Cocriação e Design de Inovação - Symentics

644 visualizações

Publicada em

Apresentação "Cocriação e Design de Inovação" realizada pela equipe de Inovação da Symnetics durante a Conferência Estratégica da Inovação, do IQPC, nos dias 23, 24 e 25 de Novembro.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
644
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cocriação e Design de Inovação - Symentics

  1. 1. Cocriação e Design de Inovação Conferência Gestão Estratégica de Inovação IQPC André Coutinho acoutinho@symnetics.com.br andrercoutinho.wordpress.com Marcelo Fernandes marcelo@symnetics.com.br São Paulo, 23.11.10
  2. 2. open innovation redes sociais design thinking TRIZ tecnologias disruptivas coinovação inovação colaborativa novos negócios innovatrix web 2.0 marketing 3.0 cocriação plataformas digitais crowdsourcing wikinomics design criatividade laboratório de inovação pesquisa & desenvolvimento portais
  3. 3. 1. Mindsets para inovação 2. “Degustação”: aplicação prática colaborativa 3. Roadmap, Metodologia e Cases
  4. 4. •  Modelos são construtos da realidade •  A visão de mundo de cada um de nós influencia enormemente na avaliação e compreensão da realidade
  5. 5. Valores presentes no modelo mental da maioria das pessoas * •  Ter controle sobre o ambiente •  Buscar ganhar e não perder •  Suprimir sentimentos negativos •  Ser o mais racional possível Conseqências: - cria posição defensiva nas pessoas - tenta atribuir explicação para tudo que acontece - leva a uma constante avaliação dos pensamentos e ações dos outros. * Chris Argyris, Rotman Magazine, Winter 2008
  6. 6. Alternativas ao modelo mental convencional 6 Pensamento Complexo Pensamento Sistêmico Design Thinking Pensamento Integrativo Cocriação (Pensamento Cocriativo) Outros
  7. 7. Alternativas ao modelo mental convencional 7 Pensamento Complexo Pensamento Sistêmico Amplia o entendimento do contexto, considerando o emaranhado de dinâmicas, interações, paradoxos, conflitos e ambiguidades na relação entre os diversos atores da sociedade, entre a sociedade e o meio em que vivem.
  8. 8. Alternativas ao modelo mental convencional 8 Pensamento Complexo Pensamento Sistêmico Design Thinking Pensamento Integrativo Cocriação (Pensamento Cocriativo) Outros
  9. 9. Modelo 1: O mundo (empresarial) é uma cadeia de processos ou atividades, gerando produtos ou serviços CLIENTES, em geral “passivos”, recebem produtos e serviços ESTRATÉGIA É A ARTE DA GUERRA
  10. 10. Modelo 2: O mundo é uma rede de interações entre indivíduos, gerando experiências humanas
  11. 11. Mayoristas Consumidores Constructoras y Empresas Pintura Especificadores (Arq. y Dec. ) Pintor Distribuidor Directo ICI Paints Proveedores MP 3 1 6 8 7 9 10 11 2 4 5 12 15 16 17 18 19 20 21 Canales Indirectos 14 A medida que avanzamos en la cadena, las intercacciones se diluyen... Antes... Mapa de Interação na INCA (Akzo Nobel): mercado de tintas
  12. 12. Mapa de Interações da Real Tokio Marine em Seguros Assets Beneficiários Contratação Manutenção do Plano Implantação Empresas Pagamento Benefício Negociação de Taxas Capacitação Eq. Vendas Angariação Periódicos Esclarecimentos Formatação do Produto / Simulações Prestação de Contas Prestação de Contas Prospecção Desligamento Funcionário Faturamento Suporte ao Canal na Venda Aposentadoria Participante Ativo Participante Aposentado Banco Corretores Tokio Marine Prospecção: Existente entre o canal e a empresa, propicia prospecção de clientes e identificação de necessidades Formatação do Produto/Simulação: Trata-se da elaboração do desenho de plano visando atender às necessidades da empresa, observando orçamento e política de benefícios. Angariação: Ocorre entre a RTMVP junto com a empresa e seus funcionários. Customiza apresentações, folders, simuladores e materiais explicativos para angariar participantes. Suporte ao Canal na Venda: A participação da Carteira de Prev PJ no suporte para efetuar cotações, impressos, folders, simuladores, entre outros; assim como visitas às empresas (geralmente em conjunto com o Canal), com apresentações de foco interpessoal buscando transparência, credibilidade e