Relatório de Gestão - 2013
UNAO
Identificação:
UNAO- Unidade de atendimento odontológico
Rua do Poente ,170, Conj. Marcos ...
Este relatório tem o objetivo de demonstrar de maneira analítica a
produtividade da UNAO referente ao período de janeiro a...
2013 em comparação a 1980 esperados), ou seja, um resultado, respectivamente
40,2% e 24,1% maior que a meta.
Embora os res...
de sua saúde bucal, mas também a auto-responsabilidade na manutenção de sua
condição de saúde que, por sua vez, influencia...
um considerável avanço no perfil epidemiológico na população caso haja uma
oferta maior desse profissional em nossa rede d...
Há sempre uma preocupação em diminuir os índices de absenteísmo, seja
através da melhora dos processos de trabalho, visand...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Relatório de Gestão UNAO Marcos Freire 2013

571 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
571
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Relatório de Gestão UNAO Marcos Freire 2013

  1. 1. Relatório de Gestão - 2013 UNAO Identificação: UNAO- Unidade de atendimento odontológico Rua do Poente ,170, Conj. Marcos Freire Guarulhos-SP Contatos : 11 24865778 Email: dutra.unao@gmail.com Composição de RH: NOME FUNÇÃO HORÁRIO Aline Oliveira Santos Lara Gerente em saúde 07:00 as 16:00 Antonio Carlos de Jesus Cirurgião dentista 12:00 as 16:00 Cibele C. Aragão Raposo Cirurgião dentista 07:00 as 16:00 Patricia Torigoe Cirurgião dentista 12:00 as 16:00 Sônia Maria de F. Zagolin Cirurgião dentista 07:30 as 11:30 Valéria Cardello Cirurgião dentista 07:00 as 11:00 Dayane Martins Santos Técnica em saúde bucal 07:00 as 15:00 Gabriela de Paula Rodrigues Auxiliar em saúde bucal 07:00 as 16:00 Luciana M. Barbosa Volpini Auxiliar em saúde bucal 07:00 as 16:00 Mariana da Silva Auxiliar em saúde bucal 08:00 as 17:00 Marília de Jesus Silva Auxiliar administrativo 08:00 as 17:00 Marcos Alberto Mariniello Atendente SUS 08:00 as 17:00 Ricardo F. de Carvalho Atendente SUS 07:00 as 16:00 Ana Cristina B. Moutinho Auxiliar operacional 07:00 as 16:00 Maria de Lourdes L.S.Santos Auxiliar operacional 08:00 as 17:00 Solane Roldão Auxiliar operacional 07:00 as 16:00
  2. 2. Este relatório tem o objetivo de demonstrar de maneira analítica a produtividade da UNAO referente ao período de janeiro a dezembro de 2013, baseada em dados que foram extraídos do Condensado Mensal Odontológico. As produtividades foram comparadas entre os anos de 2012 e 2013 com os parâmetros das metas do Protocolo de Saúde Bucal (PSB) do município de Guarulhos. Os indicadores apresentados aqui são aqueles de maior interesse em relação ao acesso da população aos serviços odontológicos prestados, resolutividade no tratamento e prevenção de saúde bucal e absenteísmo. São eles: 1- Quantidade de primeira consulta odontológica (acesso). 2- Quantidade de tratamento completado/altas (resolutividade). 3- Escovação dental supervisionada/ Procedimentos Coletivos. 4- Absenteísmo/ Pacientes Dispensados. 1- Quantidade de primeiras consultas odontológicas: A tabela a seguir representa um comparativo entre o ano de 2013 e o anterior do valor absoluto anual das primeiras consultas odontológicas a partir de informações extraídas do Condensado Mensal de procedimentos odontológicos e o que é esperado segundo PSB. Esse parâmetro reflete diretamente nos indicadores de acesso que a população da região tem à unidade de saúde. PRIMEIRAS CONSULTAS ESPERADO PSB2012 2013 Total 2776 2457 1980 Considerações Em relação ao esperado de primeiras consultas odontológicas segundo PSB, podemos verificar um resultado bastante favorável, ou seja, de acordo com a capacidade instalada na unidade, a UNAO oferece acesso ao tratamento odontológico além da meta estabelecida (2776 novos acessos em 2012 e 2457 em
