1261614439 portugal no_seculo_xiii

2.813 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.813
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
923
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
73
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1261614439 portugal no_seculo_xiii

  1. 1. PORTUGAL NO SÉCULO XIII
  2. 2. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Características Naturais RELEVO A NORTE DO TEJO: - Montanhas e planaltos; -Mais montanhoso no interior que no litoral A SUL DO TEJO: -Grandes planícies RIOS A NORTE DO TEJO: - Rios mais apertados, com maior caudal A SUL DO TEJO: - Rios com menor caudal, pouco profundos e de águas calmas
  3. 3. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Clima e vegetação naturalLITORAL NORTEClima temperado marí-timo:-Temperaturas amenas-Chuvas abundantes INTERIOR NORTE-Pinheiro bravo, casta- Clima temperado conti-nheiro e carvalho nental: -Invernos frios e VerõesSUL quentesClima temperado medi- -Chuva fracaterrânico: -Carvalho negral, casta--Temperaturas amenas nheiro e pinheiroe Verões quentes-Chuva fraca-Sobreiro, pinheiro manso e azinheira
  4. 4. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Portugal tem três regiões naturaisNORTE LITORAL NORTE INTERIOR SUL
  5. 5. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Recursos Naturais SÉCULO XIIIA maior parte do território português estava coberta por florestas e mata-gais, habitadas por muitos animais. Aí se recolhiam recursos naturais: Pasto Caça Lenha ...mas, também madeira, cortiça, mel, bolotas, castanhas
  6. 6. PORTUGAL NO SÉCULO XIII As actividades económicas AGRICULTURA PASTORÍCIAA maior parte da população de- Também se dedicavam à PAS-dicava-se a uma AGRICULTU- TORÍCIA de gado bovino e ca-RA DE SUBSISTÊNCIA, com prino de onde obtinham carne,instrumentos muito simples. leite, lã e peles.Cultivavam:Legumes, árvores de fruto, ce-riais, linho, videiras, oliveiras PESCA E SALICULTURAPescava-se nos rios e no mar eo sal, que se extraia, servia parasalgar peixe e carne
  7. 7. PORTUGAL NO SÉCULO XIII As actividades económicas ARTESANATO COMÉRCIOAlgumas pessoas dedicavam- A partir de meados do século-se ao artesanato trabalhando XIII, com o fim da Reconquista,materiais como madeira, barro, houve um grande desenvolvi-vime, pedra ou outros que obti- mento económico que fez cres-nham da agricultura, da pecuá- cer o comércio em Portugal.ria ou da pesca.Com eles construíam vestuário,calçado, utensílios domésticose agrícolas para consumo pró-prio.
  8. 8. PORTUGAL NO SÉCULO XIII As actividades económicas COMÉRCIOCOMÉRCIO INTERNO COMÉRCIO EXTERNO Feiras e Mercados O comércio externo foi desen- (Cartas de Feira) volvido por via marítima. IMPORTAVA-SE: -Lãs, cereais, armas, munições, tecidos, cobre, couros, sedas, armaduras e especiarias; EXPORTAVA-SE: -Fruta, linho, azeite, sal, peles, peixe, têxteis, mel, sebo e cou- ros.
  9. 9. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Os Grupos SociaisA população portuguesa estava dividida em 3 grupos sociais: o CLERO, aNOBREZA e o POVO.O CLERO e a NOBREZA eramgrupos privilegiados (tinhammuitos direitos). O POVO era umgrupo NÃO PRIVILEGIADOCLERO NOBREZA POVO
  10. 10. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Os Grupos Sociais CLERO E NOBREZA POVO Direitos Deveres Direitos DeveresDomínios Defender Exercer Pagar impostos (nobreza) actividadesImpostos económicas Trabalhar nas Orientar o culto terras dos religioso (clero) senhoresAplicar justiça
  11. 11. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Os Grupos Sociais Como é que o Clero e a Nobreza obtiveram tantas terras e direitos? Todas as terras conquistadas aos Mouros na guerra da Reconquista pertenciam ao Rei que…… reservava uma … fazia doações…parte para si … ...ao clero ...à nobreza... entregava algu-mas ao povo, parapovoamento
  12. 12. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Os Grupos Sociais - NOBREZACasa senhorial BosquesCasas doscamponeses Moinho de águaÁrea depastagem Para se treinarem na u- Área de tilização de armas e na cultivo arte de cavalgar, em tempo de paz, os no- bres praticavam des- portos: -caçavam -faziam torneios A principal função da -praticavam esgrima NOBREZA na socieda- -jogavam xadrez de era defender o terri- -assistiam a espectá- tório culos de saltimbancos
  13. 13. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Os Grupos Sociais - CLERO Igreja Dormitório Claustro Refeitório AlbergariaO CLERO dividia-se em CLERO REGULAR e CLERO SECULAR.Dedicavam-se a várias actividades:-serviço religioso; assistência às populações; estudo e ensino;cópia de livros; desbravamento e aproveitamento da terra
  14. 14. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Os Grupos Sociais - POVOPara atrair a popula- Os habitantes dos conção para as zonas celhos tinham direitosmais interiores, al- e deveres.guns membros do cle- DIREITOS:ro, da nobreza e o rei -autonomia adminis-entregavam terras ao trativa e judicialpovo através das Car- DEVERES:tas de Foral –eram os -pagamento de várioschamados CONCE- impostosLHOS
  15. 15. PORTUGAL NO SÉCULO XIII A vida na CorteO Rei era a autoridade máxima do Reino: fazia as leis, aplicava a justiça em crimesgraves, protegia a igreja, decidia a paz ou a guerraEra auxiliado por:Conselho do Rei – conjunto de funcionários que acompanhavam a corte nas suasdeslocações pelo paísCortes – eram convocadas pelo rei e participadas pelo clero, nobreza e povo
  16. 16. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Aspectos culturais LITERATURAA Poesia Tovadoresca – Cantigas de Amigo, Cantigas de Amor, Cantigas de Es-cárnio e Maldizer – faz parte da mais antiga literatura escrita em língua portugue-saOs Romances de Cavalaria também eram muito apreciados
  17. 17. PORTUGAL NO SÉCULO XIII Aspectos culturais ARTEOs monumentos desta época foram construídos em dois estilos arquitectónicos di-ferentes:ESTILO ROMÂNICO – Edifícios com paredes grossas, arcos redondos, poucas eestreitas aberturasESTILO GÓTICO – Edifícios com paredes mais finas, mais altos, mais e maioresaberturas, com vitrais e arcos quebrados (em ogiva) SÉ VELHA DE COIMBRA LEÇA DO BAILIO MOSTEIRO DA BATALHA

×