45. o profeta malaquias

10.734 visualizações

Publicada em

1 comentário
7 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.734
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.112
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
709
Comentários
1
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

45. o profeta malaquias

  1. 1. MALAQUIAS O ÚLTIMO PORTA VOZ DO MESSIAS SENTENÇA DO SENHOR DEUS, O TODO PODEROSO!
  2. 2. "Enfadais o SENHOR com vossas palavras; e ainda dizeis: Em que o enfadamos? Nisto que pensais: Qualquer que faz o mal passa por bom aos olhos do SENHOR, e desses é que ele se agrada; ou: Onde está o Deus do juízo?" (2.17). Versículo chave
  3. 3. Palavra-Chave: "CINISMO" Estava faltando sinceridade de coração na religião de Israel
  4. 4. OS PROFETAS 12 MENORES OSÉIAS JOEL AMÓS OBADIAS JONAS MIQUÉIAS NAUM HABACUQUE SOFONIAS AGEU ZACARIAS MALAQUIAS
  5. 5. OS PROFETAS E SUA ÉPOCA PROFETA PERÍODO JOEL PRÉ-EXÍLICO JONAS PRÉ-EXÍLICO AMÓS PRÉ-EXÍLICO OSÉIAS PRÉ-EXÍLICO ISAÍAS PRÉ-EXÍLICO MIQUÉIAS PRÉ-EXÍLICO NAUM PRÉ-EXÍLICO SOFONIAS PRÉ-EXÍLICO HABACUQUE PRÉ-EXÍLICO JEREMIAS PRÉ-EXÍLICO E EXÍLICO DANIEL EXÍLICO EZEQUIEL EXÍLICO OBADIAS EXÍLICO AGEU PÓS-EXÍLICO ZACARIAS PÓS-EXÍLICO MALAQUIAS PÓS-EXÍLICO
  6. 6. - último profeta do Velho Testamento, - Malaquias convive com uma sociedade egressa do cativeiro, a quem dirige uma palavra de exortação e juízo, uma vez que seus sacerdotes são corruptos, há um cinismo generalizado com relação a Deus (Sua pessoa, palavra e obra) Propósito do Livro o pecado é cometido "livremente" porque as pessoas sentem-se seguras de que não serão punidas
  7. 7. A palavra de Deus parece já não mais causar impacto nos corações das novas gerações, tal a sua insensibilidade espiritual Propósito do Livro E Deus vai ficar em silêncio nos próximos 400 anos, sem comunicar-Se com Seu povo através de profetas
  8. 8. • Profetizou em Jerusalém entre 450 a 400 anos A.C. • Seu Nome significa: “Meu Mensageiro” • Falou a uma nova geração de Judeus, de filhos e netos dos que voltaram do cativeiro da Babilônia O Profeta Malaquias
  9. 9. • Sua profecia foi uma: “sentença do Senhor contra Israel” • O povo e os sacerdotes haviam esfriado na fé e transformado a obediência a Deus em algo mecânico e rotineiro: O Profeta Malaquias
  10. 10. • Relapsos na Adoração – 1.7 • Negligentes quanto aos dízimos – 3.8 • Insatisfeitos na Comunhão com Deus – 1.2 • A desobediência provocou neles muitas dúvidas : 27 perguntas em todo o Livro questionando a Deus e seus atos! O Profeta Malaquias
  11. 11. • As grandes profecias de Ageu e Zacarias ainda não se haviam cumprido, depois de um século! • O povo começou a sentir-se magoado, desiludido, desconfiado, questionan do a se realmente valia a pena servir a Deus, e "descambou" por caminhos que desagradavam ao SENHOR. O Profeta Malaquias
  12. 12. • Malaquias é enviado para mostrar-lhe que esse "descambar" era exatamente a razão de as bênçãos de Deus serem "retardadas". • Sem obediência, tudo pára! O Profeta Malaquias
  13. 13. • O Templo fora reconstruído, os anos haviam passado, e os sacerdotes passaram a mostrar-se cansados de tanto oferecer sacrifícios. • A Vida Espiritual de Israel caiu na rotina religiosa O Profeta Malaquias
  14. 14. • Malaquias surgiu como mensageiro do SENHOR para confrontá-los, bem como à sociedade por eles (mal) orientada. O Profeta Malaquias
  15. 15. • Quando o coração está vazio o homem começa a questionar Deus – 1.2 – “Em que nos tem amado?” • Mas se esquece que a desobediência a Deus acarreta sofrimento e o juízo Divino “Eu vos tenho amado”, diz o Senhor. Deus ama o seu povo. • Quão trágico é quando o povo de Deus nutre dúvidas quanto a esse amor infinito A Mensagem de Malaquias Cap.1 O AMOR DO SENHOR EM QUESTÃO
  16. 16. • Os netos dos que voltaram do cativeiro não tinham o mesmo temor do Senhor, davam mais valor às coisas materias que as espirituais – 1.6 • Eram irreverentes, superficiais e até levianos no culto a Deus – 1.7,12 • Tornou-se um povo insatisfeito! A Mensagem de Malaquias Cap.1 O AMOR DO SENHOR EM QUESTÃO
  17. 17. • Ouvia os sermões, a Leitura das Escrituras e diziam: Que canseira, Que muxoxo! – 1.13 • Sabiam que nós somos hoje os netos dos primeiros crentes desta região? • Como estão vivendo os netos dos crentes? A Mensagem de Malaquias Cap.1 O AMOR DO SENHOR EM QUESTÃO
  18. 18. • Enquanto os avós ainda choravam as lembranças do retorno e da reconstrução, eles, acomodados, achavam tudo enfadonho: • Nas ofertas eram mesquinhos e enganadores 1.14 • Foram considerados “malditos!” • Corações frios!!! • Que podemos dizer disso hoje na Igreja! A Mensagem de Malaquias Cap.1 O AMOR DO SENHOR EM QUESTÃO
