Redação Científica
Dissertação: As quatro ações básicas

www.oficinadamente.com
Prof. Dr. Mauricio A. P. Peixoto
COMO ESCREVER:
AS QUATRO AÇÕES

PENSAR
 PLANEJAR
 ESCREVER
 REVER


Barrass, R.: Os cientistas precisam escrever. Guia...
A PRIMEIRA VERSÃO DO TEXTO
CONDIÇÕES PRÉVIAS

 Conhecer o processo de comunicação
Assegurar-se do seu papel de emissor
...
COMO ESCREVER:
PENSAR
1.
2.
3.
4.
5.

Considere o título ou os termos de referência
Defina o propósito e o escopo da compo...
COMO ESCREVER:
PLANEJAR

6.
7.
8.
9.
10.
11.

Prepare um esboço dos tópicos.
Sublinhe os pontos que necessitam de maior ên...
COMO ESCREVER:
ESCREVER
12.
13.
14.
15.

Escreva deixando espaço suficiente para revisão.
Se possível, dedique-se exclusiv...
COMO ESCREVER:
REVER
17. A composição é lida c/ facilidade ? Está bem equilibrada ?
18. Os pontos principais foram enfatiz...
O Prof. Mauricio A. P. Peixoto é:
 Professor Adjunto do Núcleo de Tecnologia Educacional para a Saúde da
Universidade Fed...
Na Officina da Mente
você encontra:

 Psicoterapia
 Técnicas de Estudo
 Orientação de Monografias, Teses
e Trabalhos de...
Para encontrar a Officina da Mente:

 Ligue
(021) 2278-2835 ou (021) 8869-9542
 Acesse www.oficinadamente.com.br
 R. Ge...
Para encontrar a Officina da Mente:

www.oficinadamente.com

(021) 2278-2835
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Redação científica as quatro ações básicas

745 visualizações

Publicada em

Pensar, planejar, escrever e rever são as quatro ações básicas na produção do texto científico.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
745
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
42
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Redação científica as quatro ações básicas

  1. 1. Redação Científica Dissertação: As quatro ações básicas www.oficinadamente.com Prof. Dr. Mauricio A. P. Peixoto
  2. 2. COMO ESCREVER: AS QUATRO AÇÕES PENSAR  PLANEJAR  ESCREVER  REVER  Barrass, R.: Os cientistas precisam escrever. Guia de redação para cientistas, engenheiros e estudantes, T.A. Queiroz, 1986, pp 52
  3. 3. A PRIMEIRA VERSÃO DO TEXTO CONDIÇÕES PRÉVIAS  Conhecer o processo de comunicação Assegurar-se do seu papel de emissor Conhecer as expectativas do receptor Reunir as informações necessárias Escolher a linguagem adequada Feitosa, V.C.: Redação de Textos Científicos, Papirus Editora, Campinas, 1991, pp. 59
  4. 4. COMO ESCREVER: PENSAR 1. 2. 3. 4. 5. Considere o título ou os termos de referência Defina o propósito e o escopo da composição Verifique o tempo disponível e distribua-o de modo a permitir reflexão, planejamento, redação e revisão Anote as idéias e reflexões relevantes Decida o que o leitor precisa saber. Se possível, prepare uma lista de possíveis colaboradores para a revisão. Barrass, R.: Os cientistas precisam escrever. Guia de redação para cientistas, engenheiros e estudantes, T.A. Queiroz, 1986, pp 52
  5. 5. COMO ESCREVER: PLANEJAR 6. 7. 8. 9. 10. 11. Prepare um esboço dos tópicos. Sublinhe os pontos que necessitam de maior ênfase. Escolha um começo marcante. Numere os tópicos numa ordem lógica. Escolha um final também marcante. Identifique o auxílio necessário para ilustrações e etc. Barrass, R.: Os cientistas precisam escrever. Guia de redação para cientistas, engenheiros e estudantes, T.A. Queiroz, 1986, pp 52
  6. 6. COMO ESCREVER: ESCREVER 12. 13. 14. 15. Escreva deixando espaço suficiente para revisão. Se possível, dedique-se exclusivamente à redação. Use o esboço dos tópicos para orientá-lo. Escolha os títulos adequados para cada seção, e não se afaste deles. 16. Escreva de uma só vez o primeiro esboço, usando as primeiras palavras que lhe ocorrerem Barrass, R.: Os cientistas precisam escrever. Guia de redação para cientistas, engenheiros e estudantes, T.A. Queiroz, 1986, pp 52
  7. 7. COMO ESCREVER: REVER 17. A composição é lida c/ facilidade ? Está bem equilibrada ? 18. Os pontos principais foram enfatizados ? Faltou algo essencial ? 19. Existem erros de coerência lógica ou de ortografia ? 20. O significado de cada sentença está claro e correto ? 21. As sentenças longas estão bem organizadas ? 22. O trabalho se ajusta às necessidades do leitor? 23. Faça uma segunda revisão após algum tempo de afastamento Barrass, R.: Os cientistas precisam escrever. Guia de redação para cientistas, engenheiros e estudantes, T.A. Queiroz, 1986, pp 52
  8. 8. O Prof. Mauricio A. P. Peixoto é:  Professor Adjunto do Núcleo de Tecnologia Educacional para a Saúde da Universidade Federal do Rio de Janeiro.  Professor responsável pelas disciplinas Metodologia Científica, Metodologia da Pesquisa e Bioestatística em nível de Pós-Graduação. Ministra ainda a disciplina “Aprenda a Aprender na área da saúde” para alunos de graduação da Faculdade de Medicina da UFRJ e da Escola de Enfermagem Anna Nery.  Líder do GEAC (Grupo de Estudos em Aprendizagem e Cognição), grupo de pesquisas reconhecido pela UFRJ e pelo Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq).  Orientador de dissertações e teses de mestrado e doutorado.  Pesquisador em Aprendizagem e Metacognição.  Autor de livros e artigos científicos publicados em revistas especializadas. Para ver o currículo do Prof. Mauricio no CNPq digite: http://lattes.cnpq.br/8108933402510969 www.oficinadamente.com (021) 2278-2835
  9. 9. Na Officina da Mente você encontra:  Psicoterapia  Técnicas de Estudo  Orientação de Monografias, Teses e Trabalhos de Conclusão de Curso www.oficinadamente.com (021) 2278-2835
  10. 10. Para encontrar a Officina da Mente:  Ligue (021) 2278-2835 ou (021) 8869-9542  Acesse www.oficinadamente.com.br  R. Gen. Espírito Santo Cardoso, 197-A – Tijuca – Rio de Janeiro www.oficinadamente.com (021) 2278-2835
  11. 11. Para encontrar a Officina da Mente: www.oficinadamente.com (021) 2278-2835

×