Pastores e diáconos lição 04

144 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
144
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pastores e diáconos lição 04

  1. 1. RISTO JESUS. INTRODUÇÃO Paulodá inicioaocapítulo trêsda PrimeiraEpístolade Timóteo,falandoarespeitodotrabalho pastoral.Serpastor nãoé abraçar umaprofissão,masum ministériodivinocujafunção primordial é cuidardasovelhasdoSenhor.Nenhumpastortemcondições de cuidardo rebanhosozinho.Sãonecessáriosajudantes,porisso,neste mesmocapítulo,oapóstoloPaulo falaa respeitododiaconato.Naliçãode hoje estudaremosarespeitodopastoradoe do QUEM DESEJA O EPISCOPADO "Esta é umapalavra fiel:Se alguém desejaoepiscopado,excelenteobradeseja"(v.1).Emsua carta a Timóteo,Pauloasseveraque almejaroepiscopado,ouseja,opastoradoé aspiraruma obra excelente.Contudo,é importanteressaltarque afunçãopastoral nãoé uma profissãoou um meioparaascendersocial e economicamente.1-"Excelente obradeseja". QUEM DESEJA O EPISCOPADO O ministériopastoral vemde DEUS.É Ele que escolhe.Muitossãoescolhidose separados apenaspeloshomens,masnãoporDEUS. Pauloafirmaque foi chamadopeloSenhor desde o ventre de suamãe (Gl 1.15). DEUS tambémvocacional Jeremiasparaserprofetaantesdoseu nascimento(Jr1.5).Quemé chamadonão só tema convicçãodoconvite,masapresentaum perfil que agradaa DEUS. 2. A chamada. QUEM DESEJA O EPISCOPADODEUS chama,porém, o preparocabe aosseusservos.O pastor precisaterconhecimentobíblico(oque deve saber),teológicoe habilidadesministeriais(oque deve sercapaz de fazer).Seupreparonãoterminaquandoconclui umseminárioteológico, mas se dá durante toda a sua jornada.Em o NovoTestamentovemosque osapóstolosforam chamados,mas sóforam enviadosapósalgumtempode aprendizadocomJESUS (Mc 6.7; Mt 10.16; Lc 10.1). O exemplode Paulotambémé bemsignificativo.Ele foi chamado,jápossuíao conhecimentodaLei,poisteve comoprofessororenomadoGamaliel,maspartiuparaa Arábia e ali ficoutrêsanosse preparandoparaexercerseuministériojuntoaosgentios(Gl 1.17,18). Paulofoi enviadopeloESPÍRITOSANTO(At13.4).3. O preparo. 8. II - QUALIFICAÇÕESE ATRIBUIÇÕESDOS PASTORESE DIÁCONOS(3.1-13) Os que almejamo pastoradonecessitamconhecerasatribuiçõese qualificaçõesque tal atividade exige.Nahora da escolhade um candidatoaosanto ministériodaPalavra,olíder e a igrejade um modogeral precisamverno aspirante algumascaracterísticas.1.Atribuiçõesdospastores(vv.1-7). 9. II - QUALIFICAÇÕESE ATRIBUIÇÕESDOS PASTORESE DIÁCONOS(3.1-13) Pauloapresenta uma listade 15 qualificações.A primeira,comonãopoderiadeixar de ser,é ter umavida irrepreensível (v.2),ouseja,santa.Viveremsantidade nãoé fácil,masé possível,poiso ESPÍRITOque no crente habitaqueroperara santificação.Opastoré o exemploparao rebanho,porisso,precisateruma vidailibada.Opastortambémprecisaterconhecimento bíblico,sendo"aptoa ensinar"(3.2);terbom testemunhodiantedaigrejae dosdescrentes (3.7); não serneófito,inexperiente (3.6).2.Qualificaçõesespirituaise ministeriais. 10. II - QUALIFICAÇÕESE ATRIBUIÇÕESDOS PASTORESE DIÁCONOS(3.1-13) Sercasado e ter uma vidaconjugal saudável (3.2).Opastordeve amar sua esposa"comoCRISTOamou a Igreja e a si mesmose entregouporela"(Ef 5.25). Precisagovernarbemtodaa suafamília,seus filhosprecisamsercrentese darembomtestemunho(3.4).Se opastornão cuidada sua família,que é seuprimeirorebanho,comocuidarádorebanhodoSenhor?3. Qualificações familiares.
  2. 2. 11. II - QUALIFICAÇÕESE ATRIBUIÇÕESDOS PASTORESE DIÁCONOS(3.1-13) Serhonesto, sincero, verdadeiro(3.2);hospitaleiro,ouacolhedor,sabendotratarbemas pessoas(3.2);não dado ao vinho,nãousuáriode bebidasalcoólicas(3.3);nãoespancador,ouseja,nãoviolento, agressivo(3.3;Gl 5.22); não cobiçosonemganancioso(3.3);sersóbrio(3.2),simples, moderado(3.3);não contencioso(3.2;2 Tm 2.24); nãoavarento(3.3; 6.10). Infelizmente,há igrejasque desprezamessesaspectosnahorade separar pessoasaoministériopastoral.4. Qualificaçõesmorais. 12. III - O DIACONATO(8-13) A palavradiáconosignifica"aquele que serve".Assimcomoo pastor,elessãochamadospara servirà Igrejado Senhor.Osdiáconostiverame têmum papel muitoimportante nocrescimentodaIgreja.Infelizmente,hoje emalgumasigrejas,oofíciode diáconoparece terperdidosuaimportância.Emgeral,são chamadospara essafunção os novoscrentes,todavia,esse nãoé opadrão do NovoTestamento.1.Osdiáconos. 13. III - O DIACONATO(8-13) Assimcomoos pastores,aquelesque almejamodiaconato precisamtero desejode serviraDEUS e aos irmãos.Hoje muitosqueremserservidos,mas poucosseguemoexemplode JESUSe queremservir.EmAtos6.1-7 encontramosvárias qualificaçõesque foramexigidasdosprimeirosdiáconos.Porém, nasuacarta a Timóteo,Paulo indicaoutrosimportantesrequisitosparaodiaconato.2. Chamadopara servir. 14. III - O DIACONATO(8-13) Aquelesque exercemafunçãode diácononecessitamser honestos,nãode línguadobre (mentiroso,fofoqueiro),nãodadoaovinho(que nãotenha nenhumtipo de vício),nãocobiçoso,ganancioso,tendoumaboaconsciência,que governem bemsua família(vv.8,9,12). Você temestasqualificações?Oministériocristãoé algomuito sério.3. Qualificações. 