confiança na venda. Contratação : É a elaboração do Contrato de Adesão ao Plano, sempre com a co-criação da empresa, refletindo a formatação do produto. Implantação: Compreende o processo operacional na implantação das propostas de inscrição e acordo dos fluxos operacionais da RTMVP e do Cliente. Faturamento: Repasse das contribuições da empresa e do participante para a RTMVP. Manutenção do plano: Processo de alteração, inclusão e exclusão de participantes, bem como o relacionamento com todos os envolvidos na interação. Periódicos: São os documentos impressos enviados periodicamente aos clientes, como extratos, informe de contribuições e rendimentos e malas diretas. Esclarecimentos: Todo tipo de dúvidas e informações obtidas através dos canais de contato da RTMVP, como Call Center, Internet e a própria carteira de Prev PJ. Pagamento de beneficio: Pagamento da aposentadoria ou pensão para o Participante ou Beneficiário. Desligamento do funcionário: Momento do encerramento das atividades profissionais do participante para com a empresa. Aposentadoria: Ciclo que sucede o desligamento o funcionário com a empresa. É o período de gozo efetivo do benefício escolhido pelo participante. Capacitação da equipe de vendas: Treinamento e desenvolvimento das Áreas comerciais dos canais, buscando formar profissionais altamente especializados, com subsidio com equipamentos e ferramentas visuais. Negociação de taxas: Negociação de taxas administrativas, gestão financeira, tábuas e juros atuariais. Prestação de Contas: Solicitadas à RTMVP, munem o cliente com informações sobre reservas, plano de custeio, nível de benefício e rentabilidade. Consolida períodos distintos de atividades, destacando os pontos críticos e relevantes.
  13. 13. 13Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados A cocriação permite o “choque “de mentalidade entre empresas e indivíduos (consumidores e outros stakeholders)
  14. 14. E o engajamento dos stakeholders gerando novas experiências humanas de valor Melhor Experiência Cocriação de valor A empresa cocriativa Indivíduos participam da criação de valor Clientes Fornecedores Parceiros Funcionários “Crie com eles!”
  15. 15. 15Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados Procura entender a experiência dos clientes e outros stakeholders diretamente com eles
  16. 16. 16Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados Busca conexão emocional com seus desejos, expectativas, problemas, sonhos e angústias
  17. 17. 17Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados Testa, expande e cria novas ideias com a participação de clientes, parceiros e outros públicos
  18. 18. 18Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados Busca o diálogo participativo e criativo em torno de novas soluções, às vezes redefinindo o problema.
  19. 19. COMOcriarvalor Noâmbitodaempresa Cocriandocomclientes, parceiros,fornecedores,coma comunidade QUE TIPO de valor? Processos, Produtos, Serviços Experiências Únicas COCRIAÇÃO DE EXPERIÊNCIAS CRIAÇÃO DE VALOR CENTRADA NA EMPRESA E NO PRODUTO / SERVIÇO COCRIAÇÃO DE EXPERIÊNCIAS
  20. 20. www.camiseteria.com.br 20
  21. 21. 80000 usuários 15000 designs únicos de camisa 150 modelos de camiseta Nenhum estilista contratado. Buzz, marketing viral, baixos custos promocionais Baixo risco, alta aderência do mercado.
  22. 22. “Um número crescente de informações persegue um numero decrescente de cérebros, vivemos a área da inteligência coletiva onde o conhecimento não é mais de um para muitos e sim de muitos para muitos. Portanto a importância de manter redes de relacionamento e colaboração passam a ser vitais paras as empresas manterem sempre irrigado o pipeline de inovações. A ideias não são mais verticais de cima para baixo elas passam a ser horizontais.” Romeo Deon Busarello, Diretor de Internet da Tecnisa Contra capa do livro A Empresa Cocriativa
  23. 23. CAJA NAVARRA (Espanha) Source: Caja Navarra investors presentation.
  24. 24. Customers choose to use the money they generate in CAN for needs and people rather than activities and things. VOCÊ DECIDE, VOCÊ ESCOLHE Source: Caja Navarra investors presentation.
