WGG<br />EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />A classificação dos seres vivos é feita de acordo com a semelhança destes.<br />Taxonomi...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ORIGEM DA CLASSIFICAÇÃO<br />O início do estudo de classificação foi na Grégia Antiga on...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO DE LINEU<br /> O cientista acreditava que havia um ser vivo ide...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />HIERARQUIAS DOS SERES VIVOS<br />
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO<br />SISTEMAS ARTIFICIAIS- Sistemas de classificação que utiliz...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />REINO: Animalia<br />FILO:Chordata<br />CLASSE:Mammalia<br /...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />Nome sempre duplo formado por duas palavras esc...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />NOMES CIENTÍFICOS<br />Os nomes científicos dev...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />NOMES DESCOBRIDOR<br />Os nomes descobridor são...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />SUBGÊNERO <br />Deve ser escrita após o termo g...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />SELEÇÃO NATURAL<br />Os seres vivos que se adaptam melhor no ambiente em que vivem, tem ...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ESPÉCIE<br />CONCEITO: Ser vivo capaz de gerar descendentes férteis por muitas gerações ...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO E SISTEMÁTICA<br />A filogenética ou clastíca é uma escola que estuda os concei...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />HOMOLOGIA- ORIGEM COMUM<br />É o estudo biológico das semelhanças entre es...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />ANALOGIA- FUNÇÃO COMUM<br />São os órgãos que desempenham a mesma função e...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />IRRADIAÇÃO ADAPTATIVA<br />É a denominação dada a função evolutivo pelo qu...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />EVOLUÇÃO CONVERGENTE<br />Quando organismos não intimamente comuns e nem d...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLADOGÊNESE<br />Compreende os processos responsáveis pela ruptura da coesão original em...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ANAGÊNESE<br />CLADOGÊNESE<br />
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLADOGRAMA<br />O esquema da evolução e modificações da cladogênese e da anagênese pode ...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLADOGRAMA<br />NÓ: Ancestral comum<br />RAIZ: é o principio de tudo<br />TERMINAIS: últ...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ESPÉCIE (FILOGENÉTICO)<br />Espécie é a população, ou grupo de populações definidas por ...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CONSTRUINDO UM <br />CLADOGRAMA<br />CONDIÇÕES PRIMITIVA - Ancestral<br />CONDIÇÕES DERI...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLASSIFICAÇÃO GERAL<br />DOS SERES VIVOS<br />ARISTÓTELES (2 REINOS)<br />HAECKEL (3 REI...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLASSIFICAÇÃO GERAL<br />DOS SERES VIVOS<br />COPELAND (4 REINOS)<br />WHITTAKER(5 REINO...
EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLASSIFICAÇÃO GERAL<br />DOS SERES VIVOS<br />WOESE(3 DOMÍNIOS)<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Evolução e sistemática

12.694 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
2 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.694
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.321
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
337
Comentários
2
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evolução e sistemática