15. IV - SERVIÇO- RAZÃODE SER DO MINISTÉRIOPara cumprir sua missãosacrificial emfavor dos homens,JESUSdespojou-setemporariamente de suaglóriaplena(Jo17.14; Fp 2.5-10). Paulodizque Ele assumiua formade servo,maisque isso,aforma de escravo(Fp2.6-8). JESUS lavouos pésdosdiscípulosparalhesensinarumaimportante lição.SendoEle Senhore Salvador,deuprovade que se comportavacomo servo(Jo13.4,5). 1. O exemplodoMestre. 16. IV - SERVIÇO- RAZÃODE SER DO MINISTÉRIOPauloera um servofiel.Apósseuencontro com JESUS sua vidafoi utilizadaemprol daIgreja.Ele não mediuesforçosparaservir.Sua pregaçãofoi sempre autêntica.Ele jamaisusoude fraudulência.Hoje hámuitosfalsosobreiros que se aproveitamdosfiéise daIgrejapara obterganho financeiro.Umdosrequisitos recomendadoporPauloa quemdesejaserpastoré serobreiro"nãocobiçosode torpe ganância"(1 Tm 3.3). Nomesmoespírito,Pedroescreveuque oobreirodeve apascentaro rebanhodoSenhor"tendocuidadodele,nãoporforça,mas voluntariamente;nemportorpe ganância"(1 Pe 5.2). 2. O exemplode Paulo. 17. IV - SERVIÇO- RAZÃODE SER DO MINISTÉRIOTimóteofoi umpastor exemplar,que demonstrouterumcaráter imaculado.Suamãe Eunice e suaavó Loide eramcrentesjudias que muitocontribuírampara sua formaçãoespiritual e moral.Ele cuidoudaIgrejacom zeloe não teve medode se oporaos falsosmestresque estavamtentandoseduziroscrentesem relaçãoà salvação pelafé emJESUS.O líder de uma Igrejaprecisasercorajosoe plenamente comprometidocomJESUSCRISTO.Ele tambémdemonstrounãobuscara glóriapara si. Infelizmente,hálíderesque sãomovidosaelogios,oumesmoporlisonjas.Issoé perigosopara o ministériopastoral de qualquerpessoa.3.O exemplode Timóteo.
  3. 3. 18. PARA REFLETIR A respeitodascartas pastorais:1)Pauloiniciaocapítulotrêsfalandoa respeitode que assunto?Ele falaarespeitodafunçãodo pastor.2)Qual a funçãoprimordial do pastor?Cuidardas ovelhasdoSenhor.3)Quemseparae escolhe ohomemparao ministério pastoral?Deus.4)Quais as principaisqualificaçõesmoraisde umpastor?Ele deve ser:honesto, sincero,verdadeiro,etc.5)Qual osignificadodapalavra"diácono"?Significa"aquele que serve". INTRODUÇÃO Paulodá inicioaocapítulotrês da PrimeiraEpístolade Timóteo,falandoarespeitodotrabalho pastoral.Serpastor nãoé abraçar umaprofissão,masum ministériodivinocujafunção primordial é cuidardasovelhasdoSenhor.Nenhumpastortemcondiçõesde cuidardo rebanhosozinho.Sãonecessáriosajudantes,porisso,neste mesmocapítulo,oapóstoloPaulo falaa respeitododiaconato. Na liçãode hoje estudaremosarespeitodopastoradoe dodiaconato,duasfunçõesde extremaimportânciaparao crescimentodoReinode Deus.[Comentário: StrongsNT1985: ἐπίσκοποςἐπίσκοπος, ἐπισκόπου, ὁ (ἐπισκέπτομαι),umsupervisor,umhomemincumbidodo deverde verque coisasa seremfeitasporoutrossãofeitoscomrazão, qualquercurador, tutor,ou superintendente.A palavratemomesmosentidoabrangentenosescritosgregosde HomeroOdys.8, 163; Ilíada22; Assim, noNovoTestamento ἐπίσκοπον τῶν ψυχῶν,guardião das almas,aquele que cuidade seubem-estar(1Pe 2.25; Hb 13.17), especificamente,o superintendente,superintendentede cabeçaoude qualquerigrejacristã(At20.28; Fp1.1; 1Tm 3.2; Tt 1.7). A palavra"episcopado"significapastorado,dadoque aspalavrasgregas "epíscopos","poimen"e "presbítero"sãode significadoidêntico - bispo,pastor,presbíteroou ancião.Pauloe Barnabé escolheramirmãosemCristo,osmaisvelhos, emcadaigreja(At 14.19-23). PauloorientaTitoa escolher“homensmaisvelhos( presbíteros)”(Tt1.1-5), para que fossem“supervisores(bispos)”(Tt1.5-9).Os “supervisores(bispos)”daspassagensbíblicas eram"homensmaisvelhos( presbíteros)",lembrandoque apalavragrega"presbítero"não significanecessariamenteuma"pessoaidosa"(compare ofilhomaisnovo(neoteros) (Lc15.13) com o filhomaisvelho(presbuteros) (Lc15.25). Assim, Pauloensinaque aqueleque anseia, deseja,opastorado,ouo bispado,excelenteobradeseja.De fato,opastoradoé um ministério especialmentedignode nota.Opastoré aquele que levaorebanhoàspastagensmelhorese maisseguras.“Episkopoi”é osuperintendente oubispoe otrabalhoque estestinhamerao de supervisores,ouseja,osque detinhamanobre funçãoepiscopal eramaquelesque visitavam, cuidavame zelavamdoshomensparao bemdosmesmos(STRONG:1984).Em suma, estes eramos cuidadoresdoscristãose,traduzindoparao nossoportuguês,eleseramosatuais pastores.].Vamospensarmaduramente sobre afé cristã? I - QUEM DESEJA O EPISCOPADO 1. "Excelente obradeseja"."Estaé umapalavrafiel:Se alguémdesejaoepiscopado,excelente obra deseja"(v.1).Emsuacarta a Timóteo,Pauloasseveraque almejar oepiscopado,ouseja, o pastoradoé aspiraruma obra excelente.Contudo,é importanteressaltarque afunção pastoral não é uma profissãoouum meioparaascendersocial e economicamente. [Comentário: OPastorou Bispoé um líderque cuida principalmentedavidaespiritualdoseu rebanho,masnão descuidanenhumaspectodavidadacomunidade.Paraistoele deve ser especialmentechamadoe vocacionadoporDeus,e deve tercomo prioridade servirabnegada
