33. O profeta Daniel

5.221 visualizações

Publicada em

Curso Visão Panorâmica da Bíblia, lecionado na Igreja Presbiteriana de Dourados, toda quarta-feira, às 19h30' pelo Rev. Ildemar de Oliveira Berbert.

1 comentário
3 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.221
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
625
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
442
Comentários
1
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

33. O profeta Daniel

  1. 1. Palavra-chave: "SOBERANIA NA HISTÓRIA” Babilônia, Império Caldeu 605 antes do nascimento de Cristo O PROFeTa daniel
  2. 2. DIVISÃO HISTÓRICA DA BÍBLIA OS PROFÉTICOS 05 MAIORES Isaías Jeremias Lamentações Ezequiel Daniel
  3. 3. Autor Daniel, Da tribo de Judá e membro da família real, deportado para Babilônia em 605 a.C., e cujo nome significa "o SENHOR é o meu juiz", profetizou durante o exílio, tendo sido contemporâneo de Jeremias, Ezequiel, Habacuque e Obadias. Logo no princípio de seu cativeiro, tornou- se membro do conselho de ministros de Nabucodonozor.
  4. 4. Desde Nabucodonosor até Ciro, Abrangendo um período de cerca de 71 anos, desde 605 a 534 a.C. Sua profecia vai muito além do seu tempo e ultrapassa o nascimento de Jesus, Uma história profética dos poderes gentílicos mundiais desde Nabucodonosor até a vinda de Cristo. ESFERA DE AÇÃO DO LIVRO
  5. 5. • este livro, que é chamado de "o Apocalipse do Velho Testamento", • foi escrito para encorajar os judeus exilados, e tem como propósito máximo apresentar o controle soberano de Deus sobre os acontecimentos da História. • (após escrever o capítulo introdutório do livro em hebraico, Daniel muda para o aramaico e, nos capítulos 2.4 a 7.28, fala sobre o futuro dos poderes do mundo gentílico. O PROPÓSITO DO LIVRO
  6. 6. • Os babilônios, persas, gregos, romanos teriam (como, de fato, tiveram) seu tempo de esplendor e glória, porém passariam, • e Deus estabeleceria o Seu reino eterno por meio dos Seus redimidos. O PROPÓSITO DO LIVRO
  7. 7. Versículo-chave do Livro "Disse Daniel: Seja bendito o nome de Deus de eternidade a eternidade, porque dele é a sabedoria e o poder; é ele quem muda o tempo e as estações, remove reis e estabelece reis; ele dá sabedoria aos sábios e entendimento aos entendidos." (2.20,21).
  8. 8. 1 - a história pessoal de Daniel - cap. 1 2 - o plano profético do SENHOR para os gentios - caps. 2 a 7 3 - o plano profético do SENHOR para os judeus - caps. 8 a 12 Esboço do Livro podemos dividir este livro em três seções:
  9. 9. • A visão é de um Deus que governa, cheio de sabedoria e poder; • De reis que desaparecem; • De dinastias e impérios que surgem e caem; • Enquanto Deus, entronizado no céu, governa seus movimentos Campbell Morgan Mensagem Central
  10. 10. • O SENHOR manteve Daniel, Sua testemunha no palácio real, desde os dias iniciais de Nabucodonozor (que foi o gênio construtor e diretor do Império Babilônico durante 45 anos), • passando por seus cinco sucessores e pela queda de Babilônia, até ao reinado de Dario e de Ciro, ou seja, por um período de 71 anos - 605 a 534 a.C. Governo Soberano
  11. 11. Daniel (1.8) - é por demais conhecida esta decisão de Daniel. - pergunto a você: no seu coração o SENHOR pode encontrar a mesma atitude? LIÇÕES DO LIVRO 1ª. Lição
  12. 12. Daniel (1.15) – “No fim de dez dias sua aparência era melhor que a dos outros” - Deus sempre honrará servos que sejam totalmente dEle. - Não há o que temer. LIÇÕES DO LIVRO 2ª. Lição
  13. 13. Capítulo 3. – A fornalha de Fogo - Duas Lições: 1. haverá sempre mais de uma testemunha fiel sobre a face da terra! Admiramo-nos de ver um Daniel, mas, em seus dias, também havia Sadraque, Mesaque e Abede- Nego. 2. V.25 - Haverá sempre o quarto homem ao lado daqueles que se dispõem a ser fiéis. Foi Ele quem disse: "E eis que estou convosco todos os dias" (Mt 28.20). LIÇÕES DO LIVRO 3ª. Lição
  14. 14. Cap.6 – A cova dos leões - ORAÇÃO: - Como Deus guarda os seus filhos quando eles permanecem em oração! - Daniel tirou o sono do Rei Dario aquela noite LIÇÕES DO LIVRO 3ª. Lição
  15. 15. Daniel (10.10-14) – “Eis que certa mão me tocou... Daniel, homem muito amado, levanta-te... Eu me pus em pé tremendo” - creio que aqui esteja uma indicação da razão pela qual algumas de nossas orações "demorem" a ser respondidas. - Há luta no reino espiritual, e os poderes inimigos procuram impedir a concretização dessas respostas. Todavia, a Seu tempo, o SENHOR permite que as recebamos. Nada há a temer! LIÇÕES DO LIVRO 4ª. Lição
  16. 16. Daniel (12.3) - “Os que forem sábios, pois, resplandecerão como fulgor no firmamento, e os que muitos conduzirem à justiça, como estrelas, sempre e eternamente” - que promessa! - Se a juntarmos ao versículo 13 deste mesmo capítulo, então... só teremos razões para louvar ao nosso Deus, permanecendo fielmente em Seus caminhos, à semelhança de Daniel! LIÇÕES DO LIVRO 5ª. Lição
  17. 17. Em Daniel, podemos ver o Senhor Jesus como... 1 - a Pedra, que esmiuçará os reinos deste mundo - 2.34,35,44 A CRISTOLIGIA DO LIVRO
  18. 18. Em Daniel, podemos ver o Senhor Jesus como... 2 - o Filho do Homem, que recebeu o domínio, a glória e o reino da parte do Ancião de Dias - 7.13,14 A CRISTOLIGIA DO LIVRO
  19. 19. Em Daniel, podemos ver o Senhor Jesus como... 3 - o Ungido, que seria morto - 9.25,26 A CRISTOLIGIA DO LIVRO
  20. 20. • A profecia de Daniel na Babilônia ultrapassou os séculos. • Quando Cristo nasceu as terras longínquas também o aguardavam; • Vieram uns magos do Oriente e O adoraram!

×