Edifício vertical 5x5x5

877 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
877
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Edifício vertical 5x5x5

  1. 1. UNIVERSIDADE PAULISTA EDIFÍCIO VERTICAL – UNIDADE HABITACIONAL 5 x 5 x 5Trabalho de Graduação Integrantes da equipe:Universidade Paulista – UNIP Rosany Albuquerque Biffi R.A.: B0320F-4Curso: Arquitetura e Urbanismo Thais Vasconcellos Jirschik R.A.: A94610-1Turma: AU3A/B12Disciplina: P.A. Habitação ColetivaData: 11 de Abril de 2012. CAMPINAS 2012
  2. 2. INTRODUÇÃO O projeto do Edifício Vertical, foi realizado através da união de duas tipologiasdistintas de Unidades Habitacionais, feitas a partir de módulos cúbicos de 5 x 5 x 5 m. Três era número máximo de módulos que poderiam ser utilizados. + = Tipologia 1 Tipologia 2 Edifício Vertical TIPOLOGIA 1: 2 módulos = 50 m2 e 250 m3. TIPOLOGIA 2: 3 módulos = 75 m2 e 375 m3. EDIFÍCIO VERTICAL: 8 U.H. Tipologia 1 = 400 m2 e 2.000 m3. 6 U.H. Tipologia 2 = 450 m2 e 2.250 m3. TOTAL DE 14 UNIDADES: 850 m2 e 4.250 m3.
  3. 3. TIPOLOGIA 12 Módulos50 m2250 m3
  4. 4. PARTIDO ARQUITETÔNICO Este projeto surgiu da necessidade de acomodar um grupo de nomáximo 4 pessoas em um espaço pré-determinado. Dos 3 cubos de 5mx 5m x 5m propostos, foram utilizados dois, dispostos lado a ladoformando uma área de 10m x 5m x 5m. A ideia partiu da possibilidadede proporcionar o aproveitamento da área sem modificar a forma epossibilitar uma face com o máximo de aberturas para que assim oacesso à unidade pudesse ocorrer de diversas formas.
  5. 5. PLANTAS
  6. 6. FLEXIBILIDADE de escolhade lay out e disposiçãodos ambientes.
  7. 7. CORTES
  8. 8. CARACTERÍSTICAS
  9. 9. ASPECTOS POSITIVOS DO PROJETO1. As aberturas ocorrem em apenas duas faces. Existe também a possibilidadede ocorrer somente na face leste, sendo assim a ventilação dos banheiros feitapor exaustão. 2. A prumada hidráulica ficou restrita nas duas extremidades da face oeste. 3. Mantendo a forma inicial proposta os eixos construtivos foram otimizados. 4. Divisórias internas que podem ser dispostas de acordo com a necessidadedo usuário. ASPECTOS NEGATIVOS DO PROJETO1. A volumetria não é favorecida pela forma.2. Não existe ventilação cruzada através de janelas opostas.3. Áreas em balanço que podem gerar problemas construtivos.
  10. 10. FOTOSMaquete 1:25 em papel Panamá cinza.
  11. 11. FOTOS DO TÉRREO
  12. 12. FOTOS DOPAVIMENTO SUPERIOR
  13. 13. TIPOLOGIA 23 Módulos75 m2375 m3
  14. 14. PARTIDO ARQUITETÔNICO Proposta de uma volumetria que criasse áreas comuns e privadas,através dos desníveis (diferenças de pé-direito) dos pavimentos,gerando ambientes flexíveis e de uso universal, cujos acomoda númerovariável de habitantes. Área de uso coletivo e acesso estão centralizados no pavimentointermediário.
  15. 15. PLANTAS
  16. 16. Possibilidade de 2 opções de acesso,de acordo com composição do edifícioe agrupamento.
  17. 17. Possibilidade de alteração do posicionamento e dimensões das aberturas, deacordo com tipologia da habitação coletiva e agrupamentos.
  18. 18. Área do Mezanino poderia ter outro uso sem ser o de Dormitório.Ex: Sala de Estudos, Sala de Tv, Oficina / Ateliê.
  19. 19. CORTES
  20. 20. CARACTERÍSTICAS
  21. 21. ASPECTOS POSITIVOS DO PROJETO1. Flexibilidade quanto ao número de habitantes e uso dos ambientes, de acordo com perfildo usuário e composição familiar, a fim de promover integração/privacidade. Ex.: Dormitórios isolados ou integrados através de porta de correr e cortina sobre trilhosna área coletiva que separa sofá - cama e permite que outras pessoas possam dormir naunidade.2. Versatilidade no mobiliário - Ex.: bancada/mesa sobre rodízios que altera layout da cozinha/área comum conforme necessidade.3. Aproveitamento das áreas com pé-direito duplo para locar ambientes coletivos e das com2,45 m para locais de permanência temporária (camas/dormir, banheiro) ou posicionamentoda circulação vertical (escadas).4. Sobreposição dos módulos de 5 x 5 m resultou em volumetria interessante da unidadehabitacional.
