Mexico historia educação e simbolos patrios

4.550 visualizações

Publicada em

Projeto Copa 1 Semestre 2012

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.550
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mexico historia educação e simbolos patrios

  1. 1. História, Educação e Símbolos Pátrios
  2. 2. O começo da história do México, reside nos seus  valores e crenças, transmitidos pelas culturas iniciais,  nomeadamento com o peridoso que se iniciou com o  período pré-agrícola, fase caçadora / recolectora dos  nómadas aborígenes e aparece associada a uma  cerâmica tosca e primitiva para o armazenamento dos  alimentos.    À medida que estas civilizações iam tomando rumo,  outras iam surgindo, como as mesoamericanas, como  a Mixteca, o zapoteca, o Olmecas, o Toltec, em todo o  território.    Mais tarde foram emergindo novas civilizações, que  deram inicio ás práticas militares.
  3. 3.   Época Pré Clássica (1325 - 1521)1325 – Os Aztecas fundam a cidade de Tenochtitlan (hoje México).1517 – Chega a expedição de Hernández de Córdoba à costa de Yucatán.Fevereiro de 1519 – Diego de Velázquez que era o Governador de Cuba manda a Hernán Cortés à costa de Yucatán.Abril de 1519 – Hernán Cortés funda o primeiro povoado espanhol no México chamado Villa Rica de Vera Cruz e começa sua expedição rumo ao centro do México.Novembro de 1519 – Os espanhóis chegam em Tecochtitlan e são bem recebidos por seu governante Moctezuma II.Novembro de 1519 – Moctezuma é feito prisioneiro.Maio de 1521 – Os espanhóis começam a apoderar-se de povoados aztecas e començam o estado sítio de Tenochtitlan.Agosto de 1521 – Cai Tenochtitlan.
  4. 4. A Colônia (1524 - 1810)1524 – Chegam os primeiros frades Franciscanos.1535 – O território se define como Vice-reinado, ficando com ocargo de primeiro vice-rei Don Antonio de Mendoza.1539 – Foi introduzida no país a primeira imprensa.1571 – Foi estabelecido o Tribunal do Santo Ofício da Inquisição.
  5. 5. Época da Independência  (1800 - 1571)1800 – 1810 – Nascem as primeira juntas para conspirar contra o Vice-reinado, entreas mais importantes a de Valladolid e a de Querétaro à frente do corregedor Domíngueze sua esposa Josefa.16  de  setembro  de  1810 – O padre Miguel  Hidalgo  dá o Grito en Dolores paracomeçar com a luta pela independência do México acompanhado de Ignacio Allende.1811 – Em Puente de Calderón os insurgentes são derrotados e vão ao Norte ondeapressam Miguel Hidalgo, Aldama e Abasolo, julga-os, fuzilam e decapitampendurando suas cabeças nas esquinas de Alhóndiga de granaditas.1812 – José María Morelos toma o comando do exército independente e faz suacampanha no Sul do país.1813 – Morelos convoca o primeiro Congresso Independente.1814 – O congresso reconhece a Constituição de Apatzingán inspirada na ConstituiçãoFrancesa e a Espanhola.1815 – Morelos foi derrotado, aprisionado e fusilado.1817 – Francisco Xavier Mina, Mier e Terán, Vicente Guerrero e Torres continuarão aluta pela Independência.
  6. 6. 1821 – Agustín de Iturbide promulgou o Plan de Iguala ou das Três Garantias, queproclamava: uma religião única, união de todos os grupos sociais e independência doMéxico com monarquia constitucional.Agosto de 1821 – Juan de O´Donojú vice da nova Espanha, assinou o Tratado deCórdoba que ratificava o Plan de Iguala.Setembro de 1821 – O exército Trigarante faz sua entrada triunfal no México, eMéxico é proclamado país independente. México Independente  (1821 - 1876)1822 – Iturbide foi proclamado Imperador pelo que se estabeleceu o primeiro ImpérioMexicano, mas sem o apoio da população.1823 – Foi estabelecido o Congresso Constituinte a fim de redigir uma novaConstituição.
