08/05/2015
Balanço POCV 2015
Departamento de Proteção e Defesa
Civil
Lançamento POCV 2015
Material de comunicação preventiva do POCV: folheto e
calendários de mesa e parede
Folheto de Santo André
foi eleito pelo ...
Estrutura POCV
Prefeito
Grupo
Intersetorial
Secretarias e
Autarquias
envolvidas
Grupo de
Coordenação
Técnica
Grupo de Moni...
Comparativo Ocorrências de Defesa Civil – 2009 2014
Quadro geral de atendimentos em ocorrências
Ocorrência 2014/2015 2013/2014
Vistoria em árvore 386 264
Vistoria edificação ...
Centenas de quedas de árvores ventos de 97 km
53
603.5 mm
97
702.1 mm
87
539.7 mm
101
523.8 mm
17
80.5 mm
126 117
79
51
113 8 1 37
25
8 16
0
100
200
300
400
500
600
700...
Ano Dezembro Janeiro Fevereiro Março
2015 ----------- 702,06 539,7 523,8
2014 603,5 367,2 164,7 270,3
2013 142,8 326,2 433...
Atendimentos realizados de 01/12/14 a 15/04/15
dez/14 jan/14 fev/15 mar/15 abr/15 Total
800 DDC - Vistoria Defesa Civil 8 ...
Índices pluviométricos Cemaden 19 estações - dezembro /14
Apesar da frequência dos eventos
intensos o POCV não registrou
nenhuma vítima, ferido ou
desabrigado.
O grande diferencial...
Tabela de Beaufort - base para monitoramento dos ventos
Índices pluviométricos Cemaden - janeiro 2015
Ações recuperativas
Madrugada de 26/01 índice pluviométrico de 86mm em apenas 1 hora causou o
solapamento da AV. Maurício ...
Picos de pluviometria Janeiro 2015
Índices pluviométricos CEMADEN – fevereiro
Inundações provocadas pelas chuvas de 25 de fevereiro
Chuvas fortes de 25 de
fevereiro, com 103 mm,
causaram transbordamen...
Dia 25/02 chuvas de 102,9mm Santa Terezinha e Bairro Campestre
Índices pluviométricos Cemaden - março 2015
Ações recuperativas
Março – acumulado de chuvas
acima de 100mm causou
deslizamentos no Recreio da
Borda do Campo – interdi...
Total de Atendimentos no POCV
Mês/ano N° atendimentos
Dezembro/2014 240
Janeiro/2015 309
Fevereiro/2015 253
Março/2015 257...
Alertas para fortes chuvas, altas e
baixas temperaturas, baixa umidade,
cuidados com raios e ventos muito
fortes.
Comunica...
Ações preventivas
Dez/14 Jan/15 Fev /15 Mar/15 Abril/15 Totais
DDC - Participação em Evento – vistoria prévia - - 2 - - 2
...
Vistorias preventivas por sobrevoo nas áreas de risco
Área do Jardim Irene antes e depois da remoção preventiva
Remoções Preventivas – PMRR
Monitoramento Climático Preventivo por seis câmeras e
estações meteorológicas
Monitoramento pluviométrico CEMADEN ABC dezembro/14
Sistemas de monitoramento integrado: CGE, Radar USP, SAISP
Mais quatro novos pluviômetros comunitários instalados
Áreas: Sabina, Parque Andreense,
Parque Escola e Aterro Sanitário
Alertas CEMADEN para deslizamento de terra dezembro
Alerta CEMADEN para áreas sujeitas a inundação
Cursos e treinamentos internos POCV 2014 - 2015
Cursos Carga horária
O olhar da Defesa Civil para os registros fotográfico...
Treinamento interno: prevenção acidentes, NUPDEC Animal
Treinamento e Formação Equipe DDC e GODC 2014
Curso/ evento / treinamento Entidade Carga
horária
Participantes Carga
horár...
Curso/ evento / treinamento471 Entidade Carga
horária
Participantes Carga
horária
Total
Capacitação em Gestão de Riscos UF...
Treinamento e aperfeiçoamento constante das equipes
Visita técnica Cemaden e simulado Campos do Jordão
Participação em Simulado Regional Emergências Químicas
Itens arrecadados durante a campanha
26 escolas (públicas e particulares) aderiram à
campanha. Foram arrecadados no total ...
40 famílias receberam Assistência Humanitária; principalmente os moradores
do Núcleo Maurício de Medeiros, entre outros ca...
