A TRAJETÓRIA DO NELORE       MATINHA
DÉCADA DE 90Abertura dos mercadosEvolução dos processadoresViabilização do Modelo AnimalInício dos programas de melhoramento
OBJETIVO DE SELEÇÃODesenvolver genética capaz de “maximizar aprodução de carne de qualidade ao menorcusto possível”.
FOCO DO PROGRAMA DE      SELEÇÃOReproduçãoDesenvolvimentoHabilidade MaternaTemperamento
CARACTERÍSTICAS BÁSICAS Padrão Racial Aprumos Pigmentação Estrutura Óssea
CRITÉRIOS    DE SELEÇÃO
REPRODUÇÃODar preferência a vacas que parem mais cedoEliminar fêmeas vazias ao final da estação demontaDar preferência par...
DESENVOLVIMENTOEstá associado à velocidade de crescimento aganho em peso. Os animais são classificadospara peso a desmama,...
HABILIDADE MATERNA O critério adotado para seleção é a DEPMP120 para touros e novilhas, além dodescarte sistemático para a...
TEMPERAMENTO A classificação para seleção do componentetemperamento é feita através de seleçãosubjetiva de todos os animai...
REPRODUÇÃO x DESENVOLVIMENTOTrabalhos acadêmicos demonstraram que doponto de vista econômico a reprodução é seisvezes     ...
IDENTIFICAÇÃO MACHOS  SEXUALMENTE MAIS PRECOCESEm 1995 início dos testes andrológicosAnimais de 14 a 16 meses de idadePerí...
DESAFIO DAS NOVILHOTASEm 1998 início do desafio para as novilhotas Fêmeas de 12 a 14 meses de idade sãoexpostas a touros d...
CARACTERÍSTICAS MAIS RELEVANTES     NA PRENHÊS PRECOCE Data de nascimento Peso à desmama Ganho de peso pós desmama Desenvo...
VIRTUOSIDADE DO CICLO CURTO DE          PRODUÇÃOFertilidadeHabilidade MaternaGanho em peso pós desmamaAdaptação ao manejo ...
PREMIO CLAUDIO CARVALHOExpogenética 2012- ABCZ instituiu uma premiaçãopara distinguir matrizes modelo do Nelore de produçã...
HANTI MAT. RECEBE PREMIAÇÃOData 1° parto: 30/09/2005Data último parto: 10/10/2011Intervalo entre partos: 367 diasNúmero de...
INOVAÇÃOA partir de 2002 as características de carcaçapassaram a ser incluídas no programaMatinha de melhoramento genético
ULTRASSONOGRAFIA A utilização pioneira da ultrassonografiapassou a permitir a avaliação do rendimento eda terminação de ca...
Qualidade de carcaça Esta seleção é fácil de ser feita, traz bonsresultados    econômicos     e    não     temincompatibil...
YOKOO, et al 2009CARACTERÍSTICA         HERDABILIDADE• AOL, cm2                 0,37• EG, mm2                  0,55• EGP8,...
Área de olho de lombo e rendimento de carcaça no                     Nelore                        54.00Rendimento carcaca...
Espessura de Gordura  Contribuições na     Contribuições nãoqualidade da carne     contabilizadas Coloração           Ef...
A partir de 2011 a Matinha incluia    Eficiência   Alimentar    noprograma de melhoramentogenético.
SISTEMA GROWSAFEParceria com ABS- Pecplan viabiliza aimportação do sistema GrowSafe, que mede oconsumo individual dos anim...
MEDIÇÃO DO CONSUMO O sistema Growsafe é composto por cochosequipados com balanças eletrônicas e antenasque detectam a pres...
METODOLOGIAA cada 90 dias estão sendo testados gruposde contemporâneos de 128 animais, oramachos, ora fêmeasPara monitorar...
VARIABILIDADE GENÉTICADividindo os lotes testados em dois grupos, maise menos eficientes observou-se que os gruposmais efi...
REDUÇÃO DE CUSTOS Considerando que na pecuária de corte aalimentação representa 70% do custo deprodução e que a herdabilid...
SISTEMA DE SELEÇÃO O sistema de seleção por níveisindependentes adotado pela Matinha permitedistinguir dentre os animais d...
INOVAÇÃO A partir de 2012 a Matinha adotou índiceeconômico próprio (IR$M) para orientar ostrabalhos de seleção
ÍNDICE DE SELEÇÃOA tecnologia genética mais eficiente paramelhorar as margens de lucro na pecuária decorte é um índice eco...
AUTOR DO ÍNDICEPara que os índices, de forma segura espelhassem asdiferenças de valores econômicos dos animais aMatinha re...
ÍNDICE REAL MATINHA Com o objetivo de estimar o valor do genótipoagregado dos animais com base em suasqualificações genéti...
ÍNDICE DESMAMA E CICLO COMPLETO  Para atender tanto pecuaristas que fazem ciclo completo quanto aqueles que comercializam ...
CARACTERÍSTICAS ECONOMICAMENTE           RELEVANTES Na composição do IR$MD foram utilizadas as DEP’s calculadas pela ANCP ...
VANTAGENS DO ÍNDICEVocê trabalha com pecuária de ciclo completo e estáanalisando opções e touros para utilização na próxim...
A genética do lucro no pasto
OBRIGADOwww.ranchodamatinha.com.br        (34) 3312 0030
A trajetória do Nelore Matinha
A trajetória do Nelore Matinha
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A trajetória do Nelore Matinha

