2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa

998 visualizações

Publicada em

www.kardecian.org
Estudamos o espiritismo e esta é uma aula do ciclo I.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
998
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Podemos comparar com uma crianca, a medida que ela cresce vamos dando a liberdade que ela pode administrar. Nao deixariamos uma crianca de 2 anos pegarmos um onibus sozinha devido sua falta de capacidade de se auto gerenciar.
  • Na índia, a Reencarnação é aceita em termos fatalistas: Nasceu pobre, é porque precisa ficar pobre. Sofre, é porque tem que sofrer. Em doutrina espírita este conceito não existe.Ou seja:
  • A Reencarnação está estritamente relacionada com a Lei de Causa e Efeito. Somos hoje, o resultado do que fizemos ontem. Seremos amanha o produto do nosso esforço atual. Somos os construtores do nosso destino. As existências estão bastante interligadas. As vezes pensamos em várias reencarnações como se fossem processos separados. Não é. É uma vida apenas! Estamos em uma vida, seja no corpo ou fora do corpo. Por isso, o termo mais correto não é múltiplas vidas, mas sim múltiplas existências carnais.  
  • 2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa

    1. 1. Ciclo I CURSO BÁSICO KSSF REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOROSANA DEROSA 2013-03-09
    2. 2. REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOTÓPICOS DA REENCARNAÇÃO Finalidade Processo Mecanismo Métodos de Aprendizagem Reflexões 2
    3. 3. REENCARNACAO COMO PROCESSO EDUCATIVOFINALIDADE DA REENCARNAÇÃO Promover Evolução Através da Elevação Moral e EspiritualÉ a superação da condição humana atravésdas reencarnações na Terra e em outrosmundos habitados para atingir aEspiritualidade através do conhecimento 3
    4. 4. REENCARNAÇÃO - FINALIDADE“Reencarna-se para aprender, educar- se, crescer, a partir de novos elementos, de uma nova oportunidade, num novo ambiente, onde se possa construir ou reconstruir sua própria elevação espiritual”. Adenáuer Novaes (Reencarnação Processo Educativo) 4
    5. 5. REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOPROCESSO DA REENCARNAÇÃOÉ uma lei da naturezaAutomática e Mandatório 5
    6. 6. REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOAPRENDIZADOREENCARNAÇÃO – PROCESSO  O aprendizado se da através  das experiências vivenciadas  na terra e na vida espiritual.  Estas experiências 6
    7. 7. REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOREENCARNAÇÃO – PROCESSOEducativo - não é punitivoÉ comum dizer-se que oEspírito reencarnou para“pagar” pois quem deve temde pagar. Tal afirmação deveser entendida no seu sentidofigurado. A “divida” deve serentendida como ausência deconhecimento, isto é,ignorância das Lei de Deus. 7
    8. 8. REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOREENCARNAÇÃO – PROCESSOEducativo - não é punitivo O Ser volta para aprendero que ainda não foiaprendido. A justiça se processa deforma a educar o Espírito. 8
    9. 9. REENCARNACAO COMO PROCESSO EDUCATIVOO MECANISMOREENCARNAÇÃO - CONCEITOS BÁSICOS A reencarnação é o mecanismo usado no processo da evolução da humanidade. Nenhum ser humano, estará isento do processo de educação. 9
    10. 10. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOMECANISMO EDUCATIVO • Os mecanismos educativos podem ocorrer na mesma existência, sem a necessidade de se aguardar uma próxima encarnação, como também podem dar-se após várias encarnações terem ocorrido. • Às vezes, há a necessidade de se reunirem pessoas várias num processo único, o 10
    11. 11. REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOPROCESSO APRENDIZADO Não é linear “As leis de Deus nem sempre utilizam o mesmo modo que o ser humano atuou no passado, para educá-lo no presente”. Adenáuer Novaes (Reencarnação Processo Educativo) 11