Ações Educativas junto à população durante o ano
Comunicação Preventiva: Boletim mensal de Notícias
https://www.youtube.com/watch?v=MIX1e1omaaY
Proteção Civil divulga ações nas mídias e redes sociais:
SPTV destaca monitoramento preventivo realizado em S. André
https://www.youtube.com/watch?v=U8ncSkasu3o
Todos os dados Proteção e Defesa Civil estão na página Semasa
Plano Regional de Apoio Mútuo - municípios do ABC
• Doação de 30 cestas básicas, 90 tubos de creme dental e 120 sabonetes ...
Abordagem sobre Adaptações às Mudanças Climáticas
Treinamento e formação dos NUPDECs
NUPDECs participam de ação preventiva com animais
NUPDECS, Defesa Civil
e Saúde realizaram a
vacinação, castração e
regist...
Cartilha orienta moradores sobre questões com árvores
Devido ao grande número de
queda de árvores e de galhos
durante o PO...
Análise POCV
O verão em Santo André terminou com altos índices pluviométricos, bem acima dos
registrados nos últimos verõe...
Balanço final do POCV 2014/2015 - Defesa Civi de Santo André/Semasa
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Balanço final do POCV 2014/2015 - Defesa Civi de Santo André/Semasa

626 visualizações

Publicada em

Apresentação da Defesa Civil de Santo André, vinculada ao Semasa, sobre o balanço final do Programa Operação Chuvas de Verão 2014/2015.

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
626
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
189
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Balanço final do POCV 2014/2015 - Defesa Civi de Santo André/Semasa

  1. 1. 08/05/2015 Balanço POCV 2015 Departamento de Proteção e Defesa Civil
  2. 2. Lançamento POCV 2015
  3. 3. Material de comunicação preventiva do POCV: folheto e calendários de mesa e parede Folheto de Santo André foi eleito pelo Consórcio como modelo para todo Grande ABC:
  4. 4. Estrutura POCV Prefeito Grupo Intersetorial Secretarias e Autarquias envolvidas Grupo de Coordenação Técnica Grupo de Monitoramento Preventivo NUPDECs e Voluntários Grupo de Assistência Humanitária/Remoções Preventivas Grupo de Atendimento Emergencial Equipes de Emergência Grupo de Ações Recuperativas Grupos Apoio Externo: REDEC e CEDEC Corpo de Bombeiros PAM Consórcio Grande ABC CETESB AES Eletropaulo COMGAS Transpetro
  5. 5. Comparativo Ocorrências de Defesa Civil – 2009 2014
  6. 6. Quadro geral de atendimentos em ocorrências Ocorrência 2014/2015 2013/2014 Vistoria em árvore 386 264 Vistoria edificação 355 326 Vistoria em muro 74 37 Deslizamento/Escorregamento/ Desbarrancamento/ 56 7 Enchente/Inundação/Alagamento 15 55 Atendimentos com árvores ultrapassou o de vistorias em edificações e muros, que tem liderado nos últimos anos.
  7. 7. Centenas de quedas de árvores ventos de 97 km
  8. 8. 53 603.5 mm 97 702.1 mm 87 539.7 mm 101 523.8 mm 17 80.5 mm 126 117 79 51 113 8 1 37 25 8 16 0 100 200 300 400 500 600 700 800 Ocorrências Pluviometria Ocorrências Pluviometria Ocorrências Pluviometria Ocorrências Pluviometria Ocorrências Pluviometria dez/14 jan/15 fev/15 mar/15 abr/15 801 DDC - Vistoria Edificação 802 DDC - Vistoria de Árvores 809 DDC - Enchente / Inundação / Alagamento 811 DDC - Deslizamento / Escorregamento / Desbarrancamento Índices Pluviométricos X atendimentos POCV