  3. 3. 2013 em comparação a 1980 esperados), ou seja, um resultado, respectivamente 40,2% e 24,1% maior que a meta. Embora os resultados sejam, a princípio, satisfatórios, a realidade indica que a cobertura é muito baixa, ou seja, a grande maioria da população ainda é excluída do acesso ao serviço, haja vista que a população da região local se aproxima dos 30 mil habitantes. 2- Quantidade de tratamento completado/altas Embora a quantidade de acessos em 2013 tenha sido menor que no ano anterior e essa diminuição tenha refletido também na redução no número de altas, houve uma melhora no índice de atrição, que reflete a proporção de altas em comparação ao nº de acessos. A distribuição de altas em 2013 indica que os resultados estão aquém do esperado segundo PSB. Dos 2457 usuários que tiveram seu tratamento iniciados apenas 1590 tiveram seus tratamentos concluídos. Isto indica uma significante evasão ao tratamento proposto pelo dentista (35,2%) e, por conseqüência, um não cumprimento das metas segundo ao esperado pelo PSB Considerações Esse resultado é preocupante, pois reflete diretamente na capacidade do usuário em obter, através do profissional cirurgião-dentista, não só a adequação PRIMEIRAS CONSULTAS ALTAS ESPERADO PSB ÍNDICE DE ATRIÇÃO ( % ) 2012 2776 1647 1980 59,3 2013 2457 1590 1980 64,7
  4. 4. de sua saúde bucal, mas também a auto-responsabilidade na manutenção de sua condição de saúde que, por sua vez, influenciará em sua qualidade de vida. A matriz de intervenção da UNAO para melhoria desse indicador se baseará em um plano de ação buscando, dentre outros, a redução do absenteísmo, incentivo às consultas de retorno, orientações aos usuários sobre a manutenção de sua saúde bucal antes e durante o tratamento, melhoria nas informações prestadas ao usuário durante seu fluxo de referência e contra- referência à Central de Especialidades. 3- Escovação dental supervisionada (ESD) e procedimentos coletivos. 2012 2013 EDS 4769 7930 Procedimentos Coletivos 12024 15525 Comparativamente ao ano anterior, tivemos um incremento significativo nas ações de EDS (66,3%) e também nos procedimentos coletivos, que envolvem Aplicação Tópica de Flúor, Evidenciação de Placa Bacteriana, Levantamento Epidemiológico e Atividades Educativas. Considerações O acréscimo dos valores indica uma mudança importante no conceito de Atenção à Saúde: o foco nas atividades de Promoção e Prevenção. Considerando esse procedimento como essencial para prevenção e controle da doença cárie e periodontopatias bem como a importante contribuição que pode ser ofertada pela TSB em relação a essa atividade preventiva, espera-se
  5. 5. um considerável avanço no perfil epidemiológico na população caso haja uma oferta maior desse profissional em nossa rede de atenção básica. 4- Análise do absenteísmo/ dispensa de pacientes. Agendados Faltas Dispensa de pacientes 2012 10011 1651 (16,5%) 346 (3,4%) 2013 8324 1612 (19,3%) 553 (6,6%) Observamos através da tabela uma diminuição do nº de agendamentos quando comparamos os anos de 2012 e 2013 da ordem de 16,8% enquanto o número de faltas permaneceu em números absolutos muito próximos comparativamente entre os dois anos. A proporção de pacientes dispensados teve um impacto maior no ano de 2013. Considerações Durante o ano de 2013 elencamos alguns tópicos que de alguma forma interferiram no número de pacientes agendados, assim como no número de pacientes dispensados. São eles: A. Pintura da unidade na primeira semana do ano de 2013; B. Licença sem vencimentos da Dra.Sônia, durante o período de 04/06/2013 a 30/08/2013. C. Transferência da Dra. Sandra para o CEO Angélica no mês de setembro. D. Reforma do piso da unidade entre os dias 21 e 25 de outubro de 2013. E. Problemas com equipamentos como a autoclave e a cadeira odontológica do consultório três, que esteve parada por cerca de 20 dias.
  6. 6. Há sempre uma preocupação em diminuir os índices de absenteísmo, seja através da melhora dos processos de trabalho, visando o agendamento cada vez mais próximo entre uma consulta e o retorno do paciente, como a necessidade da co-responsabilidade do indivíduo, lembrando sempre da importância da saúde bucal no seu estado geral de saúde. 5-Utilização dos recursos do pro rede. Durante o ano de 2013, várias melhorias foram efetuadas com a utilização dos recursos do pro rede, dentre eles: 1-Pintura da unidade; 2-Compra de ventiladores, persianas e lixeiras. 3-Troca do piso da recepção e salas de atendimento odontológico 6-Eleição de conselho gestor. Ao final do ano de 2013, foi eleito e instituído um conselho gestor da própria unidade. Nesse ano de 2014, visamos o fortalecimento desse conselho participativo, com a criação de uma associação para gerir os recursos pro rede específicos para a UNAO. 7-Expectativas para 2014 Dentre as expectativas estão sempre a melhoria no acesso e na qualidade dos serviços prestados pelos profissionais da unidade, estreitamento da participação dos usuários na gestão; bem como melhorias na capacidade física da unidade, como, por exemplo, instalação de mais um consultório odontológico.

×