Fotografia filosofia

199 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
199
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fotografia filosofia

  1. 1. World Press Photo – Tema B
  2. 2. SignificadoFós + GrafisLuz Estilo® Significa “desenhar com luz e contraste”® A palavra fotografia provém da palavra grega “fósgrafis” :
  3. 3. O que é?® É, por definição, a criação de imagens através da exposição luminosa® Pessoalmente, encaro a fotografia, como uma forma de retratar arealidade com a qual nem todos veem
  4. 4. Porquê este tipo de fotografia?
  5. 5. World Press Photo® Organização fundada em 1955 sem fins lucrativos® Mais prestigiada distinção de fotojornalismo® As exposições mundiais com as melhores fotografias atraemmultidões todos os anos
  6. 6. “Gaza Burial”
  7. 7. Paul Hansen® Fotojornalista sueco® Vencedor do prémio “Fotografia do Ano de 2012”® Faz cobertura de eventos sobre os quais faz reportagens® Galardoado com os prémios na Suécia “Fotografia do Ano” (2vezes) e “Fotógrafo do Ano” (7 vezes)® Em 2010 e 2013 recebeu o prémio de “Fotojornalista do Ano”
  8. 8. Paul Hansen – “Gaza Burial”® Eleita a melhor fotografia do ano de 2012 pela organização da WorldPress Photo® Esta fotografia mostra os cadáveres de dois irmãos, Suhaib, de 2 anos, eMuhammad Hijazi, de 4 anos, a serem levados pelos tios para o funeralnuma mesquita® As crianças morreram depois da sua casa ter sido destruída por umataque aéreo israelita a 19 de Novembro® O ataque matou também o pai e causou ferimentos à mãe e aos 4 irmãos
  9. 9. Paul Hansen – “GazaBurial”® Depois de ter sido premiado, Hansen explicou numa entrevista todosos detalhes relacionados com a sua fotografia:® “Havia muito pó e quando a multidão entrou (…) eu comecei acaminhar na direção destas pessoas para conseguir ter uma visãomais clara daquela ‘procissão’ (…)® “E depois comecei a andar para trás e a luz incidiu nas paredes ejanelas e foi em apenas alguns metros que tudo se juntou mas eunão fazia ideia quando estava a tirar a fotografia porque (…) eu nãopenso ‘Isto pode ser uma boa foto’, eu oiço o barulho da camara esó depois me apercebo ‘Oh! Isto pode ser uma boa foto!’ “
  10. 10. Paul Hansen – “Gaza Burial”® “(…) um dos médicos voluntários contou-nos a história de umamulher, que estava no seu serviço, e alguns dos seus filhos depois deum ataque aéreo que destruiu por completo a sua casa e matou 2crianças e o marido desta mulher. Na manhã seguinte (…) fomos atéao hospital e havia muitas famílias na morgue (…) e uma delas eramduas crianças com o pai.”® “(…) as opiniões sobre a guerra mudam de pessoa para pessoa mas o“Common Denominator” é sempre o mesmo – o inocente morre”® “(…) as pessoas deviam sentir vergonha quando veem fotografiascomo esta e perguntar-se porque é que estas crianças tinham demorrer.”
  11. 11. Porque é arte?® Polissémica® Original e única® Criada pelo Homem® Provoca emoções estéticas® Reconhecida pelo público como arte® Vale por si mesma e por aquilo que transmite

×