Leitura no Pré-Escolar

1.179 visualizações

Publicada em

A aprendizagem da leitura e da escrita é um processo complexo que envolve uma grande variedade de competências e conhecimentos que começam antes de a criança entrar para a pré-escola.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.179
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
45
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
37
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Leitura no Pré-Escolar

  1. 1. LEITURA NO PRÉ-ESCOLAR «Para educar uma criança é preciso uma aldeia inteira!» Provérbio Chinês
  2. 2. Para COMUNICAR! Para que serve a escrita e a leitura?
  3. 3. Para Ler e Escrever precisamos de saber Falar e Ouvir! Todos nós falamos, lemos e escrevemos sem pensar como o devemos fazer. São mecanismos adquiridos que se tornam instintivos, como a necessidade que o Homem tem de dormir ou comer… …mas a leitura e a escrita não são aprendizagens inatas. Mas o que é a leitura?
  4. 4. Para Ler e Escrever precisamos que falem connosco! A aprendizagem da leitura e da escrita é um processo complexo que envolve uma grande variedade de competências e conhecimentos. Está relacionada com capacidades cognitivas mas também com a aprendizagem da fala e com as relações sociais. As experiências precoces na família e no pré-escolar são fundamentais para o desenvolvimento dessas competências. Mas o que é a leitura?
  5. 5. Para Ler é preciso a criança conhecer: Como é que a - Vocabulário (conceitos e significados das palavras); - Estruturas Narrativas (ficção, não-ficção, personagens, ação, narrador); - Conhecimento do material impresso (o livro) e das suas convenções (direção da escrita, palavra e letra, sinais de pontuação, espaçamentos entre as palavras); - Ilustrações (formas, cores, materiais) e procurar descobrir o seu significado; criança aprende a ler?
  6. 6. Para Ler é preciso a criança conhecer: Como é que a - Sons das letras e das sílabas (consciência fonológica); - Formas das letras (a grafia, os símbolos da escrita). A leitura e a escrita estão associadas à linguagem oral. Quanto melhor as crianças reconhecem as rimas, sons e palavras, tanto melhor aprendem a ler… criança aprende a ler?
  7. 7. Como é que a 1º momento de leitura criança aprende 2º momento de leitura a ler? Um conto para contar, onde a Uma extraordinária metáfora da vida dada por um fio que corre, passando de página para página (desde a folha de rosto até à página final preenchida com o fio apanhado em meada), e que arrasta acontecimentos marcantes que constroem um ser na sua plena dimensão humana. Vida feita de alegrias e tristezas, mas com a espera sempre como elemento recorrente. rima e o ritmo são fundamentais, a partir de uma estrutura de oito sílabas que se mantém ao longo de toda a história. Apesar da sua simplicidade do ponto de vista literário e artístico, este livro destaca-se pelo "jogo" que estabelece com as crianças.
  8. 8. A educação pré-escolar proporciona um contexto de socialização e vivências relacionadas com o alargamento do ambiente familiar. A escola estimula a participação e o diálogo, a relação com os outros , a expressão e … … a Comunicação Oral. O que a escola deve fazer para ensinar a leitura e a escrita às crianças?
  9. 9. No pré-escolar as crianças devem: Na abordagem da Leitura:  Contactar com diversos tipos de histórias;  Contactar com as diferentes funções do código escrito – livros, cartazes, jornais, cartas;  Praticar a leitura das “imagens” – descrever e interpretar o que veem;  Praticar a linguagem oral – compreensão e produção linguística através do diálogo entre o educador e a criança;  Praticar o caráter lúdico da linguagem: rimas, lenga-lengas, trava-línguas, adivinhas. O que a escola deve fazer para ensinar a leitura e a escrita às crianças?
  10. 10. No pré-escolar as crianças devem: Na abordagem da Escrita:  Saber para que serve a escrita;  Realizar abordagens diversificadas à escrita;  Importância de imitar a escrita – valorização das tentativas;  Praticar o desenho como forma de escrita;  Contactar com diversos tipos de texto escrito;  Analisar a sua função informativa - notícias de casa, dos jornais, da TV. O que a escola deve fazer para ensinar a leitura e a escrita às crianças?
  11. 11. À entrada do 1º CEB as crianças devem ser capazes de: - Compreender e comunicar oralmente; - Ter consciência das diferentes funções da escrita; - Ter consciência da correspondência do código oral com o escrito e de que existem normas próprias. A escola é responsável pelo ensinamento formal da leitura e da escrita, mas… O que a escola deve fazer para ensinar a leitura e a escrita às crianças?