    12. 12. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVO ESQUECIMENTO PROCESSO APRENDIZADO novo recomeço Recebemos um equipamento novo: corpo,cérebro, ego, uma nova personalidade eexperiências no novo meio que se vairenascer. 12
    13. 13. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVO PROCESSO APRENDIZADO Espírito não involui O espírito esta sempre começando a partir de ondeele parou. Ele pode não se desenvolver muito, masnão regride. 13
    14. 14. REENCARNAÇÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOPOTENCIAL/HABILIDADE São conquistas O que chamamos de “Dom”, seria de fato uma habilidade conquistada em experiências passadas que levaremos como possibilidades futuras. Transtornos psíquicos Traumas e ou Comportamento são desequilibrios que atravessarão 14
    15. 15. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVO QUANTAS ENCARNAÇÕES VAMOS VIVER? inúmeras Livro dos Espíritos 168O numero das existênciascorpóreas é limitado, ou o Espíritoreencarna perpetuamente?A cada nova existência, o Espíritoda um passo no caminho doprogresso; quando se despojoude todas as suas impurezas, nãonecessita mais das provas da vidacorpórea. 15
    16. 16. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOO QUE É O LIVRE- ARBÍTRIO Possibilidades de fazer escolhas.  LE 843. Tem o homem o livre-arbítrio de seus atos?  “Pois que tem a liberdade de pensar, tem igualmente a de obrar. Sem o livre- arbítrio, o homem seria máquina.” 16
    17. 17. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVO COMO SE PROCESSA O LIVRE ARBÍTRIO?Aumenta progressivamente a medida em que o espírito amplia sua consciência. Obviamente que a criatura não possui uma liberdade absoluta. Desde de que estejam juntos dois homens, há direitos entre eles a serem respeitados. 17
    18. 18. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVO LIVRE ARBÍTRIO No estagio do instinto seu uso é limitado , pois age movido pelos impulsos primitivos. Ex: Impulsividade, irritação, agressividade, hábitos repetidos sem o uso da consciência do certo e errado. À medida que o ser se desenvolve, transpõe as fronteiras do instinto a caminho da razão. Capacitando-se a usar o livre arbitrio de forma mais ampla. O livre arbítrio é uma conquista evolutiva. Aprendendo que mais do que se fazer o que se quer, consiste em fazer o que se deve. 18
    19. 19. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOLIVRE ARBÍTRIO  Do instinto à razão, a estrada é longa, sendo percorrida por nós de forma muita lenta, em sucessivas etapas reencarnatórias, nas quais vamos aos poucos aperfeiçoando a nós mesmos nos domínios do pensamento, da vontade e do livre- arbítrio.  19
    20. 20. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOLIVRE ARBÍTRIO  Mas, em que sentido é livre o espírito?  A liberdade de decidir e agir existe antes da ação ser executada.  Posta em movimento o agente perde-se aos efeitos das causas que gerou.  Entrando em cena a lei de causa e efeito . 20
    21. 21. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVO LEI DE CAUSA E EFEITO Responsabilidade Nem Liberdade Absoluta, nem determinismo total: Simplesmente Lei de Causa e Efeito. As escolhas devem respeitar a zona fronteiriça do próximo. Seu uso inadequado desencadeia reações desarmônicas,(sofrimentos, arrependimento..) Gerando repercuções negativas que se fixam no psiquismodo infrator. 21
    22. 22. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOLEI DE CAUSA E EFEITOTudo que realizamos na vida: Em palavras, pensamentos eatitudes, gera efeitos correspondentes. Se a nossa ação épositiva o efeito produzido é do mesmo teor.Se a pessoa nasceu em condições difíceis, não necessariamente existeo fatalismo de ela continuar nesse quadro. Ela pode ter renascido nessasituação, justamente para estimular, desenvolvendo as suascapacidades intelectuais, emocionais, a fim de galgar uma situaçãomelhor.  Allan Kardec adota Lei de Causa e Efeito em detrimento a palavra Carma 22