  4. 4. e totalmente aoSenhornapessoadorebanhoque lhe foi confiado.Deve daroexemplode vidacristã.Ser maridode uma só mulher(casado,portanto),vigilante,sóbrio,honesto, hospitaleiro,aptoparaensinar,nãovicioso,nemespancador,nãoavarento,nemganancioso, mas moderadoemtodasas coisas.Estas qualificaçõesporsi só,já descrevemoque é ser pastor.Diferentemente daideiaexpostahoje,principalmentepelosdefensoresdateologiada prosperidade,aqueleque desejaoepiscopadodeve estarpreparadoparapassarnecessidades, sofrerinjúriase calunias.Serpastoré não ter outrointeresse senãoopregara Cristo.É não se envolvernosnegóciosdeste mundo,buscandoriquezas,famae posição.Ésaber dizernão quandoo coração dissersim.É não ir à casa dos ricosem detrimentodospobres.Énão dar atençãodemasiadaparauns, esquecendo-se dosoutros.Énão ficardo ladodos jovens,em detrimentodosadultose vice-versa.Serpastoré nãoenvolver-se emdemasiacomaspessoas, ao pontode se perdera linhadivisóriadoamore do respeito,docarinhoe da disciplina.Ser pastor é não aceitarsubornosnemtampoucodesprezarosnão expressivos.Opastoradoé um ministériomuitoespecial,commuitosespinhose dificuldades,mastambémrepletodasgraças maravilhosase incomparáveis.]. 2. A chamada. O ministériopastoral vemde Deus.ÉEle que escolhe.Muitossãoescolhidose separadosapenaspeloshomens,masnãopor Deus.Pauloafirmaque foi chamadopelo Senhordesde oventre de suamãe (Gl 1.15). Deus tambémvocacionouJeremiasparaser profetaantesdoseunascimento(Jr1.5). Quemé chamado não sótem a convicçãodo convite, mas apresentaumperfil que agradaa Deus.[Comentário: A chamadapara o ministério Pastoral temduas característicasfundamentais: a) A determinaçãode Deus(soberania) somente porsuagraça; b) A incapacidade dohomememexerceramissão,oministério(2Co 3.5). ErwinLutzer define chamadocomo“umaconvicçãointerior,dadapeloEspíritoSantoe confirmadapelaPalavrade Deuse peloCorpode Cristo” – “Tal é a confiançaque temosdiante de Deus,por meiode Cristo.Nãoque possamosreivindicarqualquercoisacombase em nossosprópriosméritos,masanossa capacidade vemde Deus.Ele noscapacitoupara sermos ministrosde umanovaaliança,não da letra,masdo Espírito;poisa letramata,mas o Espírito vivifica”(2Co3.4-6).Ninguémingressanoministériosemque tenhaasua vontade direcionada,trabalhadae persuadidaparao mesmo.Este direcionamentodavontade é fruto da chamada de Deus,o que é umfator decisivo.Ninguémpode,comotentouSimão(Atos 8.18-19), comprar um domespiritual.Deuschamae trabalhana vontade humana, direcionando-aaoministério.A declaraçãodoutrináriadaConvençãoBatistaBrasileiradizno capítulo11 sobre o MinistériodaPalavra:“Todosos crentesforamchamados porDeus para a salvação,para o serviçocristão,para testemunharde JesusCristoe promoveroseuReino,na medidadostalentose dosdonsconcedidospeloEspíritoSanto.Entretanto,Deusescolhe, chama e separacertoshomens,de maneiraespecial,paraoserviçodistinto,definidoe singulardoministériodasuapalavra.Opregadorda palavra é um porta-vozde Deusentre os homens.Cabe-lhe missãosemelhante àquelarealizadapelosprofetasdoVelhoTestamentoe pelosapóstolosdoNovoTestamento,tendoopróprioJesuscomoexemploe padrão supremo”.CharlesSpurgeon,consideradoopríncipe dospregadores,ponderoualgumascoisas muitospertinentes:“Homensque ousamdeclarar-se embaixadoresde Cristoprecisam compreendermaisprofundamente que oSenhorlhes‘entregou’apalavrada reconciliação(2 Co 5.18,19)...Prefeririaque vivêssemosemduvidae nosexaminássemosmuitíssimasvezes,do que tornarmosempecilhosnoministério...Serpastorsemvocaçãoé como sermembro professoe batizadosemconversão...”.Esse chamado,portanto,nãoé umaescolhapessoal,
  5. 5. uma profissãoreligiosa,masumachamadairresistível paraserviraoSenhoremSeunome e para a Suaglória.Gosto muitodopensamento:“Deusnãochamouhomensextraordinários para um trabalhocomum,mas homenscomunsparaum trabalhoextraordinário”]. 3. O preparo.Deuschama, porém,o preparocabe aos seusservos.Opastor precisater conhecimentobíblico(oque deve saber),teológicoe habilidadesministeriais(oque deve ser capaz de fazer).Seupreparonão terminaquandoconclui umseminárioteológico,masse dá durante toda a sua jornada. Em o NovoTestamentovemosque osapóstolosforamchamados, mas só foramenviadosapósalgumtempode aprendizadocomJesus(Mc6.7; Mt 10.16; Lc 10.1). O exemplode Paulotambémé bemsignificativo.Ele foi chamado,jápossuíao conhecimentodaLei,poisteve comoprofessororenomadoGamaliel,maspartiuparaa Arábia e ali ficoutrêsanosse preparandoparaexercerseuministériojuntoaos gentios(Gl 1.17,18). Paulofoi enviadopeloEspíritoSanto(At13.4).