804 visualizações

Publicada em

A trajetória do Nelore Matinha

Publicada em: Estilo de vida
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
804
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
361
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A trajetória do Nelore Matinha

  1. 1. A TRAJETÓRIA DO NELORE MATINHA
  2. 2. DÉCADA DE 90Abertura dos mercadosEvolução dos processadoresViabilização do Modelo AnimalInício dos programas de melhoramento
  3. 3. OBJETIVO DE SELEÇÃODesenvolver genética capaz de “maximizar aprodução de carne de qualidade ao menorcusto possível”.
  4. 4. FOCO DO PROGRAMA DE SELEÇÃOReproduçãoDesenvolvimentoHabilidade MaternaTemperamento
  5. 5. CARACTERÍSTICAS BÁSICAS Padrão Racial Aprumos Pigmentação Estrutura Óssea
  6. 6. CRITÉRIOS DE SELEÇÃO
  7. 7. REPRODUÇÃODar preferência a vacas que parem mais cedoEliminar fêmeas vazias ao final da estação demontaDar preferência para tourinhos que mostraramboa qualidade de sêmen mais cedo
  8. 8. DESENVOLVIMENTOEstá associado à velocidade de crescimento aganho em peso. Os animais são classificadospara peso a desmama, ao ano e ao sobreanoem cada grupo de contemporâneo.
  9. 9. HABILIDADE MATERNA O critério adotado para seleção é a DEPMP120 para touros e novilhas, além dodescarte sistemático para aquelas quefalharam neste atributo.
  10. 10. TEMPERAMENTO A classificação para seleção do componentetemperamento é feita através de seleçãosubjetiva de todos os animais, no momento dadesmama.
  11. 11. REPRODUÇÃO x DESENVOLVIMENTOTrabalhos acadêmicos demonstraram que doponto de vista econômico a reprodução é seisvezes mais importante que odesenvolvimento.
  12. 12. IDENTIFICAÇÃO MACHOS SEXUALMENTE MAIS PRECOCESEm 1995 início dos testes andrológicosAnimais de 14 a 16 meses de idadePerímetro escrotal maior que 27 cm necessáriomas não suficiente para entrada na puberdade Rápida evolução na característica, machospúberes aos 12 meses de idade já tem sidoidentificados
  13. 13. DESAFIO DAS NOVILHOTASEm 1998 início do desafio para as novilhotas Fêmeas de 12 a 14 meses de idade sãoexpostas a touros durante a estação de monta(90 dias)Inicialmente 6% de prenhês, 78% na últimaestação de monta
  14. 14. CARACTERÍSTICAS MAIS RELEVANTES NA PRENHÊS PRECOCE Data de nascimento Peso à desmama Ganho de peso pós desmama Desenvolvimento ovariano
  15. 15. VIRTUOSIDADE DO CICLO CURTO DE PRODUÇÃOFertilidadeHabilidade MaternaGanho em peso pós desmamaAdaptação ao manejo de pastoAcabamento de carcaça
  16. 16. PREMIO CLAUDIO CARVALHOExpogenética 2012- ABCZ instituiu uma premiaçãopara distinguir matrizes modelo do Nelore de produçãoEstabeleceu qualificações mínimas para que asmatrizes pudessem disputar a premiaçãoEm toda a base Nelore Nacional ABCZ- Qualificaramapenas 156 matrizes como aptas a disputar o prêmioDentre as matrizes indicadas 48 são Matinha
  17. 17. HANTI MAT. RECEBE PREMIAÇÃOData 1° parto: 30/09/2005Data último parto: 10/10/2011Intervalo entre partos: 367 diasNúmero de partos: 7Número de filhos com RGN: 31iABCZ: 16,47 (Top 0,5%)
  18. 18. INOVAÇÃOA partir de 2002 as características de carcaçapassaram a ser incluídas no programaMatinha de melhoramento genético
  19. 19. ULTRASSONOGRAFIA A utilização pioneira da ultrassonografiapassou a permitir a avaliação do rendimento eda terminação de carcaça com precisão. Assimtodos os animais de cada safra passaram a sermedidos e selecionados.
  20. 20. Qualidade de carcaça Esta seleção é fácil de ser feita, traz bonsresultados econômicos e não temincompatibilidade com a seleção para outrasimportantes características.
  21. 21. YOKOO, et al 2009CARACTERÍSTICA HERDABILIDADE• AOL, cm2 0,37• EG, mm2 0,55• EGP8,mm2 0,43
  22. 22. Área de olho de lombo e rendimento de carcaça no Nelore 54.00Rendimento carcaca, % 53.75 53.50 53.25 53.00 68.0 69.0 70.0 71.0 72.0 73.0 74.0 75.0 76.0 AOL, cm 2 22
  23. 23. Espessura de Gordura Contribuições na Contribuições nãoqualidade da carne contabilizadas Coloração  Eficiência na estação de monta Sabor  Melhores índices reprodutivos Suculência  Precocidade Sexual Maciez
  24. 24. A partir de 2011 a Matinha incluia Eficiência Alimentar noprograma de melhoramentogenético.
