Jogos paralímpicos

7.674 visualizações

Publicada em

Este trabalho foi feito no âmbito da disciplina de Educação Física

Publicada em: Educação
0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.674
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
418
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jogos paralímpicos

  1. 1. Jogos Paralímpicos Trabalho realizado por: Nelson Silva Nº13 1ºA Tânia Bastos Nº15 1ºA
  2. 2. O que são os jogos ParalímpicosSão o maior evento desportivo mundial que envolve pessoas comdeficiência Incluem atletas com deficiências físicas (demobilidade, amputações, cegueira ou paralisia cerebral).Estes jogos foram realizados pela primeira vez em 1960 emRoma. Os jogos Paralímpicos serão realizados entre 29 de Agostoe 9 de Setembro, os jogos serão realizados em Londres.
  3. 3. Modalidades dos Jogos Paralímpicos Natação; Arco e Flecha; Equitação; Vela; Voleibol; Esgrima; Ténis; Ciclismo; Atletismo; Tiro; Ténis de Mesa; Basquetebol.
  4. 4. NataçãoNatação paraolímpica é um desporto destinado a atletas de todosos tipos de deficiência, sendo que estão divididos em dois grupos:os portadores de deficiência visual e os todos os outros.
  5. 5. Arco e FlechaEsta modalidade é uma adaptação para atletas com deficiências. Estamodalidade inclui atletas amputados, com paralisia cerebral, emcadeira de rodas e outros grupos. A competição é conduzida sobre asregras da Federação Internacional de Arco e Flecha com algumaspequenas modificações. Os atletas participam em três classes, umapara os atletas em pé e duas para os atletas em cadeira de rodas.
  6. 6. EquitaçãoNesta modalidade competem atletas deficientes visuais edeficientes físicos. A única competição na equitação é adressage (amestramento), dividido de acordo com o tipo deparalisia. O vencedor é o cavaleiro que demonstrar maiordomínio sobre o cavalo após uma série de exercícios como opasse, o trote e o galope. A equitação é um dos desportos maisdemocráticos das Paraolimpíadas, pois permite que homens emulheres disputem a mesma prova em condições de igualdade.
  7. 7. VelaEsta modalidade consiste em um percurso de regatas que é marcado porbóias. Essa marcação muitas vezes é alterada de acordo com ascondições climáticas do dia da prova. A vela paraolímpica segue as regrasda Federação Internacional de Iatismo-ISAF e possui adaptações para aspessoas com deficiência locomotora ou visual, feitas pela FederaçãoInternacional de Iatismo para Deficientes.
  8. 8. VoleibolNo voleibol Paraolímpico sentado, a rede tem cerca de 1 metro dealtura, e o campo tem 10 x 6 metros, com uma linha de ataque de 2metros. É permitido aos jogadores bloquear os serviços, mas uma"bochecha" deve estar em contacto com o chão, sempre que o atletafaz contacto com a bola. No voleibol paraolímpico em pé, uma misturade deficiências podem ser representadas no campo a todo otempo, para igualar o nível do jogo. Os atletas com as seguintesdeficiências podem competir no voleibol paraolímpico sentado ou novoleibol paraolímpico em pé: amputados, lesões na medulaespinhal, paralisia cerebral, lesões cerebrais e os que já sofreramacidentes vasculares cerebrais.
  9. 9. EsgrimaEsta modalidade é disputada individualmente ou por equipas, edestina-se a atletas portadores de deficiência física motora, em cadeirade rodas, nas categorias masculina e feminina. A cadeira é fixada aosolo, por meio de uma armação especial, que ao mesmo tempoposiciona o atleta num certo ângulo e distância. Os combates sãodisputados em 5 toques ou três minutos, na primeira fase dacompetição. Na fase de eliminação, a partida tem três períodos de trêsminutos - ou até um dos adversários completar 15 pontos e pode serdisputada nas categorias: florete, espada (masculina e feminina) esabre (masculina).
  10. 10. TénisO ténis em cadeira de rodas é um desporto paraolímpico praticado porcadeirantes cuja deficiência seja a perda dos membros ou aincapacidade de utilizá-los para locomoção. A maior diferença da regraadoptada neste desporto é a que a bola pode bater duas vezes antesde ser rebatida, podendo o segundo bater ocorrer fora das linhas daquadra. Durante o jogo o jogador não pode deixar o assento de suacadeira de rodas, sendo ela considerada parte do corpo do jogador.
  11. 11. CiclismoEste desporto destina a atletas com paralisia cerebral, deficientesvisuais e amputados, nas categorias feminina e masculina,individual ou por equipas, usando bicicletas e bicicletas adaptadas,que em vez de se pedalar com os pés, se pedalam com as mãos,(paralisados cerebrais, segundo o grau de lesão). Atletas cegoscompetem em bicicletas duplas, com um guia. As regras são asmesmas do ciclismo convencional, mas com pequenas alterações,relativas à segurança. As provas dividem-se em: estrada, velódromoe contra-relógio.
  12. 12. AtletismoEsta modalidade destinam-se a atletas com todos os tipos dedeficiência, nas categorias masculina e feminina. Estes sãoclassificados de acordo com o tipo de deficiência apresentada, deforma a haver equilíbrio na competição. As provas estão divididasem: Corridas (100m, 200m, etc.), saltos (Salto emcomprimento, triplo salto, etc.), lançamentos (do peso, dodardo, etc.) e pentatlo.
  13. 13. TiroEste desporto fez a sua primeira aparição nas Paraolimpíadas deVerão Arnhem 1980, nas categorias femininas e masculinas.Durante a competição, que pode ser disputada em pé ousentado, o atirador pode fazer 60 tiros em 1h45mim, em distânciasentre 10 e 50 metros. O alvo possui dez círculos concêntricos, cadaum com 0.7mm. O círculo mais externo vale um ponto e assim pordiante até o centro, que vale dez pontos.
  14. 14. Ténis de MesaEste desporto paraolímpico é destinado a atletas com paralisiacerebral, amputados e em cadeira de rodas, masculinos efemininos, por equipa, individual ou em pares. Pode ser praticado empé ou de cadeira de rodas. A imposição da bola bater no meio da mesano serviço e a permissão para que o atleta se apoie na mesa, desdeque não a tire do lugar, são algumas das poucas adaptações das regrasda Federação Internacional, também no serviço a bola deve sair pelalinha de fundo e não pelas laterais.
  15. 15. BasquetebolEsta modalidade em cadeira de rodas é um desporto praticadoprincipalmente por indivíduos com deficiências físicas. Ébaseado no basquetebol, mas com algumas adaptações parareflectir a presença da cadeira de rodas e para harmonizar osdiferentes níveis de deficiência dos jogadores.

×