Histórico da Candidata a prefeita Lourdes

1.053 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.053
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
721
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Histórico da Candidata a prefeita Lourdes

  1. 1. O PARTIDO SOCIALISMO E LIBERDADE (PSOL) Pela primeira vez o PSOL participa das eleições municipais em Itaboraí.Trazemos em nosso programa o compromisso com a transparência e serviçospúblicos de qualidade. Temos a certeza que educação, saúde, transporte, moradia, saneamento, coletade lixo e outros serviços são direito da população e dever de quem administra omunicípio. Entretanto, sabemos também que sem a luta da população pelo que lhe éde direito os governantes não cumprirão o seu papel. Por isso propomos uma novaforma de governar, um meio para estimularmos a consolidação de uma democraciaparticipativa. Ao nosso ver, as comunidades devem ser chamadas a participar de assembleiase reuniões para definir os gastos públicos. Não podemos mais aceitar que meia dúziade pessoas, muitas vezes ligadas a “grandes” empresários, decidam o que fazer com odinheiro público e a sua participação nas questões públicas. A nossa força não reside em dispor de poder econômico ou pessoas pagas parafazerem nossa campanha. Nossa força reside em nossos filiados, militantes esimpatizantes. Enfim, em todos aqueles que lutam ou desejam lutar por umasociedade mais justa. Um mundo mais igual, mais humano, mais democrático. Ummundo de socialismo e liberdade. A História da Professora Lourdes, nossa candidata à Prefeita (Uma história de lutas e conquistas para Itaboraí) Concluiu o curso de Formação de Professores em 1975 pelo Instituto deEducação Clélia Nanci e completou o ensino superior de Letras (Português eLiteratura) pela Universidade Santa Úrsula em 1980. Lourdes Monteiro lecionou noColégio Estadual Antônio Francisco Leal, em Tanguá, na Escola Estadual Salvadorde Mendonça, em Venda das Pedras e atualmente leciona no Colégio EstadualVisconde de Itaboraí (CEVI), onde foi diretora eleita, com mandato nos anos de 1991a 1993, 1998 a 2001 e 2008 a 2011. Sua dedicação no magistério em Itaboraí possui mais de 30 anos. Desde oinício, a professora Lourdes Monteiro atuou de forma expressiva na luta pelaEducação Pública e de qualidade, sendo por diversos momentos uma das diretorasdo Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (SEPE).
  2. 2. No início dos anos 90, como diretora do SEPE e junto com outros sindicalistas,conseguiu por meio da justiça impedir que os filiados do sindicato da rede municipaltivessem os descontos em folha bloqueados, garantindo assim o reconhecimento doSEPE como o sindicato dos profissionais da educação na rede municipal de Itaboraí. Liderou a luta para impedir a separação do CEVI com o prédio do CIEP,proporcionando para Itaboraí a ampliação do número de vagas para os estudantesdo Ensino Fundamental e do Ensino Médio em uma mesma escola. Participou diretamente da conquista do passe escolar no município, até queesse direito fosse também ampliado para os alunos da rede pública estadual. Defendeu o reconhecimento dos Funcionários Administrativos comoeducadores necessários à implementação do processo pedagógico. Como diretora incentivou o desenvolvimento de práticas pedagógicas quecontemplassem a Música e o Esporte. Reativou a banda marcial do CEVI eproporcionou meios para que os estudantes pudessem participar dos jogosintercolegiais e intermunicipais. Denunciou publicamente, em diversos momentos, a escandalosa carência deprofessores na Rede Pública Estadual de ensino, e apesar das constantesintimidações dos representantes do governo do estado, a professora Lourdescontinuou denunciando a precariedade das escolas estaduais em Itaboraí. Novamente como membro do SEPE, atuou diretamente na elaboração doPlano de Cargo e Carreira e da Lei Orgânica do Município no capítulo Educação.Em diversos períodos de greve da rede estadual de ensino, esteve presente nasnegociações como diretora do sindicato. Por manter sua seriedade e comprometimento na luta pela Educação Pública ede Qualidade, sofreu diversas represálias dos governos estaduais no período de seusmandatos como diretora do CEVI. As contínuas ameaças de exoneração nãoalteraram seus questionamentos e nem tão pouco sua atuação como diretora doSEPE. Devido a isso foi exonerada de seu cargo de diretora do CEVI por duas vezes,gerando intensas contestações da população de Itaboraí que acompanhou seutrabalho. A dimensão e a força das mobilizações foram tamanhas que na primeiraexoneração o governo do estado teve que reativá-la no cargo. Na segunda exoneração, que ocorreu no ano de 2011, a população ocupou aPraça Marechal Floriano Peixoto para demonstrar o apoio e o reconhecimento dotrabalho que a professora Lourdes realizou em Itaboraí.
  3. 3. Apoiou diretamente como diretora a construção do Pré VestibularComunitário do CEVI. Projeto que atende a um número expressivo de estudantes há11 anos em Itaboraí. Seu auxílio e sua participação na criação do projeto foramdeterminantes para suprir parte de uma carência existente em Itaboraí até hoje, queé ter um espaço onde os estudantes da cidade possam se preparar para o Vestibular. Engajada na luta pela valorização da mulher e pelo reconhecimento de seuvalor. Sua própria candidatura representa a ampliação da atuação da mulher nasociedade em que vivemos. Por fim, a história de luta de Lourdes monteiro está diretamente associada aluta pela Educação Pública e de qualidade, pela criação do SEPE em Itaboraí, pelacrescente organização dos profissionais da educação, pelo estímulo ao movimentoestudantil e pela sua presente atuação nas mobilizações populares que valorizam aconquista de uma cidadania plena. Essa é Lourdes Monteiro, integrante de um projeto novo em Itaboraí. Oprojeto do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL). Um partido que apresenta umaproposta que contempla uma construção coletiva, com participação popular nasdecisões do governo. Por sua história e a de seus integrantes, por sua proposta desociedade e de governo, o PSOL representa uma alternativa de verdade. O PARTIDO SOCIALISMO E LIBERDADE (PSOL) Pela primeira vez o PSOL participa das eleições municipais em Itaboraí. Trazemos em nosso programa o compromisso com a transparência e serviços públicos de qualidade. Temos a certeza que educação, saúde, transporte, moradia, saneamento, coleta de lixo e outros serviços são direito da população e dever de quem administra o município. Entretanto, sabemos também que sem a luta da população pelo que lhe é de direito os governantes não cumprirão o seu papel. Por isso propomos uma nova forma de governar, um meio para estimularmos a consolidação de uma democracia participativa. Ao nosso ver, as comunidades devem ser chamadas a participar de assembleias e reuniões para definir os gastos públicos. Não podemos mais aceitar que meia dúzia de pessoas, muitas vezes ligadas a “grandes” empresários, decidam o que fazer com o dinheiro público e a sua participação nas questões públicas. A nossa força não reside em dispor de poder econômico ou pessoas pagas para fazerem nossa campanha. Nossa força reside em nossos filiados, militantes e simpatizantes. Enfim, em todos aqueles que lutam ou desejam lutar por uma sociedade mais justa. Um mundo mais igual, mais humano, mais democrático. Um mundo de socialismo e liberdade. A História da Professora Lourdes, nossa candidata à Prefeita (Uma história de lutas e conquistas para Itaboraí) Concluiu o curso de Formação de Professores em 1975 pelo Instituto de Educação Clélia Nanci e completou o ensino superior de Letras (Português e Literatura) pela Universidade Santa Úrsula em 1980. Lourdes Monteiro lecionou no Colégio Estadual Antônio Francisco Leal, em Tanguá, na Escola Estadual Salvador de Mendonça, em Venda das Pedras e atualmente leciona no Colégio Estadual Visconde de Itaboraí (CEVI), onde foi diretora eleita, com mandato nos anos de 1991 a 1993, 1998 a 2001 e 2008 a 2011. Sua dedicação no magistério em Itaboraí possui mais de 30 anos. Desde o início, a professora Lourdes Monteiro atuou de forma expressiva na luta pela Educação Pública e de qualidade, sendo por diversos momentos uma das diretoras do Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (SEPE). Prefeita Professora LOURDES MONTEIRO Vice Luciano Franklin www.psol-itaborai.blogspot.com/

×