  7. 7. 1824 – Foi estabelecida a nova Constituição estabelecendo assim, a República Federal.1824 – Guadalupe Victoria foi nomeado o primeiro Presidente da República.1833 - 1855 – Antonio López de Santa Anna ocupa 11 vezes a Presidência daRepública.1835 – Por causa de problemas com os texanos, o estado do Texas foiproclamado independente.1838 – México foi atacado pela primeira vez pela França na chamada Guerra de losPasteles, onde os franceses reclamavam o pagamento pela destruição depropriedades francesas. México assinou a paz pagando 600 mil pesos.1846 - 1848 – Se desenvolve a guerra contra os Estados Unidos, a qual culmina com aassinatura do Tratado de Guadalupe onde o México reconhece a independência dosestados Novo México e Califórnia.13  de  setembro  de  1847 – Durante a Guerra contra os Estados Unidos ocorre umforte combate no Castelo de Chapultepec, morrendo vários jovens cadetes do ColégioMilitar pelo que se deu o nome de dia dos Niños Heroes.1853 – Santa Anna governa pela última vez e impõe uma ditadura.
  8. 8. 1854 – Florencio Villareal promulga o Plan de Ayutla para acabar com a ditadura,convocar um Congresso e organizar o país como República Representativa e Federal.1857 – Foi aprovada a nova Constituição de 1857.1858  –  1861  – Sendo Benito Juárez presidente da República, desata a Guerra daReforma entre liberais (a favor da Constituição) e os conservadores.1859 – Benito Juárez expede a Leis de Reforma.1859 – Benito Juárez suspende os pagamentos da dívida externa por isso os francesesdecidem atacar o México a fim de que os pague.1859 – Benito Juárez expede a Leis de Reforma.5 de maio de 1862 – O exército mexicano sob ordem de Ignacio Zaragoza obtém umavitória frente aos franceses numa batalha na cidade de Puebla.1864 – Maximiliano chega ao México por ordem de Napoleão III, para instalar oSegundo Império favorável a França.1867 – Maximiliano foi capturado e fusilado no Cerro das Campanas, Querétaro. Tomaa presidência Benito Juárez.
  9. 9. Porfiriato (1876 – 1910)1876 – Porfiro Díaz assume a presidência da República, terminando seu poder em 1911 edurante estes anos seu poder só foi interrompido duas vezes, seu mandato durou 30anos no total.1892 - 1896 – Durante a presidência de Porfirio Díaz fora, construídos mais de 20.000km de vias férreas no país, assim também foi construída a rede telegráfica.1910 – Francisco I. Madero funda o partido Anti-reelecionista contra Porfírio Díaz epostula a presidência para as eleições de 1911. Revolução (1910 – 1917)1910 – Francisco I. Madero promulga um plano revolucionário chamado Plan de SanLuis, onde desconhece Porfiro Díaz como presidente e ínsita a população a levantaremas armas em 20 de novembro.1911 – Emiliano Zapata promulga o Plan de Ayala a fim de que se restituir as terras aosindígenas.1913 – Victoriano Huerta trai Madero no que se chama “Decena Trágica”, por essa razãoMadero é preso e assassinado.
  10. 10. 1913  -  1914  – Contra Huerta, Francisco Villa e Venustiano Carranza realizanlevantamentos no norte e Emiliano Zapata no sul.1915 –Venustiano Carranza é nomeado Presidente da República.1916  – Os líderes revolucionários se reúnem em Querétaro para formular uma novaConstituição.5 de fevereiro de 1917 – É promulgada a nova Constituição de 1917. México Contemporâneo (1917 – 2003)1926 – O presidente Plutarco Elías Calles lanza um decreto chamado “Ley de Calles”,onde tiraram os direitos da Igreja, o que desencadeou a Guerra cristera que terminouem 1929.18  de  março  de  1938  – Durante a presidência de Lázaro Cárdenas levou a cabo aExpropriação Petroleira.1942  – Durante a Segunda Guerra Mundial, submarinhos alemães afundaram doisbarcos mexicanos, por esse motivo, o Presidente Manuel Ávila Camacho declara guerraaos países do eixo e manda o Esquadrão 201 participar da guerra se unindo aos aliados.