[Comentário: A chamada envolveaaceitação de algunsatributos,de algunspostuladosindispensáveisaoexercíciodoministériopastoral: fidelidade conscienteàPalavrade Deus,crença inabalávelnovalordaalma humana,convicção firme de que forade Cristonãohá salvação,reconhecimentode que existeuminimigopessoal e dedicaçãocompletadavidaao EspiritoSanto.Oministériopastoral é umaobrade excelênciae exige carátercristãomaduroe estável e umavidapessoal boae ordenada.Nãohá pastoresperfeitos,masopastor há de ser alguémque persegueaperfeição,jáque aobra do MinistériodaPalavraé uma obra excelente,que exigeexcelência.Opastortemcomo seu modeloe exemploJesusCristo,oque fazcom que tenhaa incumbênciade apascentaroseu rebanhoe treiná-lonoserviçodaigreja.Jáa igrejatema missãode expandiroReinode Deus. Os pastoresvãoe vem,masa igreja,comocorpo de Cristo,permanece.Quandoopastoré fervoroso,ativoe eficienteosmembrosdaigrejasãoespiritualmente vigorosose ativos.Daía importânciadapregação pastoral.É neste sentidoque oapóstoloPaulodesenvolve adoutrina do ministériocristãonotextode 2 Coríntios2.14 a 7.16. Sem a convicçãoinabalável da incumbênciadivinaninguémdeveentrarnoserviçoministerial.Comacertezada sua vocação, a experiênciadopoderdoEvangelhonasua vida,oamor ao povoe o desejoardente de servir como embaixadorde Cristo,opastorteráprazer no estudodasEscrituras,no preparodos sermõesparaa orientaçãode confortoespiritual doseupovoe no desenvolvimentodasua igrejanocumprimentodamissão.Textoextraídode: http://www.batistas.com/index.php?option=com_content&view=article&id=152:a-excelencia- do-pastorado&catid=28:artigos&Itemid=33;acessoem21 JUL 15]. PONTOCENTRAL Deusvocacionae separahomensparao diaconatoe para o ministériopastoral. SÍNTESEDO TÓPICOI Almejaroepiscopadoé aspirarumaobra excelente. SUBSÍDIOBIBLIOLÓGICO "Se algumhomemdesejaser'bispo',desejaumencargonobre e importante.Énecessário, porém,que essaaspiraçãosejaconfirmadapelaPalavrade Deus(1 Tm 3.1-10; 4.12) e pela igreja,porque Deusestabeleceuparaa igrejacertosrequisitos específicos.Quemse disser chamadopor Deuspara o trabalhopastoral deve seraprovadopelaigrejasegundoospadrões bíblicos.Issosignificaque aigrejanão deve aceitarpessoaalgumaparaa obra ministerial
  6. 6. tendopor base apenasseudesejo,suaescolaridade,suaespiritualidade,ouporque essa pessoaacha que temuma visãoou chamada.A igrejadaatualidade nãotemo direitode reduziressespreceitosque Deusestabeleceumediante oEspíritoSanto.Elesestão plenamenteemvigore devemserobservados poramorao nome de Deus,aoseu reinoe da honra e credibilidade daelevadaposiçãode ministro. Os padrõesbíblicosdopastor,são principalmente moraise espirituais.Ocaráteríntegrode quemaspiraser pastorde uma igrejaé mais importante doque personalidadeinfluente,dotes de pregação,capacidade administrativaougrausacadêmicos.Oenfoque dasqualificações ministeriaisconcentra-se nocomportamentodaquelesque perseveramnasabedoriadivina, nas decisõesacertadase nasantidade devida.Osque aspiramaopastoradosejamprimeiro provadosquantoà sua trajetóriaespiritual(cf.3.10).Partindodaí,o EspíritoSantoestabelece o elevadopadrãoparao candidato,[istoé] que ele precisaserumcrente que se tenha mantidofirme e fiel aJesusCristoe aos seusprincípiosde retidão,e que porissopode servir como exemplode fidelidade,veracidade,honestidade e pureza.Noutraspalavras,seucaráter deve demonstraroensinode CristoemMateus25.21 de que ser'fiel sobre o pouco'conduzà posiçãode governar 'sobre o muito'"(Bíbliade EstudoPentecostal.Riode Janeiro:CPAD,p. 1867). O ministériopastoral vemde Deus.ÉEle que escolhe.Muitossãoescolhidose separados apenaspeloshomens,masnãoporDeus. CONHEÇA MAIS *O diácono "Sua formaverbal (diakonein)significa'servir',particularmente'serviràsmesas'.Tema conotação de um serviçomuitopessoal,intimamente ligadoaoservirporamor.Para os gregos,o serviçoerararamente dignificado;odesenvolvimentoprópriodeveriaserametade uma pessoaaoinvésde humilhação.Ojudaísmoconservaumavisãodiferentesobre oserviço. Issoestá exemplificadonosegundomandamento.Foi issoque onossoSenhorensinouquando lavouos pésdosseusdiscípulos"(DicionárioBíblicoWycliffe,CPAD,p.552). O pastor deve amarsua esposa"comoCristoamou a Igrejae a si mesmose entregouporela". II - QUALIFICAÇÕESEATRIBUIÇÕESDOS PASTORESE DIÁCONOS(3.1-13) 1. Atribuiçõesdospastores(vv.1-7).Osque almejamopastoradonecessitamconheceras atribuiçõese qualificaçõesque tal atividade exige.Nahorada escolhade umcandidatoao santoministériodaPalavra,olídere a igrejade um modogeral precisamverno aspirante algumascaracterísticas.[Comentário: ‘Nãoentre noministériose puderpassarsemele’,foio conselhoprofundamentesábiode umteólogoaalguémque procuroua sua opinião’....senão amar a suavocação, logosucumbirá ou desistirádaluta,ouprosseguirádescontente,sobo pesocegode umamonotoniatãofastidiosacomo a de um cavalo cegogirandoum moinho... Cingidosdesse amor,vocêsserãointrépidos;despidosdesse cintomaisque magicoda vocação irresistível,consumir-se-ão nadesventura...Leiacuidadosamente asqualificaçõesdo bispo,registradasem1 Timóteo 3.2-7 e Tito 1.6-9. Se essesdonse graças não estiveremem vocês,e com abundancia,é possível que tenhambomêxitocomoevangelistas,mascomo pastoresnãoterão nenhumvalor”.Moisése Jeremiasse sentiramtotalmente incapazesparaa