  9. 9. Ano Dezembro Janeiro Fevereiro Março 2015 ----------- 702,06 539,7 523,8 2014 603,5 367,2 164,7 270,3 2013 142,8 326,2 433,1 204,3 2012 362,1 317,8 228,2 140,8 2011 388,5 462,2 275,03 207,7 2010 266,3 524,3 304,5 176,6 2009 317,0 271,1 264,7 142,2 Histórico Índices Pluviométricos (mm) no POCV 2009 - 2015
  10. 10. Atendimentos realizados de 01/12/14 a 15/04/15 dez/14 jan/14 fev/15 mar/15 abr/15 Total 800 DDC - Vistoria Defesa Civil 8 14 9 11 5 47 801 DDC - Vistoria Edificação 53 97 87 101 17 355 801.12 DDC - Vistoria Defesa Civil - Desinterdição 4 4 7 1 1 17 802 DDC - Vistoria de Árvores 126 117 79 51 11 384 803 DDC - Acidente com Eletricidade 1 1 2 804 DDC - Evento com Meio de Transporte 1 1 1 3 805 DDC - Evento com Produto Perigoso 3 3 6 806.12 DDC - Captura de insetos agressivos em próprios públicos 3 3 8 1 15 807 DDC - Incêndio 2 1 3 809 DDC - Enchente / Inundação / Alagamento 3 8 1 3 15 810 DDC - Vistoria - Muro 11 18 22 17 6 74 811 DDC - Deslizamento / Escorregamento / Desbarrancamento 7 25 8 16 56 812 DDC - Vistoria em Via Pública 2 3 1 3 9 816 DDC - Formação para percepção de riscos 1 2 3 817 DDC - Assistência Humanitária - Doações efetuadas 1 2 3 818 DDC - Participação em Evento 2 2 818.1 DDC - Participação em Show 1 1 818.3 DDC - Participação em Reuniões Externas 10 7 10 12 11 50 818.4 DDC - Reunião Interna 3 2 8 1 14 819 DDC - Formação / Capacitação - Recebida 4 4 1 9 820 DDC - Vistoria Preventiva 5 7 10 23 1 46 820.1 DDC - Vistoria Preventiva - / Remoção - IPT 1 1 0 TOTAIS 240 309 253 257 56 1115 dez/14 jan/14 fev/15 mar/15 abr/15 Total 800 DDC - Vistoria Defesa Civil 8 14 9 11 5 47 801 DDC - Vistoria Edificação 53 97 87 101 17 355 801.12 DDC - Vistoria Defesa Civil - Desinterdição 4 4 7 1 1 17 802 DDC - Vistoria de Árvores 126 117 79 51 11 384 803 DDC - Acidente com Eletricidade 1 1 2 804 DDC - Evento com Meio de Transporte 1 1 1 3 805 DDC - Evento com Produto Perigoso 3 3 6 806.12 DDC - Captura de insetos agressivos em próprios públicos 3 3 8 1 15 807 DDC - Incêndio 2 1 3 809 DDC - Enchente / Inundação / Alagamento 3 8 1 3 15 810 DDC - Vistoria - Muro 11 18 22 17 6 74 811 DDC - Deslizamento / Escorregamento / Desbarrancamento 7 25 8 16 56 812 DDC - Vistoria em Via Pública 2 3 1 3 9 816 DDC - Formação para percepção de riscos 1 2 3 817 DDC - Assistência Humanitária - Doações efetuadas 1 2 3 818 DDC - Participação em Evento 2 2 818.1 DDC - Participação em Show 1 1 818.3 DDC - Participação em Reuniões Externas 10 7 10 12 11 50 818.4 DDC - Reunião Interna 3 2 8 1 14 819 DDC - Formação / Capacitação - Recebida 4 4 1 9 820 DDC - Vistoria Preventiva 5 7 10 23 1 46 820.1 DDC - Vistoria Preventiva - / Remoção - IPT 1 1 0 TOTAIS 240 309 253 257 56 1115
  11. 11. Índices pluviométricos Cemaden 19 estações - dezembro /14
  12. 12. Apesar da frequência dos eventos intensos o POCV não registrou nenhuma vítima, ferido ou desabrigado. O grande diferencial do POCV 2015 foram as fortes rajadas de ventos – maior número atendimentos Rajadas de vento causaram destelhamentos e queda de árvores
  13. 13. Tabela de Beaufort - base para monitoramento dos ventos
  14. 14. Índices pluviométricos Cemaden - janeiro 2015
  15. 15. Ações recuperativas Madrugada de 26/01 índice pluviométrico de 86mm em apenas 1 hora causou o solapamento da AV. Maurício de Medeiros e inundou várias moradias situadas nas margens do córrego Guarará. Todos receberam Assistência Humanitária e demais serviços: limpeza e desassoreamento do córrego, reparo na rede de água e na via.