  25. 25. Transparência dos lucros •  Cada cliente do Caja Navarra recebe um demonstrativo mostrando exatamente quanto dinheiro é aplicado em projetos sociais.. 29
  26. 26. Essencialmente COCRIAÇÃO é uma teoria das interações. É uma forma de transformar a maneira pela qual as organizações interagem com os indivíduos, sejam eles funcionários, clientes ou qualquer outro stakeholder (público de intersse). Cocriação envolve a definição de novos modos de engajamento para os indivíduos que passam a participar ativamente das atividades das organizações. Francis Gouillart e Venkat Ramaswamy. COCRIAÇÃO
  27. 27. Alternativas ao modelo mental convencional 31 Pensamento Complexo Pensamento Sistêmico Design Thinking Pensamento Integrativo Cocriação (Pensamento Cocriativo) Outros
  28. 28. Análise Intuição DESIGN THINKING
  29. 29. Design Thinking PENSAMENTO ANALÍTICO • Mudanças são induzidas por fatores externos • Argumentação indutiva ou dedutiva • Decisão pela análise e “confiabilidade” da idéia Reconstrutivista (Design e Transformação) • Paradigma crescimento endógeno • Foco na demanda (latente) - Conversão da demanda potencial em demanda real • Mudança são induzidas por fatores internos • Pensamento estratégico focado na inovação de valor Pensadores: Schumpeter; Prahalad DESIGN THINKING • Mudanças são induzidas por fatores internos • Lógica abdutiva: imaginação do que é possível (WHAT IF? = E SE?) • Decisão pela “validez” da idéia com equilíbrio entre análise e criatividade/intuição
  30. 30. mistério algoritmo novos insights   descoberta   entendimento   criação da oportunidade   Inspirado  por  Roger  Mar/n)   pensamento intuitivo   Configuração Análise   experimentação   heurística O “design thinker” move-se no funil do conhecimento
  31. 31. 35Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados IMERSÃO! EXPLORAÇÃO! PROTOTIPAÇÃO
 Métodos e Ferramentas do Design Thinker! Mergulham no contexto e na problemática de forma sistêmica, procurando entender as tendências, conflitos e paradoxos.! Conexão com as pessoas de diferentes stakeholders como se fossem antropólogos junto a pessoas com diferentes conhecimentos e mentalidades! Prototipam, avaliam, iteragem e refinam suas ideias continuamente!
  32. 32. 36Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados Cria soluções que façam sentido para as pessoas e que transformam sua experiência
  33. 33. “Design Thinkers” Fabio Barbosa Design de um novo conceito de banco (Real) sustentável Steve Jobs Design de uma nova experiência de ouvir música (I-Pod) e conectar-se com o mundo (I-Phone). Richard Branson Design de múltiplos negócios sob a bandeira “Virgin”.
  34. 34. Estrutura individual para o Design Thinking Visão de Mundo Métodos e Ferramentas Experiências - Cria significado para as pessoas - Melhora o mundo - Constrói valor - Explora - Experimenta - Observação - Imaginação - Configuração - Proficiência - Originalidade direciona direciona informa informa Fonte: Roger Martin
  35. 35. Design Thinking “Um método que oferece uma compreensão mais ampla, ágil e profunda sobre a estilo de vida dos indivíduos, facilitando assim a solução de problemas complexos. Design Thinking é essencialmente um processo de inovação centrado em aspectos humanos.” Ellen Kiss, ESPM
  36. 36. Alternativas ao modelo mental convencional 40 Pensamento Complexo Pensamento Sistêmico Design Thinking Pensamento Integrativo Cocriação (Pensamento Cocriativo) Outros
  37. 37. Pensamento Integrativo “Ao invés de intensificar dilemas (trade offs) entre 2 modelos antagônicos, combina o que há de mais válido entre eles ou potencializa aspectos “intrigantes” dos modelos, gerando um 3º modelo diferente dos anteriores, único.” Roger Martin e Mihnea Moldoveanu
  38. 38. Negócios inovadoras que aplicaram o “Pensamento Integrativo” Por Decomposição Target – combinaram elementos da estratégia de baixo e custo (para marcas nacionais) com a de diferenciação (especialmente para produtos exclusivos) Combinando “extremos” Four Seasons – hotéis menores com alto nível de personalização e sensação de estar “em casa” com padrão de hotéis de luxo.
  39. 39. •  Quero ser Grande •  20th Century Fox- 1988 •  (Tom Hanks)
  40. 40. Um dia na vida do IGOR (‘etnografia rápida’)
  41. 41. Mapa de Atividades e interações de uma criança
  42. 42. GRUPO 1 - COCRIAÇÃO •  Etapa 1 – Escolher interações como ponto de partida para o processo de geração de ideias. –  Escolher 1-2 interações por grupo ou criar uma nova interação. •  Etapa 2 – Gerar ideias que leve à melhoria ou a transformação da experiência do Igor. •  Etapa 3 – Prototipar ideias utilizando massinha de modelar.