  7. 7. missãode liderarem opovode Deus.Asexpressõesde Moisés:“quemsoueuparair a Faraó...?”(Ex 3.11); “Ah,Senhor!Eu nunca fui umbom orador,nemantes,nemagora, que falaste aoteu servo,poissoupesadode língua...Ah,Senhor!Peço-te que enviesoutroque queirasenviar”(Ex 4.10,13); e de Jeremias:“Ah,SenhorDeus!Eu nãosei falar,poissou apenasum menino”(1.6),revelamanossaincapacidade paraoexercíciodoministério.JohnJ. Jowett,falandoaosalunosde Yale,sobre “A Vocaçãodo pregador”,disse:“Játrabalhei no ministériocristãomaisde vinte anos.Amoaminhavocação.Gozo ardente deleite nosseus serviços...Umasó é a minhapaixãoe porelatenhovivido:A obra absorventemente árdua, gloriosaembora,de proclamara graça e o amor de nossoSenhore SalvadorJesusCristo...O chamadodo Eternotem que ressoaratravésdas recamarasda sua alma de modotão claro como o somdos sinosmatinaisressoapelosvalesdaSuiça,convocandooscompôniosparaa oração e louvor...A singularidadedasnossascircunstanciase a espantosasingularidadede nossasalmasfornecemomeiopeloqual ouvimosavozdo Senhor...A certezade serenviadoé o elementovitaldanossacomissão.Mas ouçamosde novoa Palavrade Deus:‘ Não mandei profetas,e todaviaelesforamcorrendo;nãofalei aelese,todavia, profetizaram’.Texto extraídode : http://prazerdapalavra.com.br/colunistas/oswaldo-jacob/4302-o-imperativo-do- chamado-para-o-ministerio-pastoral]. 2. Qualificaçõesespirituaise ministeriais.Pauloapresentaumalistade 15 qualificações.A primeira,comonãopoderiadeixarde ser,é teruma vidairrepreensível (v.2),ouseja,santa. Viveremsantidade nãoé fácil,masé possível,poisoEspíritoque no crente habitaqueroperar a santificação.Opastor é o exemploparao rebanho,porisso,precisaterumavida ilibada.O pastor tambémprecisaterconhecimentobíblico,sendo"aptoaensinar"(3.2);terbom testemunhodiantedaigrejae dosdescrentes(3.7); nãoser neófito,inexperiente (3.6). [Comentário: Porque estudar sobre aqualificaçãodoslíderes? 1 Porque a Palavrade Deusfalasobre este assunto; 2 Porque darádiscernimentoàigrejaparaavaliare confrontarseu(s) líder(es) (1Tm5.19-21); 3 Porque serve parao líderou futurolíderfazeruma auto-avaliação; 4 Porque conseguiremosdiferenciarpresbíterosde diáconose conheceroutrasexpressões; 5 Porque a maiorparte dessasqualificaçõestodocrente deve buscar,independentementedo desejooupossibilidade de serlíder; 6 Porque é a maneirade Deusorientara igrejapara que elareconheçaounão a pessoacomo líder. Note que a expressão“é necessário”demonstraque asinstruçõesde Paulonãosãomeras dicas.Na verdade,sãocondiçõesimpostasàquelesque desejamserministrosdoevangelho. Pauloelencapelomenos,quinze quesitoscomo:serirrepreensível,cônjuge fiel,sóbrio, prudente,respeitável,hospitaleiro,aptoparaensinar(intelectualmente,moralmentee didaticamente),moderadocomabebida,nãoviolento,amável,pacíficoe nãoavarentoou cobiçoso.Alémdisso,deveterumaeducaçãofamiliarexemplare serum ótimomarido.O ministériopastoral nãopode aceitarnovosnafé e nemcrentesimaturos.Resumindo:o candidatoao ministériopastoral deve ter(e viver) umaboareputação.]. 3. Qualificaçõesfamiliares.Sercasadoe teruma vidaconjugal saudável (3.2).Opastordeve amar sua esposa"comoCristoamou a Igrejae a si mesmose entregouporela"(Ef 5.25). Precisagovernarbemtodaa suafamília,seusfilhosprecisamsercrentese darembom testemunho(3.4).Se opastor nãocuida da sua família,que é seuprimeirorebanho,como cuidarádo rebanhodo Senhor?[Comentário: Desde osprimórdiosdaigrejaosexegetas
  8. 8. tentamdescobrirexatamenteoque Pauloquerdizercomo seu"maridode uma só mulher".A qualificaçãoaparece nasduaslistas.Há trêsinterpretaçõespossíveispara“esposode umasó mulher”em1 Timóteo3:2. (1) Talvezessapassagemestejadizendoapenasque umpolígamo não é qualificadoparaserum pastor/presbítero/diácono.Essaé a interpretaçãomaisliteral da frase,mas aparentaserimprovável jáque poligamiaerabemrara durante a épocaque Pauloestavaescrevendo.(2) A frase tambémpode sertraduzidacomo“homemde uma mulhersó”.Issoindicaria que umbispodeve sercompletamente leal àmulhercomquemé casado.Essa interpretaçãose focalizamaisempurezamoral doque em estadocivil.(3) Essa frase tambémpode estardeclarandoque paraser um pastor/presbítero/diácono,umhomem só pode tersidocasado uma vez,comexceçãodo caso de um viúvoque se casoude novo.As interpretações(2) e (3) são as maisprevalenteshoje.Leiamais: http://www.gotquestions.org/Portugues/marido-uma-esposa.html#ixzz3gZVFF8QC.D.A. Carson- Em algunsaspectosessaé a maisdifícil oudisputadaqualificaçãodalista.Elatem sido interpretadade diversasformas.Algunspensamque significaque este homemdeveser casado - que ele deve serummarido.Essainterpretaçãoé altamente improvável.Estáclaro que Paulonão eracasado, pelomenosnaquelemomentodavidadele,e certamente oSenhor Jesusnuncafoi casado. Em 1 Coríntios7, Pauloreconhece que hácertasvantagensemser solteironoministério.(...) Assimhávantagensemsersolteironoministério,e acondição de solteironãodeveriasermenosprezada.Éaltamente improvável que esse texto,então,estipule que um presbíterotenhaque sercasado.]. 