II SIMPÓSIO DA PÓS-GRADUAÇÃO
LATO SENSO
UFF/2010
Refletir sobre o crescimento acadêmico contínuoRefletir sobre o crescimento acadêmico contínuo
possibilitado pelos cursos ...
Opções Pedagógicas na InstruçãoOpções Pedagógicas na Instrução
com Foco na Forma (IFF) no modelocom Foco na Forma (IFF) no...
LINGUALIZAÇÃO E COMPLEXIDADE:LINGUALIZAÇÃO E COMPLEXIDADE:
Um Paralelo Possível?Um Paralelo Possível?
Refinamento do conceito de produção enquanto
processo dinâmico.
Refere-se ao processo dinâmico de co-construção
de conheci...
complexo
não-linear
dinâmico
caótico
aberto
imprevisível
sensível a condições iniciais
auto-organizado
adaptativo
sensível...
Agentividade dos participantes na tentativa de
preencher lacunas em suas interlínguas
Natureza espiral retroativa
Feedback...
70 F: (incompreensível) vou ver como se escreve isto ((usando o dicionário
do PC))
71 A: o que”
72. F: de repente ((teclan...
Sistema alimentado pela entrada contínua dos
insumos de varias fontes e não apenas do
insumo acionador da tarefa:
Da inter...
Tarefa / Atividade (Leontiev, 1978)
Condições iniciais são as circunstâncias da tarefa
colaborativa, como horário, local, ...
A interlíngua dos participantes se auto-
organiza e se adapta na tentativa de
uma produção mais adequada e
precisa.
 Eventos, pessoas e coisas que não estão
diretamente relacionados com o processo de
lingualização
 18. P: thinking about...
 Marca da regularidade dinâmica:
Insights, feedbacks, diálogos, processos de
internalização e externalização, lacunas na
...
Por possuir as características, a dinâmica e o
comportamento de um sistema complexo,
acredito ser possível dizer que exist...
A mudança de paradigmas não significa o
desprezo pelo pensamento linear ou pela busca da
previsibilidade, características ...
Olga Sueli Waldmann Brasil
MS. Linguística Aplicada: Ensino-
aprendizagem de inglês como língua
estrangeira
UFF-2010
olgab...
Cartesiano vs Sistêmico
Cartesiano vs Sistêmico
Cartesiano vs Sistêmico
Cartesiano vs Sistêmico
Cartesiano vs Sistêmico
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cartesiano vs Sistêmico

333 visualizações

Publicada em

Do Cartesiano ao Sistêmico

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
333
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cartesiano vs Sistêmico

  1. 1. II SIMPÓSIO DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSO UFF/2010
  2. 2. Refletir sobre o crescimento acadêmico contínuoRefletir sobre o crescimento acadêmico contínuo possibilitado pelos cursos de especialização e mestrado.possibilitado pelos cursos de especialização e mestrado. Fornecer um panorama da monografia de especializaçãoFornecer um panorama da monografia de especialização Fornecer um panorama da dissertação de mestradoFornecer um panorama da dissertação de mestrado Mostrar as mudanças dos paradigmasMostrar as mudanças dos paradigmas cartesiano/sistêmicocartesiano/sistêmico
  3. 3. Opções Pedagógicas na InstruçãoOpções Pedagógicas na Instrução com Foco na Forma (IFF) no modelocom Foco na Forma (IFF) no modelo psicolinguístico de aquisição depsicolinguístico de aquisição de segunda Língua.segunda Língua.
  4. 4. LINGUALIZAÇÃO E COMPLEXIDADE:LINGUALIZAÇÃO E COMPLEXIDADE: Um Paralelo Possível?Um Paralelo Possível?
  5. 5. Refinamento do conceito de produção enquanto processo dinâmico. Refere-se ao processo dinâmico de co-construção de conhecimentos linguístico e de enunciados metalinguísticos através da negociação de sentido e da forma linguística . (SWAIN, 2006)
  6. 6. complexo não-linear dinâmico caótico aberto imprevisível sensível a condições iniciais auto-organizado adaptativo sensível a fatores externos atrator estranho formato fractal
  7. 7. Agentividade dos participantes na tentativa de preencher lacunas em suas interlínguas Natureza espiral retroativa Feedbacks positivos e negativos
  8. 8. 70 F: (incompreensível) vou ver como se escreve isto ((usando o dicionário do PC)) 71 A: o que” 72. F: de repente ((teclando)) 73 A: de repente se escreve separado (+) não sei se vai ter não (+) ((ajuda na consulta, não encontra)) 74 F: ((vai para o dicionário inglês-inglês)) 75 A:mhm e se botar in short time” em pouco tempo..(+) 76 F: YES (( larga o dicionário)) 77 A: in short time(+) 78. F: in short period (+) 79. A: acho que tem neste sentido (incompreensível) in short time (+) em pequeno espaço de tempo 80. F: in a short space time(+) 81. A: eu acho que é in short time é tipo uma expressão(+) não sei acho que já ouvi isso aí em algum lugar,(+) in short time (+) 82. F: in short time something something happens happened
  9. 9. Sistema alimentado pela entrada contínua dos insumos de varias fontes e não apenas do insumo acionador da tarefa: Da interlíngua Da língua materna Dos feedbacks mútuos Da tecnologia disponível Outras
  10. 10. Tarefa / Atividade (Leontiev, 1978) Condições iniciais são as circunstâncias da tarefa colaborativa, como horário, local, material etc.
  11. 11. A interlíngua dos participantes se auto- organiza e se adapta na tentativa de uma produção mais adequada e precisa.
  12. 12.  Eventos, pessoas e coisas que não estão diretamente relacionados com o processo de lingualização  18. P: thinking about(+)[ fishing]  19. B: [but] he didn`t have(+)[ a boat ]  20. P: [a boat ]  21. B: didn`t have (+) a boat/  22. P: / to fish in the lake  23. B: ((escrevendo))  24. P: my bus ((preocupado com o horário do ônibus universitário que o leva diariamente para casa))  25. B: ((escrevendo)) IN the lake”
  13. 13.  Marca da regularidade dinâmica: Insights, feedbacks, diálogos, processos de internalização e externalização, lacunas na interlíngua .
  14. 14. Por possuir as características, a dinâmica e o comportamento de um sistema complexo, acredito ser possível dizer que existe um paralelo entre lingualização e complexidade.
  15. 15. A mudança de paradigmas não significa o desprezo pelo pensamento linear ou pela busca da previsibilidade, características do pensamento clássico. O desafio do pensamento complexo é realizar o diálogo harmônico com o paradigma clássico da ordem, da certeza e da fragmentação. (MORIN, 1999).
  16. 16. Olga Sueli Waldmann Brasil MS. Linguística Aplicada: Ensino- aprendizagem de inglês como língua estrangeira UFF-2010 olgabrasil@uol.com.br olgabrasil@gmail.com

×