Trabalho de informática Matheus José

184 visualizações

Publicada em

Trabalho de informática

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
184
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de informática Matheus José

  1. 1. TRABALHO DE INFORMÁTICA TURMA: 0568 ALUNO: MATHEUS JOSÉ PROFESSORA: ALESSANDRA TERZI
  2. 2. HISTÓRIA DA INFORMÁTICA E GERAÇÕES 1 ° geração - Os computadores de primeira geração (1945–1959) usavam válvulas electrónicas, quilómetros de fios, eram lentos, enormes e sobreaqueciam muito.
  3. 3. 2° geração - A segunda geração (1959–1964) substituiu as válvulas electrónicas por transístores e os fios de ligação por circuitos impressos, o que tornou os computadores mais rápidos, menores e de custo mais baixo.
  4. 4. 3° geração - A terceira geração de computadores (1964–1970) foi construída com circuitos integrados, proporcionando maior compactação, redução dos custos e velocidade de processamento da ordem de micros segundos. Tem início a utilização de avançados sistemas operacionais.
  5. 5. • 4° geração - A quarta geração, de 1970 até hoje, é caracterizada por um aperfeiçoamento da tecnologia já existente, proporcionando uma optimização da máquina para os problemas do usuário, maior grau de miniaturização, confiabilidade e maior velocidade, já da ordem de nano segundos (bilionésima parte do segundo).
  6. 6. • 5° geração - O termo quinta geração foi criado pelos japoneses para descrever os potentes computadores “inteligentes” que queriam construir em meados da década de 1990. Posteriormente, o termo passou a envolver elementos de diversas áreas de pesquisa relacionadas à inteligência computadorizada: inteligência artificial, sistemas especialistas e linguagem natural. Mas o verdadeiro foco dessa ininterrupta quinta geração é a conectividade, o maciço esforço da indústria para permitir aos usuários conectarem seus computadores a outros computadores. O conceito de super via da informação capturou a imaginação tanto de profissionais da computação como de usuários comuns.
  7. 7. IMPORTÂNCIA DA INFORMÁTICA NAS EMPRESAS Você sabe trabalhar com o computador? Nos dias de hoje é fundamental saber utilizar as suas ferramentas. Mas não adianta saber acessar as redes sociais (facebook, twitter, Orkut, youtube), usar o MSN para bate-papo e não conhecer o sistema operacional (Windows), planilha eletrônica (Excel), processador de texto (Word), apresentação de slides(PowerPoint) e outros softwares importantes para se utilizar em um ambiente de trabalho. Qualquer empresa precisa estar atualizada para se manter no mercado. Por isso, as organizações estão cada vez mais exigentes. A informática facilita a vida das empresas e dos próprios funcionários. Além disso, está presente em tudo o que fazemos. Quando se aprende a lidar com o computador, novos horizontes se abrem. Se você não sabe ainda desenvolver essas ferramentas, procure uma escola de qualidade e faça um curso de informática. Dessa forma você vai enriquecer seu currículo e, consequentemente, adquirir a experiência necessária para enfrentar o disputado mercado de trabalho.
  8. 8. PRINCIPAIS COMPONENTES DE UM COMPUTADOR Hardware completo • Identificar os principais tipos, tendências e usos de microcomputadores, computadores de médio porte e mainframes. Caracterizar as principais tecnologias e usos de periféricos de computador para entrada, saída e armazenamento de dados. Identificar e dar exemplos dos componentes e funções de um sistema... PLACAS : PLACA MÃE , PLACA DE VÍDEO , PLACA DE SOM .O hardware é a parte física do computador, ou seja, é o conjunto de componentes electrónicos e placas, que se comunicam através de barramentos. Ao contrário do hardware... *Preocessador; *Memória ram; *HD, *Dispositivos de E/S;
  9. 9. A IMPORTÂNCIA DA INFORMÁTICA NA VIDA PROFISSIONAL Atualmente todos os trabalhos são realizados em computadores. Tanto na indústria como no comércio, imagine que projetos de casas e edifícios agora não são mais realizados em pranchetas e etc. Assim como no supermercado, onde antigamente tínhamos que fazer as contas na calculadora. A informática agilizou todas as nossas tarefas. As tornou mais rápidas e eficazes. Além de a informática auxiliar no desenvolvimento da própria informática.
  10. 10. PERIFÉRICOS DE ENTRADA E DE SAÍDA. • Em informática, o termo periférico aplica-se a qualquer equipamento acessório que seja conectado à CPU (unidade central de processamento). São exemplos de periféricos as impressoras, o scanner, leitores e ou gravadores de CDs e DVDs, leitores de cartões e disquetes, mouse, teclado, Webcams, dentre outros. Desde que pela primeira vez se ouviu falar em máquinas de calcular até os dias atuais com nossos supercomputadores que o desenvolvimento e o aperfeiçoamento dos acessórios ligados ao computador vem evoluindo cada vez mais. Cada periférico tem sua função definida e executa ou envia tarefas ao computador de acordo com essa função. Dentre muitos periféricos existentes podemos citar teclado (envia ao computador informações digitadas pelo operador), mouse (permite o envio de informações por meio do acionamento de botões virtuais) impressora (recebe informação do computador e imprime essas informações no papel), placa de Som (recebe informações elétricas vindas do processador e envia à caixa de som), sistemas sensíveis ao toque, calor, luz, impressoras, modem, óculos de simulação, controladores de jogos (joystick), caixas de som, etc. Existem três tipos de periféricos: os periféricos de entrada (enviam informação para o computador [teclado, mouse, microfone]); os periféricos de saída (transmitem informação do computador para o usuário [monitor, impressora, colunas, headfones]); e os periféricos mistos (enviam/recebem informação para/do computador [ecrans tacteis, cd's, dvd's, telefones VOIP]).
  11. 11. O QUE É UM COMPUTADOR ? Computador é uma máquina capaz de variados tipos de tratamento automático de informações ou processamento de dados. Um computador pode possuir inúmeros atributos, dentre eles armazenamento de dados,processamento de dados, cálculo em grande escala, desenho industrial, tratamento de imagens gráficas, realidade virtual, entretenimento e cultura. No passado, o termo já foi aplicado a pessoas responsáveis por algum cálculo. Em geral, entende-se por computador um sistema físico que realiza algum tipo de computação. Existe ainda o conceito matemático rigoroso, utilizado na teoria da computação. Assumiu-se que os computadores pessoais e laptops são ícones da Era da Informação1 ; e isto é o que muitas pessoas consideram como "computador". Entretanto, atualmente as formas mais comuns de computador em uso são os sistemas embarcados, pequenos dispositivos usados para controlar outros dispositivos, como robôs, câmeras digitais ou brinquedos.
  12. 12. O QUE SIGNIFICA A PALAVRA INFORMÁTICA Em 1957, o cientista da computação alemão Karl Steinbuch publicou um jornal chamado Informatik: Automatische Informationsverarbeitung (“Informática: processamento de informação”). Informática é um termo usado para descrever o conjunto das ciências da informação, estando incluídas neste grupo: a ciência da computação, a teoria da informação, o processo de cálculo, a análise numérica e os métodos teóricos da representação dos conhecimentos e de modelagem dos problemas. O significado palavra informática surge, em meados do século XXi (21), da junção de parte de duas outras palavras, informação e automática. Designa, assim, o processamento da informação por meios automáticos em simples impulsos binários . O meio mais comum da utilização de informática são os computadores que tratam informações de maneira automática.

×