  12. 12. Mas a escola é a única responsável pelo ensino da leitura às crianças? Os primeiros anos de vida ainda são passados fora do contexto escolar, em família, e esta é uma das fases mais determinantes para o desenvolvimento da linguagem da criança. Há quem pense que as crianças só começam a aprender a ler quando vão para a escola. Na verdade a capacidade de ler desenvolve-se desde o primeiro ano de vida e deve ser treinada regularmente com a ajuda da família. Os pais são os primeiros professores dos seus filhos e o ambiente do lar é determinante Para as atitudes e motivações das crianças. O que a escola deve fazer para ensinar a leitura e a escrita às crianças?
  13. 13. Se quer ajudar o seu filho a ser um bom leitor deve: - Tornar a leitura uma prática em casa: deixe que os seus filhos o vejam ler. - Arrumar os livros em lugares acessíveis e deixar que eles lhes mexam. - Ler-lhes livros em voz alta: as crianças aprendem a ler por ouvirem ler bem. Nota: se o seu filho pedir que lhe leia sempre o mesmo livro, faça-o, pois a repetição ajuda-os a adquirir memorização e a noção de sequência. Como posso ajudar o meu filho a começar a ler?
  14. 14. - Ter materiais de escrita e de leitura ao dispor da criança. - Oferecer livros. Assim, as crianças perceberão que o livro pode ser um objeto de prazer. - Ir à Biblioteca Municipal com os seus filhos. Há sempre uma zona própria para crianças. As Bibliotecas Escolares também emprestam livros quer às crianças quer aos pais, para lerem em casa. - Visitar livrarias, supermercados e feiras do livro e deixar a criança mexer nos livros expostos. Como posso ajudar o meu filho a começar a ler?
  15. 15. Como ler com as crianças: - Mostre a capa, mostre o interior e fale sobre as ilustrações. - Explique-lhe o contexto da história e alguma palavra difícil. - Deixe a criança virar a página, se ela quiser. - Leia as frases e mostre-as com o dedo. - Verifique se ela está a compreender bem. - Deixe a criança comentar o livro, contar a história ou partes da história. - Se a criança não mostrar interesse não insista. Como posso ajudar o meu filho a começar a ler?
  16. 16. Como ler com as crianças: Como posso - Se a criança pedir, volte a ler a mesma história várias vezes. - Torne a história viva, faça uma voz diferente para cada personagem e use mímica para contar a história. - Quando a criança começa a saber ler, deixe-a ler palavras e frases. - Quando a criança já souber ler, distribua papéis e leia a par. - Faça perguntas e converse sobre a história, sobre as informações e sobre as imagens. ajudar o meu filho a começar a ler?
  17. 17. Locais de Leitura em Família No quarto: À noite, quando as crianças pequenas já estão na cama, leia-lhes antes de adormecerem. Em todas as idades, o hábito de ler ou ouvir ler antes de dormir é muito positivo, pois os livros acalmam e dão serenidade, tornando-se uma excelente forma de acabar o dia. Situações de carinho, como pegar ao colo, ao deitar, em que há contacto e atenção do pai para com o filho, promove uma relação afetiva com o livro. A leitura transforma-se num prazer! Como posso ajudar o meu filho a começar a ler?
  18. 18. Na sala: Inclua sempre uma caixa, um cesto ou uma estante baixa com livros na zona dos brinquedos, para que as crianças possam escolher os livros que querem ler ou observar. Procure dar o exemplo lendo livros, jornais ou revistas e vai ver que as crianças adquirem também esse bom hábito. Na cozinha: As crianças adoram envolver-se nas atividades dos adultos. Cozinhar pode ser uma maneira divertida de estar em família, de treinar a leitura e de aprender. No banho: O momento do banho pode incluir livros de plástico ou de borracha. Como posso ajudar o meu filho a começar a ler? Locais de Leitura em Família
  19. 19. Às vezes, quando gostamos muito, muito de alguém, queremos encontrar uma maneira de descrever como os nossos sentimentos são grandes. Mas como descobrem a Pequena Lebre Castanha e Grande Lebre Castanha, o amor não é coisa fácil de medir! 3º momento de leitura Este livro apresenta uma história muito simples, mas que permite sensibilizar as crianças mais pequenas para os "mistérios" da natureza. Com as crianças do pré-escolar, é explorada a mensagem que o conto transmite bem como o processo de nascimento e crescimento de uma semente. 4º momento de leitura Como posso ajudar o meu filho a começar a ler?
