• Dissertação de Mestrado •
Mestrado em Psicologia
Clínica e do Aconselhamento
2013 • 2014
Telma Paz
Estilos Parentais e o...
• Estilos Parentais
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
Padrões adotados pelos pais no relacionamento com os seus
filho...
• Estilos Parentais (modelo tripartido)
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
+ exigência, controlo
- sensibilidade, afec...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
• Estilos Parentais e o Rendimento Escolar
Filhos de pais
autoritativos
revelaram-s...
• Pertinência
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
Cultura
Contribuição de pais e filhos no estudo
(Baumrind, 1972; Dorn...
Gerais:
 Conhecer a perceção dos EP’s dos pais e respetivos filhos;
 Aprofundar a relação entre os EP’s e o rendimento e...
H1/ H8 O EP percecionado tem um efeito nos resultados escolares dos filhos.
H2 / H9 Não existem diferenças entre o género ...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
Conveniência
Escola pública (TEIP)
2º e 3º ciclo grande Lisboa
• Amostra
228 adoles...
N %
Estado Solteiro 19 10.30
civil Casado/União de
facto
127 69.00
Divorciado(a);
Separado(a);
Viúvo(a)
37 20.10
Escola At...
 Questionário Sociodemográfico
 PAQ (Morgado, et al, 2006) ( = .78; .77; .66)
Alpha Cronbach ( = .73)
 PAQ-P (Pires, ...
 Direção-Geral da Educação (DGE)
 Universidade Autónoma de Lisboa: pedido de autorização junto das escolas
 Consentimen...
21.34
42.74
30.53
26.79
36.90
34.19
Ep permissivo
Pais
Ep autoritativo
Pais
Ep autoritário
Pais
Ep permissivo
Filhos
Ep au...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
• Análise e Discussão de Resultados (pais)
(Dornbusch, et al., 1987;
Pires, 2011).
...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
(Baumrind, 1972; Rebecca, 2006)
Desempenho escolar Díade mãe-filho(a) Díade pai-fil...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
(Pires, 2011)
(Baumrind, 1971, 1991;
Dornbusch, 1987).
IdadeGénero
Não existem
dife...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
(Baumrind, 1971, 1991; Dornbusch, et al., 1987, 1991;
Rebecca, 2006; Steinberg, et ...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
• Conclusão
 Concluímos assim que, nesta amostra o EP autoritativo é o que mais
co...
Estilos Parentais e Rendimento Escolar
• Conclusão
 Limitações - amostra ter sido recolhida num único espaço escolar
(men...
Obrigada!
“Pessoas, precisam de
pessoas para serem
pessoas”. Ditado Xhosa
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação Defesa Tese - Estilos parentais e rendimento escolar

802 visualizações

Publicada em

Apresentação Defesa Tese (Telma Paz)

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
802
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Defesa Tese - Estilos parentais e rendimento escolar

