O Segredo dos Sites que Vendem

94 visualizações

Publicada em

Descubra de maneira simples como transformar o site da sua empresa no seu melhor Vendedor!

Publicada em: Marketing
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
94
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Segredo dos Sites que Vendem

  1. 1. O SEU SITE PRECISA SER FÁCIL DE USAR! 1 O princípio básico de um website é que o cliente deve ser capaz de entender sua página, saber o que contém nela e como ele deverá usar sem ter que se esforçar muito para chegar ao que procura. Sua página na web deve ser intuitiva, lógica e evidente por si só. Então, como criar um site onde meu cliente não precise pensar muito? Na construção do seu site, pense em um site para pessoas totalmente leigas em internet. Isso mesmo! Imagine aquele seu tio distante que mora no interior acessando e precisando navegar no seu site, o quão simples precisa ser para que ele possa entender. Quando você tem um site onde seu cliente não precisa pensar muito, ele sabe exatamente o que fazer: só de olhar já vai saber onde estão as categorias de produtos, onde está o endereço, onde clicar para entrar em contato, etc.
  2. 2. O SEU SITE PRECISA SER FÁCIL DE USAR! 2 Se o seu site for complicado e faz o cliente pensar muito, tudo que ele pensar vem em perguntas: O que acontece se eu clicar aqui? Que palavra é essa? O que isso significa? Será que é aqui que eu devo clicar? Quando você cria um site você deve se livrar dessas perguntas! Não coloque muitas perguntas e obstáculos para seu cliente, pois ele poderá gastar muito tempo pensando no que tem que fazer e certamente vai abandonar o seu site. Aí já era venda, clientes novos e futuras indicações! Não sugue a energia, o tempo e o entusiasmo do cliente. Você precisa atingir o timing de venda deste cliente e precisa que ele compre ou preencha o formulário. Ninguém quer comprar nada, não torne esta tarefa ainda mais difícil. Notas sobre o texto: Não quer dizer que todas as páginas do seu site devem ser simples e evidentes. Às vezes, dependendo do produto ou do projeto, principalmente se for algo pioneiro, as pessoas ainda não se familiarizaram com isso então não tem como ser evidente. A solução é ter uma página autoexplicativa, não precisa ser evidente, mas pelo menos mostre como fazer.
  3. 3. TODA REVISTA DE SUCESSO TEM CHAMADAS ATRAENTES. E O SEU SITE, TEM? 3 A grande verdade que não queremos admitir é que: Sabe aquele texto institucional da empresa que você fez com carinho contando toda sua história? E o que falar das descrições enormes de serviços? Então, a verdade é que a maioria dos seus clientes não lê e nem presta atenção em todo o texto. Nós não lemos as páginas, só passamos o olho, e o que vai nos chamar a atenção principalmente são os títulos e as frases em negrito. Por isso a importância de pensar bem em como você vai distribuir isso no seu site. A explicação para isso é que geralmente estamos com pressa e ansiosos para acabar com a procura. Utilizamos a internet justamente para economizar tempo e por isso as listas impressas, jornais e outras mídias estão em desuso. Nós não temos mais tempo para ficar folheando e procurando por alguma coisa, nós queremos o mais rápido possível!
  4. 4. TODA REVISTA DE SUCESSO TEM CHAMADAS ATRAENTES. E O SEU SITE, TEM? 4 Então, qual é a importância dos textos no site? Apesar da maioria das pessoas só darem atenção aos títulos, precisamos também dar um suporte ou mais argumentos para quebrar possíveis objeções de compra do cliente e é aí que os textos nos ajudam. Eles servem de suporte para chegar ao ponto de conversão do cliente, além disso, eles são vitais para um melhor ranqueamento dos buscadores, principalmente o Google. A ideia aqui é ter um site completo e para isso devemos pensar nos usuários, mas também nos buscadores, pois de nada adianta ter um site totalmente intuitivo se ninguém o visita. Notas sobre o texto: Sabemos que não precisamos ler tudo: as pessoas procuram por uma página ou alguma palavra, imagem ou frase que tem a ver com o que elas querem. Nós estamos acostumados a folhear jornais, revistas e livros para encontrar somente as partes que nos interessam. Faça ou tenha texto suficiente: não precisa de textos gigantes, não se explique demais! As pessoas não fazem as escolhas ideais e sim as suficientes. Estruture seu conteúdo de forma que seja suficiente para que o cliente queira entrar em contato, deixe a parte chata e burocrática para o seu vendedor fazer.
  5. 5. O SEU SITE TEM QUE SER MAIS BONITO E ORGANIZADO QUE A SUA LOJA 5 A primeira impressão é a que fica! Hora de colocar em prática a facilidade do seu site! Defina como cada elemento se caracteriza no seu site, por exemplo: links serão grifados em azul, títulos de páginas serão em negrito com tamanho de letra 18, etc. Para descomplicar, seguem 2 passos básicos para que você consiga se organizar melhor: Coloque os tópicos mais importantes em maior destaque sempre. Use fontes maiores, negrito, itálico, alguma característica que se torne um diferencial do resto da página. E siga adiante: subtítulos um pouco menor, depois descrições menores ainda. Defina características por grupos semelhantes: suponha que você venda tênis de várias marcas. Agrupe cada marca em um cabeçalho específico e exiba cada uma de uma forma visualmente parecida.