  20. 20. 7 EXCELENTES RAZÕES PARA LER COM AS CRIANÇAS: 1 - Ler desenvolve a inteligência e a imaginação. 2 - Os livros enriquecem o vocabulário e a linguagem. 3 - As imagens, informações e ideias dos livros alargam o conhecimento do mundo. 4 - Quem tem o hábito de ler conhece-se melhor a si próprio e compreende melhor os outros. 5 - Ler em conjunto é divertido, reforça o prazer do convívio. 6 - Os laços afetivos entre as crianças e os adultos que lhes leem tornam-se mais fortes. 7 - A leitura torna as crianças mais calmas, ajuda-as a ganhar autoconfiança , autonomia e capacidade de decisão. Como posso ajudar o meu filho a começar a ler?
  21. 21.  Faça perguntas divertidas sobre as imagens, sobre as situações observadas e sobre a história.  Peça à criança que conte a história ou partes da história.  Faça jogos de descoberta e adivinhas para suscitar a atenção.  Ilustre passagens, desenhando ou pintando com as crianças.  Recorte figuras de jornais e revistas e faça colagens para reconstituir cenas do livro. Como posso ajudar o meu filho a começar a ler? Sugestões para reforçar o interesse pelos livros:
  22. 22.  Faça versos e rimas sobre a história que encaixem em músicas conhecidas para poderem ser cantadas.  Dramatize cenas que reproduzam os momentos da história, distribuindo papéis.  Faça máscaras para apoiar a dramatização.  Use fantoches ou silhuetas de teatro de sombras para dramatizar cenas que reproduzam os momentos da história. Como posso ajudar o meu filho a começar a ler? Sugestões para reforçar o interesse pelos livros:
  23. 23. 2/3 anos: Coloridos, com páginas de cartão, mas também com páginas de papel. Livros cómicos, com rimas, canções e Quais os livros TUDO É VÁLIDO! mais adequados à idade do meu textos repetitivos que possam aprender de cor. Livros sobre: crianças e famílias; fazer amigos; alimentos; animais; camiões; carros; comboios e barcos. Livros de palavras associadas a imagens. 3/5 anos: Livros de histórias. Livros sobre crianças que são como eles e que vivem como eles, mas também livros sobre diferentes lugares e diferentes formas de vida. Livros sobre ir à escola e fazer amigos. Livros com textos simples que possam memorizar. Livros que ensinam a contar, ensinam o alfabeto ou livros de vocabulário. filho?
  24. 24. Onde posso encontrar sugestões de livros adequados à idade do meu filho?
  25. 25. Livros sobre Afeto e Carinho
  26. 26. Livros que têm rimas, letras, sons e lengalengas
  27. 27. Livros que ensinam a contar, sobre ciências, natureza, profissões…
  28. 28. Livros que falam sobre a vida, as relações, os valores, que fazem rir…
  29. 29. Exemplificativo da abordagem de vocabulário (conceitos e significados das palavras) DIAPOSITIVO 7 Exemplificativo da abordagem aos sons, às letras e às sílabas (consciência fonológica) DIAPOSITIVO 7 Exemplificativo da abordagem da relação afetiva com a família e com o livro DIAPOSITIVO 18 Exemplificativo da abordagem de conhecimentos do mundo. DIAPOSITIVO 18 EU ESPERO de Davide Cali, Ilustração de Serge Bloch, Tradução Miguel Gouveia Editora Bruaá UM BICHO ESTRANHO de Mon Daporta, Ana M. Noronha, ilustração de Óscar Villán Editora Kalandraka ADIVINHA QUANTO EU GOSTO DE TI de Sam McBratney, ilustração de Anita Jeram Editorial Caminho AINDA NADA? de Christian Voltz Editora Kalandraka Momentos de leitura para os pais
  30. 30. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (1997); Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar, Lisboa, Departamento da Educação Básica, Gabinete para a Expansão e Desenvolvimento da Educação Pré-escolar, Ministério da Educação. MORAIS, José (1997) – A arte de ler, psicologia cognitiva da leitura. Lisboa: Cosmos. PEREIRA, Iris Susana Pires (2002). Como é possível preparar os alunos do nível pré-escolar para a compreensão na leitura?, VII Congresso Latinoamericano para el Desarrollo de la Lectura y la Escritura, Peuebla, México GOMES, Inês e SANTOS, Nelson Lima (2005). Literacia emergente: É de pequenino que se torce o pepino!, Revista da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Fernando Pessoa, 2, 312-326. LEAL, Teresa; PEIXOTO, Carla; SILVA, Mónica; CADIMA, Joana (2006). Desenvolvimento da literacia emergente: competências em crianças de idade pré-escolar, Atas do 6.º Encontro Nacional (4.º Internacional) de Investigação em Leitura, Literatura Infantil e Ilustração. Braga: Universidade do Minho. FERNANDES, Paulo F. P (2007); Livros, Leitura e Literacia Emergente. Algumas pistas acerca do Espaço e do Tempo dos Livros na Promoção da Linguagem e Literacia Emergente em contexto de Jardim-de-Infância, Cap. 3, Formar Leitores - das teorias às práticas, de Fernando AZEVEDO, Lidel. http://www.planonacionaldeleitura.gov.pt/index1.php Bibliografia Consultada

×