  43. 43. GRUPO 2: Pensamento Integrativo 1. Descreva os atributos de valor de 2 modelos: (1) “loja de brinquedos do shopping” e (2) “brinquedoteca de uma escola infantil” 2. Elimine os atributos dos modelos que vocês não gostam; Destaquem aqueles atributos que vocês mais gostam; Escolha 1-2 atributos “intrigantes” dos modelos e tentem aprofundar o entendimento dos atributos 3. Criem um 3º modelo de loja de brinquedo, integrando elementos dos 2 modelos e prototipe as ideias para este modelo utilizando massinha de modelar
  44. 44. GRUPO 3 - Design de Negócios 1.  Conversem sobre a experiência de se comprar o brinquedo (do ponto de vista da criança) 2.  Identifique novos atores (stakeholders) que atualmente não estão presentes no mundo do brinquedo 3. Idealize soluções (serviços, tecnologias, produtos) que transformem a experiência e que façam sentido para a criança 4. Prototipe as soluções utilizando massinha de modelar.
  45. 45. Familiares Convênios   Médicos Empresas Pacientes
  46. 46. “Um dia na vida do paciente”
  47. 47. “Cocriação com médicos e enfermeiras”
  48. 48. Apresentação lúdica das soluções como se fosse uma “Feira de Ciências. Feira de Inovação Prototipação das Soluções
  49. 49. Programa ”Mais e Melhores Anos” HMV Empresa Central de Acolhimento de Familiares
  50. 50. “Queremos ser surpreendidos por uma experiência única de atenção e cuidado em saúde”. Pacientes e Familiares OperadorasEmpresa “Quero dar acesso aos meus clientes a opções de serviços e tratamentos de alta resolubilidade a custos competitivos” “Quero ter acesso a soluções completas, tendo o Moinhos de Vento como parceiro na gestão da saúde de meus colaboradores” • Gestão conjunta da Saúde • Solução completa e única • Desafios em saúde • Confiança e credibilidade da marca • Previsibilidade • Transparência • Resolubilidade • Confiança e credibilidade da marca Desenvolver soluções de Tecnologia de informação e comunicação (TIC) para apoio a decisão e inovação • Assistência Integral - Cuidado em todos os momentos - Interatividade como elemento de integração - Agente no processo terapêutico - Ambiente de Proteção - Acesso às melhores Práticas • Confiança e credibilidade da marca Aprendizado e Crescimento Garantir um ambiente diferenciado de trabalho para todos que estimule a inovação e a busca de melhores práticas Realizar a gestão compartilhada e completa nas empresas por meio da promoção, prevenção e assistência à saúde Desenvolver processos inovadores de cuidado aos pacientes e familiares Aprimorar a gestão dos processos operacionais Assegurar a Excelência nos processos assistenciais Qualificar e ampliar o relacionamento com as fontes pagadoras Promover a Responsabilidade Social e Ambiental Sustentabilidade Garantir geração de caixa e lucratividade para sustentabilidade da estratégia Clientes e Mercado Desenvolver, captar e reter talentos necessários ao alcance de nossos objetivos Promover a Educação e a Pesquisa para o desenvolvimento de competências e a geração de conhecimento. Assegurar a sustentabilidade econômica, social e ambiental da instituição Desenvolver formas de captação qualificada de clientes por meio de novas soluções Processos Internos Promover o alinhamento do Corpo Clínico à Gestão Organizacional Promover a atualização e o gerenciamento de melhores práticas médicas Corpo Clínico “Quero ser reconhecido como parte da instituição, em um ambiente que favoreça a inovação e a excelência no exercício profissional” • Acessos ás melhores práticas • Sentimento de Pertencimento • Agilidade e segurança na tomada de decisão • Acolhimento e satisfação no exercício da profissão • Parceiro de Negócio Atenção e Cuidado Novos Negócios Corpo ClínicoResp. Social e Ambiental Excelência Operacional • Oncologia • Cardiologia Fortalecer Áreas de Ênfase atuais e analisar novas oportunidades • Materno infantil • Neurologia • Traumatologia Visão: “Cuidar de Vidas.”