  1. 1. WGG<br />EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />
  2. 2. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />A classificação dos seres vivos é feita de acordo com a semelhança destes.<br />Taxonomia: é o ramo da biologia que trata da descrição e classificação dos organismos.<br />
  3. 3. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ORIGEM DA CLASSIFICAÇÃO<br />O início do estudo de classificação foi na Grégia Antiga onde existiam-se dois reinos: ANIMAIS (aquáticos,terrestres e aéreos) e PLANTAS (ervas,arbustos e árvores)<br /> Depois, Santo Agostinho em 354 a 410 d.C. modificou a classificação dos animais dividindo-os em uteis,nocivos e indiferentes ao homem. <br /> A partir do Renascimento, foi adotada a classificação de Lineu, onde as características para classificação eram criteriosamente escolhidas (SEMELHANÇA).<br />
  4. 4. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO DE LINEU<br /> O cientista acreditava que havia um ser vivo ideal e perfeito, e seus semelhantes eram cópias imperfeitas. O ser perfeito era conhecido como organismo-tipo.<br />Divisão dos seres em cinco grupos de acordo com Lineu<br />REINO – CLASSE- ORDEM- GÊNERO- ESPÉCIE<br />Atualmente a classificação é em sete categorias hierárquicas.<br />REINO – FILO – CLASSE- ORDEM – FAMÍLIA- GÊNERO- ESPÉCIE<br /> Lineu revolucionou a botânica quando “sexualizou” as plantas. <br />
  5. 5. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />HIERARQUIAS DOS SERES VIVOS<br />
  6. 6. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO<br />SISTEMAS ARTIFICIAIS- Sistemas de classificação que utilizam um único critério para separar os organismos em grupos. Não se baseiam em relações de parentesco evolutivo entre os grupos de seres vivos. <br />SISTEMAS NATURAIS- A partir do século XVIII (Iluminismo), usam criteriosos objetivos com dados fornecidos pela morfologia, fisiologia, ecologia e embriologia. Procuram compreender as relações de parentesco evolutivo entre os grupos de seres vivos. <br />
  7. 7. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />REINO: Animalia<br />FILO:Chordata<br />CLASSE:Mammalia<br />ORDEM:Carnívora<br />FAMÍLIA:Candae<br />GÊNERO:Canis<br />ESPÉCIE: Canis familares<br /> GÊNERO TERMO ESPECÍFICO<br />
  8. 8. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />Nome sempre duplo formado por duas palavras escritas em itálico ou sublinhado. A primeira corresponde ao gênero e a primeira letra sempre maiúscula. A segunda corresponde ao termo específico e sempre escrita em letras minúsculas.<br />O nome de uma espécie é o conjunto. <br />Ex: Canis familiaris<br />Clostridiumtetani<br />
  9. 9. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />NOMES CIENTÍFICOS<br />Os nomes científicos devem ser escritos com raízes gregas ou latinas.Ex: Anthoropoidea ; Homo <br />NOMES GEOGRÁFICOS<br />Os nomes geográficos são próprios,ou seja, não podem ser traduzidos sendo necessário latinizá-los. (-US,-IS)<br />Ex: Autralopithecusafricanus<br /> ÁFRICA<br />
  10. 10. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />NOMES DESCOBRIDOR<br />Os nomes descobridor são próprios devendo assim latinizá-los<br />MASCULINO (-i) / FEMININO (-ae)<br />SUBESPÉCIE <br />O nome é trinomial (GENÉRICO + ESPECÍFICO + SUBESPEÍFICO)<br />Ex: Homos sapiens sapiens<br />
  11. 11. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />REGRAS DE NOMENCLATURA<br />Espécie<br />SUBGÊNERO <br />Deve ser escrita após o termo genérico e entre parenteses<br />Ex: Aedes (Stegcmya) aegypti<br />TERMINAÇÕES FIXAS<br />FAMÍLIA (-idae): Canidae<br />FAMÍLIA EM VEGETAIS (-aceae): Roseaceae<br />
  12. 12. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />SELEÇÃO NATURAL<br />Os seres vivos que se adaptam melhor no ambiente em que vivem, tem mais chances de sobrevivência e de reprodução deixando um número maior de descendentes. <br />A TEORIA SINTÉTICA DA EVOLUÇÃO<br />A evolução ocorre de acordo com vários fatores e esses conjuntos determinam as mudanças evolutivas da população<br />Fatores para evolução:<br />Mutação / Reprodução sexuada /Crossing over<br />
  13. 13. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ESPÉCIE<br />CONCEITO: Ser vivo capaz de gerar descendentes férteis por muitas gerações <br />ÉGUA ---- JUMENTO<br /> MULA<br /> (ESTÉREO) <br />Seres hídricos são aqueles que não geram descendentes<br />
  14. 14. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO E SISTEMÁTICA<br />A filogenética ou clastíca é uma escola que estuda os conceitos evolutivos, com métodos adequados para testar suas hipóteses. A diversidade dos seres vivos é resultante de processos evolutivos que ocorrem basicamente por cladogênese e anagênese. <br />
  15. 15. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />HOMOLOGIA- ORIGEM COMUM<br />É o estudo biológico das semelhanças entre estruturas de diferentes organismos que possuem a mesma origem filogenética. <br />
  16. 16. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />ANALOGIA- FUNÇÃO COMUM<br />São os órgãos que desempenham a mesma função em certas espécies diferentes. <br />
  17. 17. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />IRRADIAÇÃO ADAPTATIVA<br />É a denominação dada a função evolutivo pelo qual se formam, num curto espaço de tempo, seres do mesmo ancestral em ambientes diferentes.<br />
  18. 18. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />EVOLUÇÃO<br />EVOLUÇÃO CONVERGENTE<br />Quando organismos não intimamente comuns e nem da mesma linha evolutiva, apresentam estruturas semelhantes a exercendo a mesma função.<br />
  19. 19. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLADOGÊNESE<br />Compreende os processos responsáveis pela ruptura da coesão original em uma população, gerando-se uma ou mais populações. <br />ANAGÊNESE<br />Compreende os processos pelos quais um caráter surge ou se modifica em uma população ao longo do tempo, sendo responsáveis pelas “novidades evolutivas”<br />
  20. 20. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ANAGÊNESE<br />CLADOGÊNESE<br />
  21. 21. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLADOGRAMA<br />O esquema da evolução e modificações da cladogênese e da anagênese pode ser representado em um cladograma (uma espécie de gráfico) .<br />
  22. 22. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLADOGRAMA<br />NÓ: Ancestral comum<br />RAIZ: é o principio de tudo<br />TERMINAIS: último grupo, atual<br />GRUPOS IRMÃOS :<br />São os grupos que se separaram por último<br />
  23. 23. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />ESPÉCIE (FILOGENÉTICO)<br />Espécie é a população, ou grupo de populações definidas por uma ou mais condições derivadas,constituindo o menor grupo taxonômico reconhecível. <br />
  24. 24. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CONSTRUINDO UM <br />CLADOGRAMA<br />CONDIÇÕES PRIMITIVA - Ancestral<br />CONDIÇÕES DERIVADA - Novidade evolutiva<br />Para cada caráter precisamos saber quais são as condições derivadas e primitivas. Para definir a primitiva é necessário ter um grupo externo. A variação do caráter que tiver no grupo externo será a primitiva. O branco na matriz ao lado é a condição primitiva. O vermelho é comum em todos grupos, logo determina a primeira condição do surgimento. <br />
  25. 25. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLASSIFICAÇÃO GERAL<br />DOS SERES VIVOS<br />ARISTÓTELES (2 REINOS)<br />HAECKEL (3 REINOS)<br />
  26. 26. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLASSIFICAÇÃO GERAL<br />DOS SERES VIVOS<br />COPELAND (4 REINOS)<br />WHITTAKER(5 REINOS)<br />
  27. 27. EVOLUÇÃO E<br /> SISTEMÁTICA<br />CLASSIFICAÇÃO GERAL<br />DOS SERES VIVOS<br />WOESE(3 DOMÍNIOS)<br />

×