  16. 16. Picos de pluviometria Janeiro 2015
  17. 17. Índices pluviométricos CEMADEN – fevereiro
  18. 18. Inundações provocadas pelas chuvas de 25 de fevereiro Chuvas fortes de 25 de fevereiro, com 103 mm, causaram transbordamento do Rio Tamanduateí inundando a região central, Utinga e Santa Terezinha
  19. 19. Dia 25/02 chuvas de 102,9mm Santa Terezinha e Bairro Campestre
  20. 20. Índices pluviométricos Cemaden - março 2015
  21. 21. Ações recuperativas Março – acumulado de chuvas acima de 100mm causou deslizamentos no Recreio da Borda do Campo – interdição e Assistência Humanitária
  22. 22. Total de Atendimentos no POCV Mês/ano N° atendimentos Dezembro/2014 240 Janeiro/2015 309 Fevereiro/2015 253 Março/2015 257 Abril (até 15)/2015 56 - Interdições - no período foram realizadas 49 interdições. - Muitas causadas por impactos provocados por obras vizinhas.
  23. 23. Alertas para fortes chuvas, altas e baixas temperaturas, baixa umidade, cuidados com raios e ventos muito fortes. Comunicado aos NUPDECs sobre treinamentos. Campanhas relacionadas: combate à dengue e vacinação. Ações Preventivas Envio de alertas preventivos via SMS para eventos climáticos – 1430 cadastrados
  24. 24. Ações preventivas Dez/14 Jan/15 Fev /15 Mar/15 Abril/15 Totais DDC - Participação em Evento – vistoria prévia - - 2 - - 2 DDC - Participação em Show – vistorias prévias - - - - 1 1 DDC - Participação em Reuniões Externas – organização ações integradas 10 7 10 12 11 50 DDC - Reunião Interna – planejamento ações preventivas - 3 2 8 1 14 DDC - Formação / Capacitação Recebida profissionalização equipe 4 - - 4 1 9 DDC - Vistoria Preventiva – POCV 5 7 10 23 1 46 DDC - Vistoria Preventiva - / Remoção – IPT – PMRR 1 - - - - 1 Ações Preventivas – vistorias áreas de risco
  25. 25. Vistorias preventivas por sobrevoo nas áreas de risco
  26. 26. Área do Jardim Irene antes e depois da remoção preventiva Remoções Preventivas – PMRR
  27. 27. Monitoramento Climático Preventivo por seis câmeras e estações meteorológicas
  28. 28. Monitoramento pluviométrico CEMADEN ABC dezembro/14
  29. 29. Sistemas de monitoramento integrado: CGE, Radar USP, SAISP
  30. 30. Mais quatro novos pluviômetros comunitários instalados Áreas: Sabina, Parque Andreense, Parque Escola e Aterro Sanitário
  31. 31. Alertas CEMADEN para deslizamento de terra dezembro
  32. 32. Alerta CEMADEN para áreas sujeitas a inundação
  33. 33. Cursos e treinamentos internos POCV 2014 - 2015 Cursos Carga horária O olhar da Defesa Civil para os registros fotográficos 4h Mudanças climáticas na gestão das cidades 4h Noções de primeiros socorros 8h Formação para Percepção de Risco 8h Técnicas de nós e amarras 4h Prevenção de acidentes domésticos 4h Como identificar e mapear as Áreas de Risco 8h Monitoramento Climático 4h Assistência Humanitária na gestão de riscos 4h
  34. 34. Treinamento interno: prevenção acidentes, NUPDEC Animal
  35. 35. Treinamento e Formação Equipe DDC e GODC 2014 Curso/ evento / treinamento Entidade Carga horária Participantes Carga horária Total Mapeamento de Áreas de Risco de Escorregamento e Solapamento de Margens de Córregos - IPT - Instituto de Pesquisas Tecnológicas de SP 20 h 17 340h Caminho das Águas - (EAD) ANA - Agência Nacional de Águas 40h 02 80h Sala de Situação: Fique por Dentro (EAD) ANA - Agência Nacional de Águas 4h 03 12h Planejamento, Manejo e Gestão de Bacias (EAD) ANA - Agência Nacional de Águas 40h 03 120h Reflexões para Transformações Democráticas na Gestão das Águas (EAD) ANA - Agência Nacional de Águas 10h 02 20h 1ª Conferência Intermunicipal de Proteção e Defesa Civil do Grande ABC Consórcio Intermunicipal Grande ABC 16h 11 176h Capacitação Básica em Proteção e Defesa Civil (EAD) UFSC - Universidade Federal Santa Catarina 30h 10 300h Capacitação em Gestão de Desastres e Ações de Recuperação (EAD) UFSC - Universidade Federal Santa Catarina 40h 07 280h Auditor