Digital Definitivo

1.470 visualizações

Publicada em

Guia de mídia digital

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.470
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
34
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Digital Definitivo

  1. 1. COMO SURGIU A FOTOGRAFIA?
  2. 2. <ul><li>Já era conhecido desde a antiguidade. </li></ul><ul><li>Aristóteles descreveu a projeção da imagem invertida. </li></ul><ul><li>O ótico árabe Al Azen escreveu sobre o assunto no Séc. XI. </li></ul><ul><li>Pintores renascentistas retratistas se utilizavam de câmaras lúcidas e câmaras escuras para desenhar sobre a imagem projetada. </li></ul>FENÔMENO ÓTICO
  3. 3. FENÔMENO QUÍMICO <ul><li>os alquimistas medievais chamavam o cloreto de prata de “luna cornata” . </li></ul><ul><li>O nitrato de prata era utilizado para tingir marfim, madeira, penas e também os cabelos. </li></ul>
  4. 4. A primeira fotografia foi obtida por Josef-Nicéphore Niepce, em 1826.
  5. 5. Fotografia Digital A imagem pode ser registrada de várias maneiras: 1) Processo fotoquímico: Fotografia convencional, cinema, fotolitos, Raios X, etc... 2) Por campo eletromagnético: fitas de audio, fitas VHS. 3) Por sistema digital. Não é difícil iniciar-se na fotografia. A maneira mais fácil é começar a fazer fotografias com câmaras digitais. Estas câmeras funcionam de forma similar às câmaras convencionais - exceto pelo fato de gravarem as imagens em um meio digital ao invés de filme.
  6. 6. O que é uma imagem digital? É uma imagem cujos elementos são representados por números. Longas séries de números. Quais são esses elementos que formam uma imagem digital?
  7. 7. PIXEL Ou picture element Cada PIXEL forma uma imagem digital. Sua posição e cor são representados por uma série de números. Por isso imagens digitais são também chamadas imagens binárias ou imagens raster.
  8. 8. Cada PIXEL tem só uma cor, alocada em uma só posição. O conjunto forma uma imagem pictórica = figura.
  9. 9. Como uma imagem digital pode ser criada? Basicamente por 3 processos: 1. imagem gerada por um programa, ex: Corel e A dobe . 2. imagem escaneada de um original. 3 . i magem gerada por câmera digital.
  10. 10. Breve Histórico <ul><li>1920 - início da transmissão de imagens Londres - New York pelo cabo submarino- 3 horas . </li></ul><ul><li>1957 - Russel Kirsch , NBS- “escaneou” a primeira imagem e introduziu em um computador. </li></ul><ul><li>1964 - NASA-Jet Propulsion Lab. Receberam as primeiras imagens enviadas pelas câmeras da Mariner 7 . </li></ul>
  11. 11. <ul><li>1981 - Sony introduz no mercado mundial a Mavica. </li></ul><ul><li>1981 - IBM apresenta sistema operacional MS-DOS. </li></ul><ul><li>1984 - Apple introduz os computadores Macintosh. </li></ul><ul><li>1985 - Thunderscan e MacVision- scanners de baixa resolução e baixo custo. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>1986 - placas TrueVision /Targa -imagens coloridas. </li></ul><ul><li>1987 - Macintosh II - 16,7 milhões de cores no monitor. </li></ul><ul><li>1988 - novos periféricos para Mac: slides printer, scanners para cromos 35mm, impressoras coloridas, ImageStudio -soft para manipulação de imagens P&B, etc. </li></ul>
  13. 13. <ul><li>1989 - arquivos JPEG são adotados como padrão. Microsoft inicia o Windows 3.0. </li></ul><ul><li>1990, 29 de novembro. Guerra do Golfo . </li></ul><ul><li>1991 até hoje. Aparecimento de diversos modelos avançados de câmeras digitais: SinarScitex - PhaseOne - Dicomed - Kodak / Nikon, Canon, Epson, etc. </li></ul>
  14. 14. O que é a C âmera Digital para um Computador? <ul><li>É um componente de hardware de entrada , como um “scanner”, que depende de seu so ftware específico para interface. </li></ul><ul><li>software específico </li></ul><ul><li>= </li></ul><ul><li>programa proprietário </li></ul><ul><li>(próprio para cada modelo de câmera) </li></ul>
  15. 15. Câmeras Digitais: Como funcionam? <ul><li>Câmeras digitais, não importa modelo ou fabricante usam um CCD ( charge coupled device ). </li></ul><ul><li>O CCD é formado por um grande número de elementos sensíveis à luz, chamados PIXEL . </li></ul><ul><li>Um PIXEL , quadrado ou retangular, mede de 6 a 15 microns. </li></ul>
  16. 16. Conceitos sobre o CCD Resolução: é o produto do número de pixels do CCD. Horizontal :13 pixels Vertical : 4 pixels Resolução : 52 pixels
  17. 17. Em câmeras reais: 2048 x 1536 2048 x 1360 1024 x 768 640 x 480 2048 x 2048 2048 x 3072 4000 x 4000 2048 x 3072
  18. 18. Câmeras e Megapixel O número de pixels e sua resolução é expresso na ordem de milhões de pixels, ou Megapixels. 1 MEGA= 1 MILHÃO Exemplo: Canon A 70, com 2048 x 1536 = 3,14 x 10 6  3,1 MegaPixel Exemplo: Sinarback 2x3, com 2048 x 3072 = 6,28 x 10 6  6,2 MegaPixel