    23. 23. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVO LEI DE CAUSA E EFEITO A lei tem o objetivo de que se aprenda a equilibrar o quedesequilibrou. Nosso nível de consciência vai determinar a forma comovamos aprender. Ademais, a Lei de Causa e Efeito afirma:Não necessariamente precisamos sofrer aquilo de ruim quefizemos aos outros. Todo o bem que nós praticamos, apaga omal que fizemos. É “O Amor que cobre a multidão depecados” conforme assinala o Evangelho. 23
    24. 24. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOCOMO SOMOS DESAFIADOS?REENCARNAÇÃO -MÉTODOS DE APRENDIZAGEM Provas Expiações 24
    25. 25. REENCARNACAO COMO PROCESSO EDUCATIVO O QUE SÃO PROVAS? Entendemos aqui a acepção Prova como sinônimo de aprendizado (desafios) para o espírito. O Livro dos Espíritos nos ensina que, em sentido amplo, cada nova existência corporal é uma prova para o espírito. Prova não significa necessariamente sofrimento, como é o caso da expiação, mas sim a aquisição de novos conhecimentos em virtude de testes a que será submetido o espírito encarnado. Exemplificativamente, em uma nova existência o espírito encarnado estará sujeito a Provas de paciência, de tolerância, de amor, de fé, de perseverança, entre outras, para que possa se depurar e adquirir mais virtudes. É a reforma íntima operando no espírito para que este possa um dia atingir a perfeição. Sem as provas, não buscaríamos o conhecimento e o aprimoramento, simplesmente estagnaríamos sem um objetivo de vida. Ex: Em outras encarnações abusamos do vício da bebida. Trabalhamos e abandonamos este vício. Porém para sabermos se realmente estamos recuperados nos colocamos a prova. Nesta encarnação nascemos em uma família que alguns membros são alcoólatras, seremos expostos a prova diante da convivência se 25
    26. 26. REENCARNACAO COMO PROCESSO EDUCATIVO PROVAS Assim é o caminhar da vida, as provas nos impulsionam para o progresso. Dessa forma não seria diferente nos sentimentos, qual seria a validade do perdão se não existisse a ofensa ? Muito fácil seria somente amar aquele que nos ama, não haveria vitória nisso. 26
    27. 27. REENCARNACÃO COMO PROCESSO EDUCATIVOREENCARNAÇÃO -MÉTODOS DE APRENDIZAGEM O QUE SÃO EXPIAÇÕES? As expiações são os resgates do nosso pretérito de erros, da nossa má conduta, dos prejuízos que acarretamos aos outros e a nós mesmos. Mesmo o resgate é minimizado pela bondade Divina, oferecendo-nos as reparações que podemos suportar. De maneira alguma a nossa cruz é mais pesada que as nossas próprias forças. Infelizmente muito maior é a nossa reclamação e o nosso comodismo, que não nos permite enxergar o tanto que recebemos dos benfeitores amigos. 27
    28. 28. REENCARNACAO COMO PROCESSO EDUCATIVOCOMO IDENTIFICAR Como identificar o espírito em provação? Aquele indivíduo que enfrenta as atribulações da existência de forma equilibrada, aceitando-as sem murmúrios. Como um aluno que se submete a exame, tenta fazer o melhor, habilitando-se a estágio superior. Como identificar o espírito em expiação? Geralmente é o indivíduo que não aceita seus sofrimentos, as situações difíceis que enfrenta, rebelando-se. Atravessa a existência a reclamar 28
    29. 29. REFLEXÕES PARA FACILITAR NOSSO PROCESSO EDUCATIVOInvestir em novos potenciais e habilidades.Auto determinado sua busca do seuprogresso, aceitando as provas comresignação. 29
    30. 30. BIBLIOGRAFIA• Conhecendo o Espiritismo• Adenáuer Novaes• Reencarnação Processo Educativo• Adenáuer Novaes• O Livro dos Espíritos• Allan Kardec Ação e Reação André Luiz Momentos de Consciência Joanna de Ângelis 30
    31. 31. THANK YOU 31

    ×