Elementos da Linguagem fotográfica

215 visualizações

Publicada em

Ângulo, Enquadramento, Velocidade do Obturador, Cores, Profundidade de Campo, Iluminação, Efeitos e Técnicas

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
215
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Elementos da Linguagem fotográfica

  1. 1. LINGUAGEM FOTOGRÁFICA Professor: Sandro Bottene www.sandrobottene.com ELEMENTOSDA
  2. 2. A fotografia tem linguagem própria e seus elementos podem ser manipulados pelo estudo e a pesquisa ou pela própria intuição do fotógrafo. Na fotografia, a linguagem está relacionada às características, aos modos, pelos quais a fotografia existe. Para chegar a seu objetivo, necessita transpor um complexo processo técnico; e é este processo a base da linguagem fotográfica. A base técnica da realização da fotografia determina os elementos da linguagem.
  3. 3. A capacidade para selecionar e dispor os elementos de uma fotografia depende em grande parte do ponto de vista do fotógrafo. Na verdade, o lugar onde ele decide se colocar para bater uma foto constitui uma de suas decisões mais críticas. Muitas vezes uma alteração, mesmo mínima, do ponto de vista, pode alterar de forma drástica o equilíbrio e a estrutura da foto. Por isso torna-se indispensável andar de um lado para o outro, aproximar- se e afastar-se da cena, colocar-se em um ponto superior ou inferior a ela, a fim de observar o efeito produzido na fotografia por todas essas variações. A composição nada mais é do que a arte de dispor os elementos, do assunto a ser fotografado.
  4. 4. ÂNGULO 1. SUPERIOR VELOCIDADE DO OBTURADOR 14. BAIXA 2. FRONTAL 15. ALTA 3. INFERIOR PROFUNDIDADE DE CAMPO 16. PEQUENA ENQUADRAMENTO 4. HORIZONTAL 17. GRANDE 5. VERTICAL EFEITOS E TÉCNICAS 18. REFLEXO 6. DIAGONAL 19. TRANSPARÊNCIA COR 7. PRETO E BRANCO 20. TEXTURA 8. SÉPIA 21. DIMINUIÇÃO 9. COLOR 10. QUENTES 22. PERSPECTIVA 11. FRIAS 23. SOBREPOSIÇÃO ILUMINAÇÃO 12. LUZ E SOMBRA 24. FORMAS SERIADAS 13. SILHUETA OU CONTRA-LUZ 25. LINHAS ELEMENTOSDALINGUAGEMFOTOGRÁFICA
  5. 5. ÂNGULOSUPERIOR A câmera é situada acima do sujeito. A máquina na posição de mergulho (de “cima para baixo”), tende a diminuir o sujeito em relação ao espectador.
  6. 6. ÂNGULOfrontal A câmera é situada na mesma altura do sujeito. Em frente do mesmo.
  7. 7. ÂNGULOinferior A câmera é situada abaixo do sujeito. A máquina na posição de contra-mergulho (de “baixo para baixo”), tende a aumentar o sujeito em relação ao espectador.
  8. 8. Enquadramento horizontal A imagem ganha na largura (paisagem – horizonte).
  9. 9. Enquadramento vertical A imagem ganha na altura (retrato).
  10. 10. Enquadramento diagonal A posição da câmera é inclinada.
  11. 11. Cor–P&B A escala cromática varia do preto para o preto. Uma imagem em P&B é considerada monocromática (uso de uma só cor).
  12. 12. Cor–sépia A escala cromática é conhecida como envelhecida (amarelada). Uma fotografia em sépia é considerada monocromática (uso de uma só cor).
  13. 13. Cor–coLOR A imagem apresenta as cores próximas da realidade (visão). Uma imagem em cores é considerada policromática (várias cores).
  14. 14. Cores quentes Cores FRIAS derivam do vermelho e são associadas com o fogo, o sol, o calor. derivam do azul e são associadas com a água, o céu, o frio.
  15. 15. Luzesombra A iluminação destaca partes de um elemento.
  16. 16. Contra-luzou A luz vem por trás do assunto convertendo-o em silhueta, perdendo por completo a textura e praticamente todos os detalhes (na paisagem, observa-se no entardecer). silhueta
  17. 17. Outros exemplos
  18. 18. Contornodaforma Semtexturaoudetalhes
  19. 19. Baixavelocidade Tempo de exposição à luz longo (velocidade baixa), pode ser usado para acentuar o borrão ou tremor sugerindo uma sensação de movimento.
  20. 20. altavelocidade Tempo de exposição à luz curto (velocidade alta), pode "congelar" o movimento de um objeto, mostrando sua posição num dado momento
  21. 21. Outros exemplos
  22. 22. PROFUNDIDADE PEQUENA Parte dos elementos encontra-se sem foco (desfoque). Recurso usado para destacar ou criar efeito.
  23. 23. PROFUNDIDADE Quando o foco é total e grande parte dos elementos estão nítidos. GRANDE
  24. 24. Cópia reproduzida através do vidro, espelho, água,...). Efeitosetécnicas reflexo
  25. 25. Outros exemplos
  26. 26. Permite a visão através (a luz atravessa o material: vidro, plástico, tecido,...). Efeitosetécnicas TRANSPARÊNCIA
  27. 27. Outros exemplos
  28. 28. É a forma espacial de uma superfície que fornece a ideia de substância, densidade e tato. Efeitosetécnicas TEXTURA
  29. 29. Outros exemplos
  30. 30. Efeitosetécnicas DIMINUIÇÃO Escala de progressão de formas menores
  31. 31. Outros exemplos
  32. 32. Cria profundidade através de linhas que convergem ao horizonte. Efeitosetécnicas PERSPECTIVA
  33. 33. Sobreposição de planos. Efeitosetécnicas SOBREPOSIÇÃO
  34. 34. Outros exemplos
  35. 35. Formas que se repetem ou que são idênticas. Efeitosetécnicas FORMASSERIADAS
  36. 36. Outros exemplos
  37. 37. Fotografia que sugerem formas alinhadas ou imagens com traços e riscos (retas ou curvas). Efeitosetécnicas LINHAS

×