Pontuação

816 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
816
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pontuação

  1. 1. PONTUAÇÃO
  2. 2. Descubra a diferença de sentido das frases abaixo: A vírgula A vírgula pode ser uma pausa… ou não. Não, espere. Não espere. Ela pode sumir com seu dinheiro. 23,4. 2,34. Pode ser autoritária Aceito, obrigado. Aceito obrigado. Pode criar heróis Isso só, ele resolve. Isso só ele resolve. E vilões Esse, juiz, é corrupto. Esse juiz é corrupto. Ela pode ser a solução Vamos perder, nada foi resolvido. Vamos perder nada, foi resolvido. A vírgula muda uma opinião Não queremos saber. Não, queremos saber. Uma vírgula pode mudar tudo. ABI 100 anos lutando para que ninguém mude nem uma vírgula de sua informação.
  3. 3. EMPREGO DA VÍRGULA ,  01. Para separar os termos da mesma função, assindéticos:  "Vim, vi, venci."  02. Para isolar o vocativo:  "João, onde está o feijão?"  03. Para isolar o aposto explicativo:  "FHC, ex-presidente, manteve o hábito de viajar muito."  04. Para assinalar a inversão dos adjuntos adverbiais:  "Por impulso instantâneo, toda a equipe comemorou "  Diante de todos os convidados, o casal disse sim.“ Sendo o adjunto adverbial expresso por apenas um simples advérbio, pode-se dispensar a vírgula, ainda que venha deslocado: "Hoje, completamos mais um ano de vida". "Hoje completamos mais um ano de vida".  05. Para marcar a elipse do verbo:  "João e Maria comeram feijão, arroz, farinha e beberam suco, refrigerante, caldo de feijão."  06. Nas datas:  "Recife, 23 de novembro de 2000."  07. Para isolar certas palavras ou expressões explicativas, corretivas, continuativas, conclusivas, tais como “por exemplo, além disso, isto é, aliás, então, etc”.  08. Para isolar as conjunções adversativas porém, todavia, contudo, no entanto; e as conjunções conclusivas logo, pois, portanto.  "Ao sair do lugar, contudo, teve alguns problemas.
  4. 4. EMPREGO DO PONTO E VÍRGULA ;  01. Para separar orações independentes que têm certa extensão, sobretudo se tais orações possuem partes já divididas por vírgula:  "Uns trabalhavam, esforçavam-se, exauriam-se; outros folgavam, descuidavam-se, não pensavam no futuro."  02. Para separar as partes principais de uma frase cujas partes subalternas têm de ser separadas por vírgulas:  "Recife e Olinda são cidades de Pernambuco; Petrópolis, Teresópolis, Friburgo, do Rio de Janeiro.  03. Para separar os diversos itens de uma lei, de um decreto, etc.  "Art.12. Os cargos públicos são providos por:  I - Nomeação;  II - Reversão;
  5. 5. EMPREGO DO PONTO FINAL  01. Final de uma frase:  A família representa tudo na vida de uma pessoa.  02. Nas abreviaturas:  d.C - depois de Cristo
  6. 6. EMPREGO DOS DOIS PONTOS  01. Para anunciar a fala do personagem:  O militar ordenou: - Todos para a flexão!  02. Para anunciar uma enumeração:  Alguns homens preferem as seguintes opções de vida: lazer, dinheiro, uma boa mulher, futebol, feijão e muita saúde para viver intensamente.  03. Para anunciar uma citação:  "Aristóteles dizia a seus discípulos: Meus amigos, não há amigos."
  7. 7.  PONTO DE INTERROGAÇÃO  É o sinal que se coloca no fim de uma oração para indicar uma pergunta direta:  Quem quer feijão?  PONTO DE EXCLAMAÇÃO  Emprega-se depois das interjeições ou depois de orações que designam espanto, admiração:  "Quantos gols! Esse time é muito bom!
  8. 8.  RETICÊNCIAS  Indicam interrupção ou suspensão do pensamento ou, ainda, hesitação ou falta de necessidade de exprimi-lo:  "Quem conta um conto..."  "Se todas as mulheres fossem iguais.... Ficariam os homens menos satisfeitos...“  PARÊNTESES  Servem os parênteses para separar palavras ou frases explanatórias, intercaladas no período:  "Estava Mário em sua casa (nenhum prazer sentia fora dela), quando ouviu baterem..."
  9. 9.  TRAVESSÃO  É um traço de certa extensão, maior do que o hífen, que indica a mudança de interlocutor:  - Quem é?  - Sou eu.  - Eu quem?  ASPAS  Usam-se as aspas:  A) No princípio e no fim das citações, para distingui-las da parte restante do discurso:  Um sábio disse:"Agir na paixão é embarcar durante a tempestade."  B) Para distinguir palavras e expressões estranhas ao nosso vocabulário:  João vive num verdadeiro "trash".  C) Para dar ênfase a palavras ou expressões:  A palavra "sexo" está presente 24h na mente masculina.