  19. 19. • O profeta se dirige aos líderes religiosos (falsos sacerdotes) Não eram Líderes consagrados ao Senhor, faziam o sacrifício do Templo sem reverência – 2.2,3 • Deus transformaria em maldição as suas bençãos: 2:2 • Eram parciais na aplicação da Lei – 2.9 • Deveriam ensinar a Lei de Deus ao povo – sua vocação – 2.7 A Mensagem de Malaquias Cap.2 OS LÍDERES REPROVADOS
  20. 20. • O Povo também estava corrompido Não estavam sendo leais uns com os outros (mentiam, juravam falso, não se respeitavam) • Eram infiéis no casamento – 2.14 • Sem “bom senso”- 2.15 o que mais a perder? • O recado de Deus era claro: “Deus odeia o repúdio” 2.16 A Mensagem de Malaquias Cap.2 OS LÍDERES REPROVADOS
  21. 21. • Religião vã, de palavras vazias, divorciada da moral – desafia o juízo de Deus • Os judeus, voltados do exílio, esperavam o Messias como “Deus do Juízo”, que iria julgar as nações opressoras de Israel – 3.2 A Mensagem de Malaquias Cap.3 O JUÍZO DO SENHOR
  22. 22. • Só que Malaquias alerta o povo de que Deus julgaria primeiro os pecados de seu povo – 3.5 • Sendo que até o espiritismo ainda atraía alguns do povo! • Religião de misticismos sempre perturbou a verdadeira promessa da aliança! (Rm.10) A Mensagem de Malaquias Cap.3 O JUÍZO DO SENHOR
  23. 23. • A Negligência para com a Palavra de Deus – 3.7 – Crente que não consulta a Palavra, peca! • Eles ainda roubavam a Deus – 3.8 – e perguntavam: “Em que te roubamos?” • Os Judeus sabiam que os dízimos eram do Senhor. • O não dar o dízimo é tratado como roubo, pois, ele pertence ao Senhor e não ao homem. • Estavam tirando do Senhor para eles!!! Cap.3 O Juizo de Deus
  24. 24. • O Dízimo é parte do culto a Deus, é comunhão com Deus, é Mordomia. • Deus queria abençoar o seu povo e não amaldiçoá-lo – 3.9,10 Cap.3 O Juizo de Deus
  25. 25. • A Negligência nos dízimos é porque achavam que Deus estava lhes dando pouca benção material – tinha ímpios melhores que eles - 3.14,15 (era rebeldia) • Muitos crentes só dizimam sob promessas de bençãos materiais, como nos dias de Malaquias! – isso é uma tragédia! • Só o dia do Juízo revelará quem foi fiel ao Senhor! – 3.18 Cap.3 O Juizo de Deus
  26. 26. • “Pois eis que vem o dia e arde como fornalha” 4.1 • O orgulho dos soberbos e dos perversos derreterá naquele dia! • Virá o sol da Justiça, trazendo salvação em suas asas – 4.2 – Jesus, cujos olhos vê todas as coisas Cap.4 As promessas de Deus para Israel
  27. 27. • O Messias á anunciado nas últimas linhas do AT, como um juíz de larga justiça e salvação • Antes do grande dia do Senhor vem o dia da graça, da salvação… (Primeira e segunda vindas de Cristo) Cap.4 As promessas de Deus para Israel
  28. 28. • Antes da vinda do Messias, é anunciado a vinda do profeta Elias, para lhe preparar o caminho – 4.5 • (Jesus interpreta esse texto informando que João Batista é o profeta Elias prometido – Mt.11.14) Cap.4 As promessas de Deus para Israel
  29. 29. •Ele teria um ministério de reconciliação dentro do lar, convertendo o coração dos pais aos filhos, e dos filhos aos pais – 4.6 – onde a religião é vivida de coração. • “Maldição” – é última palavra do AT. • O NT encerra com a “graça” – Cristo levou sobre si as maldições do seu povo na Cruz! Cap.4 As promessas de Deus para Israel
  30. 30. • Malaquias anuncia a vinda do precursor do Messias que, 400 anos mais tarde irá levantar-se e preparar o caminho para a Sua chegada. • Fala também do Messias em Sua primeira e segunda vindas. "Eis que eu envio o meu mensageiro que preparará o caminho diante de mim; de repente virá ao seu templo o SENHOR, a quem vós buscais, o Anjo da aliança, a quem vós desejais; eis que ele vem, diz o SENHOR dos Exércitos... Cristo No profeta Malaquias
  31. 31. Mas para vós outros que temeis o meu nome nascerá o sol da justiça, trazendo salvação nas suas asas; saireis e saltareis como bezerros soltos da estrebaria... Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível dia do SENHOR; ele converterá o coração dos pais aos filhos, e o coração dos filhos a seus pais; para que eu não venha e fira a terra com maldição" (3.1; 4.2,5,6). Cristo No profeta Malaquias
  32. 32. MALAQUIAS O ÚLTIMO PORTA VOZ DO MESSIAS Preparem-se: 400 anos Deus não levantará profeta
  33. 33. Um Profeta entre nós!? “Chegando-se, tocou o esquife e parando os que o conduziam disse: Jovem, eu te mando: Levanta- te. Sentou-se... Possuídos de temor...” Lucas 7:14 “Grande profeta se levantou entre nós e Deus visitou o seu povo“ Lucas 7:16

×