Tutorial – Como criar mapas conceituais no site HTTP://BUBBL.US
Autor: Prof. Dr. Márcio Marques Martins
Disciplina: MFM203...
Após ler (ou ignorar) a dica do dia (tip of the day), uma caixa amarela surge no centro
da área de trabalho.

Posicionando...
Posicionando o mouse na lateral direita da bolha, é possível criar uma nova bolha.
Essa nova bolha não será filha. Elas nã...
Clicando no interior da bolha amarela escreve a ideia central do seu mapa.
Normalmente, uma palavra ou frase curta, que ch...
A bolha-filha representa uma idéia derivada da idéia central. Para representar seu
nível hierárquico inferior, a cor é dif...
Os conectores (linhas diagonais) também podem ser clicados. É costume escrever
verbos de ligação entre a idéia central e a...
Proceda assim até fazer todas as conexões possíveis para o seu mapa.

Vamos mudar a cor do texto e da bolha da esquerda? P...
No nosso exemplo, alteramos a cor da bolha para azul e a cor do texto para rosa claro.

Vamos agora posicionar o mouse na ...
Uma opção, ao invés de clicar, é apertar a tecla “TAB”. A bolha amarela à direita foi
criada e permanece na mesma altura d...
Clicando na caixinha amarela que aparece no menu de contexto, é possível mudar a
cor da bolha. Clicando na pequena letra “...
Pronto, eis duas bolhas conectadas entre si.

Vamos criar algumas bolhas a partir das bolhas-filhas? Posicione o mouse aba...
Eis o resultado.

PARTE 2: Salvando e exportando o seu mapa conceitual
Clicando no botão “SAVE”, no lado superior direito,...
Feito isso, você pode mudar o nome do seu mapa. Clique duas vezes com o botão
esquerdo em cima das palavras “New Sheet” (b...
Feito isso, vamos exportar o seu mapa como uma figura. Clique no botão “Export”,
marcado com uma caixa vermelha na figura ...
Pode-se exportar o mapa como uma figura jpeg (maior qualidade de imagem).

Ou então, pode-se exportar a figura como uma im...
Clicando na aba HTML Output, pode-se exportar o mapa como uma figura em html,
ideal para quem constrói seus próprios sites...
A figura abaixo é o mapa, exportado em formato PNG (portable network graphic) para
o computador.

E isso conclui nosso tut...
Tutorial bubbl
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tutorial bubbl

581 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
581
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
286
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tutorial bubbl