Interno Norma NBR ISSO 9001:2008 TÜV Rheinland do Brasil Ltda 16h 02 32h Seminário Mudanças Climáticas: Impactos, Vulnerabilidade e Adaptação IEE Instituto de Energia e Ambiente USP 04h 03 12h 1º Seminário APPs Urbanas do Grande ABC SEMASA - DGA 08h 04 32h Estado Fitossanitário das árvores SEMASA – DGA/DEPAV 4,5h 08 36h Formação de Agentes e Gestores da Defesa Civil - SP (EAD) Univesp - Universidade Virtual do Estado de São Paulo 30h 04 120h Eletricidade Básica AES Eletropaulo 1h 09 9h Animais Peçonhentos BIO Parque Macuco 2h 03 6h Oficina Regional para Redução de Riscos - Estiagem Casa Militar Coord. Estadual de Defesa Civil 08h 02 16h 1.º Encontro Nacional de Cidades Resilientes - Minha cidade está se preparando! UNISDR - The United Nations Office for Disaster Risk Reduction 08h 01 8h 2ª Conferência Municipal de Proteção e Defesa Civil Defesa Civil Municipal de São Paulo 08h 01 8h 1.ª Conferência Estadual de Proteção e Defesa Civil do estado de SP CEDEC – Defesa Civil Estadual SP 20h 07 140h
  36. 36. Curso/ evento / treinamento471 Entidade Carga horária Participantes Carga horária Total Capacitação em Gestão de Riscos UFRGS – Universidade Federal do Rio Grande do Sul (EAD) 40h 04 160h Uso do Manual de Atendimento a Emergências com Produtos Químicos PSA – Secretaria da Saúde – Departamento de Vigilância à Saúde 4h 03 12h Condução de Transportes de Produtos Perigosos - MOPP Instituição ROTRAN 16h 02 32h Programa de formação em Gestão de Projetos Urbanos – Curso II Projetos no âmbito do PAC– Turma 3 Min. das Cidades / Caixa Econômica Federal / ENAP 10h 01 10h Introdução a Emergência Química Bandeirante Química Ltda. 4h 10 40h 2° Conferência Nacional de Proteção de Defesa Civil Secretaria Nacional de Proteção de Defesa Civil - SEDEC 24h 02 48h Aula Inaugural do 2° semestre de 2014 - Principais Conclusões do AR-5 do IPCC sobre Avaliação das mudanças Climáticas – Aspectos Mitigação USP – Universidade de São Paulo 2h 01 2h Lançamento da Frente Parlamentas e do I Seminário pela Valorização da Defesa Civil no Munícipio de São Paulo Câmara Municipal de São Paulo 5h 02 10h Introdução em Vigilância em saúde Ambiental no SUS: O subsistema Nacional de Vigilância em Saúde Ambiental IESC / UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro (EAD) 30h 01 30h NR 33 Espaço Confinado ATIC Tecnologia do Brasil Ltda 16h 09 144h Formação Brigada - Prevenção e Combate a Incêndio em Coberturas Vegetais PM do Estado de São Paulo 8º Grupamento de Bombeiros 16h 01 16h 2° Encontro Internacional de Ambiente Urbano PUC-SP 14h 01 14h Criação de E-mail Marketing CTI 2h 03 6h Hazmat Operacional- Segurança Operacional Suatrans Cotec 40h 01 40h NR 18- Montagem e Desmontagem de Andaimes Geo ABC Consult. e Ass. em Segurança do Trabalho e Meio Ambiente 8h 09 72h NR 18- Segurança em Escavações Geo ABC Consult. e Ass. em Segurança do Trabalho e Meio Ambiente 8h 03 24h NR 12 – Operador de Motosserra Geo ABC Consult. e Ass. em Segurança do Trabalho e Meio Ambiente 8h 10 80h NR 23 – Brigada de Incêndio Geo ABC Consult. e Ass. em Segurança do Trabalho e Meio Ambiente 8h 03 24h Total 2511h Investimento no treinamento e profissionalização da equipe
  37. 37. Treinamento e aperfeiçoamento constante das equipes
  38. 38. Visita técnica Cemaden e simulado Campos do Jordão
  39. 39. Participação em Simulado Regional Emergências Químicas
  40. 40. Itens arrecadados durante a campanha 26 escolas (públicas e particulares) aderiram à campanha. Foram arrecadados no total 1200 itens: roupas, material de higiene pessoal e de limpeza. Produtos Qtd Absorvente - unid. 64 Bombril - pcte 70 Cotonete - cx 4 Creme dental - unid. 106 Detergente - unid. 10 Escova dental - unid. 5 Esponja - unid. 5 Fralda descartável - unid. 276 Fronha - unid. 19 Lençol - unid. 5 Pano de chão - unid. 4 Pano de prato - unid. 2 Papel higiênico - unid. 52 Roupa adulto - pç 23 Roupa infantil - pç 62 Sabão em barra - unid. 70 Sabão em pó - pcte/cx 3 Saboneteira - pç 3 Sabonete - unid. 312 Saco de lixo - unid. 80 Xampu/condicionador - frasco 4 Toalha de banho - pç 10 Toalha de mão - pç 4 Toalha de rosto - pç 7 Total Geral 1200 Campanha Escola Amiga da Defesa Civil