  6. 6. O SEU SITE TEM QUE SER MAIS BONITO E ORGANIZADO QUE A SUA LOJA 6 A importância é que, sendo bem feita, essa organização do seu site poupa tempo de processamento das informações para o cliente, fazendo um tipo de pré-processamento e organizando o conteúdo da sua página. Grande parte das pessoas está na web a procura do que fazer depois: Qual página eu tenho que ir para achar isso? Onde eu vou para enviar um e-mail? Por conta dessas perguntas, você deve ajudar seu cliente e deixar óbvio o que pode ser clicado. Obrigar os usuários a pensar em algo que deve ser simples, como o que pode ser clicado e o que não pode, mais uma vez vai fazer com que você desperdice o estoque limitado de paciência e boa vontade das pessoas. A questão aqui é que nos deparamos com escolhas o tempo todo na internet, por isso tornar essas questões mais claras é um dos princípios para deixar seu site mais fácil para converter clientes.
  7. 7. CONTEÚDO RELEVANTE (E SEM BLÁ, BLÁ, BLÁ) 7 Não faça muito barulho no seu site! Isso significa: não bombardeie seus usuários com um monte de informação! A tolerância dos usuários varia e muitas pessoas tem certa agonia em páginas com muita informação. Se isso acontecer quando o cliente acaba de entrar no seu site, pode ser o determinante para saber se ele vai ficar ou não, por isso mantenha as coisas simples. Não coloque um banner cheio de imagens nas suas páginas, você ainda nem sabe exatamente o que seu cliente está procurando, por isso não o confunda. Nada de textos enormes e com letras pequenas. Às vezes, escutamos que o Google gosta de conteúdo e aí os desinformados copiam e colam todo texto e características do produto que encontram no site. Isso só serve para dar mais preguiça no seu site. Saiba fazer um conteúdo original, objetivo e resumido. Se não souber, contrate alguém e lembre: qualidade ao invés de quantidade, você vai se dar bem melhor com o Google e com seus clientes.
  8. 8. CONTEÚDO RELEVANTE (E SEM BLÁ, BLÁ, BLÁ) 8 Exclua palavras desnecessárias no seu site! Uma frase não deve ter palavras desnecessárias da mesma forma que um desenho não tem linhas sobrando. Teste simples: comece a ler seus próprios conteúdos. Se aquela vozinha na sua cabeça começar a pensar: blá blá blá blá.... Esse é o famoso papo bobo! Evite ficar falando no seu site o quão maravilhosa é a sua empresa, o quanto melhor é o seu produto. A única coisa que você vai conseguir com isso é um cliente cansado de ler blá blá bla e isso é um sinal de que você está enrolando demais. Vá direto ao ponto, mate as possíveis objeções de compra e ponto. Evitar palavras desnecessárias tem vários benefícios, entre eles: Reduz o nível de confusão da página. Maior destaque aos assuntos principais e úteis ao cliente. Deixa as páginas menores e com informações mais relevantes e objetivas.
  9. 9. CONTEÚDO RELEVANTE (E SEM BLÁ, BLÁ, BLÁ) 9 Outra dica importante é acabar com as instruções. Seu layout e suas informações terão que ser intuitivos, o cliente não precisa saber como foi feito o formulário ou como ele precisa preencher. Quem não sabe isso na web não vai conseguir identificar nem o que é o menu do site. Nomeie cada página com seu respectivo termo. O nome da página precisa ser igual ao que foi “vendido” anteriormente ao cliente, é como se fosse um contrato com seu cliente “o nome da página será igual as palavras nas quais cliquei para chegar lá”. O raciocínio é simples: Se as páginas não se equivalem aos nomes, a confiança do cliente no site e nos seus editores serão diminuídas. Se os nomes e as páginas se equivalem, passa conforto, sem necessidade de pensar muito, confiança e credibilidade. Exemplo prático: se você atua no mercado de carros, o termo “peças para Peugeot” deve direcionar para uma página com o título “peças para Peugeot” e seu conteúdo deve mostrar as peças.
  10. 10. A PÁGINA INICIAL É CAPA DO JORNAL? 10 A principal página do seu site é a Home! É a página que a maioria dos seus visitantes irá chegar após buscar sua empresa, por isso devemos projetá-la com muita atenção. É na Home que você vai acomodar todo seu site, então se organize e vamos lá: A identificação do site: de cara a Home deve mostrar ao cliente do que se trata o site e porque ele deve permanecer ali e não ir para outro site. Ela deve passar para seu cliente uma visão geral do que ele vai encontrar no seu site. Bons Conteúdos: coloque os atalhos e conteúdos mais acessados no seu site com um link na Home. Isso vai ajudar seu cliente a identificar logo o que ele está procurando. Por exemplo: página do seu produto/serviço mais importante e consultada deve ficar destacada.