  25. 25. SISTEMA GROWSAFEParceria com ABS- Pecplan viabiliza aimportação do sistema GrowSafe, que mede oconsumo individual dos animais com altaprecisão e grande confiabilidade.
  26. 26. MEDIÇÃO DO CONSUMO O sistema Growsafe é composto por cochosequipados com balanças eletrônicas e antenasque detectam a presença dos animais, quandoos mesmos se encontram dentro do perímetrodo cocho. O sistema simultaneamenteidentifica e mede as quantidades de alimentoingerido por cada animal.
  27. 27. METODOLOGIAA cada 90 dias estão sendo testados gruposde contemporâneos de 128 animais, oramachos, ora fêmeasPara monitorar o ganho em peso as pesagenssão realizadas a cada 14 diasAs dietas são formuladas buscando simularum pasto de boa qualidade
  28. 28. VARIABILIDADE GENÉTICADividindo os lotes testados em dois grupos, maise menos eficientes observou-se que os gruposmais eficientes consumiram 20% menos alimentoe os ganhos em peso foram semelhantes Nos testes já concluídos, os cinco animais maiseficientes consumiram aproximadamente 50%menos que os 5 animais menos eficientes e osganhos em peso foram semelhantes
  29. 29. REDUÇÃO DE CUSTOS Considerando que na pecuária de corte aalimentação representa 70% do custo deprodução e que a herdabilidade estimada paraa característica foi aproximadamente 36%, aredução de custo tende a ser altamentesignificativa
  30. 30. SISTEMA DE SELEÇÃO O sistema de seleção por níveisindependentes adotado pela Matinha permitedistinguir dentre os animais de maiordesempenho produtivo, aqueles com a melhoreficiência alimentar
  31. 31. INOVAÇÃO A partir de 2012 a Matinha adotou índiceeconômico próprio (IR$M) para orientar ostrabalhos de seleção
  32. 32. ÍNDICE DE SELEÇÃOA tecnologia genética mais eficiente paramelhorar as margens de lucro na pecuária decorte é um índice econômico de seleçãoEsse índice deve expressar os objetivos domelhoramento ponderando as característicasmais relevantes através de seus valoreseconômicos
  33. 33. AUTOR DO ÍNDICEPara que os índices, de forma segura espelhassem asdiferenças de valores econômicos dos animais aMatinha recorreu aos sólidos conhecimentos do norteamericano Dr. Michael D. MacNeil, importantegeneticista com viés econômico-estatístico, com vastaexperiência em trabalhos semelhantesNo final de 2011 Dr. MacNeil se aposentou doUSDA, após uma carreira de mais de 30 anos. Eleatualmente está envolvido em vários projetossignificativos que buscam melhorar a avaliaçãogenética dos animais e aumentar a rentabilidade deprodução
  34. 34. ÍNDICE REAL MATINHA Com o objetivo de estimar o valor do genótipoagregado dos animais com base em suasqualificações genéticas e no fluxo de caixa dosistema de produção de gado de corte a Matinhadesenvolveu o “Índice Real Matinha” O uso da palavra Real, além de sinalizar que oíndice não é arbitrário, indica que sua unidade demedida é financeira uma vez que é expresso emreais (R$)
  35. 35. ÍNDICE DESMAMA E CICLO COMPLETO Para atender tanto pecuaristas que fazem ciclo completo quanto aqueles que comercializam seus produtos na desmama foram criados dois índices IR$MC (Índice Real ciclo completo) e IRMD (Índice Real desmama) Os índices estimam a diferença de rentabilidade média das progênies de dois ou mais touros, na desmama ou no ciclo completo
  36. 36. CARACTERÍSTICAS ECONOMICAMENTE RELEVANTES Na composição do IR$MD foram utilizadas as DEP’s calculadas pela ANCP para as características de: Efeito Materno, Peso aos 210 dias, Probabilidade de Parto Precoce e Stayability Na composição do IR$MC, além das integrantes do IR$MD foram consideradas as DEP’s: Ganho de peso pós desmama, rendimento e terminação de carcaça e eficiência alimentar
  37. 37. VANTAGENS DO ÍNDICEVocê trabalha com pecuária de ciclo completo e estáanalisando opções e touros para utilização na próximaestação de monta 1ª opção: Jayamu Mat.- IR$MC: R$153,01 2ª opção: Prado Mat. – IR$MC: R$69,46 .................... Diferença R$83,55Ao utilizar o touro Jayamu Mat., ao final do ciclo adiferença estimada de rentabilidade será de R$83,55em média por produto. Assim se tiver produzindo 500animais você estará incrementando sua lucratividadeem R$41.775,00/ano.
  38. 38. A genética do lucro no pasto
  39. 39. OBRIGADOwww.ranchodamatinha.com.br (34) 3312 0030

×