  1. 1. • Dissertação de Mestrado • Mestrado em Psicologia Clínica e do Aconselhamento 2013 • 2014 Telma Paz Estilos Parentais e o Rendimento Escolar Orientadora: Professora Doutora Mónica Pires
  2. 2. • Estilos Parentais Estilos Parentais e Rendimento Escolar Padrões adotados pelos pais no relacionamento com os seus filhos, que criam o clima emocional em que os pais educam os seus filhos. (Darling & Steinberg, 1993)  Anglo-saxónicas = EP autoritativo  Ibero-americanos, Afro-americanos e Asiáticos = EP autoritário  Espanha = EP permissivo-indulgente  Portugal = EP autoritativo (Baumrind, 1972; Dornbusch, et al., 1987; Musito & García, 2005; Nguyen, 2008; Pires, 2010; 2011; Pires et al., 2011; Weber et al., 2004) Diferenças entre culturas:
  3. 3. • Estilos Parentais (modelo tripartido) Estilos Parentais e Rendimento Escolar + exigência, controlo - sensibilidade, afecto/responsividade + exigência, controlo (no sentido da supervisão e no cumprimento de regras) + sensibilidade, afecto (afectuosos e atentos às necessidades dos seus filhos) - exigência, controlo + sensibilidade (permitem que os filhos modelem o seu próprio comportamento) Autoritário Autoritativo Permissivo EP’s
  4. 4. Estilos Parentais e Rendimento Escolar • Estilos Parentais e o Rendimento Escolar Filhos de pais autoritativos revelaram-se mais bem-sucedidos no desempenho escolar do que os filhos de pais autoritários. Filhos dos pais autoritários tendem a um desempenho escolar mais fraco com o aumento da idade O EP autoritativo é aquele que verifica melhor desempenho escolar. Dornbusch, et al., 1987 Os adolescentes cujos pais eram considerados autoritativos, obtinham resultados escolares mais elevados do que os demais. Steinberg, et al., 1989Baumrind, 1972 O EP autoritativo é aquele que prediz um melhor desempenho escolar.
  5. 5. • Pertinência Estilos Parentais e Rendimento Escolar Cultura Contribuição de pais e filhos no estudo (Baumrind, 1972; Dornbusch, et al., 1987; Musito & García, 2005; Nguyen, 2008; Pires, 2010; 2011; Pires et al., 2011; Weber et al., 2004) (Pires, 2010; 2011; Soares, 2012; Weber, 2004) Será que os estilos parentais percecionados por pais e filhos têm um efeito no desempenho escolar? (Baumrind, 1972; Dornbusch, et al., 1987; Rebecca, 2006; Steinberg, et al., 1989) • Questão de Investigação
  6. 6. Gerais:  Conhecer a perceção dos EP’s dos pais e respetivos filhos;  Aprofundar a relação entre os EP’s e o rendimento escolar;  Contribuir para o estudo do conceito no contexto cultural português; Específicos:  Perceber se os EP’s se associam às variáveis de critério em estudo e à relação entre os EP’s e o rendimento académico. Estilos Parentais e Rendimento Escolar • Objetivos
  7. 7. H1/ H8 O EP percecionado tem um efeito nos resultados escolares dos filhos. H2 / H9 Não existem diferenças entre o género no EP que percecionam. H3/ H10 A idade e o EP percepcionado correlacionam-se. H4/ H11 As habilitações literárias dos pais e o EP percepcionado correlacionam-se. H5/ H12 O rendimento médio mensal familiar e o EP percepcionado correlacionam-se. H6 Não existe concordância entre os estilos de autoridade parental nas díades mãe-filho(a). H7 Não existe concordância entre os estilos de autoridade parental nas díades pai-filho(a). H13 Existem diferenças no EP percecionado entre alunos com e sem necessidades de apoio educativo. H14 Se os alunos têm mais retenções de ano então eles tendem a percecionar mais o EP permissivo.
  8. 8. Estilos Parentais e Rendimento Escolar Conveniência Escola pública (TEIP) 2º e 3º ciclo grande Lisboa • Amostra 228 adolescentes 184 pais e mães Mães 154 (83.70%) Pais 30 (16.30%) Feminino 118 (51.80%) Masculino 110 (48.20%) Idades= ( M= 41.45; DP = 5.95) Idade = (M = 12.60; DP = 1.82)
  9. 9. N % Estado Solteiro 19 10.30 civil Casado/União de facto 127 69.00 Divorciado(a); Separado(a); Viúvo(a) 37 20.10 Escola Até ao 6º ano 36 19.60 ridade 9º ano 47 25.50 12º ano 70 38.00 Ensino Superior 29 15.80 Rend. Até 500€/mês 40 21.70 Médio 500€ -1.420€/mês 99 53.80 Familiar 1.430€ - 2.850€/mês 35 19.00 Mais de 2.850€/mês 3 1.60 • Caraterização da amostra geral N % Ano 5º ano 56 24.60 escolar 6º ano 50 21.90 7º ano 33 14.50 8º ano 40 17.50 9º ano 49 21.50 Média Até 2,9 35 15.35 Notas 3.0 a 3.5 83 36.40 3.6 a 4.4 83 36.40 4.5 a 5 27 11.85 Retenções Sim 51 22.40 Não 177 77.60 Apoio Sim 61 33.20 Escolar Não 123 66.80
