Segurança e prevenção rodoviária

2.336 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.336
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
59
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Segurança e prevenção rodoviária

  1. 1. Segurança e Prevenção RodoviáriaDisciplina de Ciências Físico- Químicas •Inês Silva, Nº 9 9º A •Patrícia Coelho, Nº 14
  2. 2. •Respeitar os limites máximos de velocidadeO excesso de velocidade continua a ser a primeira causa de sinistralidade em Portugal; Nas estradas existem sinais que informam oscondutores do limite máximo a que o veículo pode circular;
  3. 3. •Respeitar a distância de segurança A distância de segurança rodoviária depende da velocidade do veículo no momento. Para o mesmo condutor, quanto maior for a velocidade doveículo, maior é a distancia de segurança rodoviária;
  4. 4. • Ter muito cuidado naultrapassagens.As ultrapassagens feitas semcuidado são uma das principaiscausas de acidentes na estrada. Éproibido ultrapassar quando há umtraço continuo na estrada. Antes deiniciar a ultrapassagem énecessário:- Verificar o tráfego atrás e à frente;- Sinalizar a intenção deultrapassar… e, só então, iniciar amanobra.
  5. 5. •Usar cintos de segurança e, no caso das criançasdevem usar a cedeirinha complementando com ocinto.
  6. 6. • Ingerir bebidas alcoólicas;• Fazer refeições pesadas;
  7. 7. • Falar ao telemóvel; * * Estou a escrever uma mensagem enquanto conduzo.
  8. 8. Para realizar uma viagem segura deve:• ANTES DA VIAGEM:• Verifique as condições de segurança do seu veículo, especialmente o estado dos pneus, travões, direcção, suspensão, focagem dos faróis e o estado de funcionamento dos limpa pára-brisas.• Acondicione correctamente a bagagem a transportar no veículo. A carga mal acondicionada pode alterar a estabilidade e o controlo da direcção, podendo provocar acidentes.• Tenha presente que a fadiga, a doença, refeições pesadas, medicamentos, álcool, entre outros factores, prejudicam a aptidão para conduzir.• Opte por estradas com menos movimento e evite, se possível, as horas de ponta.
  9. 9. Acidentes• Existem dois tipos de acidentes: o evitável e o não evitável. O primeiro é aquele em que deixou de fazer tudo o que razoavelmente poderia ter feito para evitá-lo, enquanto o segundo é aquele em que se esgotando todas as medidas para impedi-lo, este veio a acontecer.
  10. 10. CausasAs causas são: 75% dos acidentes foram causados por falha humana (condutor), 12% por problemas nos veículos, 6% por deficiências das vias e 7% por causas diversas, ou seja, podemos dizer que o homem, no mínimo, é o causador de 93% dos acidentes.
  11. 11. Entre as diversas causas podemos citar:• Imprudência dos condutores;• Excesso de velocidade;• Desrespeito à sinalização;• Ingestão de bebidas alcoólicas;• Ultrapassagens indevidas;• Má visibilidade (chuva, neblina, noite);• Falta de atenção;• Defeitos nas vias;• Falta de manutenção adequada dos veículos;

×