1                                                  “A Sociedade Primitiva”                                                ...
2seres humanos:únicos animais que consegue produzir seu alimentoIsso + as técnicas de produção desenvolvidaspossibilitou à...
3         I. meios naturais de subsistência (FASE INFERIOR do estado                                                      ...
4        III. cultura dos farináceos                (FASE INFERIOR da barbárie)                 inicia-se com a introdução...
5  IV. Carne e Leite como meios de subsistência                                                  (FASE MÉDIA da barbárie) ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

MORGAN, Lewis. A sociedade primitiva - capítulo II: Das artes de subsitência

3.717 visualizações

Publicada em

Apanhado (rascunho) geral do capítulo II do livro de Morgan. Apresentado em disciplina no ano de 2010.

Publicada em: Educação
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.717
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

MORGAN, Lewis. A sociedade primitiva - capítulo II: Das artes de subsitência

  1. 1. 1 “A Sociedade Primitiva” Lewis MORGAN CAP II: DAS ARTES DE SUBSISTENCIA • arte de subsistência: É o Conjunto de técnicas desenvolvidas pelo homem para aobtenção de alimentos. A humanidade partiu de um nível + baixo progredindo ascendentemente humanidade (ponto de partida) ideia de progresso ideia de elevação a ideia de elevação Etimologicamente já condiz com ideia de progresso portanto:a ideia de elevação pressupõem a superioridade1 adquirida através doprogresso, que ocorre naturalmente. Humanidade = dinâmica ≠ estático 1 ideia de elevação = ideia de Superioridade da raça HUMANA em detrimento dos demais animais
  2. 2. 2seres humanos:únicos animais que consegue produzir seu alimentoIsso + as técnicas de produção desenvolvidaspossibilitou à espécie humana explorar outras regiões do planeta MULTIPLICAÇÃO DAS PROGRESSO HUMANO FONTES DE SUBSISTENCIA* * = (alimentação) 5 FONTES DE ALIMENTAÇÃO1ª Estado SELVAGEM2ª 3ª 4ª Período da BARBÁRIE 5ªele descreve pela ordem de aparecimento:
  3. 3. 3 I. meios naturais de subsistência (FASE INFERIOR do estado selvagem) POPULAÇÃO HUMANA POUCO NUMEROSA à base de frutos e raízes Habitat limitado (pressupõe clima tropical/subtropical) Nenhum conhecimento tecnológico Nenhum tipo de instituição (casamento/família/governo...) Morgan cogita que com o processo evolutivo torna-se mais difícil a aquisição dealimentos e por isso a inteligencia humana tende a se desenvolver. (p.32) II. peixes como meio de subsistência (FASE MÉDIA do estado selvagem) O emprego do peixe na alimentação a utilização do fogo = independência do homem ante o clima e a localidade homem nômade / ocupando a maior parte da terra instrumentos de pedra sem polimento Caça (clava e lança) raízes e farinha (pão) cozidos em fornos cavados na terra. antropofagia arco e flecha2 (FASE SUPERIOR do estado selvagem)2 Segundo MORGAN: nos povos que conhecem o arco e flecha (porém ignoram a cerâmica) já é encontrado alguns indícios de residencia fixa em aldeias e certa habilidade de utensílios de madeira, o tecido à mão, instrumentos de pedra polida.
  4. 4. 4 III. cultura dos farináceos (FASE INFERIOR da barbárie) inicia-se com a introdução da cerâmica (refratários ao fogo) domesticação dos animais e o cultivo das plantas (arianos e semitas) • condições naturais diferentes nos continentes continente oriental: tinha quase todos os animais domesticados (com exceção de um) a maioria dos cereais próprios para cultivo continente ocidental: somente a lhama de animal domesticável – apenas numa parte do sul. Somente o milho como cereal cultivo de plantaso desaparecimento gradual da antropofagia nos (2) hemisférios, resultou doaumento constante dos produtos alimentares
  5. 5. 5 IV. Carne e Leite como meios de subsistência (FASE MÉDIA da barbárie) domesticação de animais abastecimento de leite e carne vida pastoril auxiliando no desbravamento de territórios não imaginados por ♂s da fase inferior V. Meios ilimitados graças à agricultura (FASE SUPERIOR da Barbárie) inicia-se com a fundição do minério de ferro força animal + força humana invenção do arado de ferro produção em larga escala passa à fase de civilização c/ a invenção da escrita alfabética e o uso pá e machado derrubada D bosques p/ a construção D pastagens e terras cultiváveis _____________________________________________ = RÁPIDO AUMENTO DA POPULAÇÃOMORGAN, a partir deste ponto começa a descrever as formas de família.

×