  10. 10. O Testamento Um homem rico, sem filhos, sentindo-se morrer, pediu papel e caneta e escreveu assim: “Deixo meus bens à minha irmã não a meu sobrinho jamais será paga a conta do mecânico nada aos pobres”. Não teve tempo de pontuar – morreu. Eram quatro concorrentes. Chegou o sobrinho e fez estas pontuações numa cópia do bilhete: “Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho. Jamais será paga a conta do mecânico. Nada aos pobres.” A irmã do morto chegou em seguida com outra cópia do testamento e pontuou assim: “Deixo meus bens à minha irmã. Não a meu sobrinho. Jamais será paga a conta do mecânico. Nada aos pobres.” Apareceu o mecânico, pediu uma cópia do original e fez estas pontuações: “Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga a conta do mecânico. Nada aos pobres.” Um juiz estudava o caso, quando chegaram os pobres da cidade. Um deles, mais sabido, tomou outra cópia do testamento e pontuou deste modo: “Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga a conta do mecânico? Nada! Aos pobres.” (Adaptado de Amaro Ventura e Roberto Augusto Soares Leite. Extraído do livro Gramática, texto, reflexão e uso. Cereja e Magalhães)
  11. 11. Justifique o uso da pontuação correlacionando os números abaixo: O personal trainer original foi seguido pelo personal stylist (1 que ensina a se vestir) e pela personal organizer (que no começo cuidava de pôr uma casa em ordem, 2 mas hoje em dia ocupa um papel praticamente de mãe substituta do cliente).3 E a lista não pára de crescer bem como a criatividade na hora de dar um rótulo (em inglês, evidentemente) à atividade. O carioca Cid Nunes de Souza, por exemplo, 4 é ‘personal car’, escrito e apresentado assim mesmo. (...)5 Outra consultoria em franca expansão é a de personal diet care, um nutricionista particular que monta o cardápio do dia-a-dia para quem tem algum problema de saúde, quer perder peso ou simplesmente não tem tempo nem paciência de planejar as refeições da família. (...) No quesito estética, complementa o trabalho do personal stylist o personal make-up stylist,6 um maquiador que além de pintar o rosto da cliente, dá aula particular de automaquiagem – cerca de 1.200 reais por três horas ... Em Belém,7 uma especialidade em alta é o personal dancer – ou um dançarino de aluguel, como se promove Wemerson Santos, indo na contramão do idioma dominante. “8 Sempre sobra muita dama nas festas. Então, elas contratam um dançarino para acompanhá-las” , explica ele...9 Veja, 15 out. 2003. ( ) vírgula para assinalar a inversão do adjunto adverbial (termo que indica circunstância de tempo,lugar...). ( ) vírgula para explicar um termo anterior. ( ) vírgula para isolar certas palavras ou expressões explicativas, corretivas, continuativas, conclusivas. ( ) parênteses para separar palavras ou frases explanatórias. ( ) vírgula para separar as orações coordenadas ligadas por conjunções ( ) este símbolo (...) indica que algo do texto original foi omitido ( ) ponto para indicar final de um período . ( ) aspas para indicar uma citação. ( ) reticências para indicar interrupção ou suspensão do pensamento .
  12. 12. Justifique o uso da pontuação correlacionando os números abaixo: O personal trainer original foi seguido pelo personal stylist (1 que ensina a se vestir) e pela personal organizer (que no começo cuidava de pôr uma casa em ordem, 2 mas hoje em dia ocupa um papel praticamente de mãe substituta do cliente).3 E a lista não pára de crescer bem como a criatividade na hora de dar um rótulo (em inglês, evidentemente) à atividade. O carioca Cid Nunes de Souza, por exemplo, 4 é ‘personal car’, escrito e apresentado assim mesmo. (...)5 Outra consultoria em franca expansão é a de personal diet care, um nutricionista particular que monta o cardápio do dia-a-dia para quem tem algum problema de saúde, quer perder peso ou simplesmente não tem tempo nem paciência de planejar as refeições da família. (...) No quesito estética, complementa o trabalho do personal stylist o personal make-up stylist,6 um maquiador que além de pintar o rosto da cliente, dá aula particular de automaquiagem – cerca de 1.200 reais por três horas ... Em Belém,7 uma especialidade em alta é o personal dancer – ou um dançarino de aluguel, como se promove Wemerson Santos, indo na contramão do idioma dominante. “8 Sempre sobra muita dama nas festas. Então, elas contratam um dançarino para acompanhá-las” , explica ele...9 Veja, 15 out. 2003. (7 ) vírgula para assinalar a inversão do adjunto adverbial (termo que indica circunstância de tempo,lugar...). (6 ) vírgula para explicar um termo anterior. (4 ) vírgula para isolar certas palavras ou expressões explicativas, corretivas, continuativas, conclusivas. (1 ) parênteses para separar palavras ou frases explanatórias. ( 2 ) vírgula para separar as orações coordenadas ligadas por conjunções ( 5 ) este símbolo (...) indica que algo do texto original foi omitido ( 3) ponto para indicar final de um período . ( 8 ) aspas para indicar uma citação. ( 9 ) reticências para indicar interrupção ou suspensão do pensamento .

×