Teorias pedagógicas no contexto da cibercultura

259 visualizações

Publicada em

Trabalho de informatica

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
259
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Teorias pedagógicas no contexto da cibercultura

  1. 1. Rosangela Pereira Patrocinio Teorias pedagógicas no contexto da Cibercultura São Paulo 2015
  2. 2. Este trabalho vai abordar sobre uma das teorias pedagógicas pela visão de Jose Carlos Libanêo e a Cibercultura.
  3. 3. Três coisas são, portanto, necessárias de serem ditas para quem quiser ajudar e não dificultar as condições do agir pedagógico.
  4. 4. A primeira é que práticas pedagógicas implicam necessariamente decisões e ações que envolvem o destino humano das pessoas, requerendo projetos que explicitem direção de sentido da ação educativa e formas explícitas do agir pedagógico.
  5. 5. A segunda é que não é suficiente, quando falamos em práticas escolares, a análise globalizante do problema educativo.
  6. 6. E a terceira: dada a natureza dialética da pedagogia, ocupando-se ao mesmo tempo da subjetivação e da socialização, da individuação e da diferenciação, cumpre compreender as práticas educativas como atividade complexa, uma vez que encontram-se determinadas por múltiplas relações e necessitam, para seu estudo, do aporte de outros campos de saberes.
  7. 7. A tarefa crucial dos pesquisadores e dos educadores profissionais preocupados com o agir pedagógico está, portanto, em investigar constantemente o conteúdo do ato educativo, admitindo por princípio que ele é multifacetado, complexo, relacional.
  8. 8. As teorias modernas da educação hoje apresentam-se em várias versões, variando das abordagens tradicionais às mais avançadas, conforme se situem em relação aos seus temas básicos: a natureza do ato educativo, a relação entre sociedade e educação, os objetivos e conteúdos da formação, as formas institucionalizadas de ensino, a relação educativa.
  9. 9. As classificações de teorias pedagógicas, são modernas a pedagogia tradicional, a pedagogia renovada, o tecnicismo educacional, e todas as pedagogias críticas inspiradas na tradição moderna como a pedagogia libertária, a pedagogia libertadora, a pedagogia crítico-social
  10. 10. Estarei enfatizando a teoria sócio-cognitiva pois ela está, visando o desenvolvimento da sociabilidade por meio de processos socioculturais.
  11. 11. Pois a questão está na organização de um ambiente educativo de solidariedade, relações comunicativas, com base nas experiências cotidianas, nas manifestações da cultura popular.
  12. 12. Para esta teoria precisamos criar situações pedagógicas interativas para propiciar uma formação democrática e inclusiva e com isso podemos entrar com as tecnologias.
  13. 13. De acordo com o texto da “A Cibercultura e a Educação em Tempos de Mobilidade e Redes Sociais: Conversando com os Cotidianos” A cibercultura é a cultura contemporânea estruturada pelo uso das tecnologias digitais em rede nas esferas do ciberespaço e das cidades.
  14. 14. Quer dizer que compreende tais esferas como espaços tempos cotidianos de ensino aprendizagem, ou como ele preferem nomear de redes educativas ou espaços multirreferenciais de aprendizagem.
  15. 15. Alguns fundamentos da cibercultura que poderão inspirar outras práticas educacionais do que chamamos educação online.
  16. 16. A educação online é o conjunto de ações de ensino aprendizagem mediadas por interfaces digitais em rede no ciberespaço (interfaces, ambientes virtuais de aprendizagem, redes sociais da internet).
  17. 17. A teoria sócio-cognitiva juntamente com a cibercultura será é uma base pedagógico-didática para ajudar os professores em suas decisões e ações cotidianas.
  18. 18. Com isso diria que o aluno de hoje vive inserida num mundo técnico-informacional, alimentando-se de imagens e textos.
  19. 19. Nesse caso, o novo paradigma de aprendizagem estaria centrado mais no saber fazer do que no saber, o pensar eficientemente seria uma questão de aprender fazendo, aprender comunicando, aprender a usar.
  20. 20. Referencias LIBANEO, José Carlos. As teorias pedagógicas modernas revisitadas pelo debate contemporâneo na Educação. Disponível em: http://ntem.lanteuff.org/pluginfile.php/5727/mod_resource/content/4/teoria_debatecontemp o.pdf> acesso: 18 fev. 2015. SANTOS, Emêa. A Cibercultura e a Educação em Tempos de Mobilidade e Redes Sociais: Conversando com os Cotidianos. Disponível em: http://ntem.lanteuff.org/pluginfile.php/5728/mod_resource/content/3/Cibercultura.pdf acesso: 18 fev. 2015.

×