  19. 19. Conceitos sobre o CCD Profundidade de cor: determina quantas cores são combinadas para a representação de cada pixel da imagem. Em uma imagem “colorida” cada pixel tem sua cor determinada pela composição de RGB. (vermelho, verde, azul)
  20. 20. Profundidade de Cor. Determina quantos tons podem ser usados na representação de uma imagem digital. 1 bit = 2 1 = 2 tons (preto e branco) 2 bit = 2 2 = 4 tons (cinza) 8 bit = 2 8 = 256 tons (cinza) ou uma cor 24 bit = 3 byte = 256 3 = 16 x10 6 de cores RGB 32 bit= 4 byte = 256 4 = 4 x 10 9 de cores CMYK
  21. 21. 1 Bit 2 tons para a representação de cada PIXEL
  22. 22. 2 Bits 4 tons para a representação de cada PIXEL
  23. 23. 8 Bits 256 tons para a representação de cada PIXEL
  24. 24. 24 Bits ou 3 Bytes 256 3 = 16 milhões de cores para cada PIXEL
  25. 25. A câmera digital funciona da mesma forma que a analógica. Só que ao invés de filme, usa um CCD .
  26. 26. A QUALIDADE DA IMAGEM GERADA NA CÂMERA DEPENDE DA QUALIDADE DO CCD
  27. 27. Formas de Captação Digita l <ul><li>1. Matrix monocromática. </li></ul><ul><li>2 . Matrix RGB. </li></ul><ul><li>3 . Escaneamento RGB. </li></ul>
  28. 28. Matrix Monocromática
  29. 30. Matrix RGB
  30. 31. Pixel
  31. 35. Escaneamento RGB
  32. 36. Sistema de Operação Exemplo de imagem analógica; maior intensidade de luz , maior voltagem
  33. 37. LATITUDE DE CAPTAÇÃO Capacidade de captar mais detalhes em zonas de altas e baixas luzes: sombras e luzes Filme negativo = 6 pontos Filme cromo = 4 pontos CCD = 2 pontos
  34. 40. Programas e arquivos Jpeg = único programa universal padronizado. Criado p ela International Standarization Organization – ISO. Utiliza algoritmos de agrupamento por aproximação. Arquivos genéricos: tiff, raw, psd, etc. Câmeras prós = jpeg, tiff, raw (próprio) Câmeras compacta s = jpeg
  35. 41. Nas câmeras profissionais, além de arquivos padrão, os programas internos geram usualmente um formato específico: RAW (crú).
  36. 42. O RAW é a tradução quase exata do que cada pixel “vê”, com um mínimo de compressão
  37. 43. Extens ões de Jpeg DUAS FAMÍLIAS: Exif (equipamento) e Jfif (aplicativos) CIMA (associação de fabricantes) Exi f = parâmetros de origem (câmera) E xif 2.2 ou ExifPrint = última geração Pode m ser agregadas outras infos: Dpof = dados de impressão a partir do aparelho Ipct = legendagem de fotos (imprensa)
  38. 44. Memória ROM (Read Only Memory) É um “chip”, o usuário não pode gravar informações nessa memória. Na ROM ficam armazenadas informações básicas sobre o sistema. A informação armazenada na ROM não é volátil, e seu conteúdo se mantém mesmo quando o computador é desligado.
  39. 45. Memória RAM (Random Access Memory) É o “chip” que permite que informações sejam lidas e gravadas tanto pelo usuário, através dos aplicativos, quanto pelo sistema. É na RAM que os resultados dos processamentos são provisoriamente armazenados. Ao contrário da ROM , seu conteúdo é volátil, desaparecendo quando o computador é desligado.
  40. 46. TIPOS DE CARTÕES
  41. 47. Memória Memória de armazenamento de massa São sistemas onde os dados são permanentemente armazenados. Exemplos: HD, disquetes, CD-ROM.. Uma característica importante desse tipo de memória é o tempo de acesso, longo quando comparado com a memória RAM .
  42. 48. APLICATIVOS <ul><li>Os mais comuns são: </li></ul><ul><li>Adobe Photoshop (fotografias), Corel Draw (ilustração) e Pagemaker (diagramação de textos) </li></ul>
  43. 49. Um aplicativo típico é o Adobe Photoshop .
  44. 50. Permite a realização de alteração artística
  45. 51. 1. velocidade. 2. Redução drástica de custos em filmes, revelação, etc. Velocidade nos resultados. 3. Implantação cara : equipamento e tempo. 4. Depreciação acelerada do equipamento. 5. Custo alto de arquivamento digital. 6. Qualidade inferior. 7. Conhecimento especializado. 8 . Clientes, escaners, fotolitos, fotógrafos. 9. Gerenciamento de cor Prós, contras e dificuldades .
  46. 52. QUESTÕES ATUAIS <ul><li>O futuro da fotografia tradicional (filme) </li></ul><ul><li>Até o presente momento, a Tecnologia Digital tem contribuído para avaliar melhor o custo, desempenho e linguagem da fotografia analógica. Para muitos casos, como imprensa e editoração ela tem encontrado ampla aceitação. Mas, para trabalhos que requerem maior cuidado, pouca demanda, alta definição e não tão dependentes de velocidade, a versão analógica ainda é mais econômica. </li></ul>
  47. 53. <ul><li>2.Espaço e custo para arquivo de Banco de Imagens. </li></ul><ul><li>3.Mercado mundial de prata. </li></ul><ul><li>4.Aplicações nas ciências e nas artes, “retorno” da obra abstrata. </li></ul><ul><li>5.Questões éticas. </li></ul><ul><li>Fontes de Consulta : Centro de Comunicações e Artes – SP. Instituto de Física,USP/SP. Instituto de Tecnologia de Rochester, NY. </li></ul>
  48. 54. DIREITO DE IMAGEM
  49. 55. MANIPULAÇÃO
  50. 60. Foto de Brian Walsky Los Angeles Times

×