  11. 11. 1968  – A ponto de começar as olimpíadas no país, estala a violência por parte dogoverno contra um movimento estudantil na Plaza de las Tres Culturas na cidade doMéxico causando muitas mortes.1982 – O presidente José López Portillo nacionaliza La Banca.1994 – O então presidente do México, Carlos Salinas de Gortari, assina juntamente comos Estados Unidos e Canadá, o Acordo de Livre Comércio da América do Norte (Nafta)entra em vigor em 01/01/1994.Estabelecem vantagens no acesso aos mercados (fim de tarifas e barreiras alfandegárias,compras governamentais), regras de comércio (tipos de proteção, padrões e leis contrapráticas desleais de comércio), e serviços (regras de negociação, serviços financeiros, deseguro, transporte e telecomunicações, entre outros).É um acordo que não estabelece uma zona de livre comércio entre os três países, masreduz cerca de 20 mil tarifas, em um prazo máximo de 15 anos. Prevê o corte das tarifasalfandegárias de mais da metade dos produtos comercializados entre os três países.1994 – O Exército Zapatista de Libertação (EZLN) sob ordem do SubcomandanteMarcos lutam para que se respeitasse os direitos indígenas.2000  – Depois de 70 anos no poder, o Partido  Revolucionário  Institucional (PRI) perde as eleições, ganhando o Partido  Acción  Nacional  (PAN) com ocandidato Vicente Fox Quezada que ocupou a presidência em dezembro deste ano.
  12. 12. 2006 – Felipe de Jesús Calderón Hinojosa da Silva Feliciano Botelho Pinto (Morelia, 18 de agosto de 1962) é um advogado epolítico mexicano. É o sexagésimo quinto e atual presidente do México desde 2006. Durante a campanha, seu principal adversário foi o centro-esquerdista Andrés Manuel López Obrador do Partido da Revolução Democrática (PRD). A apuração concedeu vitória apertada de Calderón, masLópez Obrador não aceitou o resultado e prometeu contestá-lojudicialmente. Mesmo assim, Calderón foi empossado na presidência em 1 de dezembrode 2006. Ele tem como alvo principal o combate ao tráfico de drogas no México,um deseus maiores problemas. 2010 – Bicentenário de Independência e Centenário da Revolução Mexicana.Governo conduz celebrações pelos 200 anos de independência do México, mas boa parte da população não vê motivos para comemorar emfunção dos problemas que o país enfrenta.Este é um dos atos oficiais mais importantes no México, repetidoanualmente tanto na capital como em outras cidades do país e até mesmo no exterior. Em 2010, ano dobicentenário da proclamação, no entanto, a lembrança da independência é motivo de umdebate especial entre os mexicanos.
  13. 13. Educação no México Origem: Wikipédia
  14. 14. As primeiras escolas do Novo México foram fundadasdurante o século XVI por missionários espanhóis. O Novo México instituiu um sistema de escolas públicas durante ofinal do século XIX. Atualmente, todas as instituições educa-cionais no Novo México precisam seguir regras e padrõesditadas pelo Conselho Estadual de Educação do Novo México.Este conselho controla diretamente o sistema de escolaspúblicas do Estado, que está dividido em diferentes distritos escolares.Nas cidades, a responsabilidade de administração do sistema escolarpúblico são dos distritos municipais, enquanto que em regiões menosdensamente habitadas, esta responsabilidade é dos distritosEscolares operando em todo o condado em geral. O Novo Méxicopermite a operação de escolas charter - escolas públicas indepen-dentes, que não são administradas por distritos escolares, mas quedependem de verbas públicas para operarem. Atendimento escolar é compulsório para todas as crianças e adolescentes com mais de cinco anos deidade, até a conclusão do segundo grau ou até os dezessete anos de idade.
  15. 15. A educação é gratuita e obrigatória, Educação não superiordesde os 6 aos 14 anos. O ensinoMexicano divide-se em: pré-escolar, em Educação Pré-escolarinfatários e jardins-de-infância, privados A educação pré-escolar inicia-ou publicos; no Primário, também é se aos quatro anos, e temgratuito, obrigatório, misto e laico, duração de dois anos.dividido em 6 anos; logo depois vem osecundário , a partir dos 14 anos, em dois Educação primária ciclos, o primeiro de três anos e o O ensinosegundo de dois anos ( o primeiro ciclo primário corresponde àsubdivide-se num ramo técnico e duração de seis anos. Estacomercial de formação profissional e o compreende três tipos desegundo, será o clássico que tem como serviços: geral, indigena, etitulo o Bacharel em ciências ou letras); cursosTêm-se também o ensino universitário comunitários. Qualquer queque são autónomos e não dependem seja o tipo de ramo escollhido,da Secretaria da educação Pública. é de grande importância e fundamental para se entrar no ensino secundário. A prioridade central no ensino primário encontra-se na escrita, na leitura e na expressão oral.
