Módulo 5 - Parte II

3.033 visualizações

Publicada em

Áreas Urbanas - Parte II

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.033
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
128
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Módulo 5 - Parte II

  1. 1. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS
  2. 2. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS MORFOLOGIA URBANA Planta parcial da cidade do Porto
  3. 3. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS MORFOLOGIA URBANA
  4. 4. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA IRREGULAR • Resulta de um crescimento espontâneo (desordenado) da área urbana, não obedecendo a um traçado previamente definido (planeado); • As ruas são estreitas e apresentam um traçado sinuoso e desordenado; • Existência de becos sem saída; • Traçado anárquico; • Casario denso; PLANTA PARCIAL DA CIDADE DO PORTO
  5. 5. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA IRREGULAR • Existência de calçadas e escadarias; • Característica das cidades muçulmanas (Norte de África e Médio Oriente) , mas também nas zonas mais antigas das cidades europeias. PLANTA PARCIAL DA CIDADE DO PORTO
  6. 6. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA IRREGULAR AlfamaAlfama
  7. 7. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA IRREGULAR VANTAGENS: -Promove as relações de vizinhança; -Promove a circulação a pé.
  8. 8. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA IRREGULAR DESVANTAGENS: - Circulação automóvel mais dificultada; - Existência de muitos obstáculos para transpor; -Dificuldade de remodelação e planeamento adequado; -Promove a insegurança
  9. 9. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA RADIOCONCÊNTRICA • É característica das cidades que, por motivos defensivos possuíam muralhas; • Existência de um núcleo central em torno do qual existem artérias circulares concêntricas intersectadas por vias de acesso ao centro, que pode ser uma rotunda, um castelo, uma praça, uma igreja, um mercado; • Típica das cidades europeias antigas. FONTE: SALGUEIRO, T. (1992); A Cidade em Portugal; Lisboa: Edições Afrontamento. PLANTA DA CIDADE DE ÉVORA
  10. 10. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS MORFOLOGIA URBANA
  11. 11. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA RADIOCONCÊNTRICA
  12. 12. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA RADIOCONCÊNTRICA VANTAGENS: -Fácil e rápido acesso ao centro da cidade; - Permite uma circulação automóvel mais fácil.
  13. 13. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA RADIOCONCÊNTRICA DESVANTAGENS: - Dificuldade na construção prédios de grandes dimensões, devido à configuração em circular dos quarteirões.
  14. 14. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS MORFOLOGIA URBANA Vila Real de Santo António PLANTA PARCIAL DA CIDADE DE VILA REAL DE SANTO ANTÓNIO
  15. 15. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA ORTOGONAL PLANTA PARCIAL DA CIDADE DE VILA REAL DE SANTO ANTÓNIO • Traçado simples, rectilíneo e geométrico; • Ruas direitas, longas e, por vezes, largas, perpendiculares entre si; • Característica das cidades mais modernas da América do Norte; • Surgem com a preocupação de planear a cidade; • Característica das cidades novas da América do Norte.
  16. 16. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS PLANTA IRREGULAR • Fácil circulação do automóvel graças à existência de artérias largas e regulares. • Adapta-se melhor ao crescimento do parque automóvel. VANTAGENS: DESVANTAGENS: • Torna mais longos os trajectos. • Não se adapta aos terrenos acidentados. • Dificulta a fluidez do tráfego, devido ao excesso de cruzamentos.
  17. 17. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS DIFERENCIAÇÃO FUNCIONAL • As cidades podem desempenhar diferentes funções consoante a actividades que predominam. FUNÇÃO POLÍTICO- ADMINISTRATIVA
  18. 18. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS DIFERENCIAÇÃO FUNCIONAL FUNÇÃO COMERCIAL
  19. 19. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS DIFERENCIAÇÃO FUNCIONAL FUNÇÃO RELIGIOSA
  20. 20. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS DIFERENCIAÇÃO FUNCIONAL FUNÇÃO INDUSTRIAL
  21. 21. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS DIFERENCIAÇÃO FUNCIONAL FUNÇÃO EDUCATIVA
  22. 22. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS DIFERENCIAÇÃO FUNCIONAL FUNÇÃO RECREATIVA E LAZER/ TURÍSTICA
  23. 23. CIDADE ESTRUTURA DAS ÁREAS URBANAS DIFERENCIAÇÃO FUNCIONAL o FUNÇÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA o FUNÇÃO COMERCIAL o FUNÇÃO RELIGIOSA o FUNÇÃO INDUSTRIAL o FUNÇÃO EDUCATIVA o FUNÇÃO RECREATIVA E LAZER/ TURÍSTICA Tendo em conta as actividades que predominam, as cidades podem ter as seguintes funções:

×