  22. 22. ASPECTOS NEGATIVOS DO PROJETO1. Presença de uma grande área em balanço, gerando problemas construtivos.2. Devido à sobreposição das formas (módulos de 5 x 5 m) e criação de níveis de pé-direito diferentes, houve a necessidade de projetar muitas escadas para realizar a circulação vertical, que comprometeu a disponibilidade de espaço para realização do lay out da unidade habitacional e a acessibilidade universal.3. Desalinhamento dos eixos hidráulicos da cozinha/lavanderia e banheiros.4. Insolação não é equitativa para os dormitórios devido à posição das fachadas em relação ao Norte - Térreo recebe maior incidência solar do que Pavimento 2 e seu mezanino.
  23. 23. FOTOSMaquete 1:25 em papel Panamá cinza.
  24. 24. FOTOS DA FASE INICIAL DA MAQUETE Dia 07/3/2012: início da Volumetria. Dia 19/3/2012: Definição da Volumetria final. Dia 19/3/2012: Maquete com escada principal. Dia 21/3/2012: Composição inicial de lay out.
  25. 25. FOTOS DA MAQUETE FINALIZADA Acesso 1 Acesso 2
  26. 26. FOTOS DA MAQUETE FINALIZADA
  27. 27. EDIFÍCIOVERTICAL14 Unidades Habitacionais850 m24.250 m3
  28. 28. PARTIDO ARQUITETÔNICO A criação deste edifício teve como partido a possibilidade de conciliaro acesso e as aberturas das diferentes unidades utilizadas. É compostopor 14 unidades com duas tipologias distintas sendo: 8 unidades daTipologia 1 (Laranjas) com 50 m2 cada e 6 unidades da Tipologia 2(Azuis) com 75 m2 cada. A Circulação deste edifício acontece através de um bloco deelevadores com duas unidades e escadas. Estes vão do primeiropavimento ou térreo até o décimo primeiro pavimento.
  29. 29. INFOGRÁFICOS PLANTAS
  30. 30. Tipologia 1 - 50 m2Tipologia 2 – 75 m2
  31. 31. Tipologia 1 - 50 m2Tipologia 2 – 75 m2
  32. 32. Tipologia 1 - 50 m2Tipologia 2 – 75 m2
  33. 33. Tipologia 1 - 50 m2Tipologia 2 – 75 m2
  34. 34. Tipologia 1 - 50 m2
  35. 35. INFOGRÁFICOS CORTES
  36. 36. Tipologia 1 - 50 m2Tipologia 2 – 75 m2
  37. 37. INFOGRÁFICOS ELEVAÇÕES
  38. 38. Tipologia 1 - 50 m2Tipologia 2 – 75 m2
  39. 39. CARACTERÍSTICAS
  40. 40. ASPECTOS POSITIVOS DO PROJETO1. Possibilidade de criação de novas aberturas nas unidades.2. Alinhamento em vários pontos dos eixos construtivos.3. Insolação e aberturas privilegiadas.4. Criação de um acesso único que favorece a todas as unidades.5. Criação de um espaço de convívio aberto (circulação horizontal) no acessoàs unidades. ASPECTOS NEGATIVOS DO PROJETO1. Existência de duas áreas em balanço gerando problemas construtivos.2. Desvio do eixo hidráulico no pavimento térreo.3. Excesso de circulação vertical devido a grande verticalidade das unidades.
  41. 41. FOTOSMaquete 1:100 em MDF cru e Circulação em sulfite branco.
  42. 42. FOTOS DA MAQUETE SEM CIRCULAÇÃO - PARA MOSTRAR ACESSOS DAS UNIDADES Tipologia 1 Tipologia 2 Elevação Frontal Aberturas em azul Acessos em vermelho
  43. 43. FOTOS DA MAQUETE COM CIRCULAÇÃO - MOSTRADA NA COR BRANCA Tipologia 1 Circulação Horizontal Circulação Vertical Tipologia 2 Bloco escadas Circulação Vertical Bloco elevador Elevação Oeste Tipologia 1 Acessos em vermelho Tipologia 2Vista Superior Elevação Norte
  44. 44. FOTOS DA MAQUETE COM CIRCULAÇÃO - MOSTRADA NA COR BRANCA Circulação Horizontal Tipologia 1 Circulação Vertical Bloco escadas Circulação Vertical Bloco elevador Tipologia 2 Elevação Sul Acessos em vermelho Tipologia 2 Tipologia 1 Tipologia 1Elevação Leste

×