOOCs. O questionário encontrou-seonline apenas um dia e obtive 21 colaborações, sendo destas, Catorze do sexoFeminino e sete do sexo Masculino. Gráfico 1 – Sexo dos entrevistados
  6. 6. A escolaridade dos membros do questionário compreendia-se entre Ensino Básico,Ensino Secundário, Licenciatura e Mestrado, tendo havido um maior número deLicenciados a responder. Gráfico 2 – Escolaridade dos entrevistadosEm relação à faixa etária dos entrevistados, compreendia-se entre os 21 e os 40, tendohavido uma pequena maioria com idades entre os 31 e os 40. Gráfico 3 – Faixa Etária dos entrevistadosDepois desta pequena apresentação dos entrevistados, a primeira pergunta doquestionário era: O que significa a sigla MOOC? Dos 21 entrevistados 11 responderamacertadamente. Sete dos entrevistados não reponderam a esta pergunta ou disseramque não sabiam, os restantes 3 apesar de não responderem o que realmente significa asigla, sabem o que é pois dois responderam “Curso Online” e um respondeu “Ensino adistância”.
  7. 7. A segunda pergunta pedia que respondessem se já tinha frequentado algum curso ouformação online onde 57% respondeu que sim. Gráfico 4 – Já fez algum curso ou formação Online?Na terceira pergunta quis saber se já tinham frequentado algum MOOC, o que percebique apenas 4 pessoas das 12 que já frequentaram cursos ou formação onlineexperimentaram especificamente a experiencia de um MOOC. Gráfico 5 – Já participou em algum MOOC?A quarta pergunta era respondida somente por quem respondeu sim na anterior equeria saber quais os aspetos positivos que apontavam na participação de um MOOC.As respostas basearam-se na questão de ser um evento à escala mundial, comespecialistas nas áreas, partilha de ideias e cada um acompanhar o curso ao seu ritmo.Na quinta pergunta, O que o levou ou poderá levar a participar num MOOC?, podiamescolher mais do que uma opção, tendo assim havido muita gente dividida entre o serGratuito, abranger uma escala mundial e a curiosidade. Na opção, outro, encontramos
  8. 8. respostas como, desenvolvimento pessoal, adquiri novos conhecimentos e interessenum determinado assunto. Gráfico 6 – O que o levou ou poderá levar a participar num MOOC?Na pergunta seis tinham de apontar o que para eles era vantagem ou desvantagem naparticipação de um MOOC, sendo que a maioria estava de acordo em todas elas àexceção do tópico “Domínio básico de informática, de Inglês e do uso de ferramentasdistribuídas na rede”, onde estão bastante divididos e 52% aponta como vantagem e48% como desvantagem. Sendo assim os entrevistando apontaram como vantagens osseguinte tópicos: Gráfico 7 – Vantagens dos MOOC?
  9. 9. Na pergunta sete tinham e dizer se se tivesse a possibilidade de ter a primeira ou outraexperiência num MOOC, se participavam. Não obtive respostas negativas, masencontram-se divididos entre o sim e o talvez. Das pessoas que já frequentaram umMOOC, apenas um respondeu talvez e oito que nunca participaram em nenhum MOOCgostavam de ter essa experiência. Gráfico 7 – Participava num MOOC?Para finalizar o questionário, tinham de apontar o grau de interesse em participar ousaber mais sobre os MOOC, e os participantes mostraram algum interesse sobre otema. Gráfico 8 – Interesse em participar num MOOC?
  10. 10. Conclui com este pequeno estudo, que os MOOCs são uma mais-valia para todos nós.Apesar de hoje em dia, os seus participantes serem maioritariamente licenciados ouestudantes universitários, mas uma vez que qualquer pessoa os pode frequentarmesmo que não esteja ligado a nenhum estabelecimento de ensino, tudo indica queesta situação se altere pois várias pessoas demostraram grande interesse. As principaisvantagens apontadas pelos entrevistados foram: A responsabilidade pelo ensino édistribuída por todos, não somente pelo professor; Estrutura e objetivos deaprendizagem; O aluno escolhe, o quê e quando quer aprender e em que atividades eferramentas quer participar; Possibilita uma educação online interativa e colaborativa.Para além das vantagens apontadas no questionário, destaco o facto de ser umaatividade gratuita, cada um trabalha ao seu ritmo e consoante as suas necessidades, éde fácil acesso pois basta um computador e ligação à internet. Vários são osparticipantes em cada MOOC, logo vários os temas e experiências abordadas, assimpodemos adquirir vários conhecimentos durante a participação no MOOC ou explorare aperfeiçoar somente um tema.Hoje em dia, cada vez mais, as pessoas estão a aderir e a ficar rendidas ao ensino adistância, logo, porque não aproveitar? Temos nos MOOCs uma forma de fazer umaatividade online, aprender e sem despesas. Se pretende uma atividade mais autónomaescolha um MOOC conectivista designado por cMOOC, se pretende uma atividademais auxiliada por um professor escolha um xMOOC, qualquer um deles merece anossa dedicação e participação pois vários são os conhecimentos e aprendizagenstransmitidas e adquiridas durante a participação nos MOOCs.
  11. 11. REFERÊNCIASMattar, João e Simões, Paulo (10/10/2012). Canal do MOOC EaD, o primeiro MOOC em língua portuguesa. [Vídeos do YouTube] Retirado de http://www.youtube.com/user/mooceadMattar, João e Simões, Paulo (07/12/2012). Comunidade MOOC EaD. [Aplicação Google Plus] Retirado de https://plus.google.com/u/0/communities/108618805778512050319Mattar, João (24/03/2012). MOOC. [Blogue]. Retirado de http://joaomattar.com/blog/2012/03/24/mooc/Vieira, Pablo (12/11/2012). O que é um MOOC?. [Blogue]. Retirado de http://blog.povieira.com/2012/11/o-que-e-um-mooc.htmlVaidhyanathan, Silva (06/07/2012). What´s the Matter With MOOCs?. [Blogue]. Retirado de http://chronicle.com/blogs/innovations/whats-the-matter-with- moocsBates, Tony (05/08/2012). What’s right and what’s wrong about Coursera-style MOOCs. [Site online] Retirado de http://www.tonybates.ca/2012/08/05/whats-right-and-whats-wrong-about- coursera-style-moocs/Gomez, Maria Teresa (12/03/2011). Qué es un MOOC. [Vídeo YouTube]. Retirado de http://www.youtube.com/watch?NR=1&v=_vNWI2Ta0Kk&feature=endscreen %29Figueiredo, António (25/10/2012). Moocs – Virtudes e Limitações. [Blogue]. Retirado de http://moocead.blogspot.pt/2012/10/moocs-virtudes-e-limitacoes.html

×