4. Qualificaçõesmorais.Serhonesto,sincero,verdadeiro(3.2);hospitaleiro,ouacolhedor, sabendotratar bemas pessoas(3.2);não dadoao vinho,nãousuáriode bebidasalcoólicas (3.3); não espancador,ousejanãoviolento,agressivo(3.3;Gl 5.22); não cobiçosonem ganancioso(3.3);ser sóbrio(3.2), simples, moderado(3.3);nãocontencioso(3.2;2 Tm 2.24); não avarento(3.3; 6.10). Infelizmente,háigrejasque desprezamessesaspectosnahorade separarpessoasao ministériopastoral.[Comentário: A primeiraqualificaçãode um pastor/presbítero/diáconoé que ele seja“irrepreensível”(1Timóteo3:2).Se divórcio/novo casamentoresultaemumpobre testemunhoparaaquele homememsuaigrejaou comunidade,talvezaqualificaçãode ser“irrepreensível”oexclua,aoinvésdaexigênciade “esposode uma sómulher”.Um pastor/presbítero/diáconoé paraser umhomemdo qual a igrejae comunidade podemse orgulhare tercomo exemplode umlíderque é como a Cristoe temliderançareligiosa.Se seudivórcio/novocasamentodetratadesse objetivo,talvezelenão devaexerceraposiçãode pastor/presbítero/diácono.Éimportante lembrar,noentanto,que só porque umhomemé desqualificadode servircomoumpastor/presbítero/diácono,que isso não significaque ele nãoé ummembrovaliosodoCorpode Cristo.TodoCristãopossui dons espirituais(1Coríntios12:4-7) e é chamado para edificaroutroscrentescomseusdons(1 Coríntios12:7). Um homemque é desqualificadodaposiçãode pastor/presbítero/diácono aindapode ensinar,pregar,servir,orar,louvare fazeruma parte importante daliderançada igreja.Leiamais:http://www.gotquestions.org/Portugues/marido-uma- esposa.html#ixzz3gZW4Jug9.A palavratraduzidaporirrepreensível usadanotexto,é nogrego "anepleptos".Elaaparece 3 vezesnoNovoTestamento,asaber:1 Tim 3:2, 5:7 e 6:14. O significadoé sempre ode alguémde quemnãose pode falarnada contra,semmancha, sem culpainacusável.Independente serounãoo causador dodivórcio( se é que existe tal condição),o homemque passouporestaexperiêncianãose encaixanasexigênciasbíblicase será usadopeloDiabopara escandalizare envergonharoevangelho.Existe"pastor"que se
  9. 9. casou emrebeldiacontraosconselhosdospais,de amigose até de seuspastoresatraindoas maldiçõesdoSenhor.Tal flagrante violaçãodavontade de Deus,tornoutal crente oúnico responsável pelafalênciadoseuprópriocasamento,desqualificando-ode umavezportodas, para o exercíciodopastorado.]. SÍNTESEDO TÓPICOII A Palavrade Deusmostra as qualificaçõesque osque almejamodiaconatoe o pastorado precisamter. SUBSÍDIOBIBLIOLÓGICO "Quinze qualificações(3.2-7).Osversículosrelacionam15qualidadesaseremconsideradas quandoda seleçãode bispos.Observeque entre asqualificações,nãoaparece acapacitação emsemináriooua posse de algumdomespiritual emparticular.Observe obreve esboçodo caráter do bispo(3.2-7). Irrepreensível:inteiramente fiel àsuaesposa; Esposode uma só mulher;inteiramentefiel àsuamulher; Temperante:sóbrio,solícitoe modesto; Domíniopróprio:discipulado,moderado; Respeitável:modesto, honrado,bem-comportado; Hospitaleiro:que recebe bemosvisitantes; Aptopara ensinar;capacitadoa explicare aplicaros ensinamentos; Não dadoà embriaguez;nãodadoao vinho; Não violento;nãodadoà hostilidade,aoantagonismo; Gentil:bondoso,razoável,de boafamília; Não contencioso:nãocombativo,inimigode contendas; Não avarento:preocupadocomas pessoas,nãocomas finanças; Bom governante de suafamília:administraavidafamiliar; Não sejaumrecém-convertido:maduroe humilde; Reputaçãoimaculada:admitidopelosde fora" (RICHARDS,Lawrence O.Guiado Leitorda Bíblia:Uma análise de GênesisaApocalipse capítulo por capítulo.10. ed.Riode Janeiro:CPAD,2012, p. 835). III - O DIACONATO(8-13) 1. Os diáconos.A palavra diácono significa"aqueleque serve".Assimcomoopastor,elessão chamadospara servirà Igrejado Senhor.Osdiáconostiverame têmum papel muito importante nocrescimentodaIgreja.Infelizmente,hoje emalgumasigrejas,oofíciode diáconoparece terperdido suaimportância.Emgeral,são chamadospara essafunção os novoscrentes,todavia,esse nãoé opadrão do NovoTestamento.[Comentário: Otermo diácono(dogregoantigoδιάκονος,"ministro","servo","ajudante") Nestesentidotodosos membrosdaigrejasão diáconos(servos) de Deus. Todosdevemministraraosoutros.Paulo recomendouumamulherchamadaFebe,“aqual serve naigrejaque estáem Cencréia,”Rm. 16:1. Elanão foi uma diaconisae que saibamos,nãoocupounenhumcargona igreja. Mas era uma boa servade Deuse muitoútil parao trabalho.Todosos membrosdevemservirunsaos outros. Devemfazertudonecessárioparao bemestarda igreja.A palavra diáconosendo usada pelaprimeiravezemreferênciaaajudantesdaigrejanolivrode Atos."E os doze, convocandoa multidãodosdiscípulos,disseram:Nãoé razoável que nósdeixemosapalavra