  16. 16.  Educação Secundária  A formação secundária geral dura os cinco anos, com um ciclo inicial de três anos. Nos do tipo clássico, o segundo ciclo é bifurcado admitindo especialização no ramo das humanidades ou no das ciências. No mesmo plano encontra-se o ensino normal, com três anos de estudos e o dos colégios militar e naval.Após o primeiro ciclo em qualquer uma destas escolas, o aluno ganha um certificado que lhe proporciona numerosas profissões.No segundo ciclo, com dois anos complementares o aluno adquire um diploma profissional. Este habilita-os a prosseguirem estudos no Instituto Politécnico Nacional, sendo os estudos considerados com de nivel superior.A maior parte dos alunos dos cursos profissionais, sobretudo nas regiões rurais, recebe formção agrícola elementar, cultivando granjas de propriedade do Estado (parcelas escolares).
  17. 17. Educação superior A educação superior é posterior ao bacharelato ou equivalente epode ser universitária, tecnologica ou normal.A maior parte das universidades são autónomas, outras estão sob oGoverno estatal, federal ou por uma organização privada. As universidades mantidas pelos Estados normalmente lecionamcursos de direito, medicina, farmácia e técnica industrial. A Universidade Nacional do México, que se encontra na capital,leciona cursos de filosofia e letras, ciências, ciências sociais, economia,artes plásticas, música e pedagogia, para além do direito, da medicina,da farmácia e da técnica industrial. A finalidade principal da educação superior esta assente naprodução de bons profissionais, e em que todos eles sejam especializadosnas diversas áreas, como nas ciências, na tecnologias, e culturas, paraque se desenvolva e melhore a educação no México.
  18. 18. BrasãoBandeiraHino Nacional
  19. 19.  Adotada em 16 de setembro de 1968 até a data presente. Brasão de armas desenhado pelo arquitecto Francisco Eppens Helguera.
  20. 20. As cores da bandeira tiveram origem a partirda bandeira Do Exército das Três Garantias,que durou de 1821 até 1823. Originalmente ascores tinham os seguintes significados:Verde: Independência (da Espanha)Branco: a religião (a religião, a católica romana fé)Vermelho: União (entre os europeus e norte-americanos)No entanto, o significado das cores mudou porcausa da secularização do país, que foiencabeçada pelo Presidente Benito Juarez. Ossignificados nova cor são as seguintes:Verde: EsperançaBranco: UnidadeVermelho: Sangue dos heróis nacionais
  21. 21. A figura do brasão do México provém de umaarte divinatória utilizada pelos antigos Astecas, aApantomancia. Que consiste na adivinhação feitaatravés a partir de qualquer objeto que apresentepresságio, assim como encontros estranhos entreanimais em geral. Adivinhos dessa antiga civilização,teriam visto uma águia voando de uma planta decactos carregando uma serpente viva. Isso, érepresentado no brasão do México até hoje.As ramas carregadas de frutos tenros que adornam obrasão na parte inferior em forma de crescente paracima rodeando-o, uma de azinheira à esquerda e outrade louro à direita - representando o Martírio e aVitória dos que deram a vida pela pátria mexicana, sãoenlaçadas por uma faixa listrada com as três cores daBandeira do México.Em um visão mais profunda e semiótica do brasão fazalusão ao domínio dos espanhóis e a luta dosmexicanos para conseguir sua liberdade eindependência.
  22. 22. O Hino  Nacional  do  México foioficialmente adotado em 1943. As letrasdo hino nacional, que aludem àsvitórias mexicanas no calor da batalha egritos de defender a pátria, foramcompostas pelo poeta FranciscoGonzález Bocanegra em 1853. Em1854, Jaime Nuno arranjou a músicaque agora acompanha o poemaGonzález.O hino, composto de dez estrofes e umrefrão, entrou em uso em 16 setembrode 1854. De 1854 até a sua aprovaçãooficial, a letra sofreu várias alteraçõesdevido às mudanças políticas no país.Oficialmente desde 1943, o hinonacional completo consiste do refrão,estrofe 1, verso 5, verso 6 e 10 versos.
  23. 23. Para concluir, deixo-vos umpoema de Amado Nervo (Poeta Mexicano) LA ARDILLA ” La ardilla corre, la ardilla vuela, la ardilla salta como locuela. Mamá, la ardilla- ¿No va a la escuela? Ven, ardillita, tengo una jaula que es muy bonita. -No, yo prefiero mi tronco de árbol y mi agujero”.

×