  41. 41. 40 famílias receberam Assistência Humanitária; principalmente os moradores do Núcleo Maurício de Medeiros, entre outros casos, como em dois incêndios e algumas interdições, com o fornecimento de cestas básicas, colchonetes, roupas, produtos de higiene pessoal e de limpeza. Assistência humanitária
  42. 42. Ações Educativas junto à população durante o ano
  43. 43. Comunicação Preventiva: Boletim mensal de Notícias
  44. 44. https://www.youtube.com/watch?v=MIX1e1omaaY Proteção Civil divulga ações nas mídias e redes sociais:
  45. 45. SPTV destaca monitoramento preventivo realizado em S. André https://www.youtube.com/watch?v=U8ncSkasu3o
  46. 46. Todos os dados Proteção e Defesa Civil estão na página Semasa
  47. 47. Plano Regional de Apoio Mútuo - municípios do ABC • Doação de 30 cestas básicas, 90 tubos de creme dental e 120 sabonetes para a Defesa Civil de Rio Grande da Serra • Doação de 50 cestas básicas para a Associação Beneficente Cantinho da Meimei, de São Bernardo do Campo • Doação de dois conjuntos de roupas de apicultor (EPI), para a Defesa Civil de Ribeirão Pires • Doações à Casa de Apoio e Abrigo à Mulher - Vem Maria, donativos para as mulheres em situação de violência doméstica: • Fraldas descartáveis infantis, (442 unidades), absorventes (12 pacotes), xampus,(05 frascos), sabonetes, (249 unidades), tubos de creme dental, (88 unidades), sabão em barra, (32 unidades); além de echarpes, cachecóis e acessórios femininos.
  48. 48. Abordagem sobre Adaptações às Mudanças Climáticas
  49. 49. Treinamento e formação dos NUPDECs
  50. 50. NUPDECs participam de ação preventiva com animais NUPDECS, Defesa Civil e Saúde realizaram a vacinação, castração e registro dos bichos de moradores de áreas de risco, visando sua entrada em abrigos e refúgios.
  51. 51. Cartilha orienta moradores sobre questões com árvores Devido ao grande número de queda de árvores e de galhos durante o POCV, a Defesa Civil, DPAV e DGA criaram material específico para informar e orientar aos moradores sobre como solicitar uma vistoria, prevenir riscos de queda e conseguir mudas para plantio de árvores.
  52. 52. Análise POCV O verão em Santo André terminou com altos índices pluviométricos, bem acima dos registrados nos últimos verões. A ação dos fortes ventos que atingiram a região metropolitana no último verão, sobre as árvores da cidade foi a principal preocupação dos moradores de Santo André durante o período. Os ventos causaram o aumento de 42% nas solicitações para vistorias em árvores, através Defesa Civil, além das realizadas pelo DPAV e AES Eletropaulo. Entre 1º de dezembro a 15 de abril, foram 386 ligações informando problemas com quedas de galhos ou árvores, ou pedindo análise de risco de queda. A preocupação com as árvores superou até o número de pedidos de vistorias em edificações, que costuma liderar as solicitações durante o verão. Foram 355 chamados para checagens em edificações, seguido de 74 para muros. A maior ventania do período foi registrada em 29 de dezembro, com rajadas de 97,8 km/h, derrubando várias árvores. Já as temperaturas desse verão se mantiveram elevadas, porém um pouco mais baixas em relação às registradas na cidade no verão de 2014 e de 2013, com médias mensais em torno de 32® a 38®. Em comparação com os anos anteriores a cidade teve melhor desempenho e resiliência diante do grande índice pluviométrico, com menor incidência de deslizamentos, muito em decorrência do PMRR, Plano Municipal de Redução de Riscos, que retirou das áreas de risco iminente mais de 300 moradias, garantiu zerar o número de vítimas para deslizamento em todo o verão.

×