  10. 10. de Deuse sirvamosàs mesas"(Atos6:2).Os homensque estavamalimentandoorebanhoao pregare ensinarperceberamque nãoeracertoabandonar essasatividadesparaserviràs mesas,porissoencontraramalgunsoutroshomensque estavamdispostosaservire ministrar às necessidadesfísicasdaigrejaenquantoelesministravamàsnecessidadesespirituais.Era uma melhorutilizaçãodosrecursose ummelhorusodosdonsde cada um.Isso também envolviamaispessoasnoatendimentoe auxílioumaàoutra.]. 2. Chamado para servir.Assimcomoospastores,aquelesque almejamodiaconatoprecisam ter o desejode serviraDeuse aos irmãos.Hoje muitosqueremserservidos,maspoucos seguemoexemplode Jesuse queremservir. Em Atos6.1-7 encontramosváriasqualificaçõesque foramexigidasdosprimeirosdiáconos. Porém,nasua carta a Timóteo,Pauloindicaoutrosimportantesrequisitosparao diaconato. 3. Qualificações.Aquelesque exercemafunçãode diácononecessitamserhonestos,nãode línguadobre (mentiroso,fofoqueiro),nãodadoaovinho(que nãotenhanenhumtipode vício),não cobiçoso,ganancioso,tendoumaboaconsciência,que governembemsuafamília (vv. 8,9,12). Você temestasqualificações?Oministériocristãoé algomuitosério. [Comentário: Hoje,paraa igrejabíblica,essespapéissãoessencialmenteosmesmos.Os presbíterose pastoresdevem"pregarapalavra,instaa tempoe forade tempo,admoestar, repreender,exortar,comtodalonganimidade e ensino"(2Timóteo4:2),e osdiáconosdevem cuidarde tudoo mais.As responsabilidadesde umdiáconopodemincluirtarefas administrativasouorganizacionais,servircomoatendente ouporteironoscultos, cuidarda manutençãodoedifícioouservircomotesoureirodaigreja.Issodepende dasnecessidadesda igrejae dos donsdoshomensdisponíveis. As responsabilidadesde umdiácononãosão claramente listadasoudescritasnasEscrituras. Assume-se que sejamtodasastarefasnãorealizadaspelospresbíterosoupastores. Entretanto,as qualificaçõesparaumdiáconosão claramente delineadasnasEscrituras.Eles devemserirrepreensíveis,maridode umasómulher,bonsgovernantesde seuslares, respeitáveis,honestos,nãoviciadosemálcool e nãogananciosos(1Timóteo3:8-12). De acordo com a Palavra,o ofíciode diáconoé uma honrae uma bênção."Porque osque servirembemcomodiáconos,adquirirãoparasi umlugar honrosoe muitaconfiançana fé que há emCristoJesus"(1 Timóteo3:13). Leiamais: http://www.gotquestions.org/Portugues/responsabilidades-diaconos- igreja.html#ixzz3gZaUJkXQ]. SÍNTESEDO TÓPICOIII Cabe ao diáconoservira Igrejado Senhor. Assimcomoos pastores,aquelesque almejamodiaconatoprecisamterodesejode servira Deuse aos irmãos.. IV - SERVIÇO- RAZÃODE SER DO MINISTÉRIO 1. O exemplodoMestre.Paracumprirsua missãosacrificial emfavordoshomens,Jesus despojou-se temporariamentede suaglóriaplena(Jo17.14; Fp2.5-10). Paulodizque Ele assumiua formade servo,maisque isso,a formade escravo(Fp2.6-8). Jesuslavouospésdos discípulosparalhesensinarumaimportante lição.SendoEle Senhore Salvador,deuprovade
  11. 11. que se comportava comoservo(Jo13.4,5). [Comentário: A Bíblianosexortaa que tenhamoso mesmosentimentoque houve emCristoJesus(Fp2.5-8).Qual foi esse sentimento? 1. Subsistindoemformade Deus - literalmente,Pauloquerdizerque Jesusé Deus. 2. Não julgoucomousurpaçãoo ser igual a Deus- istoé,não quisse aproveitardofato de ser Deusembenefíciopróprio. 3. A si mesmose humilhou - Jesusveioaeste mundoparaservire não pra serservido. 4. Tornando-se obediente até amorte e morte de cruz - Ele foi servoaté o últimosegundode vida. Jesusnuncadeixounemdeixaráde nosservir.Somoseternosbeneficiáriosdoserviçodele. Issodeve despertaremnossoscoraçõesa vontade de serviràspessoasenquantooseguimos, vistoque ele nosamou,entregousuavidapornós e segue nosservindonatrilhadavida.O coração daquelesque seguemospassosde Jesusnãoé dominadopelodesejode grandezae de aplausos,massimpelopropósitode servirmaise melhoraosque precisamde ajuda,não lhesimportandooquantoissopossalhescustar(Lucas 10.25-35).]. 2. O exemplode Paulo.Pauloeraumservofiel.ApósseuencontrocomJesussuavidafoi utilizadaemprol daIgreja.Ele não mediuesforçosparaservir.Suapregaçãofoi sempre autêntica.Ele jamaisusoude fraudulência.Hoje hámuitosfalsosobreirosque se aproveitam dos fiéise daIgrejapara obterganhofinanceiro.Umdosrequisitos recomendadoporPauloa quemdesejaserpastoré ser obreiro"nãocobiçosode torpe ganância"(1 Tm 3.3). Nomesmo espírito,Pedroescreveuque oobreiro deveapascentarorebanhodoSenhor"tendocuidado dele,nãoporforça, mas voluntariamente;nemportorpe ganância"(1 Pe 5.2). [Comentário:A palavrapastor nuncaaparece na Bíbliacomosendouma profissão,e sim, comoumministério. Em Atos20.17 e 28 aprendemosque ospresbíterosdaigrejadeveriampastorearorebanho. Pastorearnão é exercerumcargo. e simcuidardo estadoespiritual daquelesque foramsalvos por CristoJesus.OapóstoloPaulonosdá umexemplode comose age com pessoas,mesmo cheiode problemas - e até fazendooposiçãoaoministério,comofoi ocasodos coríntios.A estesPauloescreve:"Eude boavontade me gastarei e aindame deixareigastaremprol das vossasalmas.Se maisvos amo,serei menosamado?"(2Co12.15). O pastorsegundoo coração de Deusnão tempena de si - ele se entregae se gasta em beneficiodasovelhasde Cristo.]. 3. O exemplode Timóteo.Timóteofoi umpastorexemplar,que demonstrouterumcaráter imaculado.Suamãe Eunice e sua avó Loide eramcrentesjudiasque muitocontribuírampara sua formaçãoespiritual e moral. Ele cuidouda Igrejacom zeloe não teve medode se oporaos falsosmestresque estavam tentandoseduziroscrentesemrelaçãoà salvaçãopelafé emJesus.Olíderde umaIgreja precisasercorajosoe plenamentecomprometidocomJesusCristo.Ele tambémdemonstrou não buscar a glóriapara si.Infelizmente,hálíderesque sãomovidosaelogios,oumesmopor lisonjas.Issoé perigosoparaoministériopastoral de qualquerpessoa.