Tema: Consciência Negra .
Tempo de execução:  um mês – novembro de 2011. <ul><li>Culminância:  Dia 20 de novembro – dia nacional da consciência negr...
<ul><li>2. BLOCO TEMÁTICO: </li></ul><ul><li>História, Cultura e Diversidade:  Quais as coisas que fazem parte da nossa cu...
<ul><li>Proposta Interdisciplinar  </li></ul><ul><li>- Português: termos usuais na nossa língua, influência das etnias, co...
<ul><li>3.Expectativas  </li></ul><ul><li>Os alunos deverão aprender a pesquisar na internet  os tipos de comidas, as danç...
<ul><li>4 CONTEÚDO FOCO: </li></ul><ul><li>O foco é a  educação para consciência da importância do negro na  sociedade e n...
<ul><li>5. PROBLEMA:   </li></ul><ul><li>O Brasil é um dos países que mais possui população negra em todo o mundo  pois sã...
<ul><li>6. JUSTIFICATIVA: </li></ul><ul><li>Comemorar o  dia 20 de novembro – Dia da Consciência negra, dedicando o mês de...
<ul><li>7. OBJETIVOS:   </li></ul><ul><li>Diminuir e desmitificar o preconceito relativo aos costumes religiosos as comida...
<ul><li>8. DESENVOLVIMENTO: </li></ul><ul><li>O desenvolvimento do projeto estará de acordo com os parâmetros pré estabele...
<ul><li>RESULTADOS ESPERADOS: </li></ul><ul><li>Que ocorra a apropriação de diversos saberes, além da conscientização sobr...
<ul><li>AVALIAÇÃO: </li></ul><ul><li>A avaliação acontecerá , de forma contínua e diagnóstica; com a intenção primordial d...
<ul><li>11. CONSIDERAÇÕES FINAIS:   </li></ul><ul><li>    O projeto tem por objetivo favorecer o desenvolvimento da expres...
 
 
 
 
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tema

2.537 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.537
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
225
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tema

