ILHÉUS – PRAÇA CAIRU, ONDE TUDO ACONTECE.

- A Dona do Pedaço –
O que presenciamos e vivenciamos hoje está corretíssimo, e...
Seria o palco ideal para demonstração de força! Não sei! Só sei que o caos
veio antes, mesmo da data que tínhamos previsto...
proibir e coibir os infratores, que estão fazendo da nossa cidade, um pedaço
sem Lei e tudo ao seu bel prazer, deixando nó...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ilhéus praça Cairu - onde tudo acontece.

1.301 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.301
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.037
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ilhéus praça Cairu - onde tudo acontece.

  1. 1. ILHÉUS – PRAÇA CAIRU, ONDE TUDO ACONTECE. - A Dona do Pedaço – O que presenciamos e vivenciamos hoje está corretíssimo, e que haja sempre, e com mais frequência. O que não entendemos, porque do horário e local do cenário – Praça Cairu – como sempre. Local onde tudo acontece em Ilhéus, mesmo já com todas as evidências, já comprovada do caos, vindo principalmente da zona Sul, pela única via a Ponte Lomanto Júnior. Eram aproximadamente, por volta das 8:15 horas, quando enfrentamos do bairro do Pontal, via TRANSPORTE URBANO (ônibus), para o centro da cidade, e não entendíamos, que mesmo com a via da direita liberada para este tipo de transporte, o tráfego não andava, principalmente, a partir do Bar e Restaurante o Chinaê, quando então se afunila para uma única pista de ida e outra de volta. Chegamos ao centro, por volta das 9:15 horas, ou seja, aproximadamente uma hora depois da saída do Pontal. Imaginamos, que de automóvel a demora tenha sido bem maior, pois não tem a devida pista livre da direita. Nossa indagação: Por que tem que ser neste horário de pico? Por que demorar tanto entre uma blitz e outra? Por que só na Praça Cairu?
  2. 2. Seria o palco ideal para demonstração de força! Não sei! Só sei que o caos veio antes, mesmo da data que tínhamos previsto que era 30 de dezembro, na matéria anterior. De quem seria a culpa? Do Estado ou do município? Pelo que entendo, o centro da cidade tem seu controle pela autoridade maior, e não o Estado, então por que liberar um absurdo destes. Será, que Ilhéus se resume na Praça Cairu, todos os erros estão ali. E como fica o resto da cidade com tantos outros bairros? Não seria hora de blitz mais constantes, e em locais diversos, sem avisos! Porque a li só foram pegos uns poucos desavisados, pois antes mesmo de chegar a Praça, já se via os supostos infratores, tomando outros caminhos: Princesa Isabel, em desrespeito à própria sinalização que não permite tal absurdo, outros mais afoitos desviavam pela Rua Vereador José Adri, mesmo sendo contramão. Será que se a coisa fosse organizada e tivesse uma ideia comum, estes locais não eram para estarem também fiscalizados? Pois, assim seria uma blitz completa e não para ingleses e ilheenses veem, e ainda saírem indignados, por mais uma vez. Tudo indicava uma blitz da Secretaria da Fazenda do Estado e contava com o apoio do DETRAN, SUTRAN, POLÍCIAS MILITARES e agregados. Ora, a cidade precisa disso, agora que tenhamos paciência e escolhamos outros horários e locais diferentes pela cidade e com mais frequência, para justamente
  3. 3. proibir e coibir os infratores, que estão fazendo da nossa cidade, um pedaço sem Lei e tudo ao seu bel prazer, deixando nós cidadãos cumpridores dos nossos deveres, presos e sem saídas para a liberdade, que merecemos. José Rezende Mendonça

×