1213721378 1437.tabela periodica

3.610 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.610
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.285
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1213721378 1437.tabela periodica

  1. 1. Tabela Periódica Prof. Carlos Busato
  2. 2. 1817 - Tríades Dohereiner 1862 - Parafuso Telúrico de De Chancourtois 1864 - Lei das Oitavas de Newlands 1869 - D. F. Mendeleiev:      - ordem crescente de massa atômica      - propriedades químicas semelhantes      - Te e I ; "Ekas" nos espaços vazios Histórico
  3. 3. 1913 - Lei da Periodicidade de Moseley:      - ordem crescente de Z Histórico
  4. 4. Lei Periódica "As propriedades físicas e químicas dos elementos, são funções periódicas de seus números atômicos".       Na tabela, os elementos estão arranjados horizontalmente, em seqüência numérica, de acordo com seus números atômicos, resultando o aparecimento de sete linhas horizontais (ou períodos ).      
  5. 5. Elementos Químicos Os elementos químicos são representados por letras maiúsculas ou uma letra maiúscula seguida de uma letra minúscula. Os Símbolos são de origem latina: Português Latim Símbolo Sódio Natrium Na Potássio Kalium K Enxofre Sulphur S Fósforo Phosphurus P Ouro Aurum Au
  6. 6. Períodos ou Séries São as filas horizontais da tabela periódica. São em número de 7 e indicam o número de níveis ou camadas preenchidas com elétrons. K L M N O P Q 1 2 3 4 5 6 7 P Q
  7. 7. Famílias ou Grupos São as colunas verticais da Tabela Periódica. Em um Grupo ou Família, encontram-se elementos com propriedades químicas semelhantes. Para os Elementos Representativos, o nº do Grupo representa o nº de elétrons da última camada (camada de valência). K L M N O P Q 1 2 3 4 5 6 7 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18
  8. 8. 1 2 13 14 15 16 17 18 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 ELEMENTOS DE TRANSIÇÃO Famílias ou grupos Metais Alcalinos Alcalinos - TERROSOS Metais GRUPO DO BORO GRUPO DO CARBONO GRUPO DO NITROGÊNIO CALCOGÊNIOS HALOGÊNIOS GASES NOBRES ELEMENTOS REPRESENTATIVOS
  9. 9. Metais <ul><ul><li>- Eletropositivos </li></ul></ul><ul><ul><li>Sólidos; exceto o Hg (25°C, 1atm); </li></ul></ul><ul><ul><li>Brilho característico; </li></ul></ul><ul><ul><li>- Dúcteis (fios); </li></ul></ul><ul><ul><li>- Maleáveis (lâminas); </li></ul></ul><ul><ul><li>- São bons condutores de calor e eletricidade. </li></ul></ul>
  10. 10. <ul><li>Eletronegativos; </li></ul><ul><li>Quebradiços; </li></ul><ul><li>Opacos; </li></ul><ul><li>Formam Compostos Covalentes (moleculares); </li></ul><ul><li>- São Péssimos Condutores de Calor e Eletricidade (exceção para o Carbono). </li></ul>Ametais
  11. 11. <ul><li>Foram Moléculas Monoatômicas; </li></ul><ul><li>São Inertes Mas Podem Fazer Ligações apesar da estabilidade (em condições especiais); </li></ul><ul><li>São Sete: He, Ne, Ar, Xe, Kr, Rn. </li></ul>Gases Nobres
  12. 12. Resumo Metais Ametais Gases nobres
  13. 13. 1 - São elementos líquidos: Hg e Br; 2 - São Gases: He, Ne, Ar, Kr, Xe, Rn, Cl, N, O, F, H; 3 - Os demais são sólidos; 4 - Chamam-se cisurânicos os elementos artificiais de Z menor que 92 (urânio): Astato (At); Tecnécio (Tc); Promécio (Pm) 5 - Chamam-se transurânicos os elementos artificiais de Z maior que 92: são todos artificiais; 6 - Elementos radioativos: Do bismuto ( 83 Bi) em diante, todos os elementos conhecidos são naturalmente radioativos. Notas:
  14. 14. Propriedades periódicas Eletronegatividade Eletropositividade Potencial de ionização Raio atômico Eletroafinidade Densidade
  15. 15. B C N O F Cl Br I H Fr Eletronegatividade É a capacidade que um átomo tem de atrair elétrons (ametais). Varia da esquerda para a direita e de baixo para cima, excluindo-se os gases nobres.
  16. 16. F H Li Na K Rb Cs Fr Eletropositividade ou Caráter Metálico: É a capacidade que um átomo tem de perder elétrons (metais). Varia da direita para a esquerda e de cima para baixo excluindo-se os gases nobres.
  17. 17. He Ne Ar Kr Xe Rn H Fr Potencial de Ionização É a energia necessária para arrancar um elétron de um átomo, no estado gasoso, transformando-o em um íon gasoso. Varia como a eletronegatividade e inclui os gases nobres. A segunda ionização requer maior energia que a primeira e, assim, sucessivamente.
  18. 18. He H Li Na K Rb Cs Fr Raio Atômico É a distância que vai do núcleo do átomo até o seu elétron mais externo. Inclui os gases nobres.
  19. 19. H Fr Eletroafinidade É a energia liberada quando um átomo recebe um elétron (Afinidade Eletrônica). Varia como o Potencial de Ionização. Não inclui os Gases Nobres.
  20. 20. É a razão entre a massa e o volume do elemento. Varia das extremidades para o centro e de cima para baixo. Densidade Os Ir
  21. 21. He Ne Ar Kr Xe Rn H B C N O F Cl Br I Li Na K Rb Cs Fr Resumo das propriedades Eletronegatividade; Potencial de ionização; Eletroafinidade. Eletropositividade; Raio atômico
  22. 22. Tabela de Prova

×