4º período Fonoaudiologia

2.293 visualizações

Publicada em

UFRJ fonoaudiologia 4º período

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.293
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

4º período Fonoaudiologia

  1. 1. INTRODUÇÃO À FONOAUDIOLOGIA 4 º PERÍODOProfessora: Cláudia GraçaAlunas: Yasmin Oliveira, Alice Azevedo, Nathália Pereira, Luana Cavalher eThamires Marinatti
  2. 2. PEDIATRIA PARA FONOAUDIOLOGIAOs profissionais desta área são responsáveis por analisar problemas de sucçãodeglutição, entre outros... Envolve cuidados em UTI neonatal, aconselhamentopara amamentação, e faz testes da orelhinha... O trabalho fonoaudiológico em UTIneonatal vem, cada vez mais, provando sua importância e necessidade.
  3. 3. Na área da saúde mental, o fonoaudiólogo atende à alterações fonoaudiológicasem quadros de autismos, TDAH, transtornos de humor e etc. Falando um poucoda terceira idade, um envelhecimento sadio pode incluir os cuidados vocais, oscuidados auditivos e promover a saúde mental com a estimulação da memória eoutros hábitos saudáveis (prevenindo as demências e outras alterações dehumor: depressão, por exemplo).
  4. 4. SAÚDE COLETIVA IISaúde coletiva, envolve um grupo pré-determinado, como por exemplo umafamília, uma escola, uma rua ou membros de um determinado local detrabalho...Tem aspectos em comum com a saúde mental. Por exemplo, oestresse é um sintoma de alteração da saúde mental. Mas preveni-lo pode serinteresse da saúde coletiva numa população com hábitos de vida estressantes.A dependência de craque é outro exemplo onde saúde mental e saúde coletivase integram.
  5. 5. NEUROPSICOLOGIAA neuropsicologia é a parte da Psicolinguística Cognitiva. Enfocaprincipalmente o estudo do comportamento humano baseado nofuncionamento do cérebro.
  6. 6. AUDIOLOGIAA audiologia é uma das áreas da fonoaudiologia que permite aofonoaudiólogo fazer a ciência, que tem por objeto de estudo aavaliação da audição, em seu aspecto de normalidade ou patologia.
  7. 7. AQUISIÇÃO DE LINGUAGEMA fala é a expressão da linguagem. Ou seja, mesmo antes da criançacomeçar a falar a linguagem já está se desenvolvendo. Primeiramanifestação: choro, diferenciado para cada situação.
  8. 8. TRANSTORNOS DA VOZ IUm indivíduo já pode nascer com um transtorno da voz (como mudez, e atrasona linguagem) ou pode adquirir ao longo de sua vida (como rouquidão). É daresponsabilidade do fonoaudiólogo (algumas vezes juntamente aootorrinolaringologista), diagnosticar e corrigir estes problemas.
  9. 9. TRANSTORNO SISTEMA ESTOMATOGNÁTICO IO sistema estomatognático é responsável por funções vitais envolvidas na preparaçãodo alimento para digestão e para oxigenação do organismo...São funções deste sistema: mastigação, deglutição, respiração e fala. Portanto, sealguma estrutura estiver alterada, estas funções também estarão e vice-versa.
  10. 10. PRÁTICA FONOAUDIOLÓGICA IIIPossibilita o conhecimento da atuação em fonoaudiologia preventivaprimária e secundária em diferentes instituições desaúde, educacionais e empresariais.
  11. 11. PSICOLINGUÍSTICAPsicolinguística trata da relação entre os níveis linguísticos da nossa linguagem(fonológico,morfológico, sintático, semântico, pragmático) e dos processosmentais psicológicos, incluindo cognição (atenção, percepção, memória)... vaialém da análise do modo de vida do falante.

×