  10. 10.  Questionário Sociodemográfico  PAQ (Morgado, et al, 2006) ( = .78; .77; .66) Alpha Cronbach ( = .73)  PAQ-P (Pires, 2010; Pires, et al. 2011) ( = .75; .83; .77) Alpha Cronbach ( = .67; .83; .83) Estilos Parentais e Rendimento Escolar • Instrumentos  Instrumentos com 10 itens por EP, num total de 30 itens.  As respostas são dadas numa escala tipo Likert de 5 pontos: Discordo totalmente (1), Discordo (2), Não concordo nem discordo (3), Concordo (4) e Concordo totalmente (5).
  11. 11.  Direção-Geral da Educação (DGE)  Universidade Autónoma de Lisboa: pedido de autorização junto das escolas  Consentimento informado aos E.E.  Após consentimento, foi aplicado o PAQ a todos os alunos autorizados a participar no estudo e entregue o PAQ-P e questionário Sociodemográfico para entrega aos E.E. Estilos Parentais e Rendimento Escolar • Procedimento Análise factorial Verificámos a mesma estrutura
  12. 12. 21.34 42.74 30.53 26.79 36.90 34.19 Ep permissivo Pais Ep autoritativo Pais Ep autoritário Pais Ep permissivo Filhos Ep autoritativo Filhos Ep autoritário Filhos DP= 4.58 DP= 6.95 DP= 6.30 DP= 5.65 DP= 5.92 DP= 5.03 • Resultados (médias dos EP’s)
  13. 13. Estilos Parentais e Rendimento Escolar • Análise e Discussão de Resultados (pais) (Dornbusch, et al., 1987; Pires, 2011). (Baumrind, 1971, 1991; Dornbusch, 1987; Morgado, et al., 2012). IdadeGénero Não existem diferenças em função do género Habilitações Lit. Rend. Económico (Cloutier, 2005; Darling & Steinberg, 1993). (Dornbusch, et al., 1987; Pires, 2011). (t (180) = -.84; p= .74) (t (180) = 1.10; p= .18) (t (180) =.64; p= .63) H3H2 H4 H5 √ √ √x r=- .29; p< .05 r= .16; p< .05 r=- .38; p< .05 r=- .23; p< .05 r= .15; p< .05 r=- .46; p< .05 Permissivo r= .04; p> .05 Autoritativo r= .02; p> .05 Autoritário r=- .20; p< .05
  14. 14. Estilos Parentais e Rendimento Escolar (Baumrind, 1972; Rebecca, 2006) Desempenho escolar Díade mãe-filho(a) Díade pai-filho(a) (Pires, 2011; Soares, 2012; Weber et al., 2004) (Pires, 2011; Soares, 2012; Weber et al., 2004) média negat. r= .03; p> .05 r= .11; p> .05 r= .12; p> .05 r= .16; p> .05 r= .03; p> .05 r= .00; p> .05 • Análise e Discussão de Resultados (pais) H6 H7H1 √ √ √ r= .04; p> .05 r= -.05; p> .05 r= .11; p> .05 r= -.08; p> .05 r= -.19; p< .05 r= .17; p< .05 Permissivo Autoritativo Autoritário
  15. 15. Estilos Parentais e Rendimento Escolar (Pires, 2011) (Baumrind, 1971, 1991; Dornbusch, 1987). IdadeGénero Não existem diferenças em função do género Habilitações Lit. Rend. Económico (Cloutier, 2005; Darling & Steinberg, 1993). (Pires, 2011). Permissivo r= .07; p> .05 Autoritativo r= .01; p> .05 Autoritário r= -.08; p> .05 r= -.18; p< .05 r= .20; p<.05 r= -.04; p> .05 r= -.13; p> .05 r= .19; p> .05 r= -.06; p> .05 • Análise e Discussão de Resultados (filhos) (t (182) = -3.24; p> .05) (t (182) = -1.46; p> .05) (t (182) = -1.42; p> .05) H10H9 H11 H12 √√ √ √
  16. 16. Estilos Parentais e Rendimento Escolar (Baumrind, 1971, 1991; Dornbusch, et al., 1987, 1991; Rebecca, 2006; Steinberg, et al., 1989) Desempenho escolar Alunos c/ apoio Educativo O EP que mais é percecionado pelos alunos com apoio educativo é o permissivo. Alunos com retenções Existem diferenças de médias significativamente diferentes, no EP permissivo. Permissivo r= - .29; p< .05 r= .21; p< .05 Autoritativo r= .23; p< .05 r= -.15; p< .05 Autoritário r= -.07; p> .05 r= -.00; p>.05 √ (t (179) = 4.06; p< .01) (t (150) = 3.02; p< .01) • Análise e Discussão de Resultados (filhos) (t (179) = .27; p> .05) (t (179) = -1.62; p> .05) H8 H13 H14 √ √ média negat.
  17. 17. Estilos Parentais e Rendimento Escolar • Conclusão  Concluímos assim que, nesta amostra o EP autoritativo é o que mais contribui para um melhor desempenho escolar. O EP permissivo e autoritário estão mais associados a alunos com menos sucesso escolar.  Com a presente investigação, consideramos ter fornecido um pequeno contributo no estudo da parentalidade, nomeadamente, quanto ao modelo de estilos parentais com as suas particularidades culturais.
  18. 18. Estilos Parentais e Rendimento Escolar • Conclusão  Limitações - amostra ter sido recolhida num único espaço escolar (menor diversidade de indivíduos e famílias). A segunda limitação é a contribuição somente de um dos progenitores (encarregado de educação). Teria sido interessante obter as respostas do outro progenitor.  Sugestões - considera-se a hipótese de observar respostas entre irmãos e a existência ou não de congruência entre as suas perceções, a fim de compreender se a divergência encontrada entre pais e filhos nesta amostra se mantém com respostas de outro filho. E ainda, sugere-se que se analise o efeito da cultura dos pais (estrangeiros a viver em Portugal) nos EP percebidos pelos filhos nascidos em Portugal.
  19. 19. Obrigada! “Pessoas, precisam de pessoas para serem pessoas”. Ditado Xhosa

×