[Comentário: Timóteo foi um doslíderesmaisdestacadodaigrejaprimitiva.Nãoque fosse forte emtodasasáreas. Ele era jovem,tímidoe doente,masfoi cooperadorde Pauloe ocontinuadorde sua obra.A esse jovemlíder,oapóstoloPauloescreveuduasde suasespístolas. Suamãe erajudiae seu pai grego (At6.1). Timóteotinhabomtestemunhoemsuacidade e tambémforade seu domicilio(At16.2).Timóteofoi educadoàluzdas Escriturasdesde suainfância(2Tm3. 14,15). Tanto sua avóLoide,comosua mãe Eunice erammulherescomprometidascomDeuse com elasTimóteoaprendeuaterfé semfingimentodesde asuajuventude (2Tm1.5). Em
  12. 12. Filipensescapítulo2.19 a 24, o apóstoloPaulonosfalade algumascaracterísticasdesse importante líderespiritual.Vejamosquaissãoessasmarcas: 1. Timóteo,umlíderque cuida dosinteressesdopovo.Olíderé um sevo.Ele nãovisaseus própriosinteresses,mascuidadosinteressesdopovode Deus.Timóteonãocuidavados interessesdopovopara alcançar com issoalgumfavorpessoal.Ele nãousavaas pessoas.Sua relaçãocom as pessoasnãoera utilitarista.OapóstoloPaulodiz:“Porque aninguémtenhode igual sentimento,que sinceramente cuidedosvossosinteresses”(Fp2.20).Jesusfoi omaior de todosos líderese ele disse que nãoveioparaserservido,maspara servir.Quandoseus discípulosdisputavamentre si quemeraomaiordentre eles,Jesustomouabaciae a toalha e lavouos pésdosdicípulos.Liderançacristãé influênciapormeiodoserviçoabnegado. 2. Timóteo,umlíderde caráter provado.Timóteoeraumhomemde Deus.Sua vidaestava centradaem Cristo.Ele eracomprometidocomas Escrituras,fiel aCristoJesuse dedicadoà igreja.Timóteonãobuscavaglóriapara si mesmo.Ele nãoconstruía monumentosaoseu próprionome. Ele buscavana igrejaosinteressesde Cristo.Paulodenunciaofatode existirem na igrejahomensque buscavaminteressespróprios,porémTimóteo,diferente desses, buscavaos interessesde Cristo.Leiamosoregistrodoapóstolo:“…poistodoselesbuscam o que é seupróprio,nãoo que é de CristoJesus”(Fp2.21). 3. Timóteo,umlíderde caráter provado.Timóteotinhazelopelasuavidae tambémda doutrina.Ele eraum homemconsistentenateologiae naconduta.Seucaráter era provado.O apóstoloescreve: “Econheceisoseucaráterprovado…” (Fp2.22). Timóteoeraum homem irrepreensível,que tinhabomtestemunhodentroe foradaigreja.A vidado líderé a vidada sua liderança.Liderançanãoé apenasperformace,massobre tudo,integridade.JohnMaxwell definiuliderançacomoinfluência.Umlíderinfluenciasempre:parao bemoupara o mal.A liderançajamaisé neutra.Um líderé bênçãooumaldição.Timóteoeraumabênção,poissua vidareferendavaseuensino. 4. Timóteo,umlíderconsagrado à causa do evangelho.Timóteonãoeraumlídersubserviente a homens.Ele serviaaoevangelho.Pauloescreve:“…poisserviuaoevangelho,juntocomigo, como filhoaopai”(Fp 2.22). Ele era servode Deus,dedicadoaoserviçodoevangelho.Quem serve a Deusnão se submete aoscaprichosdoshomens.Quemserve aDeusnão depende de elogiosnemteme ascriticas.Quemserve aDeusnão andaatrás de holofotes.ServiraDeusé servirao evangelho,é colocara vidaa serviçodo reinode Deusna proclamaçãoe ensinodo evangelho. Estamosnos preparandopara umaimportante eleiçãode oficiaisemnossaigreja.Que olhemosparao testemunhode Timóteoe busquemosemDeusadireçãoparaa escolhada nossaliderançaespiritual.http://hernandesdiaslopes.com.br/2010/04/timoteo-um-lider- digno-de-ser-imitado/#.Va7ktKRViko]. SÍNTESEDO TÓPICOIV A razão de ser doministériopastoral e dodiaconatoé o serviçoa Deus. CONCLUSÃO Os pastorese diáconossãoobreiros,instituídospeloSenhor,paraauxiliarosservosde Deus. Não importaa funçãoque você exerçana Igrejade Cristo,sejavocê um pastorou um diácono, o importante é que "todossejamum"para a glóriade Deus(Jo17.21), sabendoque paraEle todoserviçotema sua importânciae valor.[Comentário: Ochamadoé o começode tudo.
  13. 13. Podemospensarque ele acontece nomomentodaconversãooutambémapós(At9.3-9).De qualquerforma,é umaexperiênciamarcante e decisivaque mudanossavidae nossa trajetória.Há algunscasosbemconhecidosnaBíbliacomo José,Abraão,Moisés,Isaías dentre outros.Em todosessescasoshouve umamudança radical na vidae trajetóriadessaspessoas, ou seja,1. elesnuncamaisforamos mesmos.2.seusdestinosforamdeterminadospelo SenhorDeus.3. suasvidasobedeceramumprogramadivino(Rm8.30). Novamente,chama- nos a atençãoa pessoade Jesus.Ele tinhamuitoclara a visãodoseu chamado,a pontode dizer“minhacomidae minhabebidaé fazera vontade domeupai que estáno céu”.De fato,o chamadode Deuspara nós,torna-se a razão da nossavida...(2Co5.14-15; 1Co 10.31). Por fim, antesde pensarmosemserviçoouministério,precisamospensarse somosounãoservos. Infelizmente,essapalavrapraticamente caiuemdesuso.Quase nãose ensinaarespeitodeste assunto.Poressarazão, a maioriados cristãosnão vivemcomoservos.].NaquEle que me garante:"Pelagraça soissalvos,pormeioda fé,e istonão vemde vós,é dom de Deus"(Ef 2.8)”,

×