  1. 1. Tema: Consciência Negra .
  2. 2. Tempo de execução: um mês – novembro de 2011. <ul><li>Culminância: Dia 20 de novembro – dia nacional da consciência negra. </li></ul><ul><li>Característica: Projeto interdisciplinar, envolvendo, Língua Portuguesa, Artes .e História </li></ul>
  3. 3. <ul><li>2. BLOCO TEMÁTICO: </li></ul><ul><li>História, Cultura e Diversidade: Quais as coisas que fazem parte da nossa cultura que adquirimos por influência africana? </li></ul><ul><li>O ser humano, Direitos humanos e Igualdade: Como o negro é visto dentro da nossa sociedade? </li></ul><ul><li>Educação, ética e etnia: Valorização e respeito da nossa própria identidade. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Proposta Interdisciplinar </li></ul><ul><li>- Português: termos usuais na nossa língua, influência das etnias, comidas típicas </li></ul><ul><li>- História: História dos negros o começou, porque os negros vieram para o Brasil as etnias e costumes; </li></ul><ul><li>- Artes danças típicas </li></ul>
  5. 5. <ul><li>3.Expectativas </li></ul><ul><li>Os alunos deverão aprender a pesquisar na internet os tipos de comidas, as danças típicas e a influencia da cultura africana no nosso dia a dia , montar uma apresentação , utilizando os mais diversos recursos tecnológicos. Para haver um comprometimento de todos, deve-se: </li></ul><ul><li>Montar um projeto, bem estruturado, onde cada um saberá qual o seu papel e como deverá trabalhar. </li></ul><ul><li>Mostrar tudo o que será aproveitado, nas diversas áreas e o quanto se irá aprender e conhecer com as tecnologias e o conhecimento adquirido e utilizado. </li></ul><ul><li>As pessoas envolvidas não podem perder a motivação e o foco, onde todos aprenderão e ensinarão um pouco mais. </li></ul><ul><li>Capacitar a todos que quiserem aprender e se envolver. </li></ul><ul><li>Deve-se também relatar tudo o que será feito, através de um diário, por exemplo. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>4 CONTEÚDO FOCO: </li></ul><ul><li>O foco é a educação para consciência da importância do negro na sociedade e na a constituição e identidade do brasileiro e despertar o respeito à diversidade humana e , buscar nas nossas próprias raízes a herança biológica e/ou cultural trazida pela influência africana. </li></ul><ul><li>Inicialmente, será conduzido pela simples observação de fotos de revistas sobre algumas coisas que fazem parte da cultura africana (comidas, danças, vestimentas, etc.); </li></ul><ul><li>Estabelecendo a seguir um vínculo entre as curiosidades que surgirem dos alunos sobre o tema e a instigação provocada pelo professor no intuito de ir avançando no conhecimento sobre o assunto. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>5. PROBLEMA: </li></ul><ul><li>O Brasil é um dos países que mais possui população negra em todo o mundo pois são quase 4 milhões de negros que foram trazidos para o trabalho braçal no inicio do ano de 1500 historicamente, o Brasil, tem uma grande divida com os negros pois no aspecto legal, teve uma postura ativa e permissiva diante da discriminação e do racismo que atinge a população afro-descendente brasileira até hoje. Os negros conseguiram sua liberdade, no entanto dados que apontam as desigualdades entre brancos e negros, constatou-se que discriminação continua ocorrendo até os dias atuais isto demonstra a necessidade de que revertam o atual quadro. Na educação, promover uma educação ética, voltada para o respeito e convívio harmônico com a diversidade deve-se partir de temáticas significativas do ponto de vista ético, propiciando condições desde a mais tenra idade, para que os alunos e alunas desenvolvam sua capacidade dialógica, </li></ul><ul><li>Os afro-brasileiros tem conquistado um pequeno espaço na mídia se destacando na música ,no meio artístico. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>6. JUSTIFICATIVA: </li></ul><ul><li>Comemorar o dia 20 de novembro – Dia da Consciência negra, dedicando o mês de novembro, para debater e refletir sobre as diferenças raciais e a importância de cada um no processo de construção de nosso país, estado e comunidade. Com este trabalho espero que a consciência de valorização do ser humano ultrapasse as fronteiras da violência, do preconceito e do racismo. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>7. OBJETIVOS: </li></ul><ul><li>Diminuir e desmitificar o preconceito relativo aos costumes religiosos as comidas as danças tudo que esta diretamente ligado da cultura africana; Trazer à tona, discussões provocantes, por meio das rodas de conversa, para um posicionamento mais crítico frente à realidade social em que vivemos. Valorização da cultura negra e seus afro-descendentes e afro-brasileiros, na escola e na sociedade; Entender e valorizar a identidade da criança negra; Redescobrir a cultura negra, embranquecida pelo tempo; </li></ul>
  10. 10. <ul><li>8. DESENVOLVIMENTO: </li></ul><ul><li>O desenvolvimento do projeto estará de acordo com os parâmetros pré estabelecido anteriormente obedecendo as necessidades e a realidade da turma, este estabelecerá uma proposta de conteúdo para a classe desenvolvendo na sala de aula atividades para a sua exploração, sistematização e para a conclusão dos trabalhos. </li></ul><ul><li>Os alunos devem farão observações e pesquisas como observações indiretas em ilustrações e/ou vídeos, e também diretas como a experimentações e leituras e pesquisas na internet. Os matérias utilizados serão: O Livro: “Declaração Universal dos direitos humanos” – adaptação Ruth Rocha e Otávio Roth, 2003; </li></ul><ul><li>Também a audição, análise e ilustração da música Mama África </li></ul><ul><li>Ilustrações dos trabalhos de Candido Portinari – “Menina com tranças e laços” fazendo uma analogia com o livro “Menina bonita do laço de fita” e “cabeça de negro”. </li></ul><ul><li>Contato com músicas da cultura africana como o samba, a batucada; </li></ul><ul><li>Produção em artes com sucatas; Estudo de alguns artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos; </li></ul><ul><li>Exibição de vídeo (clipes): ”Missa dos quilombos” – música de Milton Nascimento; </li></ul><ul><li>Promover reflexões positivas de reportagens jornalísticas e textos da atualidade que tratam sobre o tema; </li></ul>
  11. 11. <ul><li>RESULTADOS ESPERADOS: </li></ul><ul><li>Que ocorra a apropriação de diversos saberes, além da conscientização sobre temas relevantes como legislação, tolerância, direitos e deveres etc.; Desenvolvimento de valores Novas aprendizagens, a partir de reflexões e esclarecimentos sobre outras culturas. </li></ul><ul><li>Em fim que sempre com a ajudo do professor os alunos irão sintetizar e sistematizar o aprendizado adquirido neste processo de ensino aprendizagem, fazendo registros de suas atividades, com desenhos, esquemas, confecções e etc. Sempre otimizando várias atitudes e valores éticos e </li></ul><ul><li>Humanos que podem e devem ser trabalhados para a consolidação do conteúdo estudado. </li></ul><ul><li>No dia 20 de novembro acontecerá na escola uma exposição dos dados coletados e produzidos pelas alunos da escola Paulo Freire em conjunto com o professor para que sejam apresentados no mostra cultural que faremos na escola. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>AVALIAÇÃO: </li></ul><ul><li>A avaliação acontecerá , de forma contínua e diagnóstica; com a intenção primordial de rever a própria prática docente criando novas possibilidades para estimular os alunos a desenvolverem-se suas potencialidades levando em conta, principalmente, os avanços individuais dentro da coletividade e a participação no desenvolvimento de todas as atividades (de acordo com as peculiaridades de cada aluno) no decorrer do projeto </li></ul>
  13. 13. <ul><li>11. CONSIDERAÇÕES FINAIS: </li></ul><ul><li>    O projeto tem por objetivo favorecer o desenvolvimento da expressão corporal, oral e cultural dos alunos, através de momentos de interpretação (monólogos), coreografias, músicas e a valorização estética negra, para a ampliação dos conhecimentos e formação de hábitos e atitudes fundamentais nos valores éticos. Com este conhecimento, vivenciar e valorizar a cultura negra através da música e da pintura como forma de identificação e resgate da auto-estima do aluno afro-descendente. Através de atividades artísticas, busca-se desenvolver ações transformadoras, projetando o respeito como prática fundamental e essencial para mudar as pessoas e, conseqüentemente, a sociedade. </li></ul>

×