Montagem LocAter

867 visualizações

Publicada em

Conhecer os principais conceitos de Operação de ZPH / LocAter;

Publicada em: Carreiras
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
867
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Montagem LocAter

  1. 1. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL MONTAGEM ZPH
  2. 2. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL OBJETIVOS OPERACIONALIZADOS Conhecer os principais conceitos de Operação de ZPH / LOCATER; Conhecer os fatores a considerar na Seleção e Reconhecimento de ZPH / LOCATER; Conhecer as técnicas de mobiliamento de ZPH / LOCATER; Conhecer os sinais e gestos empregados em Operação de ZPH / LOCATER.
  3. 3. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL APLICAÇÕES TÁTICAS Devido à sua grande versatilidade, o emprego de helicópteros tornou-se muito difundido nas Forças Armadas, com especial ênfase entre as tropas de Operações Especiais, ampliando a mobilidade estratégica e tática de pequenas unidades. Principais formas de emprego: – INFILTRAÇÃO – EXFILTRAÇÃO – PATRULHAMENTO – APOIO AÉREO – SALVAMENTO E RESGATE
  4. 4. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL POSSIBILIDADES O emprego de aeronaves de asas rotativas em prol de elementos de superfície proporciona a estes as características inerentes aos elementos aéreos; – Velocidade – Penetração – Alcance Permite realizar missões aéreas dentro ou fora da área de conflito com significativa redução da probabilidade de detecção.
  5. 5. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL LIMITAÇÕES • Suscetibilidade às condições meteorológicas; • Elevado consumo de suprimentos, em especial de combustíveis e lubrificantes; • Restrições técnicas quanto ao raio de ação; • Redução da capacidade operacional em períodos noturnos.
  6. 6. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL LOCATER Define-se local de aterragem de helicópteros como uma área do terreno sumariamente mobiliada e preparada para permitir o pouso de apenas uma aeronave de asas rotativas por vez.
  7. 7. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL ZPH Define-se zona de pouso de helicópteros com um conjunto de dois ou mais LOCATER em condições de serem operados simultaneamente em uma mesma região.
  8. 8. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL OPERAçÃO DE LOCATER / ZPH • O conceito de operação de Local de Aterragem de helicópteros ( Op LocAter ) compreende as ações de selecionar, reconhecer, infiltrar, mobiliar e, se for o caso, reorganizar;
  9. 9. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL RECONHECIMENTO • Nem sempre será possível o reconhecimento aproximado da LocAter selecionada para missão. • O reconhecimento, quando possível, deve levantar as seguintes informações: – Natureza do piso; – Obstáculos notáveis – naturais e artificiais; – Local de reorganização; – Informações meteorológicas predominantes e atuais.
  10. 10. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL MOBILIAMENTO • Chama-se mobiliamento ao conjunto de procedimentos técnicos e táticos necessários ao balizamento da ANV fora e dentro do LOCATER / ZPH; • Considerar sempre que a ANV constitui um alvo muito mais valioso e vulnerável que as tropas no terreno.
  11. 11. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL ATRIBUIÇÕES • Durante a operação de um LOCATER / ZPH, as equipes de solo têm diferentes atribuições. • Segurança Aproximada e no terreno. • Responsável por montar os meios visuais de autenticação e auxílio à navegação (letra código), conforme o Plan em vigor.
  12. 12. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL ATRIBUIÇÕES Turma de Segurança Circular Responsável por operar os meios visuais de auxílio ao pouso, e por garantir a segurança da aeronave durante a operação de LOCATER / ZPH.
  13. 13. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL PRIORIDADES DAS AÇÕES • Posicionamento da segurança preliminar; • Comunicação Rede rádio; • Meios auxiliares visuais à navegação; • Remoção de obstáculos;
  14. 14. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL MATERIAIS UTILIZADOS • Rádios terra-aeronave • Cartas • Fotos do local • Bússola • GPS • Lanternas • Strobolights • Painéis • Bandeirolas • Combustível • Óleo queimado • Trapos • Latas • Espelhos de sinalização • Ferramentas • Fumígeno • Pirotécnicos • Óculos
  15. 15. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL COMUNICAÇÕES – A comunicação eletrônica pode empregar rádios ou aparelhos GPS; – A comunicação visual abrange painéis, luzes, espelhos, fumígenos e/ou pirotécnicos e sinais e gestos.
  16. 16. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL FRASEOLOGIA – Todo contato rádio deve ser precedido de autenticação,nos moldes do estabelecido no “Comm Plan”. – As informações importantes a serem transmitidas são principalmente: – Presença de inimigo (área vermelha) – Obstáculos internos e externos – Vento de solo – Em caso de desorientação, usar o processo do relógio
  17. 17. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL FRASEOLOGIA – Fênix 01 na escuta. – Na escuta prossiga. – Fênix , objetivo às suas nove horas, na curva do rio, – Visual. – Atenção à baixa tensão à direita. – fênix ciente.
  18. 18. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL MEIOS VISUAIS • Os meios visuais podem ser em usados para os mais diversos fins: • Auxílio à navegação; Auxílio ao pouso.
  19. 19. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL AUXÍLIO À NAVEGAÇÃO • Espelhos • Fumígenos • Pirotécnicos • Luzes e dispositivos
  20. 20. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL AUTENTICAÇÃO • Fumígenos • Letra Código – Painéis – Luzes
  21. 21. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL AUXÍLIO AO POUSO • Fumígenos • Painéis • Luzes e dispositivos IR • Sinais e gestos • Letra de Cód.
  22. 22. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL SINAIS E GESTOS CHAMADA PARA O LOCAL DE ATERRAGEM
  23. 23. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL PAIRADO
  24. 24. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL AERONAVE NO SOLO
  25. 25. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL CORTAR MOTOR
  26. 26. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL DIREITA
  27. 27. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL ESQUERDA
  28. 28. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL MONTAGEM ZPH NOTURN O 30 m 30 m 30 m 30m DIURNO
  29. 29. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO COMANDO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS GRUPAMENTO AEROMÓVEL OBJETIVOS OPERACIONALIZADOS Conhecer os principais conceitos de Operação de ZPH / LOCATER; Conhecer os fatores a considerar na Seleção e Reconhecimento de ZPH / LOCATER; Conhecer as técnicas de mobiliamento de ZPH / LOCATER; Conhecer os sinais e gestos empregados em Operação de ZPH / LOCATER.

×