314

453 visualizações

Publicada em

escola

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
453
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
171
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Falha humana – herdada ou adquirida, como a imprudência, temperamento violento, irritabilidade, etc.
    Acto inseguro – como estacionar sobre cargas suspensas, usar ferramentas em mau estado, não utilizar equipamentos de protecção individual e/ou condições perigosas (protecções ou suportes de máquinas inadequados, congestionamento dos locais de trabalho, ruído excessivo, risco de incêncio)
  • 314

    1. 1. SEGURANÇA NO TRABALHO Módulo 1 EscolaSecundáriadeMariaLamas-CPCA- 2007/2008 1
    2. 2. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Acidente de trabalho – o acidente que se verifique no local e tempo de trabalho e produza directa ou indirectamente lesão corporal, perturbação funcional ou doença de que resulte redução na capacidade de trabalho ou de ganho ou a morte. (nº1 do artigo 284º da Lei nº 99/2003 de Agosto que aprova o Código do Trabalho) Nota: Consideram-se também os que ocorram no trajecto, serviços espontâneos, no direito de reunião, curso formação, actividade de procura de emprego EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 2
    3. 3. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Pode-se classificar um acidente de acordo com os seguintes factores: (10º Conferência Internacional dos Estaticistas do Trabalho, de 1962) Consequências (morte, incapacidade permanente, incapacidade temporária, outros) Forma do acidente: as características do facto que conduziram à lesão (quedas de pessoas; quedas de objectos; marcha sobre, choque contra ou pancada por objectos; entaladelas; esforços excessivos ou movimentos em falso; exposição a temperaturas extremas; exposição ou contacto com a corrente eléctrica; exposição ou contacto com substâncias nocivas ou radiações; outras) EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 3
    4. 4. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Pode-se classificar um acidente de acordo com os seguintes factores:  O agente material: aquele que produz a lesão: máquinas; meios de transporte/elevação; outros materiais (como recipientes sobre pressão, fornos, escadas, andaimes); materiais, substâncias e radiações (explosivos, poeiras, fragmentos volantes, radiações ionizantes, etc).; ambientes de trabalho, outros.  A natureza/tipo de lesão: as lesões produzidas: fracturas; luxações, entorses e distensões; comoções e outros traumatismos internos; amputações; outras feridas; contusões e esmagamento; queimaduras; intoxicações e envenenamento; asfixias; efeitos nocivos da electricidade; efeitos nocivos das radiações; outras)  Localização da lesão: qual a parte do corpo que foi lesionada (cabeça; olhos; pescoço; membros superiores; mãos; tronco; membros inferiores (excepto pés); pés; outras) EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 4
    5. 5. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO Conhecendo as causas de um acidente pode-se tirar conclusões que ajudarão a controlar os riscos. Levantamento de todos os factores do sistema de trabalho Homem/Máquina/Ambiente que podem causar o acidente EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 5
    6. 6. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Métodos de análise de riscos Directos – a priori estabelecem-se factores de risco antes da ocorrência de acidentes. Indirectos – os acidentes fornecem indicações relativas aos factores de risco. Casuísticos – quando se analisam casos individuais. Estatísticos – quando se retiram elementos a partir de um elevado nº de casos. EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 6
    7. 7. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Falhas materiais (Equipamentos, materiais, produtos, tarefas, organização, energia, ambiente relacional)  Falhas humanas (personalidade, fadiga, stress, falta de concentração, incapacidade para determinadas tarefas, falta de informação, idade, alcoolismo, drogas, etc.) EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 7
    8. 8. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Em geral a actividade produtiva encerra um conjunto de riscos e de condições de trabalho desfavoráveis em resultado da especificidades próprias de alguns processos ou operações , pelo que o seu tratamento quanto a Higiene e Segurança costuma ser cuidado com atenção.  Contudo, na maior parte dos casos, é possível identificar um conjunto de factores relacionados com a negligência ou desatenção por regras elementares e que potenciam a possibilidade de acidentes ou problemas . EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 8