  51. 51. “Metade das iniciativas estratégicas nasceram de um processo de cocriação de interações com nossos principais stakeholders – pacientes e suas famílias, médicos e enfermeiras, nossos funcionários, empresas e planos de saúde. A jornada de transformação através do engajamento de múltiplos stakeholders irá moldar nosso futuro.” Dr. João Polanczyk, Superintentende Executivo do Hospital Moinhos de Vento Contra capa do livro A Empresa Cocriativa
  52. 52. O Santander Brasil vem se tornando uma empresa cocriativa Desde 2007, promovendo iniciativas de cocriação: • Em áreas de negócio como seguros • Em áreas internas como: •  Educação e Desenvolvimento Humano •  Marketing e Comunicação 57
  53. 53. Iniciativas na área de Desenvolvimento Humano Programa de Desenvolvimento de Liderança: cocriada com 3000 profissionais Novo modelo de avaliação de desempenho: cocriação de experiências com 150 indivíduos e premissas em contextos alternativos. “Caminhos e Escolhas”: programa de desenvolvimento de carreira começando na universidade 58
  54. 54. Inserção de novos contextos no processo 59 Visitas a ambientes não corporativos para refletir uma realidade por meio de outra, gerar novos insights e ideias. Experiência enriquecedora para os participantes e que possibilitou a vinculação e reflexão por meio de novos contextos: Colégio Waldorf Rudolf Steiner, Jogo Interativo Dota, Marcelo Sommer, Escola de Samba X9 Paulistana, Clínica Psiquiatrica, Mosteiro S. Bento, Teatro Espontâneo, “Qual é seu Talento”. Sourcing -> Novas Premissas Integração de Dimensões Potencialidades Construção da Trajetória Pessoal Cooperação de Indivíduos e Áreas Construção de Significado Avaliação Interativa
  55. 55. “Juntos” como posicionamento central da comunicação externa “Circulo Colaborativo”: engajamento interno do pessoal Iniciativas de comunicação interna e externa 60
  56. 56. 61 “A cocriação nos inspirou a pensar também como envolver os colaboradores na construção de práticas organizacionais que geram valor para os stakeholders. Estamos muito felizes com a possibilidade de ver todas essas interações a partir deste outro ponto de vista.” Marco André Ferreira, Diretor de Educação e Desenvolvimento Organizacional do Banco Santander no Brasil Prefácio do livro A Empresa Cocriativa
  57. 57. Roadmap: arquitetura típica de um projeto Entendimento  dos  indivíduos   no  contexto  atual  e  em  outros   contextos   Imersão  no     contexto  e  seleção  de     stakeholders     Ideação  de     oportunidades     (cocriação  interna)   Relação     ganha/ganha    (valor   gerado)   Design  Integrado  de  propostas   (Soluções)  +  Protó/pos  de   inovação   Proposta  de  Valor  +    Modelo  de  Negócio   PorJolio  de     Projetos  /    Ondas  de  Inovação   1 4 IMERSÃO 10   Scorecard  de    Inovação   32 4 6 7 8 9 CONCRETIZAÇÃO 55 Mapear  a/vidades  e   interações  dos    indivíduos   EXPLORAÇÃO Ideação  de     oportunidades     (cocriação  externa)  
  58. 58. “Valores” alternativos para um novo modelo mental * •  Cria condições para escolhas livres e informadas •  Combina informações válidas •  Estimula responsabilidade individual pelas ações Consequências: Mais colaborativo por natureza Menos defensivo Estimula a exploração e compreensão do ponto de vista do “outro” Leva ao questionamento dos modelos vigentes. * Chris Argyris, Rotman Magazine, Winter 2008
  59. 59. 64Copyright © 2010 Symnetics – Todos os direitos reservados Síntese 1.  Inovação está relacionada com a nossa própria jornada e escolhas enquanto indivíduo. 2.  Tem a ver com nosso modelo mental, nossa forma de pensar e agir. 3.  Inovação é uma decisão dos gestores nas empresas, portanto não surge naturalmente. 4.  Os diversos conceitos, métodos e ferramentas de inovação estão a serviço de 1-3.
  60. 60. Cocriação e Design de Inovação Conferência Gestão Estratégica de Inovação IQPC André Coutinho acoutinho@symnetics.com.br andrercoutinho.wordpress.com Marcelo Fernandes marcelo@symnetics.com.br São Paulo, 23.11.10

×