  11. 11. A PÁGINA INICIAL É CAPA DO JORNAL? 11 6 dicas para montar sua Home: 1:. A página inicial precisa deixar óbvio como chegar a qualquer lugar do site. 2:. Mostre ao seu cliente onde ele deve começar a navegação. Pessoas odeiam entrar em sites e não saber por onde começar. 3:. Estabeleça confiança e credibilidade. Em alguns casos a Home é o único lugar onde você vai poder transmitir essa boa impressão. 4:. Tenha uma boa descrição de boas vindas ao site. Descreva resumidamente o seu site e coloque esse resumo visível sem ser necessário barra de rolagem. 5:. Não use declaração de Missão ou Quem Somos no texto de boas vindas. Ninguém lê e você perde um espaço decisivo no seu layout. 6:. Slogans da marca são importantes, então se lembre do objetivo de um, que é caracterizar a empresa inteira, resumindo o que ela é e o que a torna importante. Tenha um bom slogan, se possível um que deixe claro o que sua empresa faz. Nada de filosofar na frase junto a sua marca, seja objetivo. Se não tiver não invente, deixe sem nada e não polua seu layout. Importante: lembre-se que a maioria dos clientes vai entrar pela home e muitos deles vão sair sem nem mesmo ir para outras páginas, por isso seja objetivo e coloque coisas realmente úteis. Elementos que sejam bastante promovidos na página inicial tendem a obter tráfego muito maior, então foco no produto lucrativo e esqueça o texto resumido de Quem Somos que você colocou ali para completar o layout.
  12. 12. TENHA UM SITE RÁPIDO! 12 Velocidade é muito importante quando se diz respeito a conversões. Nós estamos vivendo em tempos muito diferentes dos anos 90/2000, quando esperar por carregamento de página era comum. Com tantas pessoas utilizando internet nos smartphones que ficam nos seus bolsos, 75% dos usuários tipicamente rejeitam páginas que demoram mais de 3 segundos para carregar. Por que a velocidade do site importa? Isso é provavelmente o porquê do Google estar encorajando os donos de sites a cada vez mais melhorarem a velocidade de carregamento das páginas. Em 2010, a velocidade de carregamento passou a ser um dos fatores de relevância para posicionamento no buscador. Velocidade das páginas não se trata apenas de conseguir boas posições no Google, mas também para a experiência do usuário. Sites lentos também afetam outras métricas para melhorar as conversões, como confiança e credibilidade.
  13. 13. TENHA UM SITE RÁPIDO! 13 Usuários constantemente relacionam psicologicamente sites lentos a empresas não confiáveis e que não são autoridades nos serviços que oferecem e isso pode impactar profundamente suas conversões, fortalecimento de marca e todos os outros fatores importantes no mundo dos negócios. Existem algumas ferramentas que você pode testar e visualizar a velocidade do seu site, seguem algumas: Google Analytics Google Webmaster Tools GT Metrix Pingdom Dotcom-monitor Load Impact Webpage test Essas ferramentas também disponibilizam relatórios do que pode ser otimizado para melhorar a velocidade do site. Passe para seu desenvolvedor e melhore seus resultados!
  14. 14. SEJA RESPONSIVO! 14 Um site responsivo é aquele que se adapta ao dispositivo em que ele for acessado, ou seja, se as pessoas abrirem o seu site nos seus smartphones ou tablets ele vai se adaptar e abrir de forma amigável ao usuário. Com isso, as pessoas não precisarão ficar dando zoom na tela para identificar as informações, não vai existir aquele grande problema de querer clicar em um ícone e acessar outro. Além dessas vantagens, é preciso entender que mobile marketing não é mais coisa do futuro e sim do presente. Baseando-se ainda em dados de 2014, aproximadamente 43 milhões de brasileiros com 12 anos ou mais navegam pela internet utilizando dispositivos móveis, revela o estudo pela F/Nazca Saatchi & Saatchi em parceria com o Datafolha.
  15. 15. SEJA RESPONSIVO! 15 Outra grande vantagem e que mexeu com o mundo do marketing é que o Google lançou oficialmente a informação de que sites e e-commerce que não possuem versão mobile perderão performance no buscador, ou seja, se você ainda não tem uma versão móvel para seu site, além de perder consumidores que não tem paciência para ficar em sites que não se adaptam, você também vai perder posições na busca do Google. Isso vai influenciar diretamente o tráfego do seu site em todos os dispositivos e consequentemente suas vendas pela internet vão cair.
  16. 16. SOBRE A ACESSO A Acesso Publicidade é uma agência de marketing digital que não pára de crescer! Vem se destacando pelo atendimento personalizado e integral aos seus clientes, pela eficiência dos seus serviços e pela sua paixão por resultados surpreendentes. Nosso objetivo é ser o braço estratégico e executor do cliente incorporando-o à nossa família. Respiramos marketing digital e utilizamos estratégias atuais que ajudam pequenas e médias empresas a conquistarem melhores resultados. Este e-book foi produzido pela Acesso Publicidade. www.acessopublicidade.com.br

×