  1. 1. Tutorial – Como criar mapas conceituais no site HTTP://BUBBL.US Autor: Prof. Dr. Márcio Marques Martins Disciplina: MFM203 – Hipermídia na Educação HTTP://hiperapren.blogspot.com e HTTP://hiperapren.posterous.com Meu blog principal: HTTP://diariodeumquimicodigital.com Se você já possui uma conta no site, basta fazer o login (colocar o usuário e a senha) e a tela abaixo se apresentará a você.
  2. 2. Após ler (ou ignorar) a dica do dia (tip of the day), uma caixa amarela surge no centro da área de trabalho. Posicionando o mouse na parte de baixo da caixa amarela, surge um menu de contexto que permite adicionar uma caixa filha da caixa amarela (ou “bolha”, para ser mais direto).
  3. 3. Posicionando o mouse na lateral direita da bolha, é possível criar uma nova bolha. Essa nova bolha não será filha. Elas não ficarão ligadas entre si, a não ser que o autor do mapa conceitual assim o deseje. Posicionando o cursor do mouse na parte superior da bolha um novo menu de contexto surge. Neste menu é possível alterar cores das bolhas e dos textos. Aumentar ou diminuir o tamanho da bolha. Conectar bolhas de igual caráter hierárquico e até mesmo deletar uma bolha.
  4. 4. Clicando no interior da bolha amarela escreve a ideia central do seu mapa. Normalmente, uma palavra ou frase curta, que chamarei de idéia central. Agora, posicionando o mouse na parte inferior da bolha central, crie uma bolha-filha. (Apertar as teclas Ctrl+Enter também funciona).
  5. 5. A bolha-filha representa uma idéia derivada da idéia central. Para representar seu nível hierárquico inferior, a cor é diferente (no nosso caso é verde, mas isso pode ser alterado). Posicionando o mouse na parte inferior da bolha-mãe (amarela) e clicando no pequeno menu (ctrl+enter) criam-se novas bolhas-filhas.
  6. 6. Os conectores (linhas diagonais) também podem ser clicados. É costume escrever verbos de ligação entre a idéia central e a idéia derivada. Geralmente usamos verbos ou frases curtas, de forma a tornar inequívoca a relação entre as duas idéias. Abaixo, um verbo de ligação ou subsunçor está sendo inserido no mapa.
  7. 7. Proceda assim até fazer todas as conexões possíveis para o seu mapa. Vamos mudar a cor do texto e da bolha da esquerda? Posicione o mouse na parte superior da bolha verde e mova o cursor até a pequena letra “T”, se clicar ali você vai poder mudar a cor do texto. Se clicar na parte verde do desenho, vai aparecer uma caixa cheia de cores para escolher e a cor da bolha é que vai ser alterada.
  8. 8. No nosso exemplo, alteramos a cor da bolha para azul e a cor do texto para rosa claro. Vamos agora posicionar o mouse na lateral direita da bolha amarela. Vejam que aparece a opção de criar uma nova bolha no mesmo nível hierárquico da bolha principal.
  9. 9. Uma opção, ao invés de clicar, é apertar a tecla “TAB”. A bolha amarela à direita foi criada e permanece na mesma altura da primeira, a fim de indicar que está no mesmo nível hierárquico (tem a mesma importância). Posicionando o mouse na parte superior da bolha faz surgir um menu de contexto.
  10. 10. Clicando na caixinha amarela que aparece no menu de contexto, é possível mudar a cor da bolha. Clicando na pequena letra “T” que aparece dentro da caixa, muda-se a cor do texto dentro da bolha. Da mesma forma, clicando-se na terceira parte do mesmo menu “Connect Bubbles”, é possível ligar uma bolha à outra. Clique com o botão direito e arraste a seta até a bolha-alvo. Não esqueça que a ponta da seta deve entrar na bolha-alvo.
  11. 11. Pronto, eis duas bolhas conectadas entre si. Vamos criar algumas bolhas a partir das bolhas-filhas? Posicione o mouse abaixo de uma bolha verde e clique ou então posicione o mouse na bolha verde e clique CTRL+ENTER.
  12. 12. Eis o resultado. PARTE 2: Salvando e exportando o seu mapa conceitual Clicando no botão “SAVE”, no lado superior direito, é possível salvar seu mapa no site para posteriores edições. A conta gratuita que você criou só dá direito a guardar três mapas.
  13. 13. Feito isso, você pode mudar o nome do seu mapa. Clique duas vezes com o botão esquerdo em cima das palavras “New Sheet” (bem à direita). Escreve o nome que mais lhe aprouver, desde que ele represente o seu mapa conceitual e você consiga se lembrar do que se trata o mapa quando ler o seu nome.
  14. 14. Feito isso, vamos exportar o seu mapa como uma figura. Clique no botão “Export”, marcado com uma caixa vermelha na figura abaixo: Existem três opções de exportação de figuras. A caixa abaixo surge mostrando-as.
  15. 15. Pode-se exportar o mapa como uma figura jpeg (maior qualidade de imagem). Ou então, pode-se exportar a figura como uma imagem png (melhor qualidade e maior velocidade de carregamento quando postada em um blog ou site).
  16. 16. Clicando na aba HTML Output, pode-se exportar o mapa como uma figura em html, ideal para quem constrói seus próprios sites. Observe na barra inferior do navegador, o arquivo HTML foi baixado para o computador.
  17. 17. A figura abaixo é o mapa, exportado em formato PNG (portable network graphic) para o computador. E isso conclui nosso tutorial do bubbl.us! Obrigado pela atenção!

×