Carlos Paixão

Nos Caminhos do
Pão
desenhos de Joaquim
Lopes

Palimage Editores
A Imagem e A Palavra
- Olá, bom dia!
O sol brilhante já começa a despertar a aldeia de Moinhos do
Rio.
O tio Manuel da moleira já carregou o burro com o cereal que vai
moer hoje.
E na seara, lá está, madurinha, a colheita para este ano.
O trigo, o centeio e, mais tarde, o milho
colhidos, malhados e a...
…até que o grão encha as taleigas e carregue o burro do tio Manuel.
- Que delícia! – vai provando o jerico.
- Então lá vamos até ao moinho!
- Água ainda vai havendo no rio das Bouças, pois sem ela não há
farinha.
1- CUBO
2- CANELO
3- RODÍZIO
4- MÓS

- Entrem, meninos, entrem!... As taleigas ponho-as
aqui no chão e agora vou encher a ...
Começa a ouvir-se o barulho das mós no seu rodopiar constante
e a farinha vai-se amontoando no soalho.
- Esta já dá para uma carrada. Agora é preciso ir fazer a entrega.
Não faltará pão em Moinhos do Rio, no Castelo, no casal e na
casa da comadre Maria.
No dia seguinte, logo de manhãzinha, o Quim corre a pegar na
peneira e dá uma ajuda à mãe a troco de um bolito.
A D.ª Maria caldeia a farinha com a água a ferver, a que vai
juntar o fermento.
O Tareco espreita….e espera…
Toc…Toc… - Então, não sobra nada para mim?
- Ainda tens de esperar porque a minha mãe ainda demora a
amassar.
Fez-se a reza e agora já a massa repousa bem agasalhada para
que finte mais depressa.
Mas a D.ª Maria não descansa muito. É tempo de tender, dar
forma ao pão.
1- CARUMA
2- VIDES
3- RAMOS DE MIMOSA
4- RODOURO
5- VASSOURO
6- PÁ
7- FORNO

No forno, já o Zé Parafuso prepara a lenha a ...
O rodoiro gira nas mãos do forneiro que não se cansa de aliviar a
lenha. O forno quer-se bem quente e sem fumo.
Com o vassouro faz-se a limpeza. A D.ª Maria já chegou com os
pães no tabuleiro e agora é um ver se te avias a meter no fo...
Cá fora cresce a água na boca do Zé.
- Que cheirinho!
E à hora do almoço toda a gente vai provar da fornada.
O tio Manuel da moleira, a D.ª Maria, o Zé e as vizinhas deliciamse...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Nos caminhos do pão sequencia-pintura-construcao de bd ou livro sugestão-autoria susana

200 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
200
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nos caminhos do pão sequencia-pintura-construcao de bd ou livro sugestão-autoria susana

  1. 1. Carlos Paixão Nos Caminhos do Pão desenhos de Joaquim Lopes Palimage Editores A Imagem e A Palavra
  2. 2. - Olá, bom dia! O sol brilhante já começa a despertar a aldeia de Moinhos do Rio.
  3. 3. O tio Manuel da moleira já carregou o burro com o cereal que vai moer hoje.
  4. 4. E na seara, lá está, madurinha, a colheita para este ano. O trigo, o centeio e, mais tarde, o milho colhidos, malhados e arrumados… serão
  5. 5. …até que o grão encha as taleigas e carregue o burro do tio Manuel. - Que delícia! – vai provando o jerico.
  6. 6. - Então lá vamos até ao moinho! - Água ainda vai havendo no rio das Bouças, pois sem ela não há farinha.
  7. 7. 1- CUBO 2- CANELO 3- RODÍZIO 4- MÓS - Entrem, meninos, entrem!... As taleigas ponho-as aqui no chão e agora vou encher a moega com o grão.
  8. 8. Começa a ouvir-se o barulho das mós no seu rodopiar constante e a farinha vai-se amontoando no soalho.
  9. 9. - Esta já dá para uma carrada. Agora é preciso ir fazer a entrega.
  10. 10. Não faltará pão em Moinhos do Rio, no Castelo, no casal e na casa da comadre Maria.
  11. 11. No dia seguinte, logo de manhãzinha, o Quim corre a pegar na peneira e dá uma ajuda à mãe a troco de um bolito.
  12. 12. A D.ª Maria caldeia a farinha com a água a ferver, a que vai juntar o fermento. O Tareco espreita….e espera…
  13. 13. Toc…Toc… - Então, não sobra nada para mim? - Ainda tens de esperar porque a minha mãe ainda demora a amassar.
  14. 14. Fez-se a reza e agora já a massa repousa bem agasalhada para que finte mais depressa.
  15. 15. Mas a D.ª Maria não descansa muito. É tempo de tender, dar forma ao pão.
  16. 16. 1- CARUMA 2- VIDES 3- RAMOS DE MIMOSA 4- RODOURO 5- VASSOURO 6- PÁ 7- FORNO No forno, já o Zé Parafuso prepara a lenha a que vai chegar o lume.
  17. 17. O rodoiro gira nas mãos do forneiro que não se cansa de aliviar a lenha. O forno quer-se bem quente e sem fumo.
  18. 18. Com o vassouro faz-se a limpeza. A D.ª Maria já chegou com os pães no tabuleiro e agora é um ver se te avias a meter no forno.
  19. 19. Cá fora cresce a água na boca do Zé. - Que cheirinho!
  20. 20. E à hora do almoço toda a gente vai provar da fornada. O tio Manuel da moleira, a D.ª Maria, o Zé e as vizinhas deliciamse com o pão de Moinhos do Rio. O Quim devora o seu bolito…e o gato? - Não viram o Tareco? Debaixo da mesa não se perdem as migalhas.

×