Cluetrain teoria das redes

325 visualizações

Publicada em

Comunicação em Mídias Sociais: Estratégias e Tendências
Teoria das Redes - FAAP / 2012

1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
325
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cluetrain teoria das redes

  1. 1. Uma poderosa conversação global começou. Através da Internet, pessoas estão descobrindo e inventando novas maneiras de compartilhar rapidamenteconhecimento relevante. Como um resultado direto,mercados estão ficando maisespertos – e mais espertosque a maioria das empresas.
  2. 2. 95 Teses... Uma espécie de “Protesto”quemostra o impacto da Internet sobre o mercadoe o mundo dos negócios!“Mercados são conversações.” Todos querem ser comunicar, estamos em outro tempo, a passividade não tem mais lugar, as redes dão força. É preciso estar onde as coisas estão acontecendo para entendê-las!“Essas conversas em rede estão possibilitando o surgimento de poderosas novas formas de organização social e de troca de conhecimentos.”
  3. 3. “Estas conversações em rede estão permitindo formas novas e poderosas de organização social e de troca de conhecimento.” “Não existem segredos. O mercado em rede sabe mais que as empresas sobre seus próprios produtos. E tanto sendo a notícia boa ou ruim, eles dizem para todo mundo.”“Como resultado, os mercados estão ficandomais inteligentes, mais informados, maisorganizados. A participação em um mercadoem rede muda as pessoas fundamentalmente.”
  4. 4. “As corporações não falam na mesma voz que as novas conversações em rede. Para suas pretensas audiências online, as empresas parecem ocas, lisas, literalmente inumanas.” Novos meios de fazer negócios!“As empresas que imaginam que os mercadoson-line são iguais aos mercados quecostumavam assistir a seus anúncios natelevisão estão enganadas.”
  5. 5. “As empresas precisam perceber que seus mercadosestão rindo. Delas.” É preciso quebrar as barreiras da comunicação entre pessoas e empresas. #relacionamento“As empresas necessitam descer de suas torres de marfim e falar com as pessoas quem eles esperam criar relacionamentos.”
  6. 6. “A comunidade do diálogo é o mercado.” “Ao falar uma linguagem distante, não-convidativa,arrogante, as empresas estão construindo muros que mantêm os mercados a distância.” Transparência nas relações aliada às verdadeiras declarações! #aproximação “Mercados inteligentes irão achar fornecedores que falam sua própria língua.”
  7. 7. “As empresas instalam, de modo geral, as intranets de cima para baixo com o objetivo de divulgar políticas de RH e outras informações empresariais que os trabalhadores se esforçam por ignorar.”#Intranets restabelecem uma comunicaçãoverdadeira entre os funcionários Uma tentativa de regulamentar, direcionar o que as pessoas conversam, mas elas são humanas não querem apenas falar da empresa, querem falar da vida! Conversas em redes não podem ser mediadas por setores conservadores da empresas, precisam de liberdade para fluir naturalmente.“A paranóia mata a conversa. Esse é seu objetivo. Mas afalta de conversas abertas mata as empresas.”
  8. 8. “Nós estamos acordando e nos linkando. Nós estamos observando. Mas nós não estamos esperando.”“Como mercados, como trabalhadores,ficamos pensando qual o motivo pelo qualvocês não nos querem ouvir. Vocês parecem estarfalando em outra língua.” “Você está convidado, mas é o nosso mundo. Jogue seus sapatos pela janela. Se você quiser negociar conosco, desça do pedestal!” A voz de #todos... Expectativas no novo Mercado!
  9. 9. #comunicação_fail
  10. 10. Mercados são conversasTodos querem se comunicar, não à toa são mais de 800 milhões no Facebook. Mais de 100 milhões no Twitter Todos querem conversar!
  11. 11. “Não existem segredos. O mercado em rede sabe mais que asempresas sobre seus próprios produtos. E tanto sendo a notícia boa ou ruim, eles dizem para todo mundo.”Sites criados para falar sobre produtos, comunidades, grupos, fóruns, iniciativas que partem dos próprios consumidores emrede. Provavelmente eles sabem mais do que a empresa, sobre o que é legal e o que não é no produto.iPhone (diversos sites foramcriados para dar dicas sobre o produto) http://iphonedicas.com/ http://blogdoiphone.com/tag/dicas/http://www.dicasparaiphone.com/news/buscar-iphone/
  12. 12. “Uma tentativa de regulamentar, direcionar o que as pessoas conversam, mas elas são humanas não querem apenas falar da empresa, querem falar da vida” Ninguém quer apenas uma comunicação pasteurizada, todos querem a voz humana falada por humanos. Twitter do Pontofrio.com
  13. 13. “Nós estamos acordando e nos linkando. Nós estamos observando. Mas nós não estamos esperando.” Protesto contra a Brastemp http://www.youtube.com/watch?v=qPt1E_3g7ac
  14. 14. Skol cria lata com fotos de internautas do FacebookA Skol quer estreitar o relacionamento com os internautas no Facebook.Para isso, a marca criará latas com imagens dos fãs que enviarem fotosde seus melhores momentos para a página da cerveja na rede social.
  15. 15. “As empresasprecisamperceber queseus mercadosestão rindo.Delas”
  16. 16. Lidiane GuedesViviani OliveiraComunicação em Mídias Sociais: Estratégias e TendênciasTeoria das Redes - FAAP / 2012

×