Organograma- prof. valdecir

821 visualizações

Publicada em

Organograma- prof. valdecir

Publicada em: Carreiras
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
821
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Organograma- prof. valdecir

  1. 1. Estrutura Organizacional ORGANOGRAMA Prof.: Valdecir J. De Lara GESTÃO DE PROJETOS 1º/2015
  2. 2. Estrutura Organizacional ORGANOGRAMA  É a representação gráfica simplificada da estrutura organizacional de uma instituição, especificando os seus órgãos, seus níveis hierárquicos e as principais relações formais entre eles.
  3. 3. Estrutura Organizacional ORGANOGRAMA GESTÃO DE PROJETOS Representar uma “entidade” independente, com processos próprios e sua relação com os sistemas nas organizações.
  4. 4. ORGANOGRAMA  Princípios básicos a serem obedecidos:  SIMPLICIDADE - O organograma deve apresentar apenas os elementos essenciais à compreensão da estrutura organizacional.  PADRONIZAÇÃO – Uniformidade e coerência.  ATUALIZAÇÃO - Retrata a realidade da organização em determinado momento.
  5. 5. Organograma: regras básicas • O organograma deve ser feito por grupamento de unidades, partindo das unidades de direção, assessoramento até as de cunho operacional. • Unidades de mesma nomenclatura (divisões, departamentos, superintendências etc.) deve estar sempre na mesma linha horizontal. • Deve ser obedecida a ordem alfabética de entrada por grupamento semelhante de unidades.
  6. 6. EXEMPLO DE UM ORGANOGRAMA TÍPICO GERÊNCIA GERAL Assessoria Jurídica Auditoria Gerência de Pessoal Gerência de Produção Gerência de Marketing Gerência de Finanças Autoridade de linha ou hierárquica Autoridade funcional (ou normativa, ou técnica) Autoridade de fiscalização
  7. 7. ORGANOGRAMAS Os retângulos representativos dos órgãos contém: O NOME DO ÓRGÃO Seção de Compras Pode-se incluir também o nome do chefe do órgão Seção de Compras Chefe: A. RAMOS
  8. 8. INFORMAÇÕES ADICIONAIS NO ORGANOGRAMA Inclusão do efetivo do órgão: Seção de Compras Chefe: A. RAMOS 25 Inclusão do centro de custo do órgão: Seção de Compras Chefe: A. RAMOS 25 64.035.023-5
  9. 9. EXEMPLO DE TAMANHOS IDEAIS DE RETÂNGULOS NO ORGANOGRAMA
  10. 10. ORGANOGRAMAS COM AS ATIVIDADES MEIOS SEPARADAS DAS ATIVIDADES FINS DIRETOR EXECUTIVO Serviço de Pessoal Serviço de Finanças Serviço de Suprimento Serviço de Jurídico Divisão Industrial Divisão ComercialFINS MEIOS
  11. 11. ESPESSURA DAS LINHAS HIERÁRQUICAS E DAS LINHAS DOS PERÍMETROS DOS RETÂNGULOS Mais adequado Menos adequado
  12. 12. REPRESENTAÇÃO GRÁFICA DE ORGANOGRAMAS COM POUCO ESPAÇO NO PAPEL Depto. Pessoal Seção de Seleção Seção de Treinamento Seção de Registros Mais adequada Menos adequada Menos adequada
  13. 13. REPRESENTAÇÃO GRÁFICA DE ÓRGÃOS EM VIA DE CRIAÇÃO GERÊNCIA DE MARKETING Filial Sudeste Filial Sul Filial Nordeste Filial Centro-oeste
  14. 14. ORGANOGRAMA CIRCULAR
  15. 15. Prof. Sérgio Monteiro Fevereiro 2008 Setorial ou Setogramas
  16. 16. Radial ou Circular O seu objetivo é mostrar o macro sistema das empresas componentes de um grande grupo empresarial.
  17. 17. ORGANOGRAMA EM BARRAS CO NSELHO DE ADM INIST RAÇÃO PRESIDENT E ASSESSORIA T ÉCNI CA E JUR ÍDICA DEPART AMENT O DE PROD UÇÃO DIVI SÃO DE PRO DUÇÃO DIVI SÃO DE CO NT R. DE QUALI D. DIVI SÃO DE CO NT R. DA PR OD. DEPART AMENT O DE ADM . F INANCEI RA SET OR DE MECANI ZAÇÃO DIVI SÃO DE CO NT ABILID AD E SEÇÃO DE CON T. GERAL SEÇÃO DE CON T. FI SC AL SEÇÃO DE ANÁL. CONT ÁB. DIVI SÃO DE SERVIÇ OS G ER AIS SEÇÃO DE SUPRIM ENT OS SEÇAO DE CON TR. MAT ER. DIVI SÃO DE REC . HUM ANOS SEÇÃO DE RECRUT AM ENTO SEÇÃO DE T REIN. SEL EC. SEÇÃO DE CARG. SALÁR. DIVI SÃO DE T ESOUR AR IA SEÇÃO DE CON T. A PAG. SEÇÃO DE CON T. A REC. SEÇÃO DE REL. BANCÁR. DEPART AMENT O DE PLANEJ AM ENT O DIVI SÃO DE O RG. E MÉT OD OS DIVI SÃO DE EST ATÍ STIC A
  18. 18. Barras Presidente Diretoria Executiva Diretoria Adjunta Diretores de Operação Gerentes Gerais Gerentes de Área Chefias Supervisores Encar. Mão-de-Obra Operacional
  19. 19. ORGANOGRAMAS VANTAGENS:  Os organogramas facilitam: Identificação de deficiências na organização Coordenação e comunicação Definição de responsabilidades Integração e treinamento
  20. 20. ORGANOGRAMAS DESVANTAGENS:  Os organogramas facilitam: A formalização fixa situações que, com o tempo podem tornar-se inadequadas; Os organogramas não mostram toda a estrutura organizacional.
  21. 21. O QUE OS ORGANOGRAMAS INDICAM OS SISTEMAS- A divisão do trabalho em unidades, a natureza das atividades executadas e a forma pela qual elas foram grupadas. AS PRINCIPAIS RELAÇÕES FORMAIS – isto é, quem é superior de quem. As linhas representam as relações superior- subordinado, com seu fluxo implícito de ordens, prestações de contas e delegações.  Os níveis hierárquicos são definidos, até certo ponto, pelos títulos dos órgãos.
  22. 22. O QUE O ORGANOGRAMA PERMITE ANALISAR DEFICIÊNCIAS DA ESTRUTURA: Superposições, duplicações e lacunas de atribuições; Excesso de níveis hierárquicos; Excesso de subordinados para um mesmo chefe; Subordinações inadequadas; Subordinações múltiplas.  É sempre mais fácil ignorar deficiências quando elas não estão explícitas.
  23. 23. O QUE OS ORGANOGRAMAS NÃO INDICAM As relações de prestações de serviços; As diferenças de grau de autoridade e influência entre as pessoas que aparecem no organograma no mesmo nível; As linhas de comunicação - nas quais se apóia o trabalho das pessoas. A rede de comunicações é tão intrincada que seria impossível representá-la graficamente; A organização informal.
  24. 24. A Comunicação no Organograma Comunicação Formal Informação Normas e instruções Esforços de coordenação Presidente Vice Presidente Vice Presidente Gerente GerenteGerenteGerente

×