A Lei de deus(Pietro ubALdi revisitado –             3)            Mediador:        Silvânio Barcelos
Cap. 9 “Das trevas à luz”
Em busca da verdade que nosorienta e constrói, rumo à perfeição
Desilusão de Ubaldi• “Quando era moço, o maior choque que  recebi ao despertar a mente nesta Terra,  foi o aperceber-me da...
Negação do pessimismo: luz após a            escuridão...• A intuição: Além das paredes duras havia o ar  livre e a beleza...
A maior conquista de Ubaldi• “Assim, cheguei à maior conquista da  minha vida, a de ter descoberto a  presença sensível da...
10. Aparências e realidades
Há uma realidade diferente além        das aparências• “O universo é uma máquina perfeita e o  nosso mundo não é somente o...
Por que então a vida aceita a           prepotência?• Vantagem da vítima, que, lutando por este  caminho, aprende a conqui...
O plano geral da vida• Entendê-la não como a provisória  experiência terrena.• É preciso ir além dos interesses  particula...
A lei de deus (pietro ubaldi revisitado   3)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A lei de deus (pietro ubaldi revisitado 3)

432 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
432
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
44
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A lei de deus (pietro ubaldi revisitado 3)

  1. 1. A Lei de deus(Pietro ubALdi revisitado – 3) Mediador: Silvânio Barcelos
  2. 2. Cap. 9 “Das trevas à luz”
  3. 3. Em busca da verdade que nosorienta e constrói, rumo à perfeição
  4. 4. Desilusão de Ubaldi• “Quando era moço, o maior choque que recebi ao despertar a mente nesta Terra, foi o aperceber-me da presença da mentira”. P. 85• “Então me perguntei em que mundo infernal tinha nascido, onde dominava a ausência de Deus e a presença das forças do mal” p. 85
  5. 5. Negação do pessimismo: luz após a escuridão...• A intuição: Além das paredes duras havia o ar livre e a beleza do céu na luz do sol.• “Para chegar lá, escavei sozinho nas trevas, com as unhas a sangrarem...”• Cada pedra, uma experiência impar, um LIVRO.• 16 Livros: “aparecem assim horizontes sempre mais vastos, planícies e montanhas, cidades e rios, o mar e o céu, e a luz do Sol que tudo ilumina, dissipando as trevas da prisão e aquecendo também os duros corações dos prisioneiros” (Metáforas poderosas. P. 87)
  6. 6. A maior conquista de Ubaldi• “Assim, cheguei à maior conquista da minha vida, a de ter descoberto a presença sensível da Lei de Deus.”• “Foi assim que chegou a grande satisfação: a de constatar que quem manda é Deus e a vida não é dirigida pela prepotência do homem, mas pela sabedoria, bondade e justiça divinas”.
  7. 7. 10. Aparências e realidades
  8. 8. Há uma realidade diferente além das aparências• “O universo é uma máquina perfeita e o nosso mundo não é somente o exterior, isto é, reino da desordem e do mal” p. 92• O verdadeiro poder está na justiça divina, está nas mãos dos honestos, mesmo quando aparenta estar nas mãos dos prepotentes e astuciosos. CAUSA E EFEITO• Desfaz-se o jogo das ilusões humanas
  9. 9. Por que então a vida aceita a prepotência?• Vantagem da vítima, que, lutando por este caminho, aprende a conquistar o seu lugar no mundo.• A lógica da escravidão: Quem escraviza mostra o caminho do progresso.• A superioridade do senhor só dura enquanto ensina.• Numa visão holística o escravo é o grande beneficiário se aceita sua condição de resgate.
  10. 10. O plano geral da vida• Entendê-la não como a provisória experiência terrena.• É preciso ir além dos interesses particulares.• Entendendo a Lei de Deus podemos, gradativamente, adquirir a sabedoria e a visão para nos orientar no “belo caminho dos milênios”. (SABEDORIA DIVINA)

×