Incêndios florestais em Portugal
Um incêndio é uma ocorrência de fogo nãocontrolado, que pode ser extremamente perigosapara os seres vivos e as estruturas....
Portugal na Europa, é o país mais afetado pelos incêndios florestais.Os valores dos últimos anos relativamente às áreas ar...
   O incendio de Armamar em 1985 morreram 14 bombeiros.
 http://www.agr462.cne- escutismo.pt/fogos_florestais.htm
Pesquisa histórica dos incêndios florestais em portugal
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Pesquisa histórica dos incêndios florestais em portugal

516 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
516
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
89
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pesquisa histórica dos incêndios florestais em portugal

  1. 1. Incêndios florestais em Portugal
  2. 2. Um incêndio é uma ocorrência de fogo nãocontrolado, que pode ser extremamente perigosapara os seres vivos e as estruturas. A exposição aum incêndio pode causar a morte, geralmente pelainalação dos gases, ou pelo desmaio causado poreles, ou posteriormente pelas queimaduras graves.
  3. 3. Portugal na Europa, é o país mais afetado pelos incêndios florestais.Os valores dos últimos anos relativamente às áreas ardidas e ao número deignições, são avassaladores. Num passado não muito longínquo, antes dadécada de 40/50, os incêndios não eram considerados um problema para afloresta em Portugal. O agricultor, pastor, coexistia em harmonia com ofogo, com sabedoria realizava queimadas dos resíduos de exploraçãoagrícola, queimava para renovar pastagens, e quando alguma sedescontrolava, havia uma entreajuda dos habitantes da aldeia e arredorespor forma a que o fogo não alastrasse.
  4. 4.  O incendio de Armamar em 1985 morreram 14 bombeiros.
  5. 5.  http://www.agr462.cne- escutismo.pt/fogos_florestais.htm

×