Apresentacao2 dia d

1.425 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.425
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentacao2 dia d

  1. 1. TRANSMISSOR DA FEBRE DA DENGUE E DA FEBRE AMARELA - Aedes aegypti (1894). - Ramo Arthropoda (pés articulados) - Classe Hexápoda (três pares de patas) - Ordem Díptera ( com um par de asas anterior funcional e um par posterior transformados em halteres) - Família Culicidae - Sub-família Culicinae - Gênero Aedes - Sub-Gênero Stegomyia - Espécie aegypti / albopictus- * Possuem:- Corpo dividido em cabeça, tórax eabdome.- Simetria bilateral.- Revestimento quitinoso (exoesqueleto).- Tubo digestivo completo.- Sexos separados.- Metamorfose completa (ovo, larva,pupa, adulto). S E C R E T A RIA D A SA Ú D E INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS
  2. 2. Aedes aegypti - ADULTO OU ALADO• Cor: Preto e branco.• Costume: Diurno.• Alimento: Somente a fêmea sealimenta de sangue, o macho sealimenta de seiva das plantas.• Vôo: Em media 100 a 300metros.• Prefere água limpa e cristalina. * Foto ampliada para melhor visualização.• Criadouros: Naturais e/ou artificiais (grande variedades).• A fêmea distribui cada postura em vários recipientes. S E C R E T A RIA D A SA Ú D E INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ• Tempo de vida: Em media 45 dias. 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS• Característica: Possuem o desenho de uma lira na “costas”. O machopossui antenas plumosas e palpos mais longos.
  3. 3. Aedes aegypti - Culex sp. • Cor: Rajado de preto e branco. • Cor: Cinza. • Hábito: Diurno. • Hábito: Noturno. • Desova: De 40 a 70 ovos espalhados em • Desova: De 100 a 200 ovos, num único vários locais. local e em forma de jangada.* Sifão Respiratório do Aedes e menor e mais escuro que o corpo. S E C R E T A RIA D A SA Ú D E INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS
  4. 4. Aedes aegypti* Mosquito rajado de preto ebranco, com escamas prateada notórax comparado a uma “lira”. Aedes albopictus* Mosquito rajado de preto ebranco, com escamas prateada emforma de uma faixa longitudinalque vai do tórax até a base dacabeça. INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ S E C R E T A R IA D A SA Ú D E 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS
  5. 5. Aedes aegypti - OVO• Tamanho: 1mm de comprimento,e tem contorno alongado.• São depositados individualmente,na parede dos criadouros.• O embrião se completa em 48horas.• Sem água, pode resistir até 450dias.• Cada postura corresponde de 40 a70 ovos (em vários criadouros). * foto ampliada para melhor visualização. S E C R E T A RIA D A SA Ú D E INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS
  6. 6. Aedes aegypti - LARVAS• Fase obrigatoriamenteaquática.• Período de alimentação ecrescimento.• Tempo de vida dependeda temperatura (24 à 28° C)disponibilidade dealimentos e densidade daslarvas no criadouro.• Média de 2 a 5 dias se * foto ampliada para melhor visualização.transforma em pupa.• Movimentos em forma de serpente, fazendo “S S S S”.• Sensível a movimentos bruscos na água. S E C R E T A RIA D A SA Ú D E• Fotofobia. INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS
  7. 7. Aedes aegypti - PUPA• Fase obrigatoriamenteaquática.• As pupa não se alimentam.• Tem a aparência de umavírgula.• Geralmente de 2 a 3 dias setransformam no mosquitoadulto. * foto ampliada para melhor visualização.• Quando verificar qualquer movimento na água, naduvida jogue a água na terra e jogue a vasilha no lixo. Sefor útil, lave com buchinha e guarde corretamente. S E C R E T A RIA D A SA Ú D E
  8. 8. CICLO DE VIDA DO Aedes aegypti A O L V A O D S O * Resistem até 450 dias sem água. P L U A P R A V S A S * CICLO COMPLETO EM MEDIA 7 A 15 DIAS. S E C R E T A RIA D A SA Ú D E*FOTOS AMPLIADAS PARA MELHOR VISUALIZAÇÃO.
  9. 9. Caixas D’água S E C R E T A RIA D A SA Ú D E
  10. 10. Tanques, Tambor e Pneus S E C R E T A RIA D A SA Ú D E
  11. 11. Entulhos, Latas e Garrafas S E C R E T A RIA D A SA Ú D E INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS
  12. 12. Vasos de Flores e Árvores Obturada S E C R E T A RIA D A SA Ú D E INSTITUTO DE SAÚDE DO PARANÁ 17ª Regional de Saúde - SAM - IEC/LRS

×