Apresentação SIME Ricardo Antunes

1.195 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.195
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
452
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação SIME Ricardo Antunes

  1. 1. ‣Programa Doutoral em Multimédia em Educação‣ Departamento de Educação‣ Departamento de Comunicação e Arte eLearning em PMEs: proposta de modelo de formaçãoRicardo Antunesricardoantunes@ua.ptOrientação: 1Professor Doutor Luis Francisco Pedro http://plusheadlines.com/wp-content/uploads/2011/08/technology.jpg
  2. 2. Um Desafio Desenvolver um projeto de investigação que sirva os interesses de uma pequena empresa, da área da formação.Limitações à implementação da ideia:- dimensão da empresa anfitriã- afastamento do meio académico- disponibilidade do investigador, dada a sua presença e atividade na empresa 2 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  3. 3. turn on buttonExistência de:i) um contexto em que as PME são dominantes;ii) a necessidade e obrigação de, em qualquer empresa, existir formaçãoprofissional;iii) a tendência para que a formação profissional seja ministrada, cada vez mais,em regime de eL;iv) uma oferta de formação profissional em regime de eL que, no geral, nãochega às PME e é pouco adequada a essa dimensão de empresas;v) um conjunto claro de vantagens que essas PME podem retirar se optarem porformação profissional em regime de eL. 3 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  4. 4. Para onde queremos ir‣Esta investigação pretende analisar o panorama da formação em eLearning para PMEs no mercado português e, usando o conhecimento gerado pela literatura sobre o tema, bem como a informação a recolher no terreno, propor um modelo de formação em eL para as PMEs portuguesas. 4 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  5. 5. enquadramento‣e-Learning (Sambrook, 2003), (Carvalho, 2010)‣ o fornecimento de conteúdo através de meios digitais com o objectivo de proporcionar uma situação de aprendizagem mais ou menos formal. ‣Arquitectura/Design (Downes, 2005), (Wang, 2011) ‣Separação física entre professor e aluno, mediada por tecnologia ‣Aprendizagem colaborativa, Auto-aprendizagem ‣Tecnologia ferramentas de uso fácil e acessível, muito adaptadas à realidade tecnológica que atravessamos e fortemente potenciadoras da criação e partilha de conteúdo (Downes, 2005) ‣LMS, VLE, PLE ‣Web 2.0 ‣Blogues, Wikis, Podcasts, Social Bookmarking, Social Networking ‣Avaliação da Formação (Dias, 2006) ‣Qualidade (Ehlers, 2011) ‣PLE, User created content, Diários de aprendizagem e portefólios, Interacções, Social networks, CoP 5 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  6. 6. enquadramento ‣Formação em empresas ‣ Teorias de aprendizagem em contexto laboral (adult learning, organization learning, Community of Practice (CoP), and knowledge management) (Wang, 2011) ‣ Localização da formação (Outside Work, At Work, In Work) (Sambrook, 2003) 6 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  7. 7. O que queremos descobrir Que modelo de formação em regime de eLearning será mais adequado para satisfazer as necessidades das PMEs? • Quais as tendências actuais (em termos de objectivos, modelos, design, tecnologia e avaliação) daformação em eL?• Qual é o panorama da formação em eL em Portugal, em especial nas PMEs?• Quais as vantagens que as PMEs podem ter no recurso a formação em regime de eL?• Que arquitectura de formação em eL será mais adequada para as PMEs?• Qual a tecnologia (em especial a emergente) mais adequada para um programa de formação em eL nasPMEs?• Quais as metodologias de avaliação da formação em eL que podem ser usadas em programas deformação nas PMEs?• Quais os critérios de qualidade de formação em eL? 7 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  8. 8. Como vamos fazer isso? Natureza da investigação: mista ou híbrida Paradigma da investigação: interpretativo Dados Os dados a recolher serão fundamentalmente de dois tipos:Grupo 1 Por um lado, serão recolhidos: i) os planos de formação de entidades privadas portuguesas que ministram formação profissional em regime de eL; ii) os programas dos cursos identificados no ponto anterior; iii) os dados de execução dessa formação. A recolha destes dados será feita através de contacto directo com as entidades formadoras e através dos seus sites.Grupo 2 Inquéritos por questionário, a realizar a formandos e ex-formandos dos cursos de formação profissional com recurso a eL identificados. 8 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  9. 9. Como vamos fazer isso? AmostraGrupo 1 População: todas as entidades de formação profissional registadas na Direcção-Geral do Emprego e das Relações de Trabalho (DGERT) que apresentem oferta de formação profissional em regime de eL. Método de constituição da amostra: amostra estratificadaGrupo 2 População: formandos e ex-formandos (do último ano) de cursos ministrados pelas entidades identificadas no Grupo 1. Método de constituição da amostra: amostra aleatória simples 9 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  10. 10. cronograma SET OUT NOV DEZ JAN FEV MA ABR MAI JUN JUL SET OUT NOV DEZ JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL 2011/2013 11 11 11 11 12 12 R 12 12 12 12 12 12 12 12 12 13 13 13 13 13 13 13 1 construção do quadro teórico 2 delimitação do universo a inquirir3 construção e teste dos instrumentos de recolha de dados4 aplicação dos instrumentos de recolha de dados 5 recolha, tratamento e organização dos dados recolhidos 6 elaboração da proposta de um modelo de formação 7 aplicação de um teste a este modelo, numa pequena empresa fornecedora de serviços de formação 8 ajustes ao modelo 9 apresentação do modelo 10 revisão de literatura 11 redacção da dissertação 10 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  11. 11. resultados esperados‣Apresentação de um modelo de formação em eL para PMEs que possa, com as devidas adaptações, vir a ser comercializado a dois níveis: ‣i) através do fornecimento directo de soluções de eLearning a PMEs; ‣ii) através da venda do modelo a outras empresas de formação profissional que desejem implementá-lo nos seus planos de formação 11 eLearning em PMEs: proposta de modelo de formação - Ricardo Antunes
  12. 12. ‣Programa Doutoral em Multimédia em Educação‣ Departamento de Educação‣ Departamento de Comunicação e Arte eLearning em PMEs: proposta de modelo de formaçãoRicardo Antunesricardoantunes@ua.ptOrientação:Professor Doutor Luis Francisco Pedro 12 http://plusheadlines.com/wp-content/uploads/2011/08/technology.jpg

×