    9. 9. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Acidentes devido a CONDIÇÕES PERIGOSAS: Máquinas e ferramentas Condições de organização (Lay-Out mal feito, armazenamento perigoso, falta de equipamento de Protecção Individual - E.P.I.) Condições de ambiente físico, (iluminação, calor, frio, poeiras, ruído) EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 9
    10. 10. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Acidentes devido a ACÇÕES PERIGOSAS:  Falta de cumprimento de ordens (não usar E.P.I.)  Ligado à natureza do trabalho (erros na  armazenagem)  Nos métodos de trabalho (trabalhar a ritmo anormal, manobrar empilhadores à Fangio, distracções, brincadeiras) EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 10
    11. 11. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Teoria de Heinrich/ teoria do dominó EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 •Factores intervenientes na causa dos acidentes: •Ascendência e ambiente social; •Falha humana; •Acto inseguro ou condição perigosa; •Acidente; •Dano pessoal. 11
    12. 12. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO A eliminação do “Acto inseguro ou condição perigosa” constitui a base da prevenção de acidentes, conseguida através do controlo da actividade humana, do ambiente e da formação (Teoria de Heinrich) EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 12
    13. 13. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO Uma avaliação de um acidente, tendo em vista o apuramento das causas, pode contemplar os seguintes factores: Agente: é o objecto ou substância mais directamente relacionado com a lesão e que em geral, poderia ter sido protegido ou corrigido de forma satisfatória (ex. máquinas, ferramentas manuais, substâncias químicas, etc.) A parte do agente: são as partes que causam directamente a lesão (serra, martelo, prensa, etc.) Condição mecânica ou física insegura: as condições de trabalho que não cumprem com as normas de segurança e portanto apresentam um alto risco de acidentes laborais (ex. pisos sujos e escorregadios, iluminação deficiente, alta temperatura, sobrecarga de horas de trabalho), falta de capacidade para a tarefas a desenvolver, não utilização dos materiais de protecção, etc. EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 13
    14. 14. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO Uma avaliação de um acidente, tendo em vista o apuramento das causas, pode contemplar os seguintes factores: Tipo de acidente: O mecanismo através do qual se estabelece contacto entre a pessoa acidentada e o objecto que ocasiona o acidente. Pode ser por colisão, contusão, prensagem, queda num mesmo nível, queda entre níveis diferentes, esforços excessivos, inalar ou absorver substâncias tóxicas, electrocussão, etc. Acto inseguro: é a violação de um procedimento regulamentado e definido como seguro (realizar uma operação sem autorização, trabalhar de forma muito rápida ou demasiado lenta, arrastando materiais, utilizar material inseguro, trabalhar sobre equipamento em movimento, distracção, brincadeira, não utilizar os materiais de protecção individual). EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 14
    15. 15. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO Uma avaliação de um acidente, tendo em vista o apuramento das causas, pode contemplar os seguintes factores: Factor humano: é a característica mental ou física que predispõem ao acidente, seja por predisposição individual (personalidade), como atitudes impróprias (não respeitar as ordens, não entender as indicações, nervosismo), falta de conhecimento ou habilidade para realizar a tarefa, defeitos físicos (alterações de visão, audição, fadiga, stress, etc.). EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 15
    16. 16. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO  Geralmente ao avaliar um acidente, podemos comprovar que entram sempre pelo menos três destes factores, que são: o acto inseguro, a condição física e mecânica defeituosa e o factor humano e que conforme a forma como se relacionam determinam o tipo de lesão.  Do estudo minucioso de cada um destes factores surgiram os diferentes planos de prevenção e melhoramento, para diminuir a incidência dos acidentes. EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 16
    17. 17. SEGURANÇA NO TRABALHO CAUSAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO O que é que provoca os acidentes no local de trabalho? Objectivo: identificar as relações de causa- efeito entre os acidentes, as más condições de saúde e os “quase-acidentes” Já se verificaram acidentes, lesões ou “quase-acidentes” na sua actividade profissional ou dos seus amigos ou familiares? Na sua opinião quais foram as causas? Procure classificar o acidente de acordo com os slides 3 e 4 e apurar causas de acordo com os slides 13,14 e 15. Preencha a ficha de participação de acidente de trabalho correspondente a esse acidente. EscolaSecundáriadeMariaLamas- CPCA-